PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA (PPGE)

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

Telefone/Ramal
83 3216-7482

Notícias


Banca de DEFESA: CAMILA MIRELLA SANTOS DE OLIVEIRA

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: CAMILA MIRELLA SANTOS DE OLIVEIRA
DATA: 25/02/2021
HORA: 14:00
LOCAL: PPGE
TÍTULO: Ensaios em Microeconomia Aplicada: Avaliação de impacto do programa Crescer Saudável no enfrentamento à obesidade infantil e desempenho e ações estratégicas das empresas de food service em plataformas virtuais
PALAVRAS-CHAVES: Estratégias de mercado. Food Service. Delivery. Obesidade infantil. Hábitos Alimentares. Programa Crescer Saudável. Políticas Públicas.
PÁGINAS: 91
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Economia
RESUMO: Esta tese apresenta dois ensaios independentes na área de microeconomia aplicada. O primeiro ensaio avalia as estratégias do Programa Crescer Saudável no enfrentamento à obesidade infantil. Para tanto, utilizou-se informações longitudinais dos municípios brasileiros que aderiram ou não ao programa, durante o período de 2016-2018. A metodologia aplicada consistiu em estimar o modelo de diferenças em diferenças com efeitos fixos. Ademais, foram realizados testes de robustez com a finalidade de comprovar a significância dos principais resultados, a cerca do tratamento sobre a variável de resultado. Os achados empíricos confirmam a hipótese de que os municípios que aderiram ao Programa Crescer Saudável apresentaram uma redução na proporção crianças em situação de sobrepeso, obesidade e obesidade grave. E os testes de robustez validaram a estratégia empírica adotada. Por fim, foi construído uma análise de razão custo-efetividade, os resultados apontam que o custo efetividade médio por criança salva da obesidade é menor que o custo com internações hospitalares. O segundo ensaio analisa como as variáveis estratégicas de mercado de food service podem influenciar o desempenho das empresas que atuam no mercado de delivery. Adicionalmente, testaremos a hipótese de persistência temporal da variável de resposta. Isto posto, foram utilizados dados longitudinais das empresas que atuaram no mercado de food service durante o período de 2019, a partir de dados mensais da Mvarandas, com modelos de dados em painéis estáticos e dinâmicos. Os resultados sugerem que as variáveis estratégicas, a saber: preço, dispersão de preços, diversificação de produtos e gastos médio possuem correlação com o faturamento das empresas com delivery. Os achados empíricos mostram que quanto maior o nível de preço e gasto médio do consumidor por estabelecimento maior é o faturamento da empresa. Por outro lado, níveis maiores de concentração de produtos apontou uma correlação negativa com o faturamento. Esses achados corroboram com a literatura sobre as estratégias utilizadas no mercado de concorrência monopolística, que é o caso das empresas de food service on-line. Nessas perspectivas, esses achados sugerem que, estratégias de diferenciação de produtos e preços são indispensáveis para alavancar o poder de mercado da empresa e, consequentemente, maximizar as suas vendas/faturamento. Em outras palavras, quanto maior o nível de diferenciação de produtos da empresa, maior é o seu poder de mercado, e consequentemente, maior a disposição à pagar dos seus clientes e o desempenho da empresa de food service no mercado de delivery.
MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 3007591 - ANTONIO VINICIUS BARROS BARBOSA
Externo à Instituição - GUILHERME DINIZ IRFFI
Presidente - 2476028 - HILTON MARTINS DE BRITO RAMALHO
Interno - 1646137 - MERCIA SANTOS DA CRUZ
Interno - 1267722 - WALLACE PATRICK SANTOS DE FARIAS SOUZA