PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS (PPGCC)

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

Telefone/Ramal
32167285

Notícias


Banca de DEFESA: THAIS LIRA DE FIGUEIREDO SARMENTO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: THAIS LIRA DE FIGUEIREDO SARMENTO
DATA: 14/12/2018
HORA: 14:00
LOCAL: CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS
TÍTULO: GESTÃO E DESEMPENHO AMBIENTAL: UMA ANÁLISE ATRAVÉS DA TEORIA DO CICLO DE VIDA ORGANIZACIONAL
PALAVRAS-CHAVES: Gestão Ambiental; Desempenho Ambiental; Desempenho Organizacional
PÁGINAS: 90
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Administração
SUBÁREA: Ciências Contábeis
RESUMO: Inserir a variavel ambiental nos processos organizacionais atraves de acoes inovadoras que reduzam seu impacto ao meio ambiente e avaliacao de desempenho continuo em busca de vantagens competitivas se torna indispensavel a continuidade das organizacoes devido as exigencias da sociedade e orgaos reguladores. Nesse cenario, uma diversidade de praticas ambientais e adotada impulsionada pelo dinamismo do ambiente em que estao inseridas, sendo a teoria do ciclo de vida organizacional discutida na literatura como forma de compreender variacoes especificas da firma. Com base nas premissas, a pesquisa foi conduzida atraves da analise das caracteristicas organizacionais da gestao ambiental atraves das praticas ambientais e monitoracao respaldada na teoria do ciclo de vida. A investigacao se deu atraves de questionario semiestruturado, com empresas que possuem certificacoes ambientais ativas no Brasil, obtendo uma amostra de 112 empresas. O perfil dos respondentes compreende as empresas com risco de nivel medio potencial poluidor, de grande porte, com tempo de atuacao no mercado superior a 20 anos e no estagio de crescimento. Na compreensao das praticas ambientais distintas e as caracteristicas organizacionais foi observada maior influencia estatistica do estagio do ciclo de vida. Verificou-se ainda que o entendimento dos gestores quanto as praticas ambientais e o grau de monitoracao atraves de indicadores, oscilam conforme o estagio que a organizacao se encontra. Como caracteristicas em cada estagio foram observadas que no nascimento as organizacoes desenvolvem apenas praticas de consciencia ambiental para obter vantagens competitivas e possuem baixissima utilizacao de indicadores para monitorar suas praticas. Na fase de crescimento as praticas ambientais estao direcionadas principalmente a melhoria na reputacao com maior utilizacao de indicadores operacionais, refletindo uma disciplina interna das questoes ambientais. A fase de maturidade as praticas funcionam como grande propulsor no atingimento de vantagens competitivas, com maioria utilizacao de indicadores gerenciais, porem ainda nao sao observados nesse estagio utilizacao de indicadores operacionais para monitorar agua e emissoes atmosfericas proveniente de suas atividades. O renascimento e destacado como estagio de praticas mais sofisticadas, incluindo o P&D com foco para desenvolver produtos e processos mais limpos e, alem da maior utilizacao dos indicadores operacionais, refletindo uma gestao ambiental mais coerente. Por fim, a fase de declinio reflete uma falta de credibilidade que praticas ambientais podem conduzir a empresa em vantagens competitivas. A investigacao demonstrou evidencias na compreensao da gestao ambiental amparada pela teoria do ciclo de vida e, apesar das empresas acreditarem que praticas ambientais podem conduzi-las a vantagens competitivas ha uma incoerencia de como estas realizam a monitoracao atraves de indicadores, refletindo uma impossibilidade de mensurar tais questoes e o reflexo das praticas em seu desempenho ambiental. Nesse caminho, a teoria do ciclo de vida podera somar em interpretacoes sobre as questoes ambientais e no desempenho organizacional, capturando variacoes especificas tanto internas quanto externas necessarias em direcionar a gestao ambiental para melhoria no desempenho.
MEMBROS DA BANCA:
Interno - 461.469.894-87 - ANTONIO ANDRE CUNHA CALLADO - UFRPE
Externo ao Programa - 2160675 - PATRICIA ALVES RAMIRO
Presidente - 1353967 - RENATA PAES DE BARROS CAMARA