PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM POLÍTICAS PÚBLICAS, GESTÃO E AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR (MPPGAV)

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

Telefone:
Não informado

Notícias


Banca de DEFESA: JOSE GILSIVAN CARTAXO DA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JOSE GILSIVAN CARTAXO DA SILVA
DATA: 28/02/2020
HORA: 09:00
LOCAL: SALA 01 - CEDESP
TÍTULO: O IMPACTO DA CRISE ECONÔMICA ATUAL NA UFPB: O CASO DO CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA
PALAVRAS-CHAVES: Crise Econômica; Educação Superior; UFPB; Bolsas de Pesquisas; Engenharia Mecânica.
PÁGINAS: 100
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Educação
SUBÁREA: Tópicos Específicos de Educação
ESPECIALIDADE: Educação Permanente
RESUMO: Nos últimos anos, presenciamos uma das mais graves crises econômicas que o mundo já enfrentou, com consequências que não se via desde a quebra da bolsa de valores de Nova Iorque em 1929. Iniciada no ano de 2008 nos Estados Unidos, e tendo como causa inicial o setor imobiliário, esta crise provocou impactos em vários níveis e em todo o globo. No Brasil, todos os setores da economia foram afetados, acarretando mudanças em diversos setores da sociedade, inclusive na educação pública superior. Dentro deste contexto, essa pesquisa propôs-se a analisar a crise econômica iniciada nos EUA, seus efeitos na economia brasileira e principalmente na educação pública superior. Além disso, dispõe-se investigar, através de um estudo de caso, o curso de Engenharia Mecânica da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) em relação às bolsas de pesquisas do curso, verificando possíveis efeitos da atual crise nos repasses e no quantitativo de bolsas disponíveis ao corpo discente. Quanto aos critérios metodológicos, a pesquisa caracteriza-se como de natureza básica, e baseada numa abordagem com enfoque qualitativo. O método de procedimento utilizado no estudo é o monográfico ou estudo de caso; revisão bibliográfica e análise documental, levantando-se dados junto a setores específicos dentro da instituição que trabalham com bolsas de pesquisas, como a Pró-Reitoria de Pesquisas (PROPESQ), Pró-Reitoria de Pós-Graduação (PRPG), e a Pró-Reitoria de Planejamento (PROPLAN), para que tenha-se um diagnóstico da situação das bolsas de estudos (surgidas, preenchidas, e as que porventura, foram cortadas e excluídas), além de uma análise do cenário da pesquisa científica entre o período de 2008 e 2018 no referido curso. Os resultados obtidos demonstram que os repasses do orçamento as IFES caíram a partir de 2016 e, as bolsas ofertadas aos alunos da graduação e pós-graduação na UFPB apresentaram crescimento até 2014 (em razão das políticas de expansão do ensino superior), estabilizando-se a partir de então, e não caracterizando-se de fato, terem sido influenciadas pelos efeitos da crise de forma direta. Contudo, os resultados para o Centro de Tecnologia da UFPB apontam que não só as bolsas do curso de Engenharia Mecânica foram afetadas, mas também nos demais cursos do centro, além de queda nas notas dos seus cursos nos indicadores de qualidade do MEC.
MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1519556 - DAMIAO DE LIMA
Interno - 3126329 - LUIZ DE SOUSA JUNIOR
Externo ao Programa - 2148337 - PAULO ROBERTO DE AZEVEDO MAIA