UFPB › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas João Pessoa, 23 de Outubro de 2020

HISTÓRIA (LICENCIATURA)/CCHLA - João Pessoa(João Pessoa)

 

curso  Nível  Graduação

CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS, LETRAS E ARTES (CCHLA) - CCHLA

Projeto Político Pedagógico


Perfil Profissional:

Conforme o parecer CNE/CES 492/2001, o(a) graduado(a) devera estar capacitado(a) ao exercício do trabalho de profissionais de História, em todas as suas dimensões, o que supõe pleno domínio da natureza do conhecimento histórico e das práticas essenciais de sua produção e difusão.

 Portanto, o Curso de Licenciatura em História da UFPB pretende formar profissionais com um perfil que lhes permita:

·         Dominar as diferentes concepções metodológicas que referenciam a construção de categorias para a investigação e a análise das relações sócio históricas;  

·         Problematizar nas múltiplas dimensões das experiências dos sujeitos históricos, a constituição de diferentes relações de tempo e espaço;

·         Conhecer as interpretações propostas pelas principais escolas historiográficas, de modo a distinguir diferentes narrativas, metodologias e teorias;

·         Transitar pelas fronteiras entre a História e outras áreas do conhecimento, sendo capaz de demarcar seus campos específicos e, sobretudo, de qualificar o que é próprio do conhecimento histórico;  

·         Compreender de forma ampla e consistente o fenômeno e a prática educativa que se processam em diferentes âmbitos e especialidades;

·         Compreender a pluralidade cultural existente na sociedade contemporânea, de modo a apreender a sua dinâmica e atuar adequadamente em relação ao conjunto de significados que a constituem;  

·         Desenvolver a capacidade de identificar problemas socioculturais educacionais propondo respostas criativas às questões da qualidade do ensino e de medidas que visem superar a exclusão social;

·         Estabelecer diálogo entre a área educacional e as demais áreas do conhecimento compreendendo as questões pedagógicas como parte de um universo complexo, o universo escolar;

·         Compreender o processo de construção do conhecimento dos indivíduos inseridos em seu contexto sociocultural;

·         Desenvolver a pesquisa, a produção do conhecimento e sua difusão não só no âmbito acadêmico, mas também em instituições de ensino, em órgãos de preservação da memória e no desenvolvimento de políticas e projetos de gestão patrimonial e cultural, nos meios de comunicação e em todo e qualquer espaço em que se justifique a presença de um historiador;

·          Compreender as experiências com diversas linguagens historiográficas, bem como o entendimento de sua relação com a produção do conhecimento e com os processos educativos;

·         Desenvolver metodologias e materiais pedagógicos adequados à utilização das tecnologias da informação e da comunicação nas práticas educativas da sala de aula

Área de Atuação:

O Curso de Licenciatura em História da UFPB devera oferecer aos seus discentes uma formação humanística ampla, cujos preceitos devem tramitar no âmbito da educação plena. Neste aspecto, concordamos com António Nóvoa (1995, p.27), em que As práticas de formação que tomem como referência as dimensões colectivas contribuem para a emancipação profissional e para a consolidação de uma profissão que é autônoma na produção dos seus saberes e dos seus valores. Nesta perspectiva, a atuação do(a) profissional em História formado(a) pela UFPB se iniciará no campo da educação, mas permitirá uma abrangência para além do espaço escolar.

Considerando a estrutura do curso, esta pautará a formação de seus discentes em três núcleos:

I)                   estudos de formação geral, das áreas especificas e interdisciplinares;

II)                 pesquisa, estudo e aplicação do conhecimento, e,

III)              aprofundamento e diversificação de estudos das áreas de atuação profissional.

Tais núcleos terão como suporte as atividades acadêmicas institucionais nos eixos:

1)   da administração de conteúdos de formação básica, ou seja, aquelas que determinam o conhecimento teórico e metodológico próprio da formação dos historiadores; de formação complementar, referente aos conteúdos de abrangência das áreas humanísticas, e de componentes práticos e laboratoriais, e,

2) das ações institucionais que versam os pilares da formação superior: ensino/pesquisa/extensão, em acordo com a atuação dos(as) docentes do Departamento de História, bem como os de outros departamentos da Instituição.

 Diante disso, atendidas estas exigências básicas, o curso proporcionará aos seus discentes uma formação que atenda as demandas sociais especificas relativas ao seu campo do magistério em todos os graus, bem como em ações concernentes a preservação do patrimônio, assessorias a entidades públicas e privadas nos setores culturais, artísticos, turísticos etc.

 

 

Competências e Habilidades do Profissional:

Em atendimento às Diretrizes Curriculares Nacionais para a Formação Inicial e Continuada de Professores no Brasil (CNE/CP nº 2/2015), às Diretrizes Curriculares Nacionais para os cursos de História (CNE/CES nº 492/2001), e, à Base Nacional Comum Curricular (BNCC), o curso de Licenciatura em História da Universidade Federal da Paraíba está comprometido com a preparação e aperfeiçoamento das dimensões técnicas, políticas, éticas e estéticas inerentes à ação de profissionais do magistério da educação básica, incluindo-se a educação escolar indígena, a educação escolar do campo e a educação escolar quilombola. Espera-se que os egressos e as egressas estejam aptos(as) a atuar na consolidação de uma sociedade democrática, justa e inclusiva, exercendo plenamente sua cidadania. Tal processo far-se-á por meio de uma formação docente inicial e continuada que articule competências, atitudes e habilidades gerais, próprias ao ofício dos historiadores, e específicas, em consonância com as necessidades político-pedagógicas das licenciaturas.

No primeiro caso, espera-se que, ao final do curso, o(a) graduado(a):

a) tenham o domínio das diferentes concepções metodológicas que servem de substrato para a construção de categorias de investigação e para a análise das relações sócio-históricas;

b) estejam aptos a problematizar a constituição de diferentes relações espaço-temporais, com base nas múltiplas experiências de classe, raça e gênero dos sujeitos históricos;

 c) possuam o conhecimento basilar das diferentes épocas históricas e suas tradições civilizatórias, assim como sua interrelação e interseccionalidade;

 d) sejam dotados das ferramentas necessárias para promover o diálogo da História com outras disciplinas do conhecimento, de maneira transversal;

 e) atuem como promotores(as) e difusores(as) do conhecimento nos espaços formais e não-formais de educação, como instituições museológicas e de gestão do patrimônio histórico;

 f) saibam utilizar a informática e tenham consciência do manuseio dessa ferramenta como um meio fundamental não só de produção, mas de manipulação do conhecimento e fontes históricas;

 g) dominem as concepções entre educação e trabalho, educação e diversidade, direitos humanos, cidadania, educação ambiental, entre outras problemáticas centrais da sociedade contemporânea

. Especificamente, no âmbito da Licenciatura, espera-se que os(as) egressos(as) tenham o domínio dos conteúdos que são objeto de ensino-aprendizagem no ensino fundamental e médio, bem como dos métodos e técnicas pedagógicos que permitem a transmissão do conhecimento para os diferentes níveis de ensino. Em outras palavras, os licenciados em História pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB) devem estar munidos do instrumental necessário para desenvolver nos alunos e alunas da educação básica:

a) a capacidade de identificação, comparação e percepção da alteridade, problematizando e valorizando positivamente as diferenças socioculturais, a fim de torná-los agentes de combate às diversas formas de injustiça, preconceito e violência;

b) a percepção da historicidade em sua dimensão espaço-temporal, identificando as estruturas de poder e dominação, as relações de produção, capital e trabalho, e os processos de ruptura e continuidade em relação ao tempo presente;

 c) a compreensão das dinâmicas das populações, mercadorias e capitais, problematizando conceitos como território, fronteira e vazio (espacial, temporal e cultural), e as relações que as diferentes sociedades estabeleceram com a natureza;

 d) a identificação das múltiplas narrativas, seus agentes emissores e receptores, e as circunstâncias históricas, a partir de diferentes linguagens e recursos didático-pedagógicos no trabalho com fontes, a fim de estimular a formulação de questionamentos, hipóteses e argumentos;

e) a compreensão e problematização dos conceitos e procedimentos que norteiam a produção historiográfica;

 f) a capacidade de contextualização, análise e interpretação, necessários a um pensamento crítico, autônomo e responsável.

 

Metodologia:
Nenhum conteúdo disponível até o momento
Sistema de Gestão do Curso:
Nenhum conteúdo disponível até o momento
Avaliação do Curso:
Nenhum conteúdo disponível até o momento
Projeto Político Pedagógico:
Baixar Arquivo

SIGAA | STI - Superintendência de Tecnologia da Informação da UFPB / Cooperação UFRN - Copyright © 2006-2020 | producao_sigaa-5.sigaa-5 | v20201022110750-master