UFPB › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas João Pessoa, 22 de Novembro de 2017

PEDAGOGIA (EDUCAÇÃO DO CAMPO) (LICENCIATURA)/CE - João Pessoa(João Pessoa)

 

curso  Nível  Graduação

CENTRO DE EDUCAÇÃO (CE) - CE


Últimas Notícias

  Horário 2017.2
  Atualizar E-mail
  Novos Formulários


Apresentação

 

OBJETIVOS DO CURSO

Objetivo Geral

Proporcionar a formação de professores em nível superior através do Curso de Licenciatura em Pedagogia, com área de aprofundamento em Educação do Campo, para atuar, preferencialmente, em projetos educativos nas áreas rurais em geral e de assentamentos dos movimentos sociais do campo.

Objetivos Específicos

  • Formar professores que estejam em condições de suprir demandas socioculturais, relacionadas ao seu campo de conhecimento e atuação, seja no campo da educação formal, seja no campo dos movimentos sociais;
  • Propiciar, aos futuros professores, uma formação abrangente, nas dimensões: cultural, política, epistemológica, ética e estética, que os tornem aptos a desenvolver estratégias educativas e democratizadoras de acesso ao conhecimento, numa perspectiva sócio-histórica;
  • Qualificar a atuação profissional dos educadores do campo, elevando, assim, o nível de conhecimento dos filhos dos camponeses, bem como dos membros das comunidades e assentamentos rurais;
  • Formar professores/pesquisadores em Pedagogia para atuarem do 1º ao 5º anos do Ensino Fundamental, tendo como perspectiva um referencial teórico-metodológico interdisciplinar e investigativo, desenvolvendo saberes pedagógicos, a partir das questões vividas na prática cotidiana das escolas e dos educandos;
  • Ofertar o curso de Licenciatura em Pedagogia, para educadores das áreas rurais e dos Assentamentos da reforma agrária, a fim de atender às necessidades de melhoria da educação;
  • Promover a educação do aluno do campo, enfatizando a relação com a cultura, valores, com a formação para o trabalho e participação social.
  • Proporcionar uma prática educativa a partir do diálogo com as grandes questões de educação e de desenvolvimento social, a fim de desenvolver uma formação crítica.
  • Desenvolver projeto educativo em articulação com estratégias específicas de desenvolvimento humano e social do campo e de seus sujeitos.
  • Desenvolver formação que propicie o exercício de atividades de assessoramento e gestão pedagógica em projetos educativos nas áreas de assentamentos dos movimentos sociais do campo.
  • Promover a integração Universidade Federal da Paraíba com os movimentos sociais do campo, na prática de Educação e Movimentos Sociais, a partir do envolvimento de professores e alunos.

 

PRINCÍPIOS NORTEADORES DO CURSO

Para que se atinjam os objetivos propostos, o curso deve seguir os princípios que atendem a uma abordagem multidimensional (técnica, humana, político-social) da educação, partindo da interdisciplinaridade implícita no processo educativo:

  • Princípio sócio-histórico do conhecimento, entendendo o conhecimento como produto da construção histórica do ser humano, que, nas suas interações, o constrói e reconstrói, conforme suas necessidades.
  • Princípio de uma concepção de sociedade com maior justiça social, que pressupõe melhor qualidade de vida, por meio de diferentes formas de pensar e atuar sobre a realidade, que se apresenta de modo multifacetado, plural e complexo.
  • Princípio da compreensão das diferenças, formadoras da sociedade brasileira. As diferenças de etnia, gênero, classe, que dão origem a diferentes modos de organização da vida, valores e crenças, apresenta-se para a educação como um desafio interessante e enriquecedor.
  • Princípio da compreensão da pesquisa como processo educativo, enquanto fio condutor e elemento aglutinador dos demais componentes curriculares, constituindo-se em elemento articulador entre teoria/prática.
  • Princípio da compreensão das práxis, enquanto unidade teoria-prática.
  • Princípio da indissociabilidade entre Ensino, Pesquisa e Extensão.

           O Curso de Pedagogia tem compromisso com a dinâmica social e está atento às mudanças que ocorrem no processo histórico, visando a uma permanente avaliação curricular por parte dos professores, alunos e comunidade escolar, a partir da concepção de que o currículo não é algo pronto e imutável, e, sim, um contínuo processo de construção participativa baseada na investigação e prática coletivas. Esta proposta de curso se espelha nos princípios defendidos pela ANFOPE: 1- a valorização do trabalho pedagógico; 2- a sólida formação teórica; 3- a pesquisa como forma de conhecimento e de intervenção na realidade escolar; 4- o trabalho coletivo/partilhado; 5- o trabalho interdisciplinar; 6- a relação/unidade teoria-prática.

 

PERFIL PROFISSIONAL DO LICENCIADO EM PEDAGOGIA

O perfil do Licenciado em Pedagogia, a partir da formação comum da docência na Educação Básica, está estruturado de forma a garantir uma consistente formação teórica, uma diversidade de conhecimentos e de práticas, que se articulam ao longo do curso. Tem uma sólida formação de base generalista, crítica e ética, possibilitando ao cidadão-profissional aprofundamento na área de Educação do Campo e a preocupação com a melhoria dos processos de ensino e aprendizagem de seus sujeitos.

           Almeja-se, para a formação do profissional da educação, que ele tenha domínio dos conteúdos e a compreensão crítica daquilo que ensina e faz; conheça as novas tecnologias e que as utilize, de acordo com o projeto político de emancipação das classes menos privilegiadas; tenha na sua formação uma especificidade que contribua para a gestão democrática e o desenvolvimento da interdisciplinar na escola, com vasta compreensão das relações entre a escola e a sociedade.

Destacamos para o perfil do egresso algumas preocupações constantes nas proposições em discussão com vistas à elaboração das Diretrizes Curriculares Nacionais para os cursos de Pedagogia:

  • Promover o desenvolvimento e aprendizagem de crianças do Ensino Fundamental, assim como daqueles que não tiveram oportunidade de escolarização na idade própria;
  • Aplicar modos de ensinar diferentes linguagens, Matemática Ciências, História e Geografia;
  • Estabelecer relações de cooperação entre a instituição educativa, a família e a comunidade;
  • Realizar pesquisas, que proporcionem conhecimentos sobre os educandos, os processos de aprendizagem, o currículo, a organização do trabalho educativo e a prática pedagógica;
  • Apropriar-se de processos de construção do conhecimento científico e pedagógico,
  • Identificar problemas socioculturais e educacionais, propondo alternativas, que demonstrem postura investigativa, pensamento lógico e crítico, em face da complexa realidade, com vistas a superar a exclusão social;
  • Desenvolver trabalho em equipe, estabelecendo diálogo entre a área educacional e as demais áreas do conhecimento;
  • Participar da elaboração, implementação e avaliação do projeto político-pedagógico institucional;
  • Relacionar a educação às linguagens midiáticas, ao processo didático-pedagógico, demonstrando domínio das tecnologias de informação e comunicação – TIC - adequadas ao desenvolvimento de aprendizagens significativas;
  • Demonstrar consciência ecológica, étnico-racial e respeito à diversidade nas suas dimensões, por exemplo, de gêneros, classes sociais, culturas, religiões;
  • Reconhecer e respeitar as manifestações cognitivas, emocionais, afetivas dos educandos nas suas relações individuais e coletivas.
  • Reconhecer e respeitar a realidade do campo e a diversidade das culturas e sujeitos que habitam o espaço rural.

Título do Profissional:
LICENCIADO EM PEDAGOGIA
Coordenação do Curso : FRANCISCA ALEXANDRE DE LIMA
Telefone/Ramal: 32098322
E-mail: cpec@ce.ufpb.br
Área de Conhecimento CNPQ:
Ciências Humanas
Modalidade de Curso:
Presencial

<< Voltar

SIGAA | STI - Superintendência de Tecnologia da Informação da UFPB / Cooperação UFRN - Copyright © 2006-2017 | sigaa-c.bbn.ufpb.br.sigaa-c | v3.2.7