PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM JORNALISMO (PPJ)

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

Telefone/Ramal
Não informado

Notícias


Banca de QUALIFICAÇÃO: ANDREA MESQUITA DE MENDONCA CUNHA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ANDREA MESQUITA DE MENDONCA CUNHA
DATA: 30/09/2015
HORA: 10:00
LOCAL: CCTA
TÍTULO: Revista Focusolar: Jornalismo Científico, Energia Renovável e Sociedade
PALAVRAS-CHAVES: Palavras-chave: Jornalismo Científico. Energia Renovável. Sustentabilidade Sociedade.
PÁGINAS: 129
RESUMO: RESUMO O jornalismo científico é um produto que leva ao público não especializado matérias de conteúdos relacionados às ciências. A universidade é vista na comunidade acadêmica como fonte privilegiada de geração, multiplicação e utilização de conhecimento. O problema é implementar e disponibilizar, nas universidades, ferramentas que possam contribuir para a divulgação destes conhecimentos científicos e tecnológicos para a sociedade em geral. Atualmente, a Universidade Federal da Paraíba é responsável pela editoração de 54 revistas, destinadas ao um púbico especializado. Visando construir um instrumento eficaz que viabilize o intercâmbio entre a tecnologia e a sociedade o presente trabalho tem como objetivo central criar uma revista piloto, desenvolvida junto ao Programa de Pós-graduação em Jornalismo, intitulada “Focusolar”, nos formatos impresso e eletrônico, sobre o tema das energias renováveis, sua sustentabilidade e a renovação das suas estratégias, em linguagem jornalística, que vise divulgar a produção acadêmico-científica do Centro de Energias Alternativas e Renováveis da UFPB, colocando-se como um veículo facilitador da compreensão do discurso científico para os mais variados públicos. Os objetivos específicos contemplam: democratizar a produção acadêmica científica do CEAR; esclarecer e estimular ao público em geral a importância do acesso os conhecimentos científicos produzidos pelo CEAR; contribuir na conscientização social da necessidade do uso de práticas e métodos mais eficientes e racionais para uso dos recursos naturais; fortalecer vínculos entre as ações do CEAR e o campo do jornalismo na UFPB; estabelecer função social mediadora em torno do uso da energia renovável e suas implicações sociais, ambientais e econômicas. Os procedimentos metodológicos que irão nortear a realização da escolha da temática e da linguagem a ser usada na produção do produto serão divididos em 7 (sete) etapas, assim distribuídas: o levantamento do estado da arte; mapeamento do conhecimento da comunidade acadêmica do CEAR; observação da forma da estruturação do conhecimento gerado internamente pelos membros do Centro; formatação e detalhamento técnico, planejamento, e os seus processos de editoração; seleção dos artigos científicos para editoração da revista piloto e a produção do conteúdo para diagramação da revista. O relatório em seu desenvolvimento apresenta a fundamentação teórica, abordando dois grandes eixos reflexivos: O jornalismo científico, suas concepções, objetivos e funções; num segundo eixo, conceituamos as energias renováveis, apresentando o seu marco legal e a constituição do CEAR. A última etapa do relatório apresentado para o exame de qualificação contém uma descrição detalhada do produto, a revista “Focusolar”, desde as fases de levantamento de fontes, processo de planejamento, editoração, com um piloto para um primeiro número a ser impresso. Tratam-se dos resultados parciais do estudo, que prevê, como perspectivas de inovação e prospecção, alianças com os cursos de graduação e pós-graduação em jornalismo, assim torna-se um produto que sirva de elo entre a academia e a sociedade, contribuindo para a realização de uma ação de inclusão social e de democratização do conhecimento científico como um veículo facilitador da comunicação da ciência com um público heterogêneo.
MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1117793 - JOANA BELARMINO DE SOUSA
Interno - 336290 - JOSE DAVID CAMPOS FERNANDES