PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS (PPGCC)

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

Telefone/Ramal
32167285

Notícias


Banca de DEFESA: INGRID LAIS DE SENA COSTA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: INGRID LAIS DE SENA COSTA
DATA: 04/12/2017
HORA: 09:00
LOCAL: UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA
TÍTULO: PRINCÍPIOS GLOBAIS DE CONTABILIDADE GERENCIAL: Relação de práticas gerenciais com a reputação corporativa e com o desempenho das companhias abertas brasileiras
PALAVRAS-CHAVES: Princípios Globais de Contabilidade Gerencial. Reputação corporativa. Desempenho.  
PÁGINAS: 82
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Administração
SUBÁREA: Ciências Contábeis
RESUMO: As mudancas economicas relacionadas aos modelos das estruturas organizacionais, ao comportamento e valores das pessoas e aos novos modelos de negocios requerem um novo posicionamento da contabilidade gerencial, visto que esta e um dos principais fornecedores de informacoes para o processo de tomada de decisao das organizacoes. Assim, requer-se cada vez mais que a contabilidade gerencial forneca melhores bases para subsidiar tais decisoes. Nesse sentido, os Principios Globais de Contabilidade Gerencial (PGCG) surgiram como boas praticas gerenciais para as empresas observarem. Com base nessas discussoes, o objetivo desta pesquisa consiste na verificacao da relacao dos PGCG com a reputacao corporativa e o desempenho das companhias abertas brasileiras. A amostra analisada compreendeu 342 empresas listadas na B3, durante o periodo de 2010 a 2016. Para responder ao problema de pesquisa, a metodologia consistiu na construcao de um indice de adequacao as recomendacoes propostas pelos PGCG, observando-se os impactos das boas praticas da contabilidade gerencial sobre o desempenho organizacional e a reputacao corporativa das companhias. A analise dos dados deu-se por meio de estimacoes estatisticas como o uso de media e da Analise de Componentes Principais para a estimacao do indice, e de regressoes para a observacao das relacoes propostas. Os resultados obtidos demonstraram, por meio do indice de contabilidade gerencial, que as companhias atendem a mais de 50% das praticas que deveriam ser observadas pelas organizacoes de acordo com o PGCG, ou seja, as companhias preferem nao divulgar em seus relatorios informacoes gerenciais de sua gestao. Tambem foi observado que, apos 2014 houve um aumento do indice relativo as praticas gerenciais, o que fornece indicios de uma maior preocupacao das empresas para com as condutas adotas. Sobre a reputacao corporativa das companhias, percebeu-se uma relacao positiva com as praticas gerencias, evidenciando-se assim, que a reputacao da empresa deve ser fruto de uma decisao estrategica da organizacao, planejada para atender os objetivos estabelecidos. Ja para o desempenho das companhias, percebeu-se que as praticas gerenciais adotadas pelas mesmas afetam mais o seu desempenho de mercado e expectativa de crescimento futuro, demonstrando assim uma relacao positiva, tal como e presumido pela proposta do CGMA e a teoria institucional, uma vez que, as praticas gerenciais sao rotinas incorporadas a identidade organizacional das empresas, refletindo em melhores resultados a longo prazo.
MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ADILSON DE LIMA TAVARES
Interno - 1524258 - PAULO AGUIAR DO MONTE
Presidente - 1526402 - WENNER GLAUCIO LOPES LUCENA