PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO PÚBLICA E COOPERAÇÃO INTERNACIONAL (PGPCI)

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

Telefone/Ramal
Não informado

Notícias


Banca de DEFESA: BRUNO RODRIGUES CABRAL

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: BRUNO RODRIGUES CABRAL
DATA: 19/06/2019
HORA: 11:00
LOCAL: Sala 15 do Bloco da Pós-Graduação do CCSA
TÍTULO: CORRUPÇÃO MUNICIPAL: fatores relacionados aos municípios com baixo e alto índice de corrupção.
PALAVRAS-CHAVES: Accountability. Corrupção. Governança Pública. Transparência Pública. Controle Social.
PÁGINAS: 98
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Administração
SUBÁREA: Administração Pública
ESPECIALIDADE: Política e Planejamento Governamentais
RESUMO: Esta pesquisa analisa os municipios que obtiveram o nivel de corrupcao a partir da classificacao entre baixo (MBC) e alto indice de corrupcao (MAC). Tem-se como tema o fenomeno da corrupcao ligado aos conceitos da transparencia publica, da accountability e da teoria principal-agente, com enfase no processo de governanca publica como ferramenta de reducao dos casos de corrupcao, embasando-se nos principais estudos nacional e internacional. A metodologia e caracterizada como uma pesquisa quantitativa, aplicada, descritiva, experimental e transversal. E possivel verificar o atingimento dos objetivos atraves da aplicacao da variavel dependente, gerada pela base de dados dos relatorios da Controladoria Geral da Uniao (CGU) relacionada ao nivel de corrupcao (MBC/MAC) na transparencia proativa e do levantamento das variaveis independentes como: a) a Escala Brasil Transparente (EBT) feita pela transparencia reativa; b) do indice Firjan IFDM; c) do indice IDHM; d) da populacao absoluta; e e) do controle social. Com o modelo da variavel dependente e das variaveis independentes foi possivel rodar os dados atraves da tecnica estatistica da regressao logistica no software estatistico SPSS, no qual a variavel dependente e dicotomica. Observou-se a partir das analises descritiva e da regressao logistica que: a) a regiao Nordeste foi a que mais apresentou casos de corrupcao; b) as Regioes Nordeste e Sudeste obtiveram as maiores notas dez (10,00) auferida pela transparencia reativa; c) o controle social e um fator preditivo do nivel de corrupcao; e d) o indice IDHM traz uma relacao social e economica, sendo um fator explicativo do nivel de corrupcao. Neste sentido, um bom indice IDHM esta ligado a um bom desempenho dos municipios relacionado a atuacao do controle social. Ainda, nao foram preditoras as seguintes variaveis: a) as notas EBT, o qual nunca tinha sido testada antes; b) o indice Firjan IFDM, contrariando alguns estudos; e c) a populacao absoluta, contrariando alguns estudos. Por fim, recomenda-se para estudos futuros a aplicacao de novas variaveis independentes como: a) o PIB per capita; b) a Receita Arrecadada; c) a utilizacao da Escala Brasil Transparente - EBT 360º; e d) a Taxa de Analfabetismo. Desta forma, verifica-se novas possibilidades de discussoes e procedimentos praticos para colaborar no controle e combate a corrupcao.
MEMBROS DA BANCA:
Interno - 2760183 - FLAVIO PERAZZO BARBOSA MOTA
Presidente - 1873938 - HERMANN ATILA HRDLICKA
Externo ao Programa - 1674149 - MARIANO CASTRO NETO