PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SOCIOLOGIA (PPGS)

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

Telefone/Ramal
32167204

Notícias


Banca de DEFESA: MARIA LEIRISLENE DE SOUSA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MARIA LEIRISLENE DE SOUSA
DATA: 23/03/2021
HORA: 09:00
LOCAL: por videoconferência (https://meet.google.com/kxc-uwxk-ymi) conforme Portaria 90/2020/Gabinete/UFPB,
TÍTULO: “AS POLÍTICAS DE INCENTIVO À PERMANÊNCIA DOS JOVENS DAS CLASSES POPULARES NA UNIVERSIDADE: EXPERIÊNCIAS E SIGNIFICADOS
PALAVRAS-CHAVES: Ensino Superior. Juventudes Universitárias do interior. Origem Popular. Políticas Públicas. Campos de Possibilidades.
PÁGINAS: 80
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Sociologia
RESUMO: No Brasil, a partir dos anos 2000, os jovens das classes populares têm acessado o Ensino Superior com mais frequência, assim, a discussão sobre a ocupação deles nesse espaço é fundamental, visto que a possibilidade de experiência e vivência desse público na universidade é historicamente muito recente. Por isso, o presente trabalho estuda as trajetórias dos jovens universitários das classes populares de origem interiorana, que são beneficiários de Programas de incentivo à Pesquisa, à Extensão, à Docência e à Permanência na universidade, oferecidos pela Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA), localizada em Sobral, Ceará. De maneira específica, esse estudo analisa como as bolsas acadêmicas, em suas diversas modalidades, acabam sendo apropriadas pelos jovens de baixa renda como mecanismo que possibilita a permanência deles na universidade. Ademais, busca compreender como o modo de ser jovem do interior e de baixa renda é construído a partir da vivência universitária. As técnicas e ferramentas usufruídas estão concentradas principalmente no método qualitativo, pois aproxima o pesquisador da experiência social do indivíduo. Para isso, a abordagem metodológica contou com o levantamento bibliográfico e documental, além da entrevista narrativa como facilitadora do diálogo, cuja a realização foi feita por meio do Google Meet. Algumas técnicas do método quantitativo também foram utilizadas, especificamente, dos questionários estruturados, enviados por plataformas digitais para captar o perfil escolar, familiar e socioeconômico de estudantes beneficiários dos programas, além de terem servido para coletar os contatos dos entrevistados. Reconstruir as trajetórias dos jovens por meio de suas próprias narrativas possibilitou conhecer as disposições construídas em diferentes processos de socialização que o indivíduo passou e como orientou seus anseios e caminhos ao decorrer de sua vida. Notou-se que ao longo de suas trajetórias os jovens foram marcados pelo auxílio de políticas públicas diversas, no caso daquelas promovidas pela UVA, além de representarem uma forma de permanência, viabilizaram novas experiências e alargaram os campos de possibilidades dos jovens de origem interiorana e popular, dentro e fora da universidade.
MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - CAMILA HOLANDA MARINHO
Interno - 1220709 - CHARLITON JOSE DOS SANTOS MACHADO
Externo ao Programa - 371.721.583-34 - ISAURORA CLÁUDIA MARTINS DE FREITAS - UFC
Presidente - 1487317 - MONICA LOURDES FRANCH GUTIERREZ
Externo ao Programa - 083.247.864-49 - TEREZA CORREIA DA NOBREGA QUEIROZ - UFPB