PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO PÚBLICA E COOPERAÇÃO INTERNACIONAL (PGPCI)

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

Telefone/Ramal
Não informado

Notícias


Banca de DEFESA: RENATO MARTINS LEITÃO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: RENATO MARTINS LEITÃO
DATA: 23/10/2019
HORA: 10:00
LOCAL: Sala 03 do Bloco da Pós-graduação do CCSA
TÍTULO: As 5 dimensões da gestão pública nos embates de opinião pública: uma proposta de framework
PALAVRAS-CHAVES: Fator Opinião Pública. Gestão Pública. Marketing Governamental. Framework. Marketing no Interesse Público. Teoria da Agenda. Teoria da Espiral do Silêncio.
PÁGINAS: 125
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Administração
SUBÁREA: Administração Pública
ESPECIALIDADE: Política e Planejamento Governamentais
RESUMO: O presente trabalho intenciona comprovar a importância visceral que os embates de Opinião Pública (OP) têm para influenciar diretamente os aspectos concernentes à Gestão Pública (GP) na conjuntura da democracia, seja nas suas decisões, nas escolhas de seus agentes ou no agendamento das prioridades. As ações, os planejamentos, as relações com outras instituições, o terceiro setor e os poderes da república, todos passam, cada vez mais em termos qualitativos, por elementos que se conformam em disputas de narrativas cada vez mais acirradas. Tal contexto resulta da busca pela hegemonia da adesão popular em algum nível. Tentou-se provar que esta busca de legitimidade social pelo agente público deve se dar permanentemente para que ele logre o êxito almejado. Tais aspectos ocorrem num momento em que as informações estão cada vez mais rápidas pelas vias digitais, meio este que lhes possibilitam uma maior fluidez e pluralidade. A informação, tida como matéria-prima é bastante importante nesta batalha, razão por que mereceu toda a atenção ao longo desta pesquisa, levada a cabo mediante um olhar de Marketing Governamental com vista a aperfeiçoar os procedimentos usados nesses embates, a partir do que o estudo do caso indicar. A informação pode ter, no marketing, elementos que gerem inspiração para a constituição de um modelo genérico de maneira a poder se tornar um instrumento útil de valor mais vasto. Tal modelo pode fornecer um framework capaz de ser guia para o que se pretende mostrar como sendo uma necessidade do setor público quando o assunto for a gestão desta condição da democracia. Em outras palavras; propiciar um manual que permita o pensar em termos de gestão dos embates de Opinião Pública da maneira mais eficaz e científica possível. Com estas considerações, as teorias clássicas importantes da ciência política e comunicação social fundamentarão a problemática da Opinião Pública para conduzir as sugestões gerenciais de ordem prática voltadas para a rotina da administração pública. Portanto, nossa hipótese busca afirmar que a Opinião Pública deve ser concebida como um fator intangível das questões administrativas no sistema político moderno que merecem uma atenção equivalente aos setores tangíveis da ação do gestor público. Com essa abordagem, optou-se por denominar esse panorama de interligações deste estudo como sendo um “Fator Opinião Pública”. Um fator que se dá por meio de 5 dimensões, que são os terrenos com motivos e regras específicos a partir dos quais ocorrem esses embates afetos à seara da Gestão Pública. Finalmente, por meio de um estudo de caso pormenorizado, procurou-se provar que são necessárias técnicas gerenciais para lidar com estas 5 dimensões nas quais essas disputas ocorrem, a saber: A Dimensão de embates Administrativos; a de embates Políticos; a referente às disputas Eleitorais; as que envolvem Crises de Imagem e, por último, os embates que tratam da Reputação do Gestor.
MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 1073469 - FABIANA GAMA DE MEDEIROS
Interno - 2760183 - FLAVIO PERAZZO BARBOSA MOTA
Presidente - 2697113 - FRANCISCO JOSÉ DA COSTA
Externo à Instituição - PATRICIA KARLA DE MESQUITA SILVA