PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM COMPUTAÇÃO, COMUNICAÇÃO E ARTES (PPGCCA)

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

Telefone/Ramal
32098901

Notícias


Edital do Processo Seletivo para Ingresso no Ano Letivo 2020

A Coordenação do Programa de Pós-Graduação (PPG) em Computação, Comunicação e Artes da Universidade Federal da Paraíba, no uso de suas atribuições, torna público o presente edital que regula as condições de ingresso, por via de EXAME DE SELEÇÃO, no referido programa, ano letivo 2020. O Edital foi aprovado em reunião do colegiado do dia 11/11/2019, e obedece à Resolução Nº 07/2013/CONSEPE, que estabelece condições mínimas a serem observadas nos editais de seleção para ingresso nos programas de pós-graduação lato e stricto sensu da UFPB; à Resolução Nº 79/2013/CONSEPE, que deu nova redação ao Regulamento Geral dos Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu da UFPB, alterada parcialmente pela Resolução Nº 34/2014/CONSEPE; à Resolução Nº 58/2016/CONSEPE, que dispõe sobre ações afirmativas na Pós-Graduação stricto sensu na UFPB para candidatos autodeclarados e oriundos da população negra, povos indígenas, povos e comunidades tradicionais e pessoas com deficiência; à Resolução Nº 06/2018/CONSUNI, que Regulamenta a Política de Internacionalização da Universidade Federal da Paraíba, e à Resolução Nº 10/2019/CONSEPE, que aprova o Regulamento e a Estrutura Acadêmica do PPG em Computação, Comunicação e Artes, vinculado ao Centro de Informática.   

O PPG oferece 19 (dezenove) vagas, distribuídas entre os orientadores das duas linhas de pesquisa, considerando as áreas de concentração, nos termos da Resolução que regulamenta o Programa, de acordo com a disponibilidade do professor, conforme descrito abaixo:

Arte Computacional

Prof. Ed Porto Bezerra (2 vagas)
Projeto: Poesia Visual e outros temas. A poesia visual quando desenvolvida com o suporte das plataformas 3D, como aquelas possibilitadas pela internet, pode enriquecer sobremaneira a mensagem transmitida por um poema visual expresso num ambiente 2D, como por exemplo numa folha de papel (página). Exemplos de poemas visuais 2D podem ser encontrados em http://www.poemavisual.com.br/html/pv.php. Pesquisas sobre a poesia visual multimídia e interativa e seus prováveis suportes na internet são desafiadoras na medida em que potencializam as formas de um poeta visual se expressar e podem encantar os leitores de poemas. Ademais, a proposição de novos modelos para integrar as TICs e as Artes (cênicas, audiovisuais, literatura, música etc.). Projetos de pesquisa envolvendo museus digitais como cases também são bem vindos.

Prof. Valdecir Becker (2 vagas)
Projeto: O Grupo de Pesquisa Design Audiovisual desenvolve a integração teórica e metodológica da Interação Humano Computador com os estudos de mídia, recepção e interação em filmes e peças artísticas. São aceitas propostas de desenvolvimento teórico, validação prática ou analítica do modelo, oriundas dessas áreas.

Prof. Robson Xavier (2 vagas)
Projeto: Desenvolver investigações que abordem as relações entre arte contemporânea e a acessibilidade e diversidade cultural por meio de novas tecnologias, a partir da construção de poéticas visuais que lidem com as imagens em ambientes computacionais inclusivos e interativos. Desenvolvemos estudos de processos criativos de artistas que trabalham com novas tecnologias a partir de diferentes interfaces, partindo de produções artísticas autorais em arte contemporânea, arte relacional e colaborativa produzidas no Nordeste brasileiro, em diálogo com a produção de artistas de outras regiões do país e/ou internacionais. Este projeto de pesquisa está vinculado ao conceito de arte descolonial e é viabilizado pela pesquisa em artes visuais, bem como pela produção de tecnologias assistivas, a exemplo das maquetes táteis de trabalhos artísticos. Buscamos mapear e analisar produções artísticas e produtores à margem dos eixos hegemônicos da cena da arte contemporânea (abordando o uso de tecnologias criativas que também atendam públicos com deficiências, idosos, crianças, doentes mentais, populações quilombolas, indígenas e/ou LGBTQ+).

Prof. José Tonezzi (3 vagas)
Projeto: Jogo, presença e performatividade compõem o tema que rege nossa investigação no âmbito das Artes Cênicas. Tal busca diz respeito à criação artística e à expressão humana que hoje se dão pelo uso de implementos tecnológicos e digitais, cujo fim é permitir a relação de participantes diferenciados (espectadores e artistas da cena) in loco ou à distância, levados à convergir pelo uso simultâneo de mídias diversas.

Prof. Carlos Eduardo Batista (2 vagas)
Projeto: A computação viabilizando novas formas de produção e consumo de música. Construção de novas ferramentas computacionais que permitam acessibilidade musical e também produção musical a partir de processos inovadores (Inteligência Artificial aplicada à composição musical, live coding etc.).

Prof. Guido Lemos (6 vagas)
Projeto: Desenvolvimento de tecnologias para suporte a implementação de livros de registros distribuídos (DLT - Distributed Ledger Technology) e de aplicações que façam uso destas tecnologias. Este projeto tem por objetivo investigar o potencial do uso combinado da tecnologia blockchain com repositórios ativos distribuídos, para uso em aplicações especializadas na autenticação e preservação de artefatos digitais, inclusive aqueles relacionados à projetos artísticos.

Prof. Eudisley Gomes dos Anjos (2 vagas)
Projeto: Computação Engajada - O grupo de pesquisa em Human-Engaged Computing aborda a integração de usuários e tecnologias de forma a criar uma sinergia no processo de interação humano-computador. Neste sentido o projeto Computação Engajada busca aproximar as áreas da computação móvel, redes sociais e gameficação ao engajamento artístico-cultural da população através do uso de conceitos de Human-Engaged Computing. Para este tópico de pesquisa são aceitas propostas que envolvem o uso e desenvolvimento de modelos e técnicas que impulsionem a atração da população para eventos artísticos e culturais pelo uso de atividades humanas e computacionais.


Baixar Arquivo