PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM LETRAS (PPGL)

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

Telefone/Ramal
3216/7289

Área de Concentração e Linhas de Pesquisa

Doutorado

  • LITERATURA, CULTURA E TRADUÇÃO
    • Linhas de Pesquisa:
      • ESTUDOS MEDIEVAIS
      • Estudo de obras literárias produzidas no medievo, com ênfase no período da Baixa Idade Média. Busca-se produzir novos conhecimentos relacionados à Idade Média com o propósito de desconstruir concepções reducionistas acerca do período que equivocadamente ficou conhecido como “Idade das trevas”. Para tal propósito, sem desprezar o estudo de obras canônicas, as pesquisas priorizarão a produção medieval que ficou à margem do cânone da História da Literatura Ocidental, a exemplo de obras escritas por mulheres.

      • ESTUDOS CLÁSSICOS
      • Estudo dos autores de Língua Grega e Língua Latina da Antiguidade Clássica na sua língua original. Esta linha de pesquisa tem como objetivo promover a capacitação dos professores de Línguas Clássicas, bem como a produção de edições bilíngues, para uso em sala de aula.

      • ESTUDOS SEMIÓTICOS
      • A linha reúne projetos que têm como apoio teórico concepções semióticas, desde as filosóficas às discursivas, aplicadas à análise de textos literários. Evidenciam-se, também, as transculturações semióticas processadas interlínguas/código (português/libras/braile) e intermodalidades (oralidade/sinalização e escrita) e intergêneros (da literatura ao espetáculo).

      • TRADUÇÃO E CULTURA
      • Nesta linha, o conceito de tradução será abordado como prática social indissociável dos contextos histórico, cultural, político e econômico em que os processos tradutórios são produzidos e circulam. Outra vertente da linha tem como propósito desenvolver projetos de pesquisa com foco no diálogo entre literatura, cinema e outras mídias, considerando-se o contexto de adaptação, mas também para além dele.

  • LITERATURA, TEORIA E CRÍTICA
    • Linhas de Pesquisa:
      • POÉTICAS DA SUBJETIVIDADE
      • A linha envolve projetos que se dedicam a explorar o subjetivo, a partir do viés psicanalítico e a subjetividade poética em seus desdobramentos históricos, teóricos e críticos. Na primeira perspectiva, objetiva-se investigar textos literários de qualquer gênero e historicidade, tendo em vista as tendências teórico-críticas da área. Na segunda, propõe-se discutir as diferentes abordagens que cercam o sujeito lírico e como elas refletem as subjetividades históricas.

      • ESTUDOS CULTURAIS E DE GÊNERO
      • Propõe-se enfatizar a relação entre gênero/sexualidade e outras categorias da diferença, como classe, raça e etnia, a partir das críticas e teorias feministas e culturais. As pesquisas buscam refletir sobre os desafios implícitos ao debate sobre as assimetrias de poder entre sujeitos, discursos e textos diferentemente posicionados, bem como sobre as contribuições epistemológicas dos estudos feministas e pós-coloniais para o campo literário. Nosso enfoque, atento às múltiplas perspectivas culturais, busca questionar e, se possível, romper com visões unilaterais, porque dominantes, do que seria autoria, sujeito e literatura.

      • TRADIÇÃO E MODERNIDADE
      • Estudo das relações entre as manifestações literárias do passado e do presente, a permanência de traços constitutivos dos gêneros literários e a ressonância de estéticas pretéritas na literatura moderna e contemporânea, bem como em produções pós-coloniais. Destacam-se procedimentos formais e/ou temáticos que evidenciem interdependência, vínculos histórico-culturais ou indícios de continuidade entre a literatura de ontem e de hoje em textos narrativos e dramáticos.

      • LEITURAS LITERÁRIAS
      • A linha desenvolve projetos de pesquisa que investigam a relação literatura e ensino sob os enfoques da leitura literária, da formação do leitor, da formação docente e da didática da literatura. Interessam, igualmente, estudos da literatura como fenômeno histórico, cujas práticas são veiculadas em várias fontes e materiais de leitura.

Mestrado

  • LITERATURA, CULTURA E TRADUÇÃO
    • Linhas de Pesquisa:
      • ESTUDOS CLÁSSICOS
      • Estudo dos autores de Língua Grega e Língua Latina da Antiguidade Clássica na sua língua original. Esta linha de pesquisa tem como objetivo promover a capacitação dos professores de Línguas Clássicas, bem como a produção de edições bilíngues, para uso em sala de aula.

      • ESTUDOS MEDIEVAIS
      • Estudo de obras literárias produzidas no medievo, com ênfase no período da Baixa Idade Média. Busca-se produzir novos conhecimentos relacionados à Idade Média com o propósito de desconstruir concepções reducionistas acerca do período que equivocadamente ficou conhecido como “Idade das trevas”. Para tal propósito, sem desprezar o estudo de obras canônicas, as pesquisas priorizarão a produção medieval que ficou à margem do cânone da História da Literatura Ocidental, a exemplo de obras escritas por mulheres.

      • TRADUÇÃO E CULTURA
      • Nesta linha, o conceito de tradução será abordado como prática social indissociável dos contextos histórico, cultural, político e econômico em que os processos tradutórios são produzidos e circulam. Outra vertente da linha tem como propósito desenvolver projetos de pesquisa com foco no diálogo entre literatura, cinema e outras mídias, considerando-se o contexto de adaptação, mas também para além dele.

      • ESTUDOS SEMIÓTICOS
      • A linha reúne projetos que têm como apoio teórico concepções semióticas, desde as filosóficas às discursivas, aplicadas à análise de textos literários. Evidenciam-se, também, as transculturações semióticas processadas interlínguas/código (português/libras/braile) e intermodalidades (oralidade/sinalização e escrita) e intergêneros (da literatura ao espetáculo).

Mestrado

  • LITERATURA, TEORIA E CRÍTICA
    • Linhas de Pesquisa:
      • POÉTICAS DA SUBJETIVIDADE
      • A linha envolve projetos que se dedicam a explorar o subjetivo, a partir do viés psicanalítico e a subjetividade poética em seus desdobramentos históricos, teóricos e críticos. Na primeira perspectiva, objetiva-se investigar textos literários de qualquer gênero e historicidade, tendo em vista as tendências teórico-críticas da área. Na segunda, propõe-se discutir as diferentes abordagens que cercam o sujeito lírico e como elas refletem as subjetividades históricas.

      • LEITURAS LITERÁRIAS
      • A linha desenvolve projetos de pesquisa que investigam a relação literatura e ensino sob os enfoques da leitura literária, da formação do leitor, da formação docente e da didática da literatura. Interessam, igualmente, estudos da literatura como fenômeno histórico, cujas práticas são veiculadas em várias fontes e materiais de leitura.

      • ESTUDOS CULTURAIS E DE GÊNERO
      • Propõe-se enfatizar a relação entre gênero/sexualidade e outras categorias da diferença, como classe, raça e etnia, a partir das críticas e teorias feministas e culturais. As pesquisas buscam refletir sobre os desafios implícitos ao debate sobre as assimetrias de poder entre sujeitos, discursos e textos diferentemente posicionados, bem como sobre as contribuições epistemológicas dos estudos feministas e pós-coloniais para o campo literário. Nosso enfoque, atento às múltiplas perspectivas culturais, busca questionar e, se possível, romper com visões unilaterais, porque dominantes, do que seria autoria, sujeito e literatura.

      • TRADIÇÃO E MODERNIDADE
      • Estudo das relações entre as manifestações literárias do passado e do presente, a permanência de traços constitutivos dos gêneros literários e a ressonância de estéticas pretéritas na literatura moderna e contemporânea, bem como em produções pós-coloniais. Destacam-se procedimentos formais e/ou temáticos que evidenciem interdependência, vínculos histórico-culturais ou indícios de continuidade entre a literatura de ontem e de hoje em textos narrativos e dramáticos.