PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA (PPGE)

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

Telefone/Ramal:
83 3216-7482
http://www.ufpb.br/pos/ccsa/ppge

Notícias


Banca de DEFESA: KASSYA KAROLINE FRAGA DOS SANTOS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: KASSYA KAROLINE FRAGA DOS SANTOS
DATA: 29/08/2016
HORA: 14:00
LOCAL: PPGE CCSA UFPB
TÍTULO: A NOVA POLÍTICA NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL: CONSTRUÇÃO, CONCEPÇÃO E IMPLEMENTAÇÃO.
PALAVRAS-CHAVES: PNDR II; Rotas de Integração Nacional; Neo Schumpeteriano; Estruturalismo da Cepal.
PÁGINAS: 146
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Economia
RESUMO: Resumo: O objetivo desse estudo e fazer uma analise da Nova Politica Nacional de Desenvolvimento Regional (PNDR II), com foco na sua construcao, concepcao, organizacao e implementacao, levando em consideracao o Programa Rotas de Integracao Nacional, que foi pensado como forma de concretizar os objetivos tracados pela PNDR II. A relevancia do estudo e nitida, dado o fato de que foram constituidos nos ultimos anos alguns planos/politicas, de forma explicita ou implicita, persistindo na tematica da desigualdade regional socioeconomica. No entanto, e necessario saber se as diretrizes e linhas de acao da Nova Politica Regional estao alinhadas ao problema da desigualdade regional, visto os resultados muitas vezes insatisfatorios alcancados por politicas anteriores. Como base teorica esse trabalho tomou o pensamento Neo Schumpeteriano de Sistemas de Inovacao e a Estruturalista da Cepal, sob a figura de Raul Prebisch e Celso Furtado. A escolha das duas teorias se deu pela observacao de pontos de convergencia encontrados nos dois pensamentos. Como destaque dessas convergencias pode-se destacar o tratamento dado ao progresso tecnico, tais teorias consideram esse progresso como parte fundamental para o desenvolvimento de um pais ou mesmo de uma regiao. Outro ponto de destaque e quanto as especificidades, cada teoria ve como fator chave saber respeitar as potencialidades locais, repudiando tentativas de tratar o desenvolvimento como uma “receita de bolo”. Para realizar o trabalho, alem da pesquisa bibliografica, utilizou-se tambem da pesquisa documental, analisando os documentos referentes a PNDR I, PNDR II, Programa Rotas de Integracao Nacional, estudo macrorregional elaborado pela RedeSist para o Programa Rotas. Tambem foi realizada uma pesquisa de campo, com questionario semi-estruturado com atores considerados relevantes dentro do cenario economico brasileiro. Do ponto de vista metodologico a pesquisa tomou como base a elaboracao da politica economica como um ciclo, onde de forma macro se divide em: Analise Situacional (reconhecimento do problema), Formulacao (alternativas para solucao do problema), Tomada de Decisao (tracar metas – sao os principios e diretrizes), Implementacao e Avaliacao. Dado que tanto a Politica quanto o Programa Rotas estao em sua fase de implementacao, tal projeto de pesquisa ateve-se apenas as quatro primeiras fases do ciclo. A pesquisa demonstrou que ha de fato uma questao regional a ser debatida e a ser tratada com uma maior postura, e que ha um alinhamento entre as diretrizes e principios propostos pela Politica e o que ela elege como problema regional. Se tratando do Programa Rotas foi observado, como um programa promissor para atingir os objetivos da PNDR II, tendo em vista o sucesso da Rota do Cordeiro que vem conseguindo fazer uma estruturacao produtiva, bem como a integracao economica de produtores de ovinos e caprinos no semi-arido nordestino.
MEMBROS DA BANCA:
Interno - 330303 - IVAN TARGINO MOREIRA
Presidente - 1071458 - PAULO FERNANDO DE MOURA BEZERRA CAVALCANTI FILHO
Externo à Instituição - VALDENIA APOLINÁRIO

Notícia cadastrada em: 11/08/2016 12:11