PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA (PPGE)

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

Telefone/Ramal
83 3216-7482

Notícias


Banca de DEFESA: JULIANA PATRICIA ALVES PEREIRA

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JULIANA PATRICIA ALVES PEREIRA
DATA: 26/02/2021
HORA: 14:00
LOCAL: PPGE
TÍTULO: Ensaios econômicos sobre fecundidade.
PALAVRAS-CHAVES: Fecundidade. Margem intensiva. Margem extensiva. Comercio internacional.
PÁGINAS: 61
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Economia
RESUMO: Esta tese e composta por dois ensaios de abordagem econ^omica sobre fecundidade. O primeiro ensaio tem como objetivo analisar as mudancas na taxa de fecundidade no Brasil observando esse processo ao longo das margens intensiva (quantidade de lhos) e extensiva (probabilidade do primeiro lho). Foram utilizados os microdados do Censo Demograco 2010, fornecidos pelo Instituto Brasileiro de Geograa e Estatstica (IBGE), e a estrategia emprica e composta por duas etapas. Primeiro foi realizada a correc~ao do vies de selec~ao, seguindo Heckman (1979), e foi feito tratamento de uma possvel endogeneidade da variavel dependente (lhos por famlia). Essa endogeneidade pode ocorrer caso a decis~ao de ter lhos esteja condicionada a melhora das oportunidade de investimentos na qualidade das criancas. A segunda etapa compreende a aplicac~ao do Modelo de Regress~ao Quantlica para Dados em Contagem, que e indicada quando a variavel dependente representa a contagem de um evento, como e o caso desse ensaio que tem como variavel dependente o numero de lhos por famlia. Os resultados evidenciam que o aumento do custo de oportunidade da mulher reduz a fecundidade nas margens intensiva e extensiva, e que o aumento no nvel de renda reduz a fecundidade na margem intensiva e aumenta na margem extensiva. Por outro lado, o aumento da taxa de fecundidade nas margens intensiva e extensiva, simultaneamente, ocorre quando ha melhora nas condic~oes de investimento na qualidade das criancas. O segundo ensaio estuda os efeitos do comercio internacional na taxa de fecundidade atraves de um painel base composto por 162 pases, e mais tr^es paineis classicando-os da seguinte forma: pases de renda baixa, pases de renda media e pases de renda alta. Esses pases foram separados de acordo com a classicac~ao do Banco Mundial no que se refere a renda per capita anual da populac~ao, e suas informac~oes foram extradas do World Development Indicators (WDI), do Banco Mundial, compreendendo o perodo entre 1990 a 2018. Os coecientes foram estimados por meio de dados em painel com efeitos xos no tempo por par de pases. As estimac~oes foram realizadas em dois estagios: o primeiro objetiva medir a abertura comercial por meio do Modelo Gravitacional, conforme exposto por Anderson et. al. (2015); e o segundo visa analisar o impacto do comercio internacional sobre a taxa de fecundidade. Tambem foi estimado o painel com efeitos aleatorios para observar a magnitude dos coecientes, dando maior robustez ao modelo. Os resultados evidenciaram que quanto mais desenvolvido o pas maior a demanda por m~ao-de-obra qualicada, o que incentiva o aumento no investimento em capital humano, fazendo aumentar tambem a participac~ao feminina no mercado de trabalho, oportunizando melhores postos de trabalho e maiores rendimentos, e consequentemente maior o custo de oportunidade na gerac~ao e criac~ao dos lhos, fazendo aumentar o trade-o entre quantidade e qualidade das criancas, e reduzindo a taxa de fecundidade. Por outro lado, em pases mais pobres sua base de produc~ao e exportac~ao s~ao de produtos primarios e n~ao manufaturados, com baixo valor agregado, n~ao exigindo m~ao-de-obra especializada e/ou qualicada para seu processo produtivo. Sendo assim, nesses pases o trade-o entre quantidade e qualidade das criancas tende a ser menor, apresentando maior taxa de fecundidade.
MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1813840 - ALESSIO TONY CAVALCANTI DE ALMEIDA
Externo à Instituição - LAURO CESAR BEZERRA NOGUEIRA
Interno - 1646137 - MERCIA SANTOS DA CRUZ
Externo ao Programa - 3977265 - PATRICIA ARAUJO AMARANTE
Presidente - 1524258 - PAULO AGUIAR DO MONTE