PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOLOGIA CELULAR E MOLECULAR (PPBCM)

CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E DA NATUREZA (CCEN)

Telefone/Ramal
Não informado

Notícias


Banca de DEFESA: ANTONIA FURTADO DE ABRANTES

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ANTONIA FURTADO DE ABRANTES
DATA: 26/04/2017
HORA: 14:30
LOCAL: departamento de biologia celular e molecular
TÍTULO: "Atividade lipolítica e produção de biossurfactantes por bactérias isoladas do solo contaminado com óleo vegetal residual"
PALAVRAS-CHAVES: Bactérias. Lipases. Biossurfactantes
PÁGINAS: 90
GRANDE ÁREA: Ciências Biológicas
ÁREA: Biologia Geral
RESUMO: As lipases e biossurfactantes produzidos por microrganismos sao uteis na descontaminacao de ambientes contendo compostos apolares e possuem varias possibilidades de aplicacoes industriais. Neste trabalho foi analisada a producao de lipases e biossurfactantes por bacterias que haviam sido isoladas de um solo utilizado para o descarte do oleo vegetal residual. Os isolados de bacterias foram identificados na base de analise filogenetica das sequencias do gene RNAr 16S. Para avaliar a producao de lipases, a analise qualitativa foi feita usando meio contendo azeite de oliva e o corante rodamina B e a quantificacao da atividade lipolitica das bacterias em meios de cultivo com diferentes fontes de carbono foi feita pelo metodo espectrofotometrico, baseado na hidrolise do palmitato de p-nitrofenila (pNPP) pela enzima, sendo tambem vista a influencia do pH e temperatura na atividade enzimatica. A producao de biossurfactantes foi analisada atraves dos testes de emulsificacao, dispersao do oleo diesel e deteccao de ramnolipideos com as bacterias cultivadas em diferentes meios de cultivo, alem do teste de hemolise com os isolados. Analise fiologenetica de bacterias revelou que os isolados pertenceram aos generos Burkholderia, Bacillus, Ralstonia e Microbacterium. Onze dos doze isolados analisados foram positivos para a producao de lipase no meio solido com azeite de oliva e rodamina B. Grande parte dos isolados tiveram atividade lipolitica maxima em pH 7,0 e temperatura de 37°C. O maior valor de atividade lipolitica total (1789,79 U/L), foi observado para o isolado de Burkholderia sp. AL06 no meio contendo o azeite de oliva em pH 8,0 a 37°C. Na analise da producao de biossurfactantes, o teste de dispersao do oleo diesel e teste de hemolise foram positivos para todos os isolados, e 83,3% apresentaram capacidade de emulsificacao. O maior valor de dispersao de oleo diesel (140mm) e o indice de emulsificacao (53,6%) foi registrado para o isolado de Burkholderia sp. Al06, o qual foi tambem mais ativo na producao de lipases, no meio de Bushnell e Haas com adicao de 1% oleo vegetal residual. A producao de ramnolipideos foi observada em alguns isolados pertencentes aos generos Burkholderia, Ralstonia e Bacillus. O isolado Burkholderia sp. AL06 se destacou entre os demais, apresentando a maior atividade lipolitica, bem como a maior dispersao e emulsificacao do oleo, indicando seu potencial nos proccessos industriais e biotecnologicos.
MEMBROS DA BANCA:
Interno - 2305006 - KRYSTYNA GORLACH LIRA
Presidente - 338028 - MARCIA ROSA DE OLIVEIRA
Externo ao Programa - 1054190 - ZELIA BRAZ VIEIRA DA SILVA PONTES