PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM QUÍMICA (PPGQ)

CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E DA NATUREZA (CCEN)

Telefone/Ramal:
Não informado
http://www.ufpb.br/pos/ppgq

Dissertações/Teses


Clique aqui para acessar os arquivos diretamente da Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFPB

2018
Descrição
  • ROSINALDO TELIS DE LIMA
  • Metodologia automática em fluxo-batelada baseada em análise de imagens digitais para determinação de N-Acetil-L-Cisteína em formulações farmacêuticas
  • Orientador : LUCIANO FARIAS DE ALMEIDA
  • Data: 22/11/2018
  • Mostrar Resumo
  • E imprescindivel a realizacao do controle de qualidade nas industrias farmaceuticas para conferir aos medicamentos qualidade, seguranca, eficacia e credibilidade junto ao mercado consumidor. Um dos parametros de qualidade mais importantes nas analises de rotina de uma industria farmaceutica e a analise quantitativa do principio ativo encontrado no medicamento, visto que estas industrias devem obedecer as Boas Praticas de Fabricacao de Medicamentos estabelecidas pela Agencia Nacional de Vigilancia Sanitaria. Diante disso, propoe-se uma metodologia automatica em fluxo-batelada baseada em analise de imagens digitais para determinacao de N-acetil-L-cisteina em formulacoes farmaceuticas. O sistema automatico proposto utiliza uma webcam de alta resolucao para captura dos dados RGB das imagens digitais do produto da reacao colorimetrica. Esta reacao envolve duas etapas: 1) reacao do analito com Fe(III) para gerar Fe(II) e em seguida 2) complexacao do Fe(II) com a 1,10-Fenantrolina. Todas as solucoes analiticas foram preparadas on-line e todos os processos analiticos foram realizados simplesmente mudando os parametros operacionais do aplicativo de controle. A componente de cor otima do estudo foi a B, com resposta linear na faixa de trabalho de 8,08×10-5 a 1,85×10-4 mol L-1. O modelo de calibracao foi validado atraves de analises de variancia para falta de ajuste e significancia de regressao, realizadas apos analise grafica dos residuos deixados pelo modelo. Os limites de deteccao e quantificacao e a frequencia analitica foram estimados como sendo, respectivamente; 2,23×10-6 mol L-1; 7,44×10-6 mol L-1 e 30 h-1. Os resultados obtidos atraves do metodo proposto foram comparados com os do metodo de referencia. Ao aplicar o teste t-pareado, a um nivel de 95% de confianca, verificou-se que ambos os metodos nao apresentam diferencas estatisticamente significativas entre si em termos de exatidao. Diante disso, pode-se afirmar que a metodologia proposta e confiavel, de baixo custo, rapida e apresenta baixo consumo de reagentes e amostras.
  • LUZIA MARIA CASTRO HONORIO
  • Propriedade fotocatalítica de SrSnO3 e derivados: Eficiência na degradação de corantes, otimização nos parâmetros de reação e avaliação toxicológica.
  • Orientador : IEDA MARIA GARCIA DOS SANTOS
  • Data: 12/11/2018
  • Mostrar Resumo
  • Estanato de estroncio, SrSnO3, e uma perovskita do tipo ortorrombica que apresenta diversas aplicacoes tecnologicas devido as suas caracteristicas fisicas e quimicas interessantes, sendo bastante usada como fotocatalisador. Neste trabalho, SrSnO3 e derivados (dopados e suportados) foram obtidos pelo metodo Pechini – modificado e caracterizados por difracao de raios-X (DRX), espectroscopia na regiao do infravermelho (IR), na regiao do Ultravioleta-visivel, espectroscopia Raman, area superficial especifica (BET), espectroscopia de emissao fotoluminescente, microscopia eletronica de varredura (MEV), microscopia eletronica de transmissao (MET), espectroscopia de energia dispersiva (EDS) com mapeamento, aplicados na avaliacao fotocatalitica de corantes sinteticos. As moleculas – alvo escolhidas foram o remazol amarelo ouro (RNL), azul de metileno (MB) e eosina (EA), sendo compostos geralmente encontrados em aguas residuais e industriais. A principio, os ensaios fotocataliticos usando o azo- corante RNL foram realizados em um reator utilizando tres lampadas de 9W UVC (λ = 254 nm) com intuito de determinar a participacao de cada especie reativa a partir do uso de sequestradores de radicais hidroxila, buracos e eletrons na oxidacao do corante. Por sua vez, os testes utilizando os corantes MB e EA tiveram os parametros operacionais otimizados (como a concentracao do fotocatalisador, pH da solucao, presenca de sais inorganicos, presenca de sequestradores de radicais e fonte de luz) quantificados e monitorados por LC-MS para identificacao dos produtos de degradacao apos o processo fotocatalitico. Por fim, foi avaliado a estabilidade destes compostos por meio da reutilizacao de ciclos sucessivos e a avaliacao da toxicidade das solucoes, antes e apos o processo fotocatalitico usando artemia salina e o teste MTT (viabilidade celular) utilizando os dois ultimos corantes. Os resultados da avaliacao fotocatalitica mostraram que os catalisadores SrSnO3 e SrSnO3@ZrO2 obtiveram excelentes percentuais de degradacao em todos os corantes sob radiacao UV. Nos corantes MB e EA esses dados foram mais significativos, uma vez que, apos os ciclos de reutilizacao, esses compostos garantiram estabilidade superior a 50% em comparacao aos percentuais obtidos nos ciclos iniciais. Os testes de toxicidadade apresentaram resultados satisfatorios reforcando assim os cuidados e manuseio com os corantes modelos, que embora sejam bastante usados nas industrias textis, apresentam riscos de contaminacao e toxicidade nos ecossistemas e a saude publica.
  • THAYSA SUELLEN MENDONÇA DA SILVA
  • Síntese assistida por micro-ondas de tiossemicarbazonas derivadas da isatina com potencial atividade biológica.
  • Orientador : MARIO LUIZ ARAUJO DE ALMEIDA VASCONCELLOS
  • Data: 19/10/2018
  • Mostrar Resumo
  • A isatina e seus derivados vem se apresentando na literatura com um amplo perfil farmacologico. Suas bases de Schiff, por exemplo, apresentam atividades anticancer, antimicrobiana e antiviral, por isso sao bastante exploradas na literatura. Com base nisso, este trabalho foi realizado com o objetivo de sintetizar e investigar a atividade biologica de algumas tiossemicarbazonas derivadas da isatina. Foram obtidas 10 tiossemicarbazonas, sendo 6 ineditas, atraves da reacao de condensacao quimiosseletiva da tiossemicarbazida (9) e a porcao cetonica dos intermediarios derivados da isatina. Estes intermediarios foram obtidos via nitracao, cloracao e N-alquilacao da isatina. Seis destes derivados sao homodimericos e foram obtidos em bons rendimentos (64-94%). O uso da irradiacao de micro-ondas (100 °C) diminuiu consideravelmente o tempo de reacao das tiossemicarbazonas em comparacao com os metodos descritos na literatura que fazem o uso de refluxo e catalise. Os rendimentos obtidos tambem foram bastante satisfatorios e variaram de 70 a 84%. Foi realizada a avaliacao preliminar da atividade antimicrobiana das tiossemicarbazonas obtidas e dos intermediarios derivados da isatina contra cepas de bacterias e fungos leveduriformes. Foi observado que as tiossemicarbazonas nao apresentaram atividade biologica antimicrobiana, no entanto a isatina e seus derivados nitrados e alilados apresentaram acao antimicrobiana (CIM = 128 a 512 µg/mL). A caracterizacao estrutural dos compostos foi realizada por espectroscopia de infravermelho (IV) e RMN 1H e 13C.
  • WELMA THAISE SILVA VILAR
  • Desenvolvimento de metodologias analíticas baseadas em HPLC-DAD, espectroscopia no infravermelho e quimiometria para o controle de qualidade de repelentes de insetos
  • Data: 28/09/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho propoe metodologias para classificacao e determinacao de principios ativos (DEET, IR 3535 e icaridina) em repelentes de insetos, tendo em vista que nao existe um metodo de referencia para realizar o controle de qualidade desses produtos. Na primeira etapa foi realizado o desenvolvimento e validacao de um metodo baseado na cromatografia liquida de alta eficiencia (HPLC-DAD). O metodo validado de acordo com a EURACHEM apresentou boa linearidade (0,25 a 22 mg L−1, r2 = 0,9986 e 0,5 a 40 mg L−1, r2 = 0,9976), com a precisao intra e interdia calculada usando uma razao de Horwitz menor que 2 e recuperacoes de 89,2 a 111,6% e 94,7 a 109,2% para DEET e IR3535, respectivamente. Foram utilizadas as espectroscopias no infravermelho proximo e medio (NIR e MIR) e tecnicas quimiometricas para classificacao e calibracao dos repelentes comerciais. Na parte de classificacao multivariada obteve-se o melhor resultado com a analise discriminante pelos minimos quadrados parciais (PLS-DA) e MLR com selecao de variaveis stepwise (MLR/SW) utilizando os dados de espectroscopia NIR, alcancando uma Taxa de Classificacao Correta (TCC) de 100% para os tres principios ativa estudada (DEET, IR 3535 e icaridina). Em relacao a calibracao multivariada, foram utilizadas as espectroscopias NIR e MIR para determinar DEET e IR 3535 em repelentes. Para o DEET empregando os dados NIR, foram encontrados resultados satisfatorios utilizando a regressao pelos minimos quadrados parciais por intervalos (iPLS) e regressao linear multipla com selecao de variaveis pelo algoritmo das projecoes sucessivas (MLR/SPA) atingindo um RMSEP de 0,70% e 0,74% (m m-1), respectivamente. As amostras de IR 3535 medidas no NIR apresentaram melhores resultados com PLS e MLR/SW alcancando RMSEP de 0,64% e 1,03% (m m-1), respectivamente. Os melhores resultados utilizando MIR foram alcancados com o modelo PLS, com RMSEP de 1,38% e 1,69% (m m-1), para DEET e IR 3535, respectivamente. Por fim, foi realizado um estudo de transferencia de calibracao empregando dois equipamentos de espectroscopia NIR. Para este proposito, tecnicas de padronizacao direta (DS), reversa (RS) e direta por partes (PDS) foram utilizadas. Para DEET, o melhor resultado foi obtido com PLS aplicados a tecnica RS onde o RMSEP diminuiu de 7,95% para 1,21%. Para o IR 3535, o menor valor foi alcancado com MLR/SPA, em que o RMSEP diminuiu de 25,18% para 1,58% (DS). As metodologias alternativas propostas baseadas na espectroscopia NIR e MIR apresentaram vantagens por serem rapidas, nao destrutivas, baixo custo e nao utilizam reagentes. E sao promissoras na classificacao e calibracao para o controle de qualidade de principios ativos em amostras de repelentes de insetos.
  • ANDRE LEONARDO PATRICIO SILVA
  • Estudos em biocatálise com células integrais de Geotrichum candidum e Lipase de Burkholderia cepacia imobilizadas em sílicas funcionalizadas.
  • Orientador : JULIANA ALVES VALE
  • Data: 27/09/2018
  • Mostrar Resumo
  • A relevancia da biocatalise para a sintese organica pode ser atribuida, naturalmente e primariamente, aos catalisadores enzimaticos que expressam enorme versatilidade para aceitar um amplo espectro de substratos moleculares, em reacoes simples ou complexas, promovendo atividade catalitica com elevado potencial quimio-, regio- e enantiosseletivo. Contudo, ha de se ultrapassar algumas dificuldades, por exemplo, o comprometimento da estabilidade dos biocatalisadores nos processos reacionais merece especial atencao. E nessa direcao que o presente trabalho de tese propoe-se a contribuir para o desenvolvimento de novas estrategias em biocatalise, tendo como principal escopo o uso da Tecnologia de Imobilizacao de Biocatalisadores para aplicacoes em reacoes organicas, tais como Baeyer-Villiger, reducao assimetrica de cetonas e resolucao cinetica enzimatica de alcoois secundarios. Os resultados mostraram que o emprego de celulas vivas de G. candidum CCT 1205 em reacoes de Baeyer-Villiger possibilitou rapidas conversoes de cetonas ciclicas em ɛ-caprolactona, quando comparados a outros microrganismos ja reportados. A presenca do suporte contendo o microrganismo imobilizado forneceu evidencias de estabilizacao do meio celular ao diminuir a toxidade do substrato as celulas, quando em meios mais concentrados. Nas reacoes de reducao da acetofenona, surpreendentemente, nos observamos formacao do fenol nas primeiras 12 horas, e ao final de 72 horas de reacao a composicao dos produtos rendeu 46,9 e 45,5 % do fenol e 1-feniletanol, respectivamente.
  • JULIANA KELLY DIONIZIO DE SOUZA
  • Avaliação fotocatalítica de niobatos lamelares: Influência dos métodos de síntese, aspectos teóricos e experimentais
  • Orientador : ARY DA SILVA MAIA
  • Data: 31/08/2018
  • Mostrar Resumo
  • O uso de semicondutores como fotocatalisadores apresenta-se como uma estrategia promissora no tratamento de poluentes organicos persistentes. Nesse sentido, o desempenho catalitico dos niobatos de potassio lamelares e suas formas acidas foram testados perante a reacao de degradacao do corante Remazol Amarelo Ouro (RNL). Os niobatos (KNb3O8 e o K4Nb6O17) foram preparados pelo metodo dos precursores polimericos (PP) e estado solido (ES). As formas acidas HNb3O8.H2O e K4-xHxNb6O17 dos niobatos de potassio obtidos pelo metodo PP, foram preparados partindo da reacao de troca ionica utilizando uma solucao de HNO3. Os materiais foram caracterizados por DRX, IV, Raman, UV-vis, MEV, BET, PL e Calculo Teorico para estudar o grau de distorcao das unidades de [NbO6]. Suas estruturas caracterizadas a longo, medio e curto alcance, estao de acordo com os propostos pela literatura. Os estudos de distorcoes das unidades de octaedros, relatam que o KNb3O8 possui apenas um tipo de distorcao, em contra partida, o K4Nb6O17 apresenta quatro tipos distorcoes. O octaedro com o maior grau de distorcao para o K4Nb6O17, possui uma ligacao curta Nb-O (com carater de dupla) e outra mais alongada. Observa-se que os niobatos na forma potassica possuem melhores desempenhos cataliticos quando comparados as suas formas acidas e ao P25. Estudos foram feitos para elucidar o mecanismo de descoloracao para ambos os niobatos de potassio sintetizados pelo metodo PP, em que utilizou-se supressores de radicais •OH, •O2- e para especies e-, h+. Com os resultados obtidos, observa-se que o mecanismo de fotocatalise e por via indireta, ou seja, pela formacao dos radicais •OH. Para o KNb3O8 temos que a contribuicao para a formacao dos radicais •OH e por via e- fotogerados na BC, por outro lado, tanto os e- como os h+ sao responsaveis pela formacao do radical •OH para o K4Nb6O17. Em especial para reacao de descoloracao utilizando o KNb3O8, parametros reacionais foram estudados como, pH , concentracao inicial (C0) do corante, quantidade e variacao da temperatura de calcinacao do fotocatalisador. Foram analisados tres ciclos de reuso para os niobatos de potassio, em que indicam pouca perda de atividade catalitica perante a reacao de descoloracao.
  • WILLY CASTRO RODRIGUES DE ANDRADE
  • “Metodologia baseada em reação de gota sobre papel para verificação de ácido salicilico, Peróxido de Hidrogênio, Amido e neutralizantes em leite cru e UAT"
  • Orientador : LUCIANO FARIAS DE ALMEIDA
  • Data: 30/08/2018
  • Mostrar Resumo
  • O Brasil se encontra em terceiro lugar na producao mundial de leite, mesmo ocupando essa posicao, existe importacao de leite para suprir a demanda nacional devido ao alto consumo da populacao. Como o leite e um alimento bastante perecivel, e necessario o monitoramento de suas caracteristicas fisico-quimicas e microbiologicas em todo o seu percurso antes que ele chegue as maos do consumidor. Esse monitoramento e necessario para evitar qualquer tipo de fraude no leite ou a venda inadequada do produto, a fraude normalmente e feita com a intencao de mascara a ma qualidade do produto quando ele nao esta de acordo com parametros definidos pelo ministerio da agricultura pecuaria e abastecimento (MAPA). A legislacao vigente dispoe de todas as analises que devem ser feitas no leite quando esse esta na condicao de materia-prima ou de produto final. O objetivo desse trabalho foi criar um dispositivo baseado na tecnica de papel reativo, capaz de identificar as fraudes de agentes conservantes, reconstituinte e neutralizante em poucos segundos, que seja pratico, de baixo custo, com baixo consumo de reagente e amostra, minima geracao de residuos e que possa ser levado a campo e utilizado por qualquer pessoa. O dispositivo e de teor qualitativo e deve ser utilizado para identificar a presenca ou nao da fraude de acordo com testemunho que estara ao lado do usuario quando esse for observar o leite em analise. O total de amostras utilizadas nesse trabalho foi uma quantia de 23 , onde 7 500mL foram de leite cru e 16 de 1L de ultra alta temperatura(UAT), onde das 7 amostras de leite cru 2 foram utilizadas para observar as mudancas de cores que os produtos formados pelas reacoes colorimetricas propiciavam no leite, 2 para montar as curvas analiticas e 3 para validar o metodo, das 16 amostras de leite UAT, 4 foram utilizadas para observar as mudancas de cores das reacoes colorimetricas, 3 para montar as curvas analiticas e 9 para validar o metodo. Os conservantes analisados nesse trabalho foram o Peroxido de Hidrogenio que apresentou resposta positiva a partir de uma concentracao de 0,3%(v/v) tanto para o leite cru quanto para o leite UAT, de acordo com a reacao de oxidacao do peroxido de hidrogenio com Oxido de vanadio (V) em ambiente acido, o Acido Salicilico que apresentou resposta positiva a partir de uma concentracao de 250mgL-1 tanto para o leite cru quanto para o leite UAT isso baseado em uma reacao complexometrica com Fe(III). O reconstituinte analisado foi o amido, sua determinacao reacao complexacao entre ele e o triiodeto, dando resposta positiva a uma concentracao de 0,03%(m/v). A presenca de agentes neutralizantes foi observada com o auxilio indicador azul de bromo timol em meio acido, durante o estudo observou-se que em pH igual a sete ,a solucao fica verde e em altos valores de pH torna-se azul, no presente estudo foi visto que entre pH 8 e 9,5 a cor observada e uma mescla de verde com azul e que a partir de pH 10 a coloracao fica completamente azul. E em pH menores que 7 a solucao e amarela.
  • ANDREIA RUFINO RODRIGUES
  • Especiação Química de Ferro em Tomates utilizando um analisador em fluxo batelada e Imagens Digitais
  • Data: 29/08/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Esse estudo propoe uma nova metodologia automatica para a especiacao quimica de ferro em amostras de tomates utilizando um analisador automatico em fluxo batelada. O analisador automatico utiliza uma webcam como sensor para aquisicao de imagens digitais de acordo com o sistema de cor RGB. O metodo para determinacao de ferro (II) baseia-se na reacao de ferro com a 1,10-fenantrolina que forma um complexo de coloracao alaranjada com maxima absorcao em 510 nm. A determinacao de ferro total foi realizada pela reducao do ferro (III) para ferro (II) pelo acido ascorbico, e por diferenca foi realizada a determinacao de ferro (III). Para validar a metodologia foram feitas analises utilizando uma amostra certificada (NIST 1547). Os modelos lineares das curvas analiticas foram validados por intermedio de ANOVA, e da analise grafica dos residuos deixados pelos modelos. A frequencias analitica foi de 94 h−1, com erros relativos medios entre 1,1% e 2,5% e desvios medios entre 0,1% e 0,41%. O tempo de analise de cada amostra foi estimado em 38 s tanto para determinacao de ferro (II) quanto para ferro total. O consumo de amostra e reagente combinados em cada analise ficaram em torno de 0,54 mL e 0,66 mL respectivamente. A determinacao de ferro (II) e ferro total foram corroborados pelos metodos de referencia, respectivamente, absorcao molecular no UV/Vis e ICPOes. Foi observado que nao existe diferenca estatisticamente significativa entre os resultados, aplicando o teste t-pareado ao nivel de confianca de 95%. O sistema FBA proposto se mostrou uma otima ferramenta para a determinacao dos analitos estudados.
  • IELENA EULALIA MATIAS CAVALCANTE ROCHA SOUTO
  • Estudo dos parâmetros físico-químicos associados a presença de cianobactérias e avaliação da sua remoção por fotólise e biorreator com membranas de ultrafiltração.
  • Data: 28/08/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A agua e indispensavel para manutencao dos ecossistemas e para garantia da vida. Manter e avaliar a qualidade dos mananciais sao etapas cruciais para cuidar desse bem tao precioso. O lancamento descontrolado de residuos urbanos nos corpos d´agua acentua o processo de eutrofizacao sendo propicia para o desenvolvimento das cianobacterias, que podem representar serios riscos a saude quando ocorre a liberacao da sua toxina. Tecnicas convencionais de tratamento de agua apresentam limitacoes para remocao desses compostos, assim novas tecnologias sao necessarias. O objetivo da tese consistiu em verificar as alteracoes dos parametros fisico-quimicos da agua com a presenca de cianobacterias e avaliar sua remocao por biorreatores de membranas de ultrafiltracao e fotolise. A etapa metodologica foi dividida em tres fases. Na primeira, realizou-se o monitoramento das cianobacterias, no acude de Sao Goncalo/ PB, associado aos seguintes parametros fisico-quimicos: cor, turbidez, pH, alcalinidade, solidos totais dissolvidos, condutividade e oxigenio dissolvido. Utilizou-se a correlacao de Pearson, e a partir dela observou-se que para o manancial estudado existe uma correlacao forte (p=0,7), positivamente, entre a densidade de cianobacterias e o pH do meio. Verificou-se na segunda etapa a remocao de diferentes especies de cianobacterias em amostras reais, atraves de um biorreator com membranas de ultrafiltracao, onde se monitorou os seguintes parametros: cor, turbidez, DBO e DQO. O BRM apresentou um permeado com boa qualidade, onde a remocao da densidade celular chegou a uma expressiva reducao de 99,7%, mostrando-se como uma tecnica util para diminuir essas densidades. Na ultima fase, verificou-se a lise celular atraves da fotolise, com radiacao UV em 254 nm, sendo avaliada a remocao da especie Microcytis aeroginosa e sua toxina a microcistina. Foram avaliadas as densidades da especie, integridade celular, concentracao da toxina e carbono organico total (COT). Os resultados obtidos indicaram, para a solucao com pH 9 e concentracao de 20.000 cel/ml, remocao de 100% nos maiores tempos estudados, ja a remocao do COT chegou a 80,77%. Verificou-se que o tratamento utilizado foi capaz de liberar o conteudo intracelular da especie e diminuir a sua densidade celular.
  • JEFFERSON CRISTIANO SOUSA DA SILVA
  • Sistemas bentonita sódica/quitosana obtidos por micro-ondas aplicados como adsorventes para corante aniônico
  • Orientador : MARIA GARDENNIA DA FONSECA
  • Data: 24/08/2018
  • Mostrar Resumo
  • Bionanocompositos obtidos pela interacao de argilominerais com biopolimeros tem sido obtidos e aplicados em adsorcao de especies poluentes e de interesse biologico. O presente trabalho descreve a preparacao, caracterizacao e estudo de propriedades de adsorcao de nanocompositos quitosana/bentonita com concentracoes variaveis de quitosana (QUI) nas proporcoes de 50, 100, 200 e 300% da capacidade de troca cationica do argilomineral. Os ensaios de preparacao foram realizados em um reator de micro-ondas a partir da reacao da bentonita sodica com uma solucao em acido acetico da quitosana durante 15 ou 30 minutos a 323 K. Os compositos foram caracterizados por analise elementar de CHN, difratometria de Raios-X, espectroscopia na regiao do infravermelho e analise termica. Os resultados das analises de caracterizacao confirmam que os compositos foram devidamente preparados e que estes apresentam propriedades melhoradas em relacao aos materiais de partidas utilizados na sintese. Os nanocompositos sintetizados foram analisados como sistemas adsorventes para remocao do corante Violeta 5R, e os resultados preliminares apresentam indicios de que os materiais podem ser considerados eficazes e versateis na remocao de especies anionicas em meio aquoso, como o corante em estudo. Parametros como a influencia do pH do meio e a taxa de dosagem do adsorvente em um volume fixo de corante foram analisados. Os resultados sao promissores e sugere que os compositos preparados apresentam alta capacidade adsortiva podendo chegar a 100% da remocao do adsorbato a partir 75 mg de adsorvente em pH 1,0.
  • THAYANA MARIA LOPES DE LIMA
  • Estudo Teórico do Estado Iônico da Molécula do 1,1,1-TRIFLÚOR-2-cloroctano (HCFC-133a)
  • Data: 24/08/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho pretende-se investigar o estado ionico da molecula do HCFC-133a, estado este caracterizado pela primeira vez, e sugerido como uma consequencia de resultados previos obtidos para o CH3Cl. Este estado pode ser descrito como um par ionico conectado por uma ligacao de hidrogenio. Dentre as propriedades estudadas podemos destacar caminhos fotoquimicos que levam a sua formacao, momento de dipolo, separacao de cargas, energia de estabilizacao e estrutura. Estas propriedades foram estudadas atraves dos metodos multiconfiguracionais MCSCF, MR-CISD e MR-CISD+Q. Efeitos da funcao de base tambem foram levados em consideracao. Os resultados indicam grande similaridade entre os estados ionicos do HCFC-133a e do CH3Cl. Porem, a energia de estabilizacao no caso da primeira molecula e cerca de 1,1 eV menor, o que pode ser explicado pelo grande rearranjo que o cation [CF3CH2]+ sofre.
  • HEBERTON EUGÊNIO DE OLIVEIRA SILVA
  • Estudo estrutural e espectroscópico de complxeos de Íons Lantanídeos contendo o Carboxilato N-Acetilglicina
  • Orientador : ERCULES EPAMINONDAS DE SOUSA TEOTONIO
  • Data: 24/08/2018
  • Mostrar Resumo
  • Reporta-se neste trabalho a sintese, caracterizacao e investigacao de propriedades luminescentes de compostos contendo o carboxilato N-acetilglicina coordenado a ions trivalentes de lantanideos. A caracterizacao dos compostos se deu atraves de titulacao complexometrica com EDTA que corrobora a analise elementar de carbono, ambas indicando que os compostos obtidos estao de acordo com os valores teoricos da formula molecular de cada um dos complexos; espectroscopia de absorcao na regiao do infravermelho, utilizada para calcular os valores de Δν atraves dos estiramentos simetricos e assimetrico do ion carboxilato, valor indicativo do modo de coordenacao dos carboxilatos, os valores calculados ficaram todos na faixa que indica o modo de coordenacao bidentado para todos os complexos. Analises termogravimetricas e calorimetria exploratoria diferencial, indicando a coordenacao de duas ou ate tres moleculas de agua; ressonancia magnetica nuclear e difracao de raio X pelo metodo do po, os deslocamentos interplanares evidenciam que os compostos sao todos isomorfos. Visto que o ligante N-acetilglicina nao possui grupos cromoforos os espectros de reflectancia difusa, emissao e excitacao nao apresenta bandas referentes a ele, pelo contrario, todo o espectro, seja na regiao do visivel ou infravermelho proximo, e totalmente caracterizado por bandas finas centradas nos ions metalicos originarias de transicoes intraconfiguracionais oriundas dos niveis fundamentais de cada ion. Apesar de nao possuir cromoforos em sua estrutura, o complexo de europio apresentou luminescencia, e o complexo de terbio fractoluminescencia.
  • HELIVALDO DIOGENES DA SILVA SOUZA
  • Síntese, caracterização e avaliação antimicrobiana, avaliação da atividade Leishmanicida e avaliação da atividade citotóxica em células tumorais das selenoglicoliamidas.
  • Data: 24/08/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Na busca de novos compostos com aplicacao sintetica e na construcao de desenvolvimentos de novos farmacos, os compostos de organoselenio vem se destacando bastante nas ultimas decadas. Os compostos de organoselenio possuem uma larga gama de atividades biologicas tais como: antibacteriana, antiviral, antifungica, anticancer, anti-inflamatoria, antinociceptivo, etc. Neste trabalho, descreve-se a sintese, caracterizacao e os estudos antimicrobiano e citotoxicidade dos compostos organoselenio. A sintese dos compostos foram obtidos em 3 etapas: i) a producao do hidrogenoseleneto de sodio pela reacao de selenio (preto em po) com borohidreto de sodio em uma solucao aquosa; ii) o NaHSe reage com cloretos de aroila formando aroilselenetos de sodio; iii) e produzido os derivados do selenol esteres pela reacao do aroilselenetos de sodio com as 2-cloro-N-arilacetamidas. Os compostos foram caraterizados pelas tecnicas espectroscopicas de IV, RMN 1H e 13C. Na avaliacao antimicrobiana in vitro, os compostos apresentaram atividade frente a diversas linhagens de Staphylococcus aureus com concentracao inibitoria minima na faixa de 16-256 em µg/mL, destacando-se os compostos HSe01, HSe06, HSe09 que apresentaram uma MIC entre 16-64 µg/mL. Na atividade antifungica, os compostos nao apresentaram atividade frentes as cepas utilizadas. Na avaliacao citotoxica contra celulas tumorais, os compostos que mais se destacaram foram: HSe02 e HSe07 com 49% de inibicao contra a linhagem MCF-7; HSe02 e HSe05 com 100% de inibicao contra a linhagem HEp-2 e o HSe05 com inibicao de 99,56% na linhagem HL60.
  • THAYANA MARIA LOPES DE LIMA
  • Estudo Teórico do Estado Iônico da Molécula do 1,1,1-TRIFLÚOR-2-cloroctano (HCFC-133a)
  • Data: 24/08/2018
  • Mostrar Resumo
  • Neste trabalho pretende-se investigar o estado ionico da molecula do HCFC-133a, estado este caracterizado pela primeira vez, e sugerido como uma consequencia de resultados previos obtidos para o CH3Cl. Este estado pode ser descrito como um par ionico conectado por uma ligacao de hidrogenio. Dentre as propriedades estudadas podemos destacar caminhos fotoquimicos que levam a sua formacao, momento de dipolo, separacao de cargas, energia de estabilizacao e estrutura. Estas propriedades foram estudadas atraves dos metodos multiconfiguracionais MCSCF, MR-CISD e MR-CISD+Q. Efeitos da funcao de base tambem foram levados em consideracao. Os resultados indicam grande similaridade entre os estados ionicos do HCFC-133a e do CH3Cl. Porem, a energia de estabilizacao no caso da primeira molecula e cerca de 1,1 eV menor, o que pode ser explicado pelo grande rearranjo que o cation [CF3CH2]+ sofre.
  • ISMAEL DIONISIO SOUTO
  • Síntese e caracterização de materiais KNb1-xTaxO3 onde 0≤ x ≤1 aplicados na fotodescoloração do corante remazol amarelo ouro.
  • Data: 22/08/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os corantes do tipo azo estao entre os mais empregados pela industria textil. Assim, ha uma preocupacao com o descarte dos residuos industriais sem um tratamento previo e os possiveis impactos ambientais que podem causar. O corante remazol amarelo ouro (RNL) possui um grupo azo, que se caracteriza pela presenca do ‒N=N‒, cromoforo da molecula, ligado a aneis aromaticos. Dentre os principais processos para descoloracao deste tipo de corante esta a fotocatalise heterogenea que utiliza semicondutores sob incidencia de radiacao para promover o par eletron/buraco. A classe de semicondutores do tipo perovskita tem se mostrado eficiente quando atuam como fotocatalisadores. O presente trabalho teve como foco sintetizar, caracterizar e aplicar perovskitas contendo niobio e tantalo, com formula geral KNb1-xTaxO3, com a proporcao de tantalo variando de 0%, 25%, 50%, 75% e 100% na descoloracao do RNL. A sintese dos materiais foi atraves do estado-solido (ceramico). Para caracterizacao, foram realizadas analises de difracao de raios-X (DRX), espectroscopia de absorcao na regiao do ultravioleta e do visivel (UV-Vis), espectroscopia vibracional na regiao do infravermelho (IV), espectroscopia Raman, analise da area superficial (BET), analise elementar por fluorescencia de raios-X (EDX), fotoluminescencia (PL) e potencial de carga zero (PCZ). O mecanismo de fotocatalise aconteceu pelo mecanismo indireto tendo meio reacional em pH 6. Conforme a proporcao de tantalo aumenta em cada material, acontece a mudanca do grupo espacial, saindo de ortorrombica, passando pela estrutura tetragonal ate a cubica. O material que apresentou maior capacidade de descoloracao foi a perovskita contendo apenas tantalo (KTaO3) com 34% de descoloracao.
  • GABRIELLY DOS SANTOS MACIEL
  • Estudo da Estabilidade Oxidativa do Biodiesel Aditivado com Aminas Aromáticas
  • Data: 30/07/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A problematica relativa ao tempo de vida util do biodiesel incentivou este estudo, o qual envolveu a avaliacao de aminas aromaticas como aditivo antioxidante no retardamento do processo degradativo do mesmo. Alem de avaliar dois metodos acelerados de quantificacao da estabilidade oxidativa de amostras de biodiesel oriundas de tres fontes, a saber, oleo das sementes de algodao (OA), oleo residual residencial (ORR) e oleo residencial comercial (ORC). Todos os parametros fisico-quimicos relacionados as amostras de biodiesel enquadraram-se nos limites estabelecidos pela Agencia Nacional do Petroleo, Gas Natural e Biocombustiveis (ANP). Primeiramente foi avaliada amostras do biodiesel metilico do oleo das sementes de algodao (BMA) sem e contendo diferentes concentracoes de 3,4-diaminotolueno (DAT) pelos metodos PetroOxy (ASTM D7545) e Rancimat (EN 14112). Os valores de periodo de inducao (PI) mostraram maior efeito protetor na maior concentracao, independentemente do metodo de analise. O valor de 8 h especificado pela ANP, usando o metodo Rancimat, somente nao foi alcancado para a amostra com DAT na concentracao de 1,25 mmol.kg-1. Assim como o acompanhamento da concentracao de DAT, a influencia da temperatura foi investigada atraves do metodo PetroOxy. A extensao do fator de protecao (FP) nas amostras foi dependente da temperatura e o maior efeito protetor de DAT foi verificado na temperatura de 120°C. Um estudo complementar foi realizado com amostras de BMA, biodiesel do oleo residual residencial (BMRR) e comercial (BMRC), sem e com DAT, N-fenil-o-fenilenodiamina (DNO), N-fenil-p-fenilenodiamina (DNP) e difenilamina (DIF) na concentracao de 5 mmol.kg-1 pelo metodo Rancimat (110°C) e PetroOxy (90, 100, 110 e 120 °C). A analise dos resultados apresentados permitiu concluir que as aminas aromaticas alcancaram um efeito protetor satisfatorio contra a auto-oxidacao do biodiesel, entretanto o FP da amina aromatica dependeu da temperatura e do tipo de biodiesel, bem como do metodo de analise. Complementarmente, os valores de PI foram acima do regulamentado pela ANP, quando avaliadas pelo metodo Rancimat, exceto as amostras BMA e BMRR aditivada com DIF e BMRR com DNP.
  • DANIELLA IRIS DE OLIVEIRA SILVA
  • Uma metodologia baseada em espectrometria UV-VIS e quimiometria para a determinação de N,N-dietil-3-metilbenzamida em repelentes.
  • Data: 27/07/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Nos ultimos anos, surtos de doencas transmitidas por vetores tem causado grande apreensao a populacao. Os repelentes surgem como uma alternativa de prevencao acessivel e se torna cada vez vais importante o controle de qualidade destes cosmeticos, visto que o teor do principio ativo esta diretamente relacionado a eficiencia e ao tempo de protecao proporcionados pelo repelente. Este trabalho propoe o desenvolvimento de uma metodologia para determinacao de N,N- dietil-3- metilbenzamida (DEET) em repelentes de insetos em locao, usando espectrometria UV-VIS e calibracao multivariada. Para esta finalidade foram desenvolvidos e comparados modelos quimiometricos baseados na regressao pelos minimos quadrados parciais (PLS), regressao pelos minimos quadrados parciais por intervalos (iPLS) e regressao linear multipla com previa selecao de variaveis pelo algoritmo das projecoes sucessivas (SPA-MLR), algoritmo genetico (GA-MLR) e formulacao stepwise (SW-MLR). Bons resultados foram encontrados com todos os modelos, com valores de RMPSEP variando de 0,88 a 0,92% m/m. Um Teste F realizado com nivel de confianca de 95% indicou que nao ha diferenca estatisticamente significativa entre os diferentes modelos desenvolvidos. Adicionalmente, um teste t-pareado (com 95% de confianca) nao identificou diferencas entre os metodos propostos e o de referencia. Os resultados demonstraram o potencial da espectrometria UV-VIS associada a calibracao multivariada para determinar o teor de DEET em repelentes como uma estrategia rapida, simples e com uma boa correlacao entre os valores estimados pelo modelo e os valores de referencia.
  • FRANCISCO GILMÁRIO NUNES FILHO
  • Cloropropil vermiculitas modificadas com derivados de piperazina contendo zinco e cobre como agentes antimicrobianos
  • Data: 25/07/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A vermiculita e um filossilicato planar com estrutura 2:1, di ou trioctaedrica, com alto grau de substituicoes isomorficas e alta lamelar cuja neutralidade eletrostatica por cations hidratados na regiao interlamenlar, comumente Mg2+. A ativacao acida da vermiculita gera grupos SiOH, que permitem interacao covalente com compostos organicos. Neste trabalho, amostras de vermiculita foram ativadas com acido HNO3 1,00; 2,00 e 3,00 mol.L-1 sendo os produtos silanizados com cloropropiltrimetoxisilano. Os solidos silanizados reagiram com duas aminas ciclicas, piperazina (PPZ) e 1,4-Bis-(3-aminopropil)piperazina (APPIP). Os solidos precursores e organofuncionalizados apos interacao com cobre e zinco, foram aplicados como agentes antimicrobianos. A atividade antimicrobiana foi avaliada pelo teste de concentracao inibitoria minima (CIM) para especies Staphylococcus aureus e Escherichia coli. Os resultados da difracao de raios X da vermiculita bruta e solidos ativados mostraram espacamento basal de 1,42 nm que foi mantido apos silanizacao, indicando a imobilizacao na superficie externa da vermiculita. Os espectros de infravermelho dos produtos organofuncionalizados contendo aminas apresentaram novas bandas, referentes a ligacoes C-H e N-H, confirmando a presenca de grupos organicos na matriz inorganica, que foi confirmada pelos dados de analise elementar de cloro a analise elementar de CHN e termogravimetria, indicando efetividade das reacoes. Os solidos hibridos dotados de centros basicos nitrogenados mostram potencial para adsorcao para metais em meio aquoso. Todos os solidos resultantes da adsorcao com cobre apresentaram um relativo potencial de atividade antimicrobiana para as duas especies de microrganismos avaliadas, com os melhores resultados de CIM para E. coli em V2-PCu005 e V2-AMPCu005 de 10,4 e 20,8 mg/mL, respectivamente.
  • WELISSON DE PONTES SILVA
  • Síntese, caracterização e avaliação das propriedades térmicas e óticas de cristais líquidos discóticos derivados de azo-2,3-difenilquinoxalinas
  • Data: 09/07/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Cristais liquidos (CLs) constituem importantes materiais com propriedades de ordem e fluidez. O controle das caracteristicas de auto-organizacao e automontagem pode ser realizado pela introducao de um interruptor otico, como o sistema azobenzeno. Propriedades luminescentes e de transporte de carga podem ser agregadas pela incorporacao do centro quinoxalina. Neste contexto, esta dissertacao apresenta a sintese e caracterizacao das propriedades mesomorficas e oticas de quatro series de compostos derivados do azobenzeno 1,4-dissubstituidos ligados ao centro quinoxalina. As moleculas sao constituidas pelo centro rigido central azobenzeno, onde, em uma das extremidades foram introduzidos grupos com polaridades, tamanhos e propriedades eletronicas diferentes, como grupos OC10H21, NO2, Cl, OCH3 e OC8H17 (cadeia alcoxi ramificada). Na outra extremidade, tem-se o centro quinoxalina substituido nas posicoes 2,3 com grupos metoxifenil ou dodeciloxifenil. Para ligar o sistema azobenzeno a quinoxalina foi utilizado o grupo ester, que pode ser diretamente ou utilizando um espacador de seis carbonos. Os compostos foram caracterizados por espectroscopia na regiao do infravermelho, ressonancia magnetica nuclear de 1H e 13C e espectrometria de massas. As propriedades mesomorficas foram investigadas por Microscopia Otica Luz Polarizada (MOLP), Calorimetria Diferencial de Varredura e difratometria de raios-X (DRX) em temperatura variada. Os resultados mostraram que os grupos dodeciloxifenil na porcao quinoxalinica e grupos compactos eletrons retiradores no sistema azobenzeno favoreceram a estabilizacao da mesofase colunar enquanto que os grupos metoxifenil na porcao quinoxalinica foi determinante na geracao de materiais que nao apresentam cristalizacao no resfriamento, mantendo-se como um solido vitreo. Os compostos apresentaram fraca luminescencia na regiao do azul com maiores intensidades para os compostos com o grupo espacador de seis carbonos devido a maior distancia intramolecular dos cromoforos azobenzeno e quinoxalina. Os compostos apresentaram foto-isomerizacao reversivel em solucao e tambem na mesofase sendo avaliado por MOLP e DRX.
  • ARQUIMEDES JOSÉ MOURA E SILVA FILHO
  • Investigação eletroquímica e determinação voltamétrica do fármaco mebendazol usando eletrodo de carbono vítreo.
  • Data: 28/05/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O mebendazol (MBZ) e um farmaco com propriedades anti-helminticas que apresenta funcoes larvicidas e orvicidas, sendo bastante eficaz no combate a ascaradiase, tricuriase, enterobiase, teniase e ancislotomiase, que sao doencas encontradas, principalmente, em paises subdesenvolvidos e em desenvolvimento, devido a falta de informacao com relacao a higiene e de saneamento basico. Uma boa parte da populacao tambem nao possui conhecimento a respeito do descarte de medicamentos e nem das possiveis consequencias causadas ao meio ambiente e aos seres humanos, oriundas do descarte inadequado de farmaco, necessitando de metodos analiticos sensiveis para a determinacao desses compostos em niveis de tracos. Os metodos cromatograficos e espectrometricos sao os mais empregados para a determinacao do MBZ. Neste trabalho foi utilizado os metodos voltametricos para os estudos eletroquimicos (voltametria ciclica – VC, voltametria de pulso diferencial – VPD e voltametria de onda quadrada – VOQ) e desenvolvimento de um metodo em VOQ para a determinacao desse farmaco sobre um eletrodo de carbono vitreo (ECV). Um pico de oxidacao eletroquimica reversivel do MBZ (P1 ≈ +1,15 V), um pico de reducao ( P2 ≈ +1,10V) e um produto de oxidacao (P3 ≈ 0,39V) foi verificado sobre VC. Atraves do estudo de pH, realizado pela tecnica VPD, foram observado um processo de oxidativo revelou ampla dependencia (1,0 ≤ pH ≤ 4,0) com os potenciais de pico de modo que o mecanismo de reacao envolve a transferencia de 2H+/2e- e (5,0 ≤ pH ≤ 10,0) 2e- para o P1, obtendo um pKa = 4,0 e apresentando um intensidade de corrente maxima em pH = 1,0 (H2SO4 0,1 mol L-1). O estudo de pH tambem foi realizado por VOQ (1,0 ≤ pH ≤ 10,0), onde o pH 7,0 (tampao Britton-Robson 0,1 mol L-1) foi o que apresentou maior sensibilidade em termos de corrente e utilizado para fins analiticos. Uma metodologia empregando VOQ foi desenvolvida, sendo as melhores condicoes de analise: pH 7,0 (tampao BR 0,1 mol L–1), f = 80 s–1, ΔEs = 1 mV, ΔEp = 80 mV, td = 30 s, a excelente resposta do material pre-concentrado permitiu o desenvolvimento de uma metodologia analitica com uma faixa de linearidade de 1,23 × 10–8 a 1,84 × 10–7 mol L-1, com limites de deteccao e quantificacao de 1,99 × 10–9 e 6,65 × 10–9 mol L–1, respectivamente. O sensor apresentou repetibilidade (DPR = 3,91%) e reprodutibilidade (DPR = 4,60%).
  • SANDRO DUTRA DE ANDRADE
  • Síntese e caracterização de novos adutos de Morita-Baylis-Hillman (AMBH) homodiméricos com potencial anticâncer.
  • Data: 17/05/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Diante da promissora bioatividade que os adutos de Morita-Baylis-Hillman (AMBH) têm apresentado como potenciais candidatos a fármacos e da possibilidade de desenvolver novos compostos pertencentes a esta classe com atividade anticâncer, este trabalho se propôs a sintetizar e caracterizar novos AMBH conforme a abordagem “twin drugs”, visto que as estruturas obtidas apresentam dois grupos farmacofóricos idênticos ligados covalentemente por um espaçador, neste caso, sendo chamados de homodímeros. Os compostos homodiméricos foram obtidos a partir da reação entre o diacrilato de 1,3 propanodiol 28 com seis aldeídos aromáticos. Primeiro foi realizada a preparação do diacrilato, através da reação de esterificação de Fischer entre 1,3 propanodiol 30 com ácido acrílico 29, sendo o mesmo obtido em 61% de rendimento. Os homodímeros 22-27 foram sintetizados pela reação entre diacrilato 28 com os aldeídos 2-nitrobenzaldeído 31, 3-nitrobezaldeído 32, 4nitrobenzaldeído 33, 4-bromobenzaldeído 34, 4-clorobenzaldeído 35 e 4flúorbenzaldeído 36 usando DABCO como catalisador e acetonitrila como solvente. Todas as reações estudadas ocorreram com rendimentos entre moderados a bons (35-70%) levando à formação tanto dos homodímeros como dos produtos monossubstituídos 22a – 27a. Os produtos foram purificados por cromatografia flash e caracterizados por espectroscopia Infravermelho e de Ressonância Magnética Nuclear.
  • MATHEUS DE HOLANDA COSTA
  • Determinação de cobre em vinhos usando extração em fase sólida magnética, pontos quânticos de carbono e espectrofluorimetria
  • Data: 02/05/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O vinho estabelece padroes de identidade e qualidade, sendo assim realiza analises fisico-quimicas para verificar o seu valor nutricional e controlar a qualidade do produto. Entre os parametros a ser monitorado podemos citar o teor de ions metalicos em vinho. Altas concentracoes desses ions podem afetar as caracteristicas organolepticas como aroma, sabor e cor, formando precipitados ou turvacao, como tambem uma ingestao excessiva causa uma possivel intoxicacao. Um dos metais a ser controlado e o cobre, altas concentracoes do mesmo favorecem a turbidez e sedimentacao, como tambem a deterioracao do flavor, que e uma caracteristica fisiologica associado ao paladar e olfato. Para determinacao de teor de metais em vinho a espectrometria de absorcao atomica e a tecnica recomendada pela OIV. Como o vinho e uma matriz complexa, e necessario tecnicas de preparo de amostra, antes de realizar a medida. Como pre-tratamento da amostra (vinho), a digestao da amostra por via umida e o metodo mais utilizado, sendo que necessita um elevado tempo de preparo e uso de solventes quimicos. Afim de otimizar o preparo de amostra para a determinacao de ions metalicos utilizou duas nanoparticulas: (1) extracao em fase solida magnetica, onde o analito e adsorvido utilizando a nanoparticulas magneticas de magnetita (Fe3O4) recobertas com alumina (Al2O3) e funcionalizadas com dodecil sulfato de sodio e 1-(2-piridilazo)-2-naftol; (2) a eluicao e deteccao do analito uitlizou pontos quanticos de carbono (PQCs) a partir de um bioprecusro de abacaxi para determinacao fluorescente de cobre (II). O desempenho do metodo proposto foi avaliado por meio da determinacao de cobre (II) em amostras de vinhos, o teste t emparelhado (as medidas foram feitas em triplicatas), indicou que nao existe diferenca significativa entre os resultados a um nivel de 95%. A metodologia utilizada permitiu estimar limites de deteccao e quantificacao de 8,2 e 27,3 mgL-1, respectivamente. O estudo de interferentes dos ions metalicos foi realizado com exito nao revelando interferencia percentual significativa (≤ 5 %). O metodo proposto obteve resutados satisfatorios comparado com o metodo de referencia.
  • KELLY DANUBIA DA SILVA
  • Pontos quânticos de carbono de Pilosocereus gounellei para determinação de taninos em chás empregando um analisador flow-batch com detecção fluorimética
  • Data: 23/03/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O presente trabalho se refere a um novo metodo automatico em fluxo-batelada para determinacao fluorimetrica de taninos em chas empregando pontos quanticos de carbono (PQCs). Os PQCs foram sintetizados utilizando uma estrategia simples e facil pelo metodo hidrotermico e foi empregado o xiquexique e a etanolamina como precursor de carbono e funcionalizante, respectivamente. As propriedades estruturais e opticas dos PQCs foram investigadas pelas tecnicas de difracao de raio X, UV–Vis, FTIR e espectroscopia de fluorescencia. Os PQCs sintetizados obtiveram um alto rendimento quantico de 13,58% e excelente solubilidade em agua. Foi verificado que a fluorescencia dos PQCs pode ser significativamente reduzida na presenca de taninos em amostras de cha verde e preto, em tampao fosfato pH 8. O mecanismo de extincao da fluorescencia pode ser atribuido as interacoes entre os grupos presentes na superficie dos PQCs com os taninos. Para esta analise, foi utilizando o sistema automatico flow-batch, com uma camara de mistura e reacao, na qual era feita a excitacao, utilizado um LED-ultravioleta, e a aquisicao dos espectros de fluorescencia on-line atraves de um espectrofluorimetro portatil como detector. Os resultados obtidos com o metodo proposto foram comparados com o de referencia para determinacao de taninos, e os limites de deteccao e os desvios padrao relativo foram estimados como sendo 0,102 mg L-1 e < 2,91 % (n = 3), respectivamente. A intensidade de fluorescencia de taninos-PQCs apresentou uma resposta linear com a concentracao de tanino na faixa de 2,0 a 30 mg.L-1com r2=0,996, alem de uma frequencia analitica bastante satisfatoria (18,9 h–1).
  • RAYSSA BARBOSA DE MEDEIROS
  • Síntese e caracterização de Oxinitretos Lamelares com fórmula K1+xM2Nb3O10-xNx (M=Ca e Sr) aplicados na descoloração fotocatalítica do corante Remazol Amarelo Ouro
  • Data: 19/03/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os corantes do tipo azo sao comumente utilizados em industrias texteis e de papel, essa classe e caracterizada por possuir o grupo cromoforo (-N=N-) ligado a aneis aromaticos. Sabe-se que estes podem ser carcinogenicos e/ou mutagenicos, diante disso torna-se necessario seus respectivos tratamentos. Com isso, a fotocatalise heterogenea aparece como uma alternativa crescente na literatura, por poder promover a parcial ou total mineralizacao. Dentre os materiais ceramicos utilizados nesses processos, os niobatos lamelares do tipo perovskita (KCa2Nb3O10 e KSr2Nb3O10), foco deste trabalho, sao constituidos de lamelas carregadas negativamente, formadas pelo arranjo de octaedros NbO6 empilhados e distorcidos, com metais alcalinos terrosos (Ca2+ e Sr2+) presente entre os octaedros e cations monovalentes na regiao interlamelar. O objetivo deste trabalho e sintetizar e caracterizar os oxidos mistos KCa2Nb3O10 (KCNO) e KSr2Nb3O10 (KSNO) bem como seus respectivos oxinitretos K1+xCa2Nb3O10-xNx (KCNO_N) e K1+xSr2Nb3O10-xNx (KSNO_N) aplicados na descoloracao fotocatalitica do corante Remazol Amarelo Ouro (RNL). Neste trabalho o KCNO e KSNO foram obtidos atraves da reacao no estado solido e pelo metodo do sal fundido, ja o KCNO_N e KSNO_N foram obtidos atraves da amonolise. Os materiais sintetizados e seus derivados foram caracterizados por difracao de raios-X (DRX), espectroscopia de absorcao na regiao do ultravioleta e do visivel (UV-Vis), espectroscopia vibracional na regiao do infravermelho (IV), espectroscopia Raman, analise da area superficial BET, microscopia eletronica de transmissao (MET), analise elementar por fluorescencia de raios X (EDX) e de nitrogenio, fotoluminescencia (PL) e por analise termogravimetrica (TG/DTA). Os materiais apresentaram uma alta organizacao quando analisados a longo alcance. Os espectros de IV e Raman confirmaram as modificacoes realizadas na rede da perovskita, entretanto, nos materiais nitretados foi observado a possivel existencia de especies nitrogenadas inseridas de forma intersticial e substitucional. Os resultados de analise elementar mostraram a interconversao da fase Dion Jacobson (DJ) para a Ruddlesden Popper (RP). Os espectros de PL mostraram que o processo de protonacao e nitretacao promoveram o aumento de defeitos profundos. As analises de BET nao mostraram variacoes significativas nas areas superficiais. As imagens de MET mostraram a presenca das nanofolhas apos esfoliacao. Em fase DJ o KCNO apresentou o melhor resultado, com descoloracao de 32% em pH 6, enquanto que na fase RP o KSNO_N apresentou maior descoloracao, com 20 %. Estes resultados podem estar diretamente ligados as intensidades de PL, que resulta numa maior ou menor recombinacao, e com isso percebe-se a diferenciacao das atividades dos materiais obtidos.
  • JOAO JARLLYS NOBREGA DE SOUZA
  • Óxidos de ferro e alumínio aplicados no processo Fenton para degradação de fenol
  • Data: 12/03/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho buscou-se sintetizar materiais dopados, substituindo o ferro e o alumínio nas matrizes de Fe2O3 e Al2O3, respectivamente, usando o método dos precursores poliméricos. Estes materiais foram caracterizados por análise térmica (TG/DTA), espectroscopia de infravermelho (IV), espectroscopia na região do Ultra-violeta - visível, espectroscopia RAMAN, Difração de Raios-X (DRX), Fluorescência de raio-X por energia dispersiva e área superficial pelo método de BET. A atividade catalítica dos materiais foi avaliada na reação de oxidação do fenol em meio aquoso, avaliando o efeito da dopagem com ferro ou alumínio na degradação do fenol, pelo processo Fenton heterogêneo, que foi quantificado por dois métodos diferentes, Folin-Ciocalteu e cromatografia líquida de alta eficiência. Após os testes catalíticos, foi observado que houve degradação de 94% do fenol com duas horas de reação, chegando ao máximo de 99% com quatro horas. Este material foi reutilizado por três vezes para o mesmo processo catalítico, mantendo o percentual de degradação após quatro horas de reação. A estabilidade química do material foi avaliada e observou-se que não há lixiviação do ferro.
  • WANDERSON BARROS COSTA
  • Hidroxiapatita modificada com óxidos de Sr, Ti e Zr para aplicações odontológicas
  • Data: 28/02/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A hidroxiapatita e um biomaterial com boa aplicacao em enxerto osseo, no entanto, apresenta limitacoes como, por exemplo, sua baixa resistencia mecanica. A alternativa de alteracao das propriedades mecanicas desse fosfato e a incorporacao de oxidos metalicos tanto na rede cristalina como na superficie da apatita. Neste trabalho, pos de hidroxiapatita modificados com silicio, titanio e zirconio a partir de alcoxidos com proporcoes de 25, 50, 75, 100 e 300 % em relacao aos sitios de hidroxilas presentes na hidroxiapatita, foram sintetizados por co-precipitacao quimica e a adicao dos alcoxidos nos solidos se deu por metodo sol-gel. Os materiais obtidos foram caracterizados por difratometria de raios - X, espectroscopia na regiao do infravermelho com transformada de Fourier, analise por fluorescencia de raios - X, espectrofotometria por reflectancia difusa no UV-VIS e analises termogravimetricas antes da interacao junto ao cimento ionomero de vidro. Os resultados das analises para as modificacoes propostas com alcoxidos sugeriram que ocorreu uma imobilizacao dos mesmos na superficie do solido, contudo, sem que houvesse mudancas significativas na estrutura da hidroxiapatita, observadas pela largura a meia altura dos pos sintetizados. Os solidos modificados com os ions de titanio e zirconio apresentaram uma maior imobilizacao dos mesmos na superficie do fosfato. Um pre-teste para possivel aplicacao odontologica dos materiais atraves da avaliacao de microinfiltracao marginal com incorporacao no cimento ionomero de vidro indicou que os solidos modificados apresentaram melhor desempenho do que a hidroxiapatita pura. Os melhores resultados foram para as amostras de hidroxiapatitas modificadas com zirconio (300 %), seguida do titanio (300 %) e silicio (100 %), diferente dos testes com a apatita pura, nos quais os resultados foram de uma maior infiltracao e nao fixacao do cimento odontologico.
  • WANDERSON BARROS COSTA
  • Hidroxiapatita modificada com óxidos de Si, Ti e Zr para aplicações odontológicas
  • Data: 28/02/2018
  • Mostrar Resumo
  • A hidroxiapatita e um biomaterial com boa aplicacao em enxerto osseo, no entanto, apresenta limitacoes como, por exemplo, sua baixa resistencia mecanica. A alternativa de alteracao das propriedades mecanicas desse fosfato e a incorporacao de oxidos metalicos tanto na rede cristalina como na superficie da apatita. Neste trabalho, pos de hidroxiapatita modificados com silicio, titanio e zirconio a partir de alcoxidos com proporcoes de 25, 50, 75, 100 e 300 % em relacao aos sitios de hidroxilas presentes na hidroxiapatita, foram sintetizados por co-precipitacao quimica e a adicao dos alcoxidos nos solidos se deu por metodo sol-gel. Os materiais obtidos foram caracterizados por difratometria de raios - X, espectroscopia na regiao do infravermelho com transformada de Fourier, analise por fluorescencia de raios - X, espectrofotometria por reflectancia difusa no UV-VIS e analises termogravimetricas antes da interacao junto ao cimento ionomero de vidro. Os resultados das analises para as modificacoes propostas com alcoxidos sugeriram que ocorreu uma imobilizacao dos mesmos na superficie do solido, contudo, sem que houvesse mudancas significativas na estrutura da hidroxiapatita, observadas pela largura a meia altura dos pos sintetizados. Os solidos modificados com os ions de titanio e zirconio apresentaram uma maior imobilizacao dos mesmos na superficie do fosfato. Um pre-teste para possivel aplicacao odontologica dos materiais atraves da avaliacao de microinfiltracao marginal com incorporacao no cimento ionomero de vidro indicou que os solidos modificados apresentaram melhor desempenho do que a hidroxiapatita pura. Os melhores resultados foram para as amostras de hidroxiapatitas modificadas com zirconio (300 %), seguida do titanio (300 %) e silicio (100 %), diferente dos testes com a apatita pura, nos quais os resultados foram de uma maior infiltracao e nao fixacao do cimento odontologico.
  • KATIANE JUDY BATISTA DA COSTA
  • Avaliação da atividade fotocatalítica das nanoestruturas de hexaniobato de potássio após esfoliação e reempilhamento do material.
  • Orientador : ARY DA SILVA MAIA
  • Data: 27/02/2018
  • Mostrar Resumo
  • O niobato lamelar K4Nb6O17 foi sintetizado pelo metodo do estado solido e resultou na fase trihidratada, exibindo celula unitaria ortorrombica. O K4Nb6O17.3H2O foi primeiramente protonado com solucao de HNO3 e depois esfoliado com TBAOH, como agente expansor. A suspensao coloidal obtida da esfoliacao sofreu variacao de pH para a realizacao do estudo morfologico das nanofolhas. Apos a ajuste dos pHs, foi realizado o processo de reempilhamento das nanofolhas com as caracteristicas estruturais (tabular ou enrolada) desejadas. Dois metodos de reempilhamento foram desenvolvidos neste trabalho, com a intencao de obter um rendimento satisfatorio do material. A eficiencia dos catalisadores obtidos foi avaliada por meio da fotodescoloracao do corante Amarelo Remazol Ouro (RNL). As analises de caracterizacao dos materiais empregadas neste trabalho foram: difracao de raios-X (DRX), analise termogravimetrica (TG/DTA), espectroscopia de absorcao na regiao do ultravioleta e do visivel (UV-Vis), espectroscopia vibracional na regiao do infravermelho (FTIR), analise da area superficial pelo metodo de BET e microscopia eletronica de varredura (MEV). Os resultados de DRX mostraram que os materiais reempilhados apresentaram baixa organizacao a longo alcance, e picos referentes a morfologia estrutural tabular e enrolada. A metodologia-2 desenvolvida neste trabalho obteve melhor rendimento que a metodologia-1, porem nao manteve as caracteristicas estruturais desejadas. O resultado de BET indicou que o material reempilhado apresentou maior area superficial em relacao ao material inicial e caracteristica mesoporosa. Nos testes fotocataliticos, o material inicial (K4Nb6O17.3H2O) apesar da menor areas superficial, apresentou uma eficiencia de 97% de descoloracao da solucao (RNL), com 2h de reacao. Os espectros de FTIR dos materiais reempilhados apresentaram modos vibracionais referente aos octaedros distorcidos [NbO6] menos pronunciados.
  • KATIANE JUDY BATISTA DA COSTA
  • Avaliação da atividade fotocatalítica das nanoestruturas de hexaniobato de potássio após esfoliação e rumpilhamento do material
  • Orientador : ARY DA SILVA MAIA
  • Data: 27/02/2018
  • Mostrar Resumo
  • Nao disponibilizado pela aluna
  • ANNA LUIZA BIZERRA DE BRITO
  • Desenvolvimento de métodos analíticos para monitoramento da qualidade de farinhas funcionais e cafés
  • Data: 23/02/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A busca por uma melhor qualidade de vida tem levado ao aumento do consumo de alimentos com propriedades funcionais. Garantir a qualidade de tais alimentos é um aspecto de grande relevância e, por isso, os parâmetros de qualidade vêm sendo constantemente monitorados por órgãos de fiscalização. Assim, este trabalho de tese de doutorado apresenta o desenvolvimento de métodos analíticos que foram avaliados para monitorar alguns parâmetros de qualidade em amostras de farinhas funcionais e cafés. O trabalho foi dividido em três etapas. A primeira etapa (capítulo II) relata a determinação das concentrações dos macrelementos, microelementos e elementos não essenciais em 60 amostras de farinhas funcionais de 20 diferentes tipos. A espectrometria de emissão óptica com plasma indutivamente acoplado (ICP OES) e espectrometria de massa com plasma indutivamente acoplado (ICP-MS) foram utilizadas nas determinações destes elementos. Uma abordagem estatística utilizando Análise por Componentes Principais (PCA) foi realizada para análise exploratória dos dados (elementos) na caracterização das amostras de farinhas. As concentrações dos macroelementos (K> P> Ca>Mg), variaram de 746,4 a 30.328 mg kg-1, e as concentrações dos microelementos (em ordem decrescente para Fe, Al, Mn, Cu, Mo e Cr), variaram de 0,03 até 160,1 mg kg-1. Os elementos não essenciais, As, Cd e Pb, determinados em algumas amostras das farinhas apresentaram concentrações que estavam dentro da faixa requerida para uma ingestão diária. Na segunda etapa (Capítulo III) foram investigadas diferentes estratégias de transferência de modelos de calibração para determinar propriedades de proteínas brutas e fibras em amostras de farinhas com propriedades funcionais utilizando instrumentos que trabalham na região do infravermelho próximo (NIR) portátil e de bancada. Neste estudo, métodos de padronização direta (DS), padronização direta por partes (PDS) e padronização reversa (RS) foram avaliados para a transferência dos espectros obtidos nos dois instrumentos e diferentes números de amostras de transferência foram testados. Os modelos de calibração dos Mínimos Quadrados Parciais com o espectro completo (PLSespectro completo), PLS com os coeficientes de regressão significativos selecionados pelo algoritmo Jack-Knife (PLS/JK) e Regressão Linear Múltipla (MLR) com prévia seleção de variáveis pelo Algoritmo das Projeções Sucessivas (MLR/SPA) foram avaliados. Os resultados mostraram que os menores valores da Raiz do Erro Quadrático Médio de Predição (RMSEP) foram obtidos com os modelos PLSespectro completo (1,10) e MLR/SPA (1,45) para o parâmetro proteína bruta usando o método DS, enquanto para fibra, o valor RMSEP mais baixo foi obtido utilizando o PLSespectro completo (2,34) com RS, embora não tenha sido encontrada diferença estatisticamente significava entre os valores de RMSEP obtidos para os modelos analisados, confirmados através do teste F (95% de nível de confiança). Por fim, na terceira etapa (Capítulo IV) a Análise Termogravimetrica (TGA) aliada a Análise Discriminante Linear (LDA) foi usada para classificar amostras de cafés quanto ao tipo cafeinado ou descafeinados. Os modelos de classificação foram construídos através da associação da LDA e algoritmos de seleção de variáveis: SPA, Algoritmo Genético (GA) e Stepwise (SW). O modelo GA/LDA não apresentou nenhum erro na classificação das amostras de teste (cafeinado: 8; descafeinado: 5) enquanto os modelos SPA/LDA e SW/LDA apresentaram 1 erro em cada. Os modelos foram comparados em termos de exatidão e dos valores de especificidade e sensibilidade obtidos para as amostras de teste, em que o GA/LDA apresentou a melhor performance com 100% de exatidão e 1,00 nos valores de sensibilidade e especificidade para cada classe.
  • JOSE LICARION PINTO SEGUNDO NETO
  • Uma nova abordagem para resolver deficiência de posto, desalinhamento de pico e interferências na análise de aminas biogênicas em peixes usando HPLC-DAD
  • Data: 05/02/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • As aminas biogênicas (ABs) são usadas como indicadores de degradação em alimentos e em elevadas concentrações podem causar danos ao organismo. As ABs são produzidas pela ação de microrganismos através da descarboxilação enzimática de aminoácidos naturais. Existem diversas ABs, no entanto, apenas a histamina é controlada por órgãos regulamentadores como ESFA (European Food Safety Authority) e FAO/WHO (Food and Agriculture Organization of the United Nations/World Health Organization). Alguns inconvenientes estão presentes nas análises de ABs. A elevada energia de transição eletrônica requer uma etapa de derivatização previamente à análise usando HPLC-DAD (high-performance liquid chromatography – diode array detector). A derivatização mais comum é a que utiliza o cloreto de dansil. No entanto, esta é uma reação não seletiva que ocorre com qualquer amina primária ou secundária o que leva a interferentes coeluidos com perfis muito correlacionados, resultando em deficiência de posto. Além da deficiência de posto, os dados apresentam quebra da trilinearidade devido ao deslocamento da retenção frequentemente presente em dados de cromatografia. A forma mais comum de resolver deficiência de posto é o uso de um detector mais seletivo, no entanto, essa abordagem eleva o custo da análise e a complexidade no tratamento de dados, além de nem sempre esse detector mais seletivo existir para a análise em questão. A metodologia proposta neste trabalho faz uso de uma eluição isocrática de apenas quatro minutos, o que eleva a frequência analítica e está de acordo com os princípios da química analítica verde por reduzir o volume de solvente gasto. Com esta abordagem desenvolvida foi possível obter limites de quantificação entre 0,08 e 0,15 mg kg-1 em amostras sintéticas e entre 0,04 e 0,17 mg kg-1 em amostras de peixe, que estão bem abaixo do limite máximo de 50 mg kg-1 estabelecido pela FAO/WHO e pela ESFA para histamina. Foram alcançados resultados exatos na predição das dezesseis amostras sintéticas com REP (root error of prediction) variando entre 4,0 e 8,0 %. Foi possível identificar as ABs nas amostras de peixe recém-pescado em baixas concentrações, no entanto o aumento desta concentração pode ser observado ao realizar um estudo cinético de degradação das quatro amostras acondicionadas a 4 ̊C por treze dias. Neste trabalho, mostrou-se a eficiência do alinhamento de pico com o coshift em restaurar a trilinearidade dos dados HPLC-DAD. Desse modo, foi possível alcançar a vantagem de segunda ordem usando o MCR-ALS (Multivariate curve resolution - alternating least squares) aumentado no modo espectral. Até o momento não havia proposta para alcançar a vantagem de segunda ordem em dados com essas características sem recorrer à separação dos constituintes que causam deficiência de posto ou ao uso de outro detector sincronizado que seja mais seletivo.
  • LUCIANA BARBOSA DA SILVA
  • SÍNTESE E CARACTERIZAÇÃO DE AMBH UTILIZANDO 2,4,6TRIACRILATOIL-1,3,5-TRIAZINA COMO ACEPTOR DE MICHAEL: NOVOS HÍBRIDOS MOLECULARES COM POTENCIAL ATIVIDADE ANTINEOPLÁSICA
  • Data: 02/02/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho, realizou-se a sintese e caracterizacao de novos compostos trissubstituidos, derivados da 1,3,5-triazina, como potenciais moleculas biologicamente ativas no que concerne a atividade antineoplasica. A estrategia utilizada consistiu na hibridizacao molecular, entre o nucleo 1,3,5-triazina, grupo farmacoforico de inumeras moleculas anticancer, e adutos de Morita-Baylis-Hillman nitroaromaticos de comprovadas atividades biologicas, incluindo atividade anticancer. A primeira etapa, consistiu na sintese do 2,4,6-triacrilatoil-1,3,5-triazina, por meio de uma substituicao nucleofilica aromatica entre o cloreto cianurico e o acrilato de Potassio, utilizando-se hidroquinona como agente antipolimerizante. A segunda etapa, consistiu em uma reacao de Morita-Bayllis-Hilman utilizando aldeidos nitroaromaticos, 2,4,6-triacrilatoil-1,3,5-triazina (23) como aceptor de Michael, acrilato de potassio (22), cloreto cianurico (1) e DABCO como catalisador, resultando nos hibridos moleculares ineditos (24a-c). Os compostos apresentaram rendimentos satisfatorios, entre 60 a 80%. Diversos solventes, aquecimento convencional e irradiacao de micro-ondas foram investigados no objetivo da otimizacao dos rendimentos. A caracterizacao estrutural destes hibridos foi realizada por meio das tecnicas de Ressonancia Magnetica Nuclear (RMN 1H e 13C) e Infravermelho, a caracterizacao do 2,4,6-triacrilatoil-1,3,5-triazina (23), que tambem e um composto inedito, acrescentou-se a utilizacao da tecnica de Cromatografia Gasosa e Espectrometria de Massa.
  • VANUBIA PONTES DOS SANTOS
  • Síntese e propriedades fotocatalíticas de heteroestruturs de g-C3N4/K4Nb6O17 aplicadas na fotodescoloração do corante remazol amarelo ouro
  • Data: 31/01/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A degradação de corantes têxteis utilizando a fotocatálise tem recebido muita atenção devido à crescente contaminação ambiental. Neste estudo, os compostos g-C3N4, K4Nb6O17.3H2O, as heteroestruturas g-C3N4/K4Nb6O17(A) e g-C3N4/K4Nb6O17(B) e as misturas físicas g-C3N4/K4Nb6O17(A*) e g-C3N4/K4Nb6O17(B*) foram sintetizados através de uma estratégia de aquecimento e aplicados como catalisadores na fotodescoloração do corante Remazol Amarelo Ouro (RNL). Os fotocatalisadores foram caracterizados por análise termogravimétrica (TG/DTA), difração de raios-X (DRX), espectroscopia de absorção na região ultravioleta e visível (UV-vis), espectroscopia de absorção na região do infravermelho (IV), espectroscopia Raman, espectroscopia de energia dispersiva de raios-X (EDX) e microscopia eletrônica de varredura (MEV). Os resultados das caracterizações deram suporte para o entendimento das estruturas e morfologias dos materiais. Quando comparado os desempenhos dos fotocatalisadores, o g-C3N4/K4Nb6O17(B) apresentou o melhor resultado, com descoloração de 53% em pH 6 após 120 min de irradiação UVC. A atividade fotocatalítica foi atribuída à interface criada entre o g-C3N4 e o K4N6O17.3H2O, resultando na separação e transporte eficiente dos pares elétronburaco fotogerados. No geral, os fotocatalisadores se mostraram promissores quanto a descoloração do corante RNL.
  • FLAVIANA JUSTINO ROLIM SEVERO
  • ELETRODO DE PASTA DE CARBONO MODIFICADO COM FTALOCIANINADE COBALTO PARA DETERMINAÇÃO DE CARBENZIM EM LARANJAS
  • Data: 29/01/2018
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os pesticidas são amplamente empregados para o controle de pragas agrícolas, garantindo a produtividade do setor, em nível mundial. Nesse contexto,carbendazim (MBC)methyl benzimidazol-2- ylcarbamateum fungicida sistêmico, classe toxicológica III, está entre os mais utilizados para o cultivo de citros,e tem aplicação foliar regulamentada no Brasil pela ANVISA, que estabelece como ingestão diária aceitável (IDA) o valor máximo de 0,02 mg kg-1 de MBC em relação ao peso corporal. A determinação de MBC pode ser feita diretamente na célula eletroquímica, com míninas etapas de tratamento da amostra. Desse modo,neste trabalho, foi confeccionadoum eletrodo de pasta de carbono modificado com ftalocianina de cobalto para determinação de carbenzim em laranjas. A preparação do eletrodo envolveu a mistura de pó de grafite, óleo mineral e de fitalocianina de cobalto em diferentes percentagens.As amostras de laranjas foram coletadas em supermercados locais da cidade de João Pessoa - PB.As técnicas voltamétricas utilizadas foram voltametria cíclica (VC) e de onda quadrada (VOQ). Os estudos foram realizados em potenciostato/galvanostato modelo PGSTART® 302N Metrohm, eletrólito suporte tampão Briton Robson (BR)pH 4,5 e eletrodos de Ag/AgCl e fio de platina como de referência e auxiliar respectivamente. Para a curva analítica, a faixa de linearidade obtida foi de 95,11 a 667,9 µg L-1, R2 = 0,9987, com limites de detecção de 12,0 µg L-1 e 40,1 µg L-1para limite de quantificação, respectivamente. Os estudos de exatidão apresentaram valores de recuperação 102 % e 93,8 % e 98,2 % de MBC, considerados na faixa de limite permitida (70 a 120 %). Este trabalho é pioneiro nos estudos de oxidação eletroquímica do MBC sobre EPC-CoPC.O eletrodo é de simples confecção, fácil renovação da superfície baixo custo. O estudo da percentagem de EPC-CoPC como agente modificador em pasta de carbono indicou que a melhor percentagem foi 1% CoPC. O uso do EPC–CoPC para determinação de MBC em laranjas demonstrou aplicabilidade para as amostras estudadas, com a vantagem da utilização de instrumentação simplificada e de baixo custo tanto para aquisição quanto para manutenção, rápida resposta analítica, elevada sensibilidade, promissor para aplicação em outras matrizes de alimentos.
2017
Descrição
  • MARDEN EUGENIO DE OLIVEIRA SILVA
  • Extração em ponto nuvem para a determinação de benzo(a)pireno em água potável por espectrometria de fluorescência molecular
  • Data: 15/12/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O benzo(a)pireno, B(a)P, faz parte do grupo de compostos poluentes conhecidos como hidrocarbonetos policíclicos aromáticos (HPAs). Este composto apresenta grande interesse ambiental por ser o mais potente carcinógeno dentre os 16 HPAs considerados prioritários pela Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (US-EPA). Neste trabalho, é proposto um método para determinação de B(a)P em água potável pela técnica de extração em ponto nuvem baseada em ambiente micelar formado através do dodecil sulfato de sódio (SDS) como processo prévio à espectrometria de fluorescência molecular. As condições de excitação do B(a)P foram previamente avaliadas para obtenção de espectros de fluorescência, com o máximo de intensidade possível. O efeito da quantidade de SDS na emissão de fluorescência do B(a)P foi estudado. Outro estudo realizado foi o de estabilidade do B(a)P ao longo de nove semanas consecutivas, sendo observado que este composto mostrou-se estável, uma vez que não houve variações significativas de sinal analítico no intervalo de tempo estudado. O comprimento de onda de 286 nm para a excitação do analito foi escolhido, registrando-se um sinal de emissão máximo em 405 nm, enquanto que, dentre as concentrações de SDS para o procedimento de ponto nuvem avaliadas (0,5 % a 4,3 %), a de 1% m v-1 correspondeu ao maior sinal de emissão do analito. A faixa de resposta linear estudada está entre 1 e 110 μg L−1 com LOD e LOQ de 0,12 μg L−1 e 0,37 μg L−1, respectivamente. Os valores obtidos pela análise de variância mostraram que o modelo linear construído apresenta significância de regressão e é bem ajustado. Para os testes de recuperação, foram utilizados três níveis de concentrações da curva analítica, sendo obtido recuperações de 80 a 123% e o fator de melhoramento apresentou valor de 21. Por fim, o método proposto foi utilizado para a determinação de B(a)P em 10 amostras de água potável de diferentes bairros da cidade de João Pessoa. A presença de B(a)P não foi detectada em nenhuma das amostras analisadas, estando em conformidade com a legislação vigente, que determina um valor máximo permitido de 0,7 µg L-1. Palavras-chave: HPAs, benzo(a)pireno, extração em ponto nuvem, espectrometria de fluorescência molecular, água.
  • VERLUCIA AMANDA MACHADO DE FREITAS
  • Estudos SAR e QSAR-2D de derivados de N-benzoil-2-hidroxibenzamidas ativos contra Plasmodium falciparum
  • Data: 14/12/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Dentre as doencas parasitarias tropicais, a malaria e uma das mais devastadoras. Um dos agentes causadores e o Plasmodium falciparum, que e responsavel pelas mais altas taxas de mortalidade. Embora existam alguns medicamentos empregados no tratamento da malaria, questoes como a resistencia dos parasitas e a baixa eficacia dos tratamentos torna o desenvolvimento de novos farmacos extremamente necessario. Existe um grande interesse comercial para predizer a atividade biologica de novas moleculas e uma metodologia muito utilizada sao os estudos da relacao estrutura-atividade. Neste trabalho, utilizou-se um conjunto de 39 derivados de N-benzoil-2-hidroxibenzamidas e foram calculadas algumas propriedades eletronicas utilizando o metodo DFT com o funcional M06-2X e o conjunto de bases 6-311+g(d,p), alem de descritores fisico-quimicos e estruturais, com a utilizacao da plataforma on-line E-dragon 1.0. Analises de relacao entre estrutura e atividade (SAR) e de relacoes quantitativas entre estrutura e atividade bidimensionais (QSAR-2D) foram realizadas com diferentes tecnicas quimiometricas classificadas em tres categorias: reconhecimento de padroes nao-supervisionado (HCA e PCA), reconhecimento de padroes supervisionado (KNN, SIMCA, PLS-DA e LDA) e calibracao multivariada (PLS e MLR) com selecao de variaveis para classificacao pelos metodos de Peso de Fisher, SPA (Algoritmo das Projecoes Sucessivas) e GA (Algoritmo Genetico), e selecao de variaveis para calibracao usando OPS (Selecao de Preditores Ordenados) e GA. Nas analises HCA e PCA verificou-se agrupamentos caracteristicos e a separacao das amostras ativas e inativas. Nas tecnicas de classificacao, os modelos SIMCA, PLS-DA e GA-LDA demonstraram confiabilidade e boa consistencia interna com indices de acertos acima de 90% para classificacao e predicao. Os descritores selecionados sugerem que existem caracteristicas estruturais que permitem separar os compostos ativos dos inativos no espaco quimico definido. Para a calibracao multivariada, o metodo de selecao de variaveis OPS em conjunto com o PLS conduziu a uma melhor proposta de modelo QSAR, que se mostrou robusto e preditivo para a atividade antimalarica da classe de compostos estudados, com coeficientes de correlacao q2 = 0,75, r2 = 0,81 e R2pred = 0,89. Para o melhor modelo, a atividade antimalarica esta associada aos descritores do tipo 2D autocorrelations, Edge Edge adjacency indices, Information Indices, descritores WHIM, RDF e 3D-Morse, e o descritor quimico-quantico polarizabilidade. Os resultados apresentados demonstraram que o procedimento desenvolvido para o conjunto de N-benzoil-2-hidroxibenzamidas permitiu a obtencao de modelos confiaveis e preditivos, fornecendo subsidios para a sintese e avaliacao biologica de novos compostos com caracteristicas estruturais semelhantes as estudadas e potencialmente mais ativos conta o P. falciparum.
  • DIANA SILVA MATIAS DE ARAÚJO
  • Um Método de Desenvolvimento de Cores Para Reprodução de Artigos Têxteis Felpudos Utilizando Imagens Digitais e Regressão por Mínimos Quadrados Parciais de Kernel
  • Data: 28/11/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O tingimento têxtil é o processo de aplicação de corantes sobre um determinado substrato têxtil. A etapa de reprodução da cor, que desempenha um papel fundamental no controle da qualidade dos artigos têxteis, consiste em misturar três corantes de modo que a cor resultante seja igual à solicitada pelo cliente. Na indústria os ajustes na composição dos corantes para o desenvolvimento de cores são realizados com base no método empírico que torna o processo demorado, oneroso e que não estima precisão na reprodução. Uma alternativa para melhorar a reprodução das cores em artigos têxteis é a utilização de imagens digitais para a construção de modelos de calibração multivariada do tipo regressão por mínimos quadrados parciais de Kernel (KPLS). Esses modelos fornecem a composição de uma base de corantes, usados como referência, que irão reproduzir um determinado conjunto de cor. Inicialmente foi avaliado e constatado visualmente que não há influência da cor residual das peças pré-alvejadas no resultado final dos tingimentos. A partir dessa constatação foram escolhidos três corantes que foram usados como base para construção dos modelos quimiométricos, com esses corantes foram preparadas 125 amostras se tratando de combinações binárias, ternárias e os corantes individuais com concentrações variando de 0 a 40 g L-1. As imagens dos artigos têxteis foram obtidas através de um scaner de uma impressora convencional HP. A partir destas imagens foram obtidos histogramas de cor com base no sistema Red, Yelow, Blue (RYB) que foram utilizados na construção dos modelos KPLS para cada corante arbitrado como referência. Foram gerados três modelos, um para cada variável R, Y e B que apresentaram erros inferiores a 10% em sua calibração, validação e predição. Com a avaliação dos resultados obtidos constatou-se que os métodos utilizados se mostraram confiáveis e o método utilizado para estas análises é de baixo custo apresentando-se assim como um novo conceito na área de desenvolvimento, análise e reprodutibilidade de cores na indústria têxtil. Palavras-chave: tingimento têxtil, reprodução de cores, análise de imagens digitais, sistemas de cores, regressão em mínimos quadrados parciais de Kernel.
  • CARLOS MONTEIRO DE LIMA
  • CLASSIFICAÇÃO DE VINHOS PRODUZIDOS NO VALE DO SÃO FRANCISCO BASEADA EM IMAGENS DIGITAIS E QUIMIOMETRIA
  • Data: 17/11/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho teve como objetivo propor uma metodologia simples, rapida e de baixo custo, baseada em imagens digitais e em tecnicas de reconhecimento de padroes, para classificacao de vinhos produzidos no Vale do Sao Francisco, regiao vitivinicola localizada no nordeste brasileiro, contribuindo para o processo de certificacao de indicacao geografica destes vinhos. Foram usadas amostras de vinhos tintos, finos e tranquilos, comprados em supermercados de Natal/RN e de Joao Pessoa/PB ou doadas por vitivinicultores e instituicoes de pesquisa localizadas na Regiao do Vale do Sao Francisco (VSF). Tres abordagens de classificacao foram consideradas, tomando como referencia a origem geografica (com duas classes: VSF e Mundo), os vitivinicultores (com tres viticultores do VSF) e as variedades de uvas (Cabernet Sauvignon, Syrah e Touriga Nacional). Cem amostras foram usadas na abordagem de classificacao em funcao da origem geografica dos vinhos e os modelos apresentaram Taxa de Classificacao Correta (TCC) do conjunto de teste de 80,7% e 93,6%, respectivamente, com os dados RGB e HSI e modelagem com SPA-LDA e de 61,3% e 83,9%, respectivamente, com os dados RGB e HSI e modelagem com PLS-DA. Na abordagem de classificacao em funcao dos vitivinicultores, 70 amostras foram usadas e os valores de TCC dos conjuntos de teste foram, igualmente para os dados RGB e HSI, de 100% e 95,5%, respectivamente, para os modelos construidos com SPA-LDA e PLS-DA. Na abordagem de classificacao considerando-se as variedades de uvas presentes na composicao dos vinhos varietais, 48 amostras foram usadas e os modelos construidos com SPA-LDA e PLS-DA obtiveram TCC de 100% nos conjuntos teste para os pares Cabernet Sauvignon versus Touriga Nacional e Syrah versus Touriga Nacional, tanto com os dados RGB quanto com os dados HSI. Na comparacao entre as Cabernet Sauvignon versus Syrah, os modelos SPA-LDA alcancaram iguais resultados com os dados RGB e HSI, com TCC de 72,7%, para os conjuntos teste, enquanto os modelos obtidos com PLS-DA alcancaram TCC iguais 72,7% e 81,8% nos conjuntos de teste, respectivamente, com os dados RGB e HSI. Os resultados demonstram a viabilidade do uso imagens digitais associadas a ferramentas quimiometricas para classificacao de vinhos em funcao de sua origem geografica, vitivinicultor e composicao varietal, de forma simples, rapida, com baixo consumo de amostras, sem usar qualquer pre-tratamento, reagentes quimicos ou diluicao das amostras e com baixa geracao de residuos.
  • GILMAR FELICIANO DOS SANTOS
  • Síntese, caracterização e avaliação antineoplásica de novos derivados 3-hidroxi-indolin-2-onas-3-substituídos
  • Data: 06/10/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O número crescente de casos de câncer, as estatísticas que apontam para milhões de novos casos nos próximos anos, como também as limitações no tratamento tornam a busca por novos candidatos a fármacos antineoplásicos uma necessidade atual. O núcleo indólico, presente em alguns produtos naturais, vem sendo considerado uma estrutura privilegiada apresentando diversas atividades biológicas, inclusive antineoplásica. Neste trabalho, apresentamos inicialmente a síntese e caracterização de 21 derivados 3-hidroxi-indol-2ona-3-substituídos, obtidos via reação de Morita-Baylis-Hillman, onde 12 são inéditos, utilizando isatina (1) e seus derivados como eletrófilos e acrilonitrila, acrilato de metila e p-nitro-fenilacrilamida, como aceptores de Michael. A maioria dos adutos foi obtida em bons a excelentes rendimentos (92-99%). Os tempos reacionais variaram de acordo com o aceptor utilizado, onde para os adutos contendo o grupo nitrila, as reações demonstraram ser mais rápidas (1h – 24h). A avaliação preliminar da atividade citotóxica foi realizada em 5 linhagens tumorais e análise dos dados mostrou que os compostos com maiores atividades (CI 50 < 3µM) 3a, 3c, 3d, 3e, 3f, 3g, 3h, 3i são aqueles que continham o grupo nitrila, dentre os quais os compostos 3f (CI 50 = 42 nM) e 3i (CI 50 = 48 nM) apresentaram resultados muitos promissores, contra a linhagem HL60 (leucemia promielocítica). O composto 3f apresentou um excelente índice de seletividade (IS = 967,14), muito superior ao fármaco de referência doxorrubinina (IS = 12,73). A caracterização estrutural dos compostos foi realizada por espectroscopia de RMN 1 H e 13C e massa de alta resolução.
  • KLEBER FIGUEIREDO DE MOURA
  • BaSnO3:N,Fe na forma de pós e filmes para fotodegradação de corantes
  • Data: 28/09/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os compostos com estrutura cristalina perovskita do tipo ABO3 são amplamente utilizados devido a suas propriedades elétricas e magnéticas. Dentre esses materiais, o BaSnO3 vem tendo um certo destaque por ser um óxido semicondutor com um bandgap adequado para aplicações em fotocatálise na região do UV. Este trabalho tem como foco principal a síntese e caracterização de perovskitas de BaSnO3:Fe na forma de pós obtidos pelo método dos precursores poliméricos (Pechini modificado) e filmes finos de BaSnO3:Fe,N sintetizados pelo método PLD seguido por amonólise térmica. Uma alta eficiência fotocatalítica foi observada nas amostras de pós dopadas, o que pode estar relacionado com o grau de desordem produzido por defeitos rasos e o efeito de captura de elétrons diminuindo a taxa de recombinação conduzindo a um aumento na geração de radicais hidroxila em solução. Os filmes finos na forma de óxidos foram depositados em substratos de SiO2, Safira – R, LAO (100) e STO (100)(110) e os filmes na forma de oxinitretos em substratos de SiO2, Safira – R, LAO (100), a sua estrutura, morfologia e propriedades ópticas foram investigados por meio de difração de raios X, microscopia eletrônica de varredura e espectroscopia de UV-VIS. Os resultados mostraram que os óxidos são policristalinos em substratos de SiO2 e safira – R e orientados de forma epitaxial para os filmes depositados em LAO e STO. Para os oxinitretos, foi verificado por espectroscopia de UV-Vis uma forte diminuição nos valores de band gap em comparação com os respectivos óxidos. Os filmes de BSO e BSO-10Fe depositados em SiO2 apresentaram melhores eficiências fotocatalíticas na descoloração do RNL quando comparado aos filmes depositados em safira – R, LAO (100) e STO (100) e (110) tanto na forma de óxidos quanto na forma de oxinitretos. Com relação aos filmes finos depositados sobre STO, verificou-se que o plano (100) é mais ativo na reação de fotodegradação que o (110), indicando a presença de sítios ativos nesses planos. Palavras-chave: BaSnO3, Fe3+, filmes finos, oxinitretos, fotocatálise
  • ALEIR JOICE DE OLIVEIRA SILVA
  • Obtenção de compostos fenólicos a partir da fibra e do bagaço do sisal
  • Data: 22/09/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A utilização do sisal como fonte de biomassa lignocelulósica tem se tornado cada vez mais importante visto que é uma fonte renovável para a produção de compostos fenólicos de interesse industrial, como a vanilina. A vanilina é muito utilizada em flavorizantes e aromatizantes, em especial na indústria de alimentos e de fármacos e possui atividade antioxidante e antimicrobiana. Sendo que a maior parte da sua produção é realizada a partir do guaiacol, um derivado do petróleo. Este trabalho objetivou avaliar o potencial da lignina extraída da fibra e do bagaço do sisal na produção de compostos fenólicos. O processo de obtenção desses compostos se iniciou com o pré-tratamento ácido da fibra e do bagaço de sisal com ácido sulfúrico. Em seguida, a etapa de extração da lignina a partir do resíduo sólido do hidrolisado ácido foi realizada e submetida às reações de oxidação para a produção dos compostos fenólicos, onde foi utilizado H 2 O 2 como oxidante. Na caracterização lignocelulósica o teor de lignina na fibra e no bagaço de sisal in natura foi de 9,96 e 13,16% respectivamente. Os teores de lignina diminuíram ao longo dos tratamentos, indicando que essas biomassas têm potencial para o aproveitamento de lignina na produção de compostos fenólicos. O tratamento ácido deixou o complexo lignocelulósico mais acessível e o tratamento básico removeu lignina nos dois materiais, porém de forma mais eficiente na fibra, removendo cerca de 90% de lignina. O efeito do tratamento ácido também foi verificado a partir de análises termogravimétricas, espectroscópicas e cromatográficas, onde se verificou um aumento na perda de massa no evento atribuído a decomposição dos carboidratos, indicando que houve mais acessibilidade ao complexo; os espectros de absorção no infravermelho indicaram o desaparecimento de bandas atribuídas a hemicelulose; e a partir da cromatografia líquida de alta eficiência verificou-se uma maior quantidade do açúcar xilose no licor do hidrolisado ácido confirmando que o tratamento ácido removeu boa parte da hemicelulose. De acordo com o estudo de difratometria verificou-se um aumento no índice de cristalinidade no material após o tratamento alcalino confirmando que os tratamentos removeram hemicelulose e lignina deixando em maior parte celulose no material, visto que é o componente responsável pela característica cristalina dentre os polímeros da estrutura. O melhor tempo de extração de lignina foi 10 min tendo em vista que foi observado no espectro infravermelho dessas ligninas, bandas de maiores intensidades relacionadas com as unidades guaiacil e siringil precursoras dos compostos fenólicos, indicando que essas estruturas estão em maior quantidade na lignina extraída neste tempo. E por fim, as reações de oxidação na condição de maior concentração de peróxido de hidrogênio (15%) produziram a maior concentração de vanilina 5,3 mg/g de lignina extraída da fibra de sisal.
  • JARDEL RICARDO PEREIRA DE FRANÇA
  • Desenvolvimento e aperfeiçoamento de um fotômetro NIR para monitoramento das concentrações de biodiesel em diesel.
  • Data: 30/08/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A ANP (Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), responsável pela regulamentação, monitoramento e fiscalização dos combustíveis no Brasil, aplica a EN – 14078 para quantificar o teor de biodiesel no diesel. Esse método de referência necessita de equipamentos de alto custo e mão de obra especializada. Sendo assim, a proposta desse trabalho é desenvolver um fotômetro, na região do infravermelho próximo - NIR (do Inglês: Near Infrared), para monitoramento da concentração do biodiesel em diesel, haja vista que, a utilização de leds em fotometria é conhecida desde 1978 e com a utilização de novos materiais na confecção dos diodos foram estabelecidos valores específicos de radiação. O led usado no fotômetro NIR foi definido a partir de comprimentos de onda selecionados pelo SPA (do Inglês: Successive Projections Algorithm) em uma matriz de dados espectrais e testados a partir da construção de um modelo de calibração multivariada, no qual, usou-se regressão linear múltipla e parâmetros de validação, tais como: RMSEP e R2. Para detecção do sinal utilizou-se um fotodiodo com faixa de trabalho entre 800 e 2400 nm e o sinal analítico, em volt, é apresentado no monitor serial da interface eletrônica conhecida comercialmente como arduino UNO. O código usado para acendimento do led e na detecção do sinal foi escrito em java e é compatível com Windows, MAC OS X e Linux. Foram preparadas soluções padrões, as quais foram testadas no método de referência EN – 14078 e no fotômetro proposto, não havendo assim diferenças sistemáticas estatisticamente significativa entre os métodos apresentados, considerando-se um nível de confiança de 95%. Palavras-chave: Fotômetro, Led NIR, Arduino UNO, Biodiesel.
  • RENATO ALLAN NAVARRO ANDRADE
  • Um método automático par extração em fase sólida magnética de cobre em cachça e detecção quimiluminescente por filmes digitais.
  • Data: 28/08/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho foi desenvolvido uma metodologia completa para determinação de íons cobre (II) em cachaça. A metodologia consiste nas seguintes etapas: (1) adsorção química do analito utilizando nanopartículas magnéticas de magnetita (Fe3O4) recobertas com alumina (Al2O3) e funcionalizadas com dodecil sulfato de sódio e 1-(2-piridilazo)-2-naftol; (2)dessorção do analito em meio ácido e (3) detecção do analito por meio de seu efeito catalítico sobre a reação quimiluminescente entre luminol e H2O2. As duas primeiras etapas são realizadasde modo automático utilizando um sistema em fluxo-batelada projetado exclusivamente paraeste fim, enquanto que a detecção realizada a partir de filmes digitais dentro do próprio sistemaautomático. Após a síntese, as partículas de magnetita foram caracterizadas por difração deraios-X e microscopia eletrônica de varredura que indicaram diâmetros de partícula da ordem de nanômetros e distribuição uniforme de tamanho, respectivamente. O sistema automático em fluxo-batelada possui uma câmara de mistura especial em politetrafluoretileno com uma janelacircular em quartzo que permite o registro on-line do fenômeno quimiluminescente por filmesdigitais. Acoplado a esta, um dispositivo robótico com imãs de neodímio foi utilizado parageração de campos magnéticos. Todo processo foi gerenciado utilizando um programa escrito em linguagem ActionScript 3.0. Os filmes digitais foram registrados com uma taxa de capturade 30 quadros por segundo. A partir dos filmes foi obtida a curva analítica utilizando o conceito de norma do vetor no espaço do sistema de cor RGB. Os fatores que influem na magnitude daresposta analítica foram estudados e otimizados por meio de planejamento fatorial emetodologia da superfície de resposta, respectivamente. A metodologia definitiva utilizada permitiu estimar limites de detecção e quantificação de 3,73 e 22,4 g L-1 de Cu (II) respectivamente. A exatidão da metodologia proposta foi avaliada em termos de testes de recuperação, cujas taxas obtidas estão entre 95 e 106% em amostras reais de cachaça. Tais características de desempenho são um indicativo razoável da viabilidade da metodologia proposta para fins de monitoramento do teor de íons cobre (II) na referida bebida.
  • KARLA DANIELLE TAVARES DE MELO MILANEZ
  • Seleção de variáveis robustas para transferência de modelos de classificação impregando o algoritmo das projeções sucessivas
  • Data: 25/08/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Modelos multivariados tem sido amplamente utilizados em problemas analiticos envolvendo analises quantitativas e qualitativas. Entretanto, ha situacoes em que um modelo nao e aplicavel a espectros de amostras obtidas em novas condicoes experimentais ou em um instrumento nao envolvido na etapa de modelagem. Nesses casos, a solucao e a transferencia de modelos multivariados, normalmente realizada atraves da padronizacao das respostas espectrais ou do aumento da robustez do modelo, que entre outras formas, pode ser alcancada com a selecao de variaveis menos sensiveis a condicoes experimentais ou variacoes instrumentais. Este trabalho propoe dois novos criterios para a selecao de variaveis robustas para transferencia de classificacao empregando o algoritmo das projecoes sucessivas (SPA). Estas variaveis sao utilizadas para construir modelos baseados na analise discriminante linear (LDA) robustos as diferencas entre as respostas dos instrumentos envolvidos. Para isso, as amostras de transferencia sao incluidas no calculo do custo para cada subconjunto de variaveis consideradas. Os metodos propostos sao avaliados para quatro conjuntos de dados que envolvem identificacao de adulteracao de etanol hidratado combustivel (EHC) e azeite de oliva extra virgem (AOEV). Para investigar EHC, foi utilizada espectroscopia na regiao do infravermelho proximo (NIR). No estudo do AOEV, foram utilizadas espectroscopia UV-Vis, espectroscopia de fluorescencia molecular e imagens digitais. Em todos os casos, os melhores resultados de transferencia de classificacao (obtidos para um conjunto de teste medido no instrumento secundario) empregando os dois criterios foram obtidos em comparacao com a padronizacao direta (DS) e a padronizacao direta por partes (PDS). Quando algum dos criterios foi aplicado ao conjunto de teste medido no instrumento secundario, a acuracia do modelo aumento cerca de 50%, 33%, 3% e 2% para os dados NIR, UV-Vis, de emissao de fluorescencia e de imagens digitais, respectivamente. Esses resultados sao compativeis, em algumas vezes superiores, aqueles obtidos pelos metodos de padronizacao, demonstrando que, quando as diferencas entre as respostas instrumentais nao apresentavam magnitude drasticamente elevada (NIR e UV-Vis), um dos criterios propostos pode ser utilizado para construir modelos robustos como alternativa a padronizacao de respostas espectrais para transferencia de classificacao. Para os dados com grande diferenca entre as respostas de cada instrumento (fluorescencia e imagens digitais), os espectros precisaram ser corrigidos por meio de padronizacao DS e PDS para realizar a transferencia de classificacao efetivamente. Nesses casos, tambem foram construidos modelos baseados na analise discriminante por minimos quadrados parciais (PLS-DA), cujos resultados foram comparados aos modelos SPA-LDA na forma usual e, para os dois modelos, a padronizacao permitiu a transferencia de classificacao bem-sucedida.
  • MARIA CLAUDIA RODRIGUES BRANDAO
  • Novos nitratos orgânicos obtidos da biomassa com potencial atividade cardiovascular.
  • Data: 25/08/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • As doencas cardiovasculares sao a principal causa de mortes no mundo, matando cerca de 17 milhoes de pessoas por ano, segundo a Organizacao Mundial de Saude. Um dos principais meios de tratamento destas doencas da-se por controle dos niveis de oxido nitrico endogeno, cuja regulacao depende da administracao de especies quimicas doadoras deste oxido. O proposito deste estudo foi desenvolver novas formulacoes de nitratos organicos com potencialidades para atuar como pro-farmaco, partindo de materia-prima de baixo custo, principalmente de coprodutos da industria de biocombustiveis e reaproveitamento de biomassa. Foram sintetizados dezessete nitratos organicos, sendo treze deles moleculas ineditas, todos obtidos com excelentes rendimentos e caracterizados satisfatoriamente por espectroscopia de RMN 1H, RMN 13C e IV. Para tal, alem de reagentes comercialmente adquiridos, utilizou-se glicerina bruta obtida da producao de biodiesel, previamente tratada e purificada, alcoois superiores destilados do oleo fusel, que e um sub-produto da producao de etanol, e furfural que e um derivado da lignocelulose. Estes compostos foram sintetizados a partir da nitracao de intermediarios tipo alcoois e alcoxi-eteres por reacao com acido nitrico, e cloroesteres por reacao com nitrato de prata. Os estudos in silico realizados apontam que estas moleculas apresentam excelente potencial para farmacos, apresentando baixa toxicidade, e atendendo aos parametros fisico-quimicos que sao determinantes na absorcao, distribuicao, metabolismo e excrecao de um farmaco. Todos os testes de atividade cardiovascular realizados foram satisfatorios, demonstrando que os nitratos sintetizados possuem potencial vasorrelaxante igual ou superior aos compostos de referencia, com a vantagem de nao provocarem estresse oxidativo e a consequente tolerancia ao farmaco. De modo geral, verificou-se que as mudancas propostas no esqueleto carbonico dos novos nitratos desenvolvidos trouxeram vantagens de aplicacao aos compostos, com aumento de seus efeitos beneficos atribuido tambem ao aumento da cadeia carbonica.
  • DANIEL JACKSON ESTEVAM DA COSTA
  • Determinação voltamétrica de hidrocarbonetos políciclicos aromáticos e de aminas biogênicas em alimentos
  • Data: 25/08/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os hidrocarbonetos policiclicos aromaticos (HPAs) sao substancias toxicas, sendo consideradas mutagenicas e carcinogenicas. Sao provenientes da combustao incompleta da materia organica, podendo ser encontrados nos mais variados tipos de alimentos, sendo a ingestao desses compostos uma das fontes de contaminacao humana, necessitando de tecnicas mais cada vez mais sensiveis para determinacao dos HPAs. Dentre as varias tecnicas analiticas desenvolvidas para o monitoramento desses analitos, se destaca a cromatografia. Contudo, os metodos cromatograficos consomem grandes quantidades de solventes e/ou reagente, sao lentos, dispendiosos, envolvem diversas etapas para preparacao das amostras, equipamentos sofisticados e requerem equipe de trabalho especializada. De forma alternativa, os metodos voltametricos apresentam uma instrumentacao simples, baixo consumo de reagentes e muitas vezes nao requer muitas etapas para o preparo de amostras. Neste trabalho foi empregado os metodos voltametricos para a determinacao dos HPAs benzo(a)pireno, pireno e fluoranteno, utilizando o eletrodo de carbono vitreo (ECV) e tampao acetato (pH 4,0). O estudo eletroquimico mostrou que esses HPAs apresentam apenas um processo oxidativo, em potenciais diferentes EP(benzo(a)pireno) ≈ 0,95V, EP(pireno) ≈ 1,03V e EP(fluoranteno) ≈ 1,35V. Logo, podendo ser utilizado para sua determinacao simultanea, contudo, utilizando a tecnica voltametria de pulso diferencial (VPD) esses HPAs demonstraram ser interferentes entre si necessitando de uma meio alternativo para aumentar sua sensibilidade e melhorar a separacao entre esses compostos diminuido as interferencias entre eles. O uso de surfactante esta se mostrando ser uma alternativa eficaz para esse problema. Outros compostos organicos toxicos encontrados em alimentos sao as aminas biogenicas (ABs), esses compostos sao naturalmente encontrados nos seres humanos e muitos sao importantes para o bom funcionamento do organismo, contudo, o consumo desses compostos causam graves efeitos toxicologicos, indesejaveis para a saude humana, sendo constatado que alguns podem reagir com outros compostos e tornar-se carcinogenicos. Alguns orgaos fiscalizadores de alimentos determinou que a presenca de ABs como parametros da qualidade dos alimentos, necessitando de seu monitoramento. Semelhantemente aos HPAs, a principal tecnica empregada e a cromatografia. Neste trabalho, foi utilizado os metodos voltametricos para a determinacao das ABs (triptamina, cadaverina, putrescina, histamina e 2-feniletilamina) em ECV. Porem, a triptamina nesse eletrodo, foi a unica que apresentou uma resposta eletroquimica, sendo entao desenvolvido uma metodologia voltametrica para a determinacao dessa AB em alimentos. A triptamina apresenta dois processos oxidativos EP1 ≈ 0,85V e EP2 ≈ 1,25V, sendo o P1 mais sensivel e sua resposta foi utilizada para a construcao de um metodo eletroanalitico utilizando a voltametria de onda quadrada (VOQ) em tampao acetato (pH 5,0) apresentando uma faixa de resposta linear de (4,7 a 54,5) × 10-8 mol L-1, limite de deteccao baixo (0,8 × 10-9 mol L-1) e limite de quantificacao (2,7 × 10-9 mol L-1), associada a niveis aceitaveis de repetibilidade (3,6%) e reprodutibilidade (3,8%). O teor de triptamina foi determinado em bananas, tomates, queijo (mucarela e gorgonzola) e embutidos (salsicha de frango e calabresa), obtendo recuperacoes acima de 90%.
  • KARLA DANIELLE TAVARES DE MELO MILANEZ
  • Seleção de variáveis robustas para transferência de modelos de classificação impregando o algoritmo das projeções sucessivas
  • Data: 25/08/2017
  • Mostrar Resumo
  • Modelos multivariados tem sido amplamente utilizados em problemas analiticos envolvendo analises quantitativas e qualitativas. Entretanto, ha situacoes em que um modelo nao e aplicavel a espectros de amostras obtidas em novas condicoes experimentais ou em um instrumento nao envolvido na etapa de modelagem. Nesses casos, a solucao e a transferencia de modelos multivariados, normalmente realizada atraves da padronizacao das respostas espectrais ou do aumento da robustez do modelo, que entre outras formas, pode ser alcancada com a selecao de variaveis menos sensiveis a condicoes experimentais ou variacoes instrumentais. Este trabalho propoe dois novos criterios para a selecao de variaveis robustas para transferencia de classificacao empregando o algoritmo das projecoes sucessivas (SPA). Estas variaveis sao utilizadas para construir modelos baseados na analise discriminante linear (LDA) robustos as diferencas entre as respostas dos instrumentos envolvidos. Para isso, as amostras de transferencia sao incluidas no calculo do custo para cada subconjunto de variaveis consideradas. Os metodos propostos sao avaliados para quatro conjuntos de dados que envolvem identificacao de adulteracao de etanol hidratado combustivel (EHC) e azeite de oliva extra virgem (AOEV). Para investigar EHC, foi utilizada espectroscopia na regiao do infravermelho proximo (NIR). No estudo do AOEV, foram utilizadas espectroscopia UV-Vis, espectroscopia de fluorescencia molecular e imagens digitais. Em todos os casos, os melhores resultados de transferencia de classificacao (obtidos para um conjunto de teste medido no instrumento secundario) empregando os dois criterios foram obtidos em comparacao com a padronizacao direta (DS) e a padronizacao direta por partes (PDS). Quando algum dos criterios foi aplicado ao conjunto de teste medido no instrumento secundario, a acuracia do modelo aumento cerca de 50%, 33%, 3% e 2% para os dados NIR, UV-Vis, de emissao de fluorescencia e de imagens digitais, respectivamente. Esses resultados sao compativeis, em algumas vezes superiores, aqueles obtidos pelos metodos de padronizacao, demonstrando que, quando as diferencas entre as respostas instrumentais nao apresentavam magnitude drasticamente elevada (NIR e UV-Vis), um dos criterios propostos pode ser utilizado para construir modelos robustos como alternativa a padronizacao de respostas espectrais para transferencia de classificacao. Para os dados com grande diferenca entre as respostas de cada instrumento (fluorescencia e imagens digitais), os espectros precisaram ser corrigidos por meio de padronizacao DS e PDS para realizar a transferencia de classificacao efetivamente. Nesses casos, tambem foram construidos modelos baseados na analise discriminante por minimos quadrados parciais (PLS-DA), cujos resultados foram comparados aos modelos SPA-LDA na forma usual e, para os dois modelos, a padronizacao permitiu a transferencia de classificacao bem-sucedida.
  • FRANCISCO JOSE SEIXAS XAVIER
  • SÍNTESE E AVALIAÇÃO IN VITRO DA ATIVIDADE LEISHMANICIDA DE NOVOS ADUTOS DE MORITA-BAYLIS- HILLMAN (AMBH) HÍBRIDOS COM OS CONSTITUINTES EUGENOL-CARVACROL E TIMOL
  • Data: 24/08/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A hibridizacao molecular e uma importante estrategia da quimica medicinal para preparacao de moleculas bioativas. Ela se baseia na uniao de carateristicas estruturais e biologicas entre duas classes de moleculas bioativas diferentes, para formar uma nova molecula com maior potencial biologico. Nesse trabalho, apresentamos a sintese de trinta e tres novos hibridos moleculares a partir da classe de moleculas bioativas (Adutos de Morita-Baylis-Hillman) e os constituintes renovaveis eugenol, carvacrol e timol. Em sequencia apresentamos avaliacoes biologicas in vitro frente a celulas promastigotas de Leishmania amazonensis. Os hibridos foram sintetizados em duas etapas sinteticas, iniciando pela sintese e otimizacao dos acrilatos a partir dos constituintes eugenol, carvacrol e timol, utilizando (Cloreto de oxalila/DMF em CH2Cl2 e rota experimental utilizando DCC/DMAP em CH2Cl2 como melhor metodologia sintetica, 68-76% isolados). Em seguida foram realizadas as reacoes de Morita-Baylis-Hillman entre cada acrilato com os respectivos aldeidos: benzaldeido; o,m,p nitrobenzaldeidos; ,- naftaldeidos; p-F, p-Cl , p-Bromo benzaldeidos; p-metoxibenzaldeido e 2,5dimetoxibenzaldeido, onde todos os compostos foram obtidos em rendimentos moderados e bons (53-92%). A otimizacao experimental utilizou como aditivo fenolico o proprio eugenol, os resultados mostraram que a adicao de 20mol% de eugenol na reacao envolvendo o acrilato derivado do eugenol e o orto-nitro benzaldeildo, conduziu a um aumento no rendimento da reacao em torno de 10% quando comparado com o rendimento da reacao sem aditivo. Os estudos espectroscopicos, incluindo os espectros de massas, confirmaram as estruturas quimicas de todos os compostos sintetizados. Os ensaios in vitro em formas promastigotas de Leishmania amazonensis mostraram que todos os hibridos orto, meta e para nitro substituidos foram muito mais ativos quando comparados com as atividades do eugenol, carvacrol e timol isolados, bem como os correspondentes AMBH convencionais, evidenciando o sucesso do emprego da tecnica de hibridacao molecular. Cabe destacar que o hibrido derivado do eugenol que contem o grupo nitro na posicao orto, apresentou a melhor atividade leishmanicida (CI50 = 4,71μM) e completa ausencia de toxicidade em celulas sanguineas (CH50 > 400,0 μM; IScv > 84,92 = CH50/CI50) sendo tambem menos toxico que o farmaco de referencia Anfotericina B (IScv=22,34 µM).
  • HIGO DE LIMA BEZERRA CAVALCANTI
  • Investigações teóricas em compostos de coordenação contendo metais de transição e íons lantanídeos: elaboração de métodos de aplicações em bioinorgânica.
  • Data: 24/08/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho dois problemas envolvendo o bloco de transicao da tabela periodica foram abordados: (i) as Mn-N-tetrapiridilporfirinas, que compreendem os mais eficientes mimicos cataliticos da enzima Superoxido Dismutase, uma das responsaveis pelo controle dos niveis do radical livre superoxido (O2•–) no organismo foram estudadas na perspectiva da determinacao de seu estado de spin fundamental utilizando-se DFT; e, por outro lado, (ii) um novo conjunto de parametros para os ions trications de Eu, Gd e Tb foi obtido e implementado no formalismo do metodo semiempirico RM1, com o objetivo de produzir um metodo capaz de prever com exatidao geometrias de complexos destes ions lantanideos, importantes em diversas areas tecnologicas e biologicas. Com relacao a (i) foram realizadas otimizacoes de geometria em nivel (U)TPSSh/LANL2DZ/6-311G(d) para os estados singleto (LS), tripleto (IS) e quinteto (HS) dos complexos MnTPPCl, MnT-4-PyP+, MnTM4-PyP5+ e MnTM-2-PyP5+ em fase gasosa. Depois, foram utilizadas 18 combinacoes de funcionais de troca e correlacao juntamente com uma variedade de conjuntos de funcoes de base a fim de verificar o ordenamento das energias dos estados de spin da MnTPPCl, complexo para o qual se conhece experimentalmente a diversidade de spin. Apos esta etapa, os funcionais BLYP, PW91, TPSS, TPSSh, OPBE, BLYPD3, TPSSD3 e B97D3, juntamente com os conjuntos de funcoes de base 631G(d), m6-31G(d) e s6-31G(d), foram avaliados, resultando num ordenamento de energias HS < IS < LS para todas as Mn-N-tetrapiridilporfirinas. Todos os efeitos investigados atuam no sentido de favorecer o estado HS: a dispersao por ~2,70 kJ/mol, a troca Hartree-Fock por ~19,50 kJ/mol e as correcoes entropicas por ~10,80 kJ/mol. (ii) Um banco de dados numeroso contendo dezenas de complexos de ions Eu(III), Gd(III) e Tb(III) foi montado, seguido de um rigoroso processo de otimizacao simultanea dos 22 parametros presentes no modelo RM1 para cada um desses ions lantanideos. O novo conjunto de parametros permitiu a previsao de geometrias com erros medios absolutos da ordem de 0,05 Å para as distancias entre o lantanideo e os atomos diretamente ligados a ele, e um erro medio de 0,13 Å, se forem consideradas todas as ligacoes, alem de permitir uma modelagem mais exata de ligacoes do tipo Ln–C, Ln–S, Ln–Cl e Ln–Br, em um claro avanco em relacao aos metodos semiempiricos existentes.
  • VALERIA VISANI
  • TEOR DE ÓLEO DE ALHO EM CÁPSULAS GELATINOSAS POR ESPECTROSCOPIA NO INFRAVERMELHO MÉDIO E TÉCNICAS QUIMIOMÉTRICAS
  • Data: 24/08/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O óleo de alho, comercializado na forma de cápsulas gelatinosas, contém diversas substâncias consideradas benéficas à saúde, que atuam na redução do colesterol e da pressão arterial, no tratamento de gripe e diabetes e na prevenção do desenvolvimento de tumores e doenças cardiovasculares. Entretanto, divergências a respeito de sua funcionalidade tem sido relatadas e, uma possível causa, é a falta de padronização desses produtos. Considerando que não há legislação estabelecida quanto ao controle de qualidade do óleo de alho, comercializado em cápsulas, reveste-se de importância o desenvolvimento de métodos simples e rápidos para a análise desses produtos. Neste trabalho, propõe-se métodos de análise screening e de quantificação, utilizando espectroscopia na região do infravermelho médio por reflectância total atenuada (ATR) e métodos quimiométricos, para a classificação e quantificação de cápsulas de óleo de alho em função de suas concentrações. O Algoritmo das Projeções Sucessivas (SPA) aliado à Análise Discriminante Linear (LDA), obteve os melhores resultados de classificação das cápsulas em três classes, por meio de modelos construídos utilizando apenas a variável selecionada 924 cm-1, onde a banda existente é atribuída a vibrações de estiramento de C-S-C e deformação de =CH2, presentes nos constituintes majoritários do óleo de alho. Para as 136 cápsulas testadas, obteve-se uma taxa de 88,2% de concordância com as informações contidas em seus rótulos. Na quantificação do teor de óleo de alho das cápsulas, o método MCR-ALS (Resolução de Curvas Multivariadas com Mínimos Quadrados Alternantes), empregando configuração aumentada na direção das colunas (column wise), mostrou-se capaz de resolver as misturas, recuperando os espectros de óleo de alho e de soja com correlações de 0,8914 e 0,9997, respectivamente. Como resultado, MCR-ALS obteve falta de ajuste de 3,63% e variância explicada de 99,87%, limites de detecção e de quantificação iguais a 0,09% e 0,27%, respectivamente, RPD (Relação de Desempenho do Desvio) igual a 8,89 e os ensaios de recuperação forneceram índices de 98% a 99%, indicando boa exatidão do método. Assim como na classificação, as concentrações previstas para algumas marcas de cápsulas, revelaram-se em discordância com os valores declarados em seus rótulos, inclusive entre diferentes lotes da mesma marca. Deste modo, justifica-se a necessidade de controle dos órgãos de fiscalização junto aos fabricantes, para garantir a qualidade desses produtos. Os resultados apresentados sugerem que os métodos propostos são eficazes para investigar cápsulas gelatinosas de óleo de alho quanto ao seu teor.
  • ADENILTON CAMILO DA SILVA
  • Análise discriminante linear em duas dimensões para classificação de dados químicos de segunda ordem
  • Data: 21/08/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Com os avancos na instrumentacao analitica tem sido cada vez mais comum a obtencao de dados de segunda ordem, principalmente pelo uso de tecnicas hifenadas. Apesar das vantagens obtidas com o aumento do numero informacoes sobre a amostra, a partir de detectores, a interpretacao direta dos dados pode ser um desafio dada a complexidade de algumas matrizes. Diante disso, e importante que novas estrategias quimiometricas sejam propostas a fim de auxiliar na interpretacao desse tipo de dado, como e o caso do algoritmo de analise linear discriminante em duas dimensoes (2D-LDA). O 2D-LDA foi originalmente proposto no contexto do processamento de imagens de face para a extracao de vetores caracteristicas com alto poder discriminante. Apesar do seu desempenho promissor em tratamento de imagens, o algoritmo 2DLDA ainda nao foi utilizado em aplicacoes que envolvem dados quimicos. Neste trabalho foi investigado o uso de 2D-LDA em problemas de classificacao envolvendo dados quimicos de segunda ordem. Quatro conjuntos de dados foram utilizados:dois conjuntos de dados simulados de espectrometria de fluorescencia de matriz de excitacao/emissao; um conjunto de espectros de autofluorescencia de presunto de Parma e outro conjunto de espectro de fluorescencia sincronica total de oleo vegetais comestiveis. Os resultados foram comparados com aqueles obtidos utilizando: Classificacao sem extracao de caracteristicas (NFE); U-PLS-DA (Analise discriminante por minimos quadrados parciais em dados desdobrados) e LDA usando escores de TUCKER-3 ou PARAFAC. No primeiro conjunto de dados simulados, todos os modelos alcancaram uma taxa de classificacao correta de 100%. Contudo, no segundo conjunto de dados simulado apenas o modelo NFE apresentou erros de classificacao (30%). Os conjuntos de dados do presunto de Parma e dos oleos vegetais obtiveram maior taxa de classificacao utilizando 2DLDA (86%) e TUCKER-3-LDA (100%), em comparacao com os modelos sem extracao de caracteristicas (76% e 77%), U-PLS -DA (81% e 92%) e PARAFAC-LDA (86% e 92%). Em geral, o 2D-LDA apresentou resultados comparaveis aos demais algoritmos avaliados, podendo ser considerado como uma estrategia promissora na classificacao de dados quimicos de segunda ordem.
  • ANA CAROLINA VIEIRA MASCARENHAS
  • Determinação voltamétrica do terapêutico redox-ativo Mn(III)2-N-metilpiridilporfirina em matriz biológica.
  • Data: 28/07/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • As Mn porfirinas pentacationicas (MnP) derivadas das 2-N-piridilporfirinas tem se destacado como mimicos potentes das enzimas superoxido dismutase e moduladores redox cataliticos de estresse oxidativo, com alguns compostos ja em testes clinicos de fase I/II no Canada e EUA como um terapeutico redox ativo. O efeito in vivo das MnPs depende nao apenas de sua eficiencia catalitica, mas tambem de fatores como acumulo celular, entre outros. A quantificacao de MnP em matriz biologica demanda tecnicas analiticas precisas e sensiveis. No presente trabalho foi desenvolvido um metodo voltametrico para a quantificacao da MnP tipica, meso-tetraquis(N-metilpiridinio-2-il)porfirinatomanganes(III) (MnTM-2-PyP5+), usando biomassa da levedura Saccharomyces cerevisiae como modelo para amostras biologicas. As medidas voltametricas foram realizadas empregando um eletrodo de referencia de Ag/AgCl e um eletrodo auxiliar de platina, em solucao de tampao fosfato 0,05 mol L-1 (pH 7,8) e 0,1 mol L-1 de NaCl. Para o desenvolvimento do metodo, as tecnicas de voltametria de pulso diferencial (VPD) e onda quadrada (VOQ) foram avaliadas, sendo a voltametria de onda quadrada a que se mostrou mais sensivel ao analito. Como eletrodo de trabalho foram avaliados quatro tipos de eletrodo a base de carbono, eletrodo de carbono vitreo (ECV), eletrodo de pasta de carbono (EPC), eletrodo de pasta de nanotubos de carbono (ENTC), e eletrodo de pasta de carbono e nanotubos de carbono (EPCNTC). O eletrodo de pasta de carbono e nanotubos de carbono apresentou maior sensibilidade, porem o eletrodo de carbono vitreo apresentou uma melhor seletividade. Sendo assim, o metodo foi desenvolvido empregando os dois eletrodos de trabalho. Os parametros da VOQ foram otimizados e as curvas analiticas obtidas com os dois eletrodos apresentaram regiao linear de 0,04 a 0,11 µmol L-1 de MnTM-2-PyP5+. Forem estimados os limites de deteccao (LD) e quantificacao (LQ) para o ECV foram de 19 nmol L-1 e 64 nmol L-1, e para o EPCNTC foram de 1,6 nmol L-1 e 5,4 nmol L-1 respectivamente. O metodo desenvolvido apresentou exatidao aceitavel, tendo porcentagens de recuperacao aparente entre 110% e 117% em amostras de biomassa fungica crescida na ausencia de MnTM-2-PyP5+. Concentracoes entre 0,08 - 0,12 µmol mg-1 foram encontradas nas amostras de biomassa fungica crescidas por 72 horas em meio YMA contendo 20 µmol L-1 de MnTM-2-PyP5+.
  • CANDIDO JOSÉ FORMIGA DE QUEIROGA
  • Avaliação do processo de desoxigenação catalítico para produção de bioquerosene de aviação a partir do óleo de microalgas
  • Orientador : NATALY ALBUQUERQUE DOS SANTOS
  • Data: 28/07/2017
  • Mostrar Resumo
  • O aumento da demanda energetica mundial associada a iminencia do esgotamento das fontes fosseis de energia e a ainda atual dependencia da humanidade por petroleo, gas natural e carvao mineral para manutencao e desenvolvimento tecnologico faz que haja procura por formas alternativas sustentaveis de obtencao de energia. A biomassa de microalgas esta sendo utilizada para a obtencao de diferentes biocombustiveis por possuir uma maior concentracao e produtividade de bioprodutos (lipidios, carboidratos, proteinas, entre outros), bem como a nao competicao alimenticia. O cultivo foi realizado na camara de cultura climatizada, com fotoperiodo (12 horas claro e 12 horas escuro) em torno de 25°C com injecao de ar por microcompressor. A microalga Synechococcus nidulans foi cultivada em meio Zarrouk. A extracao do oleo foi realizada utilizando metanol e cloroformio para separacao de fases solvente/oleo. Na desoxigenacao catalitica do oleo de microalgas utilizou-se o catalisador Pd/C comercial. Os testes foram realizados em um reator Parr por meio de batelada, em tres temperaturas: 240°C, 270°C e 300°C a 700 RPM com pressao de H2 fixada em 30 bar e uma concentracao de carga de 1,5% (m/m). Posteriormente as amostras coletadas num periodo de 360 minutos, foram analisadas em um cromatografo a gas, acoplado a um espectrometro de massa. Atraves das reacoes, na qual foram obtidos hidrocarbonetos parafinicos ramificados, que se encaixam na faixa do bioquerosene de aviacao, constatou-se o potencial para producao. A reacao de desoxigenacao catalitica do bioquerosene utilizando o catalisador Pd/C, obteve conversao de ate 90%, com seletividade para hidrocarbonetos C15 desejados de 56%.
  • VANESSA CRISTINA DE MEDEIROS SILVA
  • Estudo teórico dos estados de valência e Rydberg de moléculas da série CF3-nHnCl (n= 0-3)
  • Data: 28/07/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Objetivando obter uma melhor compreensão acerca da natureza dos processos fotoquímicos que ocorrem na atmosfera, propô-se no presente trabalho o uso de métodos computacionais altamente correlacionados (métodos MCSCF, MR-CISD e MR-CISD+Q) para analisar geometrias, estados excitados, transições eletrônicas, canais de fotodissociação, dentre outros aspectos da série de moléculas CF3-nHnCl (n=0-3). Estas moléculas estãodiretamente relacionadas ao consumo do ozônio atmosférico e ao aquecimento global. Os cálculos de energia de excitação forneceram resultados compatíveis com os dados experimentais. Para a molécula CF 3 Cl foram encontrados cinco diferentes canais dissociativos: (1) CF3 (12A1) + Cl (2P); (2) CF3+ (11A2”) + Cl-(1S); (3) CF3 (22A1) + Cl (2P); (4) CF3 (12E) + Cl (2P); (5) CF3 (32A1) + Cl (2P). O mesmo número de canais também foi descoberto para a espécie CH3Cl: (i)CH3 (X2A2") + Cl (2P), (ii) CH3 (3s2A1') + Cl (2P), (iii) CH3+(1A1') + Cl- (1S), (iv)CH3 (3p2E') + Cl (2P) e (v) CH3 (3p2A2") + Cl (2P). A partir do estudo das curvas de energia potencial, pode-se determinar como os eventos não adiabáticos contribuem para o favorecimento do canal iônico na molécula CH3Cl e a desativação desse mesmo canal na espécie CF3Cl. O presente estudo serve como importante complemento aos estudos espectroscópicos experimentais, facilitando o assinalamento de transições eletrônicas.
  • CAIO VINICIUS DE LIMA
  • Eletrodos de pasta de carbono modificados com Mn-porfirinas ou Mn-porfirina imobilizada em argilominerais: Caracterização eletroquímica e eletrocatálise de redução do peróxido de hidrogênio
  • Data: 27/07/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho foram preparados materiais hibridos de Mn-porfirinas cationicas (MnP) imobilizadas no argilomineral paligorsquita e confeccionados eletrodos de pasta de carbono (EPC) modificados com Mn-porfirina ou sistemas hibridos a base de vermiculita (Verm/MnP) ou paligorsquita (Paligos/MnP). Alem da caracterizacao dos materiais hibridos e dos eletrodos modificados, um dos eletrodos confeccionados foi empregado na eletrocatalise de reducao do H2O2 em meio aquoso. A imobilizacao dos tres isomeros das N-metilpiridilporfirinas de Mn(III), Mn(III)TM-X-PyPCl5 (X = 2, 3 e 4) em paligorsquita monoionica de sodio seguiu um protocolo previamente estabelecido para sistemas analogos a base de vermiculita (Verm/MnP) e foi essencialmente quantitativa, resultando nos materiais paligo/Mn(III)TM-X-PyPCl5 (X = 2, 3 e 4). A incorporacao de MnP na paligorsquita foi caracterizada por espectroscopia de reflectancia difusa. Analises por difracao de raios X indicaram que a imobilizacao das MnP nao levou a modificacao estrutural significativa da paligorsquita. Os estudos eletroquimicos seguintes concentraram-se apenas no isomero mais comumente empregado, Mn(III)TM-4-PyPCl5, sendo confeccionados os seguintes eletrodos modificados: EPC+Mn(III)TM-4-PyPCl5, EPC+Paligo, EPC+Verm, EPC+Paligo/Mn(III)TM-4-PyPCl5 e EPC+Verm/Mn(III)TM-4-PyPCl5. Todos os EPC modificados foram eletroquimicamente caracterizados pelas tecnicas de voltametria ciclica e espectroscopia de impedancia eletroquimica. Os EPC confeccionados mostraram atividade eletroquimica e estabilidade mecanica, com excecao do EPC+Verm, que se desfez ao entrar em contato com a solucao eletrolitica. Todas as modificacoes no EPC aumentaram a condutividade da matriz da pasta de carbono, alem de tornarem o processo de oxidacao/reducao do sistema [Fe(CN)6]3-/[Fe(CN)6]4- mais reversivel e facilitarem a transferencia de eletron na superficie do eletrodo. Por fim, foi avaliada a capacidade eletrocatalitica do EPC modificado com Mn(III)TM-4-PyPCl5 frente a eletrocatalise de reducao do H2O2, em meio aquoso. Mesmo com o EPC+Mn(III)TM-4-PyPCl5 possuindo um teor de Mn-porfirina na pasta de carbono de 0,012% (m/m), o eletrodo mostrou ser um bom sensor eletroquimico amperometrico, sendo apto para a deteccao do H2O2. A curva analitica obtida apresentou dois intervalos lineares: i) de 20 µmol L-1 a 120 µmol L-1, e ii) 0,20 mmol L-1 a 2,10 mmol L-1, onde no intervalo de maior concentracao os limites de deteccao e quantificacao sao de 5,8 µmol L-1 e 19,2 µmol L-1, respectivamente, alem da sensibilidade ser relativamente alta (6,9 µA L mmol-1).
  • VALBER ELIAS DE ALMEIDA
  • Algoritmo das projeções sucessivas associado ao Kernel-PLS para calibração multivariada não linear
  • Data: 26/07/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho e relatado, pela primeira vez, o uso do Algoritmo das Projecoes Sucessivas para a selecao de intervalos (iSPA) como etapa previa a modelagem de dados nao-lineares por meio Kernel Partial Least Square (Kernel-PLS). Esta nova abordagem, ou seja, iSPA-Kernel-PLS, e uma combinacao entre a remocao de variaveis nao informativas e ou redundantes, promovida pelo SPA e reducao de ruido em dados nao-lineares por Kernel-PLS. O desempenho do iSPA-Kernel-PLS foi avaliado nos seguintes estudos de caso em que a relacao entre concentracao e sinal analitico e nao linear: dois bancos de dados simulados e um banco de dados envolvendo a quantificacao de acucares totais e grau brix em diferentes etapas do processo de producao de acucar utilizando espectroscopia de infravermelho proximo em modo de transflectancia. Quando comparados com o modelo full Kernel-PLS (espectro completo), o iSPA-Kernel-PLS apresentou melhores resultados em termos de RMSE, REP, R² e nao foi verificado a presenca de tendencias (bias) significativas nas elipses de confianca. Portanto, os resultados obtidos mostram que o metodo proposto (iSPA-Kernel-PLS) e uma ferramenta util na calibracao nao-linear.
  • GABRIEL AIRES URQUIZA DE CARVALHO
  • Estudo da aplicação de descritores de densidades eletrônicas LCAO obtidas de métodos Hartree-Fock de proteínas no estudo de suas características químicas e biológicas.
  • Data: 26/06/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Proteinas sao polimeros de aminoacidos cuja geometria final, semelhante a um complexo novelo, permite que estas moleculas sejam bastante versateis, utilizadas em uma vasta gama de papeis quimicos nas celulas vivas. A geometria de equilibrio das proteinas em suas condicoes normais sao determinadas, em grande parte, por sua sequencia primaria, que e produto da evolucao biologica. Neste trabalho utilizamos os momentos de Canterakis-Zernike e suas Invariantes Rotacionais para estudar possiveis semelhancas entre as densidades eletronicas de tRNA-Aminoacil Sintetases modernas e aquelas produzidas a partir de estruturas obtidas de suas sequencias ancestrais obtidas da literatura. Para isto implementamos um novo algoritmo de projecao de densidades analiticas produzidas pelo Gaussian2009 e MOPAC2012 no espaco de Canterakis-Zernike e o programa Cluto para o agrupamento posterior das sequencias. Concluimos que as densidades eletronicas sao capazes agrupar as proteinas segundo seu estado de dimerizacao. Como existe preferencia das classes evolutivas por proteinas singulares ou homodimericas, isto acaba agrupando as proteinas mais ou menos segundo a origem evolutiva.
  • RENE PINTO DA SILVA
  • ESTUDO DA FOTODEGRADAÇÃO EM ÁGUAS: AVALIAÇÃO DA DEGRADAÇÃO E TOXICIDADE
  • Data: 08/05/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os farmacos e produtos de higiene e cuidados pessoais contribuem de forma benefica para a melhoria da qualidade de vida do ser humano. Um desses produtos e o triclosan, (TCS), um bactericida muito utilizado na formulacao de varios produtos de higiene pessoal, mas quando lancado no ambiente, mesmo em baixas concentracoes este composto e seus derivados sao considerados alteradores endocrinos e podem afetar a fisiologia reprodutiva de diversas especies. Em decorrencia do amplo espectro de aplicacoes e de serem apenas parcialmente eliminados nas estacoes de tratamento de agua (ETA) e de esgoto (ETE), estes podem ser encontrados em diferentes compartimentos aquaticos. Diante do exposto, este trabalho teve como objetivo desenvolver uma metodologia de fotocatalise heterogenea, para promover a mineralizacao completa do TCS e avaliar a toxicidade dos subprodutos utilizando microalgas, como organismos teste. Para isto, foi realizado um planejamento experimental para determinar as melhores condicoes operacionais, tendo como variaveis massa do catalisador, potencia da lampada, tempo e pH, utilizando como fotocatalisador o dioxido de titanio. Os resultados apontaram que 50 mg de TiO2 P25, potencia da lampada de 60W, 180 minutos de tratamento e pH=5 foram eficientes, promovendo 94,0% de degradacao do TCS. A fotodegradacao media do TCS apos 360 minutos de tratamento, para amostras sinteticas de TCS, utilizando dioxido de titanio e o hexaniobato de potassio como fotocatalisadores foram de 99,3% e 89,8%, respectivamente, mostrando que o hexaniobato de potassio e bom fotocatalisador quando comparado com um tradicional e comercial (TiO2 P25). A toxicidade das amostras apos o tratamento fotocatalitico foi determinada atraves da inibicao do crescimento celular de microalgas e nenhuma amostra inibiu completamente o crescimento das celulas de microalgas, portanto, o efluente tratado pode ser classificado como sendo de baixa toxicidade.
  • GUILHERME LEOCARDIO LUCENA DOS SANTOS
  • Estanatos de cálcio (CaSnO3) dopados com Fe3+, Co2+ ou Cu2+ aplicados na fotodegradação de Remazol Amarelo Ouro e na redução de NO com CO ou NH3
  • Data: 28/04/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Estanato de calcio, CaSnO3, e uma perovskita do tipo ortorrombica que apresenta aplicacoes tecnologicas como catalisadores e fotocatalisadores. Neste trabalho, CaSnO3 nao dopado e dopado com Fe3+, Co2+ ou Cu2+ foram obtidos pelo metodo Pechini-modificado e aplicados na fodegradacao do corante textil remazol amarelo ouro (RNL), e como catalisadores na reacao de reducao de monoxido de nitrogenio (NO). Alem disso, esses materiais foram depositados sobre o suporte catalitico ZrO2 ou impregnados ou dopados com paladio e avaliados na reducao de NO com CO e NO com NH3. Os catalisadores foram caracterizados por analise termogravimetrica (TG/DTA), difracao de raios-X (DRX), espectroscopia de absorcao na regiao do ultravioleta e do visivel (UV-Vis), espectroscopia vibracional na regiao do infravermelho (IV), espectroscopia Raman, analise da area superficial (SBET), microscopia eletronica de varredura com emissao de campo (MEV-EC) e microscopia eletronica de transmissao (MET). Os resultados de DRX mostraram uma pequena mudanca na ordem a longo alcance das amostras dopadas devido a substituicao parcial dos cations. Os espectros Raman indicaram que a incorporacao dos metais Fe3+, Co2+ e Cu2+ na rede do CaSnO3 promoveu quebra de simetria, o que foi confirmado pela mudanca nos valores do band gap das amostras. Os ensaios fotocataliticos do corante RNL foram realizados em reator utilizando uma lampada UVC (λ= 254 nm). Os testes cataliticos foram realizados em um reator contendo uma mistura gasosa, com quantidades estequiometricas de monoxido de nitrogenio (NO) e monoxido de carbono (CO), em helio, na faixa de temperatura de 300°C a 700°C ou em um reator contendo mistura de NO e amonia (NH3), em helio, na faixa de temperatura de 250°C a 500°C. Os resultados da avaliacao fotocatalitica mostraram que a dopagem do CaSnO3¬ com os metais de transicao aumentou a eficiencia fotocatalitica do material, sendo mais expressiva para o material dopado com Cu2+ (76% de descoloracao), o que foi relacionado a diminuicao na intensidade dos espectros de fotoluminescencia em funcao da dopagem. Os testes cataliticos de NO com CO mostraram que as perovskitas massicas dopadas com Co2+ e Cu2+ apresentaram 100% de conversao, em temperaturas superiores a 500ºC. A impregnacao com paladio favoreceu a conversao de NO com CO em toda a faixa de temperatura avaliada, no entanto, desfavoreceu a reacao de NO com NH3, provavelmente devido a oxidacao de NH3 pelo Pd. As perovskitas depositadas sobre o suporte ZrO2 mostraram os melhores valores de conversao catalitica. Os resultados de MEV-EC e MET confirmaram a deposicao da fase ativa sobre o suporte ZrO2 e indicaram a formacao de sistemas core@shell.
  • EVERTON VIEIRA DA SILVA
  • POTENCIALIDADES DA PIMENTA BIQUINHO (Capsicum chinense) COMO ADITIVO NATURAL
  • Data: 23/02/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A Capsicum spp, conhecida popularmente como pimenta, esta entre os produtos mais consumidos em todo o mundo, principalmente aquelas que apresentam maior pungencia. Algumas sao utilizadas apenas para ornamentacao de pratos ou como temperos e condimentos simples, como a pimenta biquinho, nao tendo suas propriedades fisicas, quimicas e biologicas valorizadas. Este estudo teve como objetivo avaliar as potencialidades da pimenta biquinho (Capsicum chinense) como aditivo natural em formulacoes alimenticias. Obteve-se o farelo e o corante liquido que foram aplicados na producao de biscoitos em substituicao do corante artificial e do amoniaco, sendo avaliados durante 90 dias de armazenamento. Tambem foi elaborado o extrato, aplicado na producao de iogurte em substituicao ao corante e sorbato de potassio e avaliados durante 40 dias. Todos os produtos foram caracterizados atraves de ensaios fisicos e quimicos. O potencial antioxidante do farelo, corante e extrato foram verificados pelos metodos de DPPH, ABTS e compostos fenolicos, alem disso, foi determinado os compostos majoritarios dos aditivos por HPLC. Os biscoitos e os iogurtes produzidos foram tambem avaliados sensorialmente por 100 provadores nao treinados. Os aditivos elaborados possuem niveis acentuados de compostos fenolicos, de pigmentos alimentares e uma atividade antioxidante consideravel, alem disto, apresentam a capsaicina, dihidrocapsaicina, quercetina, apigenina, miricitrina como compostos majoritarios. No corante verificou-se baixo teor de minerais e no farelo elevado conteudo proteico e mineral e baixo teor de lipidios. Os biscoitos produzidos com substituicao total do amoniaco e corante artificial se mostraram estaveis ao longo de 90 dias e foram aceitos sensorialmente. Os iogurtes com maior concentracao de extrato (0,3%) apresentaram-se mais estaveis durante o armazenamento de 40 dias e tambem tiveram boa aceitacao por parte dos provadores. Alem disto, todos os itens produzidos apresentam condicoes higienico-sanitarias satisfatorias. Conclui-se que a pimenta biquinho possui diversas potencialidades como aditivo natural podendo ser aplicada na industria de alimentos, contribuindo para uma producao mais natural e sem riscos a saude do consumidor.
  • EZEQUIEL FRAGOSO VIEIRA LEITAO
  • Estudo Computacional da Não Conservação do Spin: Reação do Ferro Porfirina com Diferentes Ligantes Axiais e Reação de Haber-Weiss em Fase Gasosa
  • Data: 22/02/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho de tese foi realizado um estudo computacional de algumas reações proibidas e permitidas por spin. A primeira reação investigada envolve a dissociação de ligantes na ferroporfina (FeP(L)2, onde, L = H2O, Dimetil-nitrosamina, Imidazol e Piridina) e a outra diz respeito ao mecanismo de Haber-Weiss para espécies como R-OOH + O2•–, com R = H, CH3 e CH3CH2. Os mecanismos de ambas reações representam um grande desafio do ponto de vista da escolha da metodologia computacional apropriada uma vez que envolvem um grande número de pontos estacionários e, em alguns casos, com diferentes multiplicidades de spin. Para as reações de dissociação com Fe - porfinas foram escolhidos ligantes de campos fraco e forte. Nesta etapa foram utilizados vários métodos da DFT (OLYP, BP86, oTPSS, M06, M06L, M06L2X, B3PW91, PBE1PBE, B2PLYP e DSDPBEP86) para estimar o ordenamento dos estados de spin para o metal na forma Fe(III) e Fe(II) e alguns procedimentos para calcular e superfície de energia potencial dessas reações. Os resultados mostram que o funcional DSD-PBEP86 consegue prever corretamente o ordenamento dos estados de spin dos sistemas metaloporfirínicos estudados e caracterizar o cruzamento das superfícies dos diferentes estados de spin durante a reação. O segundo estudo trata da reação de Haber-Weiss com três tipos de peróxidos, a saber: peróxido de hidrogênio, metilhidroperóxido e etilhidroperóxido. Para esse problema, foram mapeados alguns mecanismos de reações que levam à formação dos produtos relatados na literatura. A reação do H2O2 + O2•– ocorre por dois canais de reação competitivos. O produto majoritário (O2 + O•–⋯H2O) segue por uma reação proibida por spin, enquanto o produto minoritário (H2O⋯O3•–) assume uma reação permitida por spin. A reação proibida por spin passa por uma região de cruzamento intersistema e o mecanismo mostra ser governado pela mudança da configuração eletrônica total durante a reação. Na reação do CH3OOH com O2•–, pela primeira vez, é proposto um mecanismo de reação e uma previsão acerca da entalpia das diferentes reações que podem ocorrer. No caso da reação entre o metilhidroperóxido, o etilhidroperóxido com o superóxido é do tipo permitida por spin. Os resultados computacionais da entalpia de reação dessas reações estão em boa concordância com os valores encontrados na literatura.
  • SUERVY CANUTO DE OLIVEIRA SOUSA
  • Síntese, caracterização e avaliação antileishmanial de híbridos moleculares tetrahidropiranos/adutos de Baylis-Hillman: uma abordagem clássic na busca de antiparasitários
  • Data: 21/02/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O presente estudo teve como princípio o uso da hibridização molecular como técnica clássica de desenvolvimento de fármacos. Esta perspectiva foi impulsionada pela simplicidade na aplicação de diferentes efeitos biológicos de moléculas conhecidamente ativas frente a um alvo potencialmente sensível. Desta forma propomos a síntese de híbridos moleculares a partir dos produtos de duas reações, com vasto interesse biológico, a saber: os tetrahidropiranos oriundos da reação de ciclização de Prins e os adutos da reação de Morita-Baylis-Hillman. A reação de Barbier foi utilizada na produção de um álcool homoalílico intermediário em 69%, como reagente de partida na etapa da ciclização de Prins. Esta, por sua vez, mostrou-se uma ferramenta eficiente na produção de duas estruturas tetrahidropirânicas com rendimentos de 80% e 88%, sendo precursoras dos tetrahidropiranos protótipos, moléculas com atividade antinociceptiva estrategicamente importante neste trabalho. Na etapa de reação de Morita-BaylisHillman a irradiação de micro-ondas foi amplamente utilizada na maioria dos produtos formados, porém em alguns casos foram utilizadas condições diferentes para otimização da reação gerando, nas séries análogas, rendimentos entre 45% e 96%. As espécies híbridas foram bioavaliadas in vitro frente à Leishmania donovani em sua forma promastigota observando a viabilidade das espécies incubadas na presença de diferentes concentrações dos híbridos e comparadas ao controle positivo, Anfotericina B®. Obteve-se, assim, a concentração inibitória mínima (IC50) de cada amostra, onde os compostos mais ativos apresentaram valores de IC50 entre 2,22 e 7,09µg/mL. Em testes posteriores, estas mesmas espécies, mais ativas foram submetidas à avaliação de toxicidade através da hemólise de células vermelhas (HC50) apresentando índices de seletividade superiores à droga de controle.
  • EMMELY OLIVEIRA DA TRINDADE
  • Síntese, caracterização e avaliação antimicrobiana de 1-3-dieteres-esteres derivados da glicerina.
  • Data: 17/02/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O uso excessivo de derivados do petroleo vem causando serios problemas ambientais. Na tentativa de minimizar esses danos ao meio ambiente, varios paises vem adotando estrategias de politica energetica baseadas na utilizacao de fontes energeticas renovaveis e menos poluentes. O biodiesel e um combustivel biodegradavel derivado de fontes renovaveis, as quais sao bastante abundantes no Brasil. Com o aumento de incentivos governamentais a producao de biodiesel vem aumentando consideravelmente, entretanto, na producao de 90 m3 de biodiesel sao gerados cerca de 10 m3 de glicerina, que e o seu principal coproduto. O aumento da producao de biodiesel tende a gerar um grande excedente de glicerina a se procurar destino, alem de lhe conferir um baixo valor comercial, surgindo assim a necessidade de novos estudos para novas aplicacoes deste subproduto. O objetivo dessa pesquisa e desenvolver novas tecnologias atraves da utilizacao da glicerina para a formulacao de novos compostos, a fim de avaliar a potencialidade antimicrobiana dos produtos derivados da glicerina. Inicialmente, foram sintetizados como precursores os alcoxidos dos alcoois requeridos e uma haloidrina derivada da glicerina. A partir desses reagentes foram sintetizados seis 1,3-dieteres derivados da glicerina, a hidroxila do carbono secundario da glicerina foi preservada para ser alvo da reacao de esterificacao. Os seis 1,3-dieteres obtidos serviram como intermediarios para obtencao de doze esteres derivados. Todos os dieteres e os esteres sintetizados foram caracterizados por tecnicas espectroscopicas de IV, RMN de 1H e 13C, e avaliou-se o potencial antimicrobiano destes compostos. Dentre os 18 compostos testados, cinco deles apresentaram atividade biologica, os compostos E-04, I-01, I-03 e I-04 apresentaram otima atividade e o composto I-05 apresentou atividade moderada sobre cepas bacterianas de Staphylococcus aureus, Staphylococcus epidermidis e Pseudomonas aeruginosa e de fungos filamentosos do genero Penicillium e Aspergillus. As leveduras do genero Candida foram resistentes frente a todas as substancias utilizadas nos ensaios microbiologicos. Neste trabalho, realizou-se ainda uma investigacao in silico dos 1,3-dieteres e dos seus esteres derivados, onde os resultados indicaram que tanto os compostos intermediarios quanto seus derivados sao bons candidatos a farmacos.
  • URIJATAN TEIXEIRA DE CARVALHO POLARI SOUTO
  • Metodologia baseada em imagem digital, espectros UV-VIS e quimiometria para screening de adulteração de café por cascas e paus
  • Orientador : EDVAN CIRINO DA SILVA
  • Data: 17/02/2017
  • Mostrar Resumo
  • Resumo nao entregue a Pos
  • POLIANE KARENINE BATISTA
  • Desenvolvimento de metodologias em síntese orgânica: Uso do catalisador Eu-MOF na síntese de cianoidrinas e obtenção de anéis tetraidropirânicos utilizando [BMIM][PF6]
  • Data: 15/02/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • As cianoidrinas sao substancias que podem ser transformados em intermediarios organicos importantes, tais como α-hidroxiacidos, α-Aminoacidos, e β-amino-alcoois. Sao rotineiramente obtidos atraves da reacao de Cianosiliacao de Aldeidos, que e sinteticamente viavel apenas na presenca de acido de Lewis. Nesse trabalho a estrutura polimerica organica de lantanideos, a MOF [Eu2(MELL)(H2O)6] (1) foi utilizada como catalisador heterogeneo na reacao de cianosililacao de aldeidos. Os ensaios cataliticos foram realizados sob diferentes condicoes e foi otimizado utilizando-se a MOF ativada termicamente com o solvente Acetonitrila. Diversos aldeidos estruturalmente diferentes geraram suas respectivas cianoidrinas nos tempos reacionais que variaram de 1 a 6 horas e com rendimentos de 62 a 100%. A MOF (1) foi reciclada e recuperada na reacao de adicao de TMSCN (3) a 2-furfuraldeido sem perda de atividade durante cinco ciclos. Aneis tetraidropiranicos (THP) sao comuns em varios produtos naturais, portanto varias estrategias estao sendo desenvolvidas para sintetiza-los. Nesse trabalho descrevemos o estudo para a obtencao de tetraidropiranos 2,4,6-trisubstituidos em uma unica etapa promovida pelo Liquido Ionico (LI) hexafluorofosfato de 1-butil-3-metilimidazolio [BMIM][PF6] entre o brometo de alila (17) e aldeidos, atraves da reacao Barbier-Prins. Os testes foram realizados sob diferentes condicoes e foi otimizado utilizando-se o benzaldeido (2) e brometo de alila (17) na proporcao de 1:4. A utilizacao do LI [BMIM][PF6] proporcionaram produtos THP de varios aldeidos com bons rendimentos variando-se de 40% a 75% e 8 horas de reacao. Adicionalmente foi recuperado e reutilizado o LI [BMIM][PF6] na preparacao do 4-bromo-tetra-hidro-2,6-difenil-2H-pirano (20) em ate 5 vezes sem perda significativa dos rendimentos desse produto Foi investigado a influencia isolada do anion PF6- na reacao entre o benzaldeido (2) e o brometo de alila (17) nas condicoes reacionais de Barbier, assim como a influencia do sal SnBr2 na reacao de Prins entre o alcool homoalilico e o benzaldeido, os resultados nos leva a concluir que o PF6- atua acelerando a reacao de Barbier e o excesso de SnBr2 atua como acido de Lewis na reacao de ciclizacao de Prins. Posteriormente foi investigado a utilizacao do KI na reacao entre o benzaldeido e o brometo de alila, e verificou-se que dependendo da proporcao utilizada entre o KI e o SnBr2 pode ocorrer a formacao preferencial do alcool homoaliico ou do composto THP.
  • LUIS HUMBERTO DE OLIVEIRA
  • Vermiculitas modificadas com derivados orgânicos contendo grupo mercaptopropil aplicados como agentes antimicrobianos
  • Data: 14/02/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A vermiculita e um filossilicato planar com estrutura 2:1 contendo Mg2+ na regiao interlamelar e baixa populacao de grupos silanois disponiveis em suas extremidades. A ativacao acida da vermiculita proporciona maior disponibilidade dos grupos silanois aumentando a sua reatividade frente a imobilizacao covalente de compostos organicos. Neste trabalho, quatro amostras de vermiculitas ativadas com acido foram silanizadas com o 3-mercaptopropiltrimetoxissilano, visando a aplicacao desses solidos como agentes antimicrobianos. Inicialmente, o material foi submetido a ativacao com acido nitrico nas concentracoes de 0,5; 1;1,5 e 2 mol L-1, resultando nos solidos V0,5; V1; V1,5 e V2. Em seguida, os solidos bruto e ativados foram organofuncionalizados com o agente sililante sob atmosfera de N2 por 48 h. O material de partida e os solidos silanizados foram caracterizados por difratometria de raios X (DRX), espectroscopia de absorcao na regiao do infravermelho, analise elementar CHN e de medidas adsorcao/dessorcao de N2. Os resultados de difratometria de raios-X da vermiculita bruta e ativadas mostraram um valor do espacamento basal d(002) igual a 1,42 nm, sendo tambem observado uma diminuicao da cristalinidade do material, apos o processo de ativacao, com o aumento da concentracao do acido. Apos a organofuncionalizacao, nao houve mudancas significativas na cristalinidade dos solidos e o espacamento basal foi mantido, indicando que as moleculas do silano foram possivelmente imobilizadas na superficie. Os espectros de infravermelho indicaram que as absorcoes originais da estrutura da vermiculita foram mantidas apos a ativacao acida, havendo apenas um aumento na intensidade da banda referente a vibracao de estiramento da ligacao Si-O na regiao de 1080 cm-1. Nos materiais silanizados, uma nova banda em 2930 cm-1 que foi atribuida ao estiramento da ligacao C-H. A adsorcao/dessorcao de N2 mostraram um aumento da area superficial (SBET) apos a ativacao acida em relacao a vermiculita bruta, com maior valor de SBET obtido de 477 m2 g-1 para o solido V2. Os valores em porcentagem e mmol g-1 de carbono obtidos por analise elementar, indicam que a reacao foi efetiva, havendo um aumento da quantidade de carbono ancorado nos solidos ativados, cujo maximo foi de 1,67 mmol g-1 para o solido V1,5S-H, superior ao do material bruto, cujo valor foi de 0,36 mmol g-1.
  • JANDEÍLSON DE LIMA MOURA
  • ESTUDOS ESPECTROSCÓPICOS DE NOVOS COMPLEXOS beta-DICETONATOS DE ÍONS LANTANÍDEOS COM EMISSÃO NO VISÍVEL E INFRAVERMELHO PRÓXIMO
  • Data: 13/02/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho reporta a sintese, caracterizacao e investigacao das propriedades luminescentes de -dicetonatos de ions lantanidos, Ln(dic)2(NO3)L2, Ln(TTA)3L2 e Ln(DBM)3L, em que Ln3+ = Pr3+, Nd3+, Sm3+, Eu3+, Er3+ e Yb3+, -dic = 2-tenoilltrifluoroacetona (TTA) e dibenzoilmetano (DBM), L = oxido de trifenilfosfina (TPPO), tributilfosfina (TBPO) e trioctilfosfina (TOPO). Para os compostos do ion Eu3+, foram tambem sintetizados os complexos com o oxido de trifenilarsina (TPAsO) e triciclohexilfosfina (TCHPO) como ligantes auxiliares. Os complexos sintetizados foram caracterizados por titulacao complexometrica com EDTA, analise elementar CHN, espectroscopia de absorcao na regiao do infravermelho com transformada de Fourier (FTIR) e analise termogravimetrica (TGA). As propriedades fotoluminescentes nas regioes do visivel e infravermelho proximo (NIR) dos complexos sintetizados foram investigadas a partir dos espectros de excitacao, emissao e curvas de decaimento de luminescencia. Os espectros de excitacao sao caracterizados pela presenca de bandas largas associadas as transicoes centradas nos ligantes , evidenciando a eficiencia na sensibilizacao da luminescencia pelos ligantes antenas. Os espectros de emissao, na regiao do visivel, dos compostos dos ions Sm3+ e Eu3+, exibem bandas finas oriundas das transicoes intraconfiguracionais e sao dominados pelas transicoes hipersensiveis (~645 nm) e (~612 nm). Os valores dos parametros de intensidade e dos complexos de Sm3+ e Eu3+ apresentaram uma boa correlacao, evidenciando que o ambiente quimico influencia de maneira semelhante as propriedades espectroscopica destes ions. As propriedades fotoluminescentes dos complexos do ion Eu3+ foram investigados por meio dos parametros de intensidade e , taxas de radiativa e naoradiativa ( e ), tempo de vida do estado () e, eficiencia quantica de emissao ( ). Os maiores valores de sao encontrados para os complexos Eu(dic)2(NO3)L2, na faixa de 51-86%. Observou-se que os compostos Eu(-dic)3L2 exibiram tempo de vida mais curto, o que pode estar relacionado com a presenca de uma canal supressor, resultando assim em maiores valores de . Os parametros de intensidade e , variam apenas ligeiramente quando ocorre alteracoes no numero e na natureza dos ligantes da primeira esfera de coordenacao, sendo o 2 mais sensivel as alteracoes na geometria de coordenacao. Os espectros de emissao na regiao do NIR dos complexos bis- e tris-dicetonatos dos ions Pr3+, Nd3+, Sm3+, Er3+ e Yb3+ apresentam luminescencia caracteristica. As alteracoes na natureza e numero de ligantes coordenados ao ion Ln3+ influenciam ligeiramente os perfis espectrais. Os resultados obtidos para os sistemas estudados sugerem que estes sao potenciais candidatos a atuarem como Dispositivos Moleculares Conversores de Luz.
  • GRAYCYELLÊ RODRIGUES DA SILVA CAVALCANTI
  • Sistemas bentonitas/tiabendazol - ensaios interativos e de emissão controlada.
  • Data: 10/02/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O desenvolvimento de novos veiculos para farmacos que proporcionem niveis terapeuticos efica-zes leva a estudos com diversos tipos de materiais, dentre eles destacam-se os argilominerais, pois sao materiais que apresentam excelentes propriedades fisico e quimicas, alem de ja serem utilizados em produtos farmaceuticos como excipientes e agente ativos. Neste sentido, neste trabalho foi avaliada a potencialidade de uma argila bentonitica (Bent) em suas formas trocadas com sodica (BentNa), calcica (BentCa) e magne- sica (BentMg) no processo de adsorcao do tia-bendazol (Tia) para uso potencial como sistemas de liberacao controlada. Os solidos precursor, trocados e os hibridos foram caracterizados por difratometria de raios X, espectroscopia na regiao do infravermelho, termogravimetria e microscopia eletronica de transmissao. Os estudos de interacao dos solidos com o tiabendazol avaliaram os parametros como pH, tempo de contato e concentracao inicial do farmaco. As melhores condicoes de sintese foram em tempos de 45 min com o farmaco a 2000 mg L-1 para a BentNa e de 105 min e 1300 mg L-1 para as BentCa e BentMg, cujas condicoes foram adotadas nos ensaios de carregamento resultando em teores de tiabendazol incorporados de 164,4; 152,3 e 133,3 mg g-1 para a BentNa, BentCa e BentMg, respectivamente. O perfil de emissao obtido para os hibridos bentonitas/farmacos foram semelhantes em fluidos corporeos simulados, cujos dados se ajustaram ao modelo cinetico de Korsmeyer-Peppas.
  • DENISE DE BRITO FRANÇA
  • Sistemas baseados em magadeíta/diaminas alifáticas e magadeítas/ranitidina e suas aplicações.
  • Data: 09/02/2017
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A magadeita (Na2Si14O29.xH2O (x = 5-10)), e um silicato lamelar alcalino de estrutura ainda desconhecida que interage por intercalacao com especies organicas simples ou polimeros originando hibridos inorganico-organicos destinados a mais diversas aplicacoes como adsorventes, suporte para catalisadores, trocadores de cations e anions, entre outras. Neste trabalho, a magadeita sodica foi obtida por sintese hidrotermica convencional e por troca ionica originou as suas formas acida, potassica, calcica e magnesica. A magadeita acida interagiu com diaminas alifaticas, NH2(CH2)nNH2 n = 8, 9, 10 e 12, utilizando aquecimento convencional e por micro-ondas. Os solidos trocados foram utilizados como veiculo para o farmaco ranitidina, em que os efeitos do tempo de reacao e concentracao inicial do farmaco foram investigados. Os resultados foram ajustados aos modelos cineticos e de equilibrio como os modelos de pseudo-primeira ordem e pseudo-segunda ordem e as equacoes de Langmuir e de Freundlich. Os solidos foram caracterizados por difratometria de raios X (DRX), espectroscopia na regiao do infravermelho (FTIR), analise elementar de CHN, termogravimetria (TG/DTG) e microscopia eletronica de varredura (MEV). Os resultados mostraram que a intercalacao das diaminas em H-magadeita foi dependente do tamanho da cadeia organica, solvente, temperatura e fonte de aquecimento originando produtos intercalados com espacamento basais variando de 0,210 a 0,286 nm. A natureza do ion interlamelar alterou a hidratacao da magadeita e a capacidade de adsorcao da ranitidina em meio aquoso, cujas capacidades maximas de sorcao foram de 92,34; 11,90; 81,47; 19,10 e 38,13 mg g-1 para as magadeitas sodica, acida e trocadas com os cations de K+, Ca2+ e Mg2+, respectivamente. Os hibridos Na- ou K-magadeita/ranitidina mostraram potenciais para o uso como sistemas de liberacao controlada enquanto que os hibridos de intercalacao magadeita acida/diaminas tiveram novas propriedades organofilicas, o que permite interacao com diferentes especies organicas em solucao.
2016
Descrição
  • JOÃO BATISTA MOURA DE RESENDE FILHO
  • Condensação de Knoevenagel e síntese de n-acilidrazonas catalisadas por nanopartículas magnéticas funcionalizadas
  • Data: 16/12/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A reacao de condensacao de Knoevenagel e uma das reacoes mais utilizadas em sintese organica para formacao de ligacao C–C, sendo usada como uma das etapas para a sintese de varias moleculas. As N-acilidrazonas, por sua vez, sao moleculas que apresentam consideravel atividade biologica, o que impulsionou os trabalhos envolvendo a sintese das mesmas nos ultimos anos. O presente trabalho consiste na utilizacao de nanoparticulas magneticas funcionalizadas como catalisadores nas reacoes de condensacao de Knoevenagel e na sintese de N-acilhidrazonas. As nanoparticulas magneticas (magnetita, Fe3O4) foram sintetizadas pelo metodo de coprecitacao quimica, revestidas com silica (Fe3O4@SiO2) e funcionalizadas com grupos aminos (Fe3O4@SiO2-3N, em que 3N = N1-(3-trimetoxisililpropril)dietilenotriamina) e com ions lantanideos adsorvidos (Fe3O4@SiO2-1N-EDTA-Tb3+, em que 1N = 3-aminopropiltrimetoxissilano). Elas foram caracterizadas por espectroscopia de absorcao na regiao do infravermelho, DR-X, analises termogravimetricas, analise elementar de carbono, hidrogenio e nitrogenio e medidas de magnetizacao. As nanoparticulas magneticas Fe3O4@SiO2-3N foram usadas como catalisadores nas reacoes de condensacao de Knoevenagel, apresentando bons rendimentos isolados (71-100%) e tempos reacionais (10-45 min). Os grupos aminos presente no material atuam como base, promovendo a desprotonacao do metileno, e como catalisador na reacao, ativando o carbono carbonilico atraves da formacao do ion iminio. Ja as nanoparticulas magneticas Fe3O4@SiO2-1N-EDTA-Tb3+ foram utilizadas como catalisadores na sintese das N-acilidrazonas, tambem apresentando bons rendimentos isolados (65-95%) e tempos reacionais (2-180 min). Em linhas gerais, as nanoparticulas magneticas sintetizadas apresentaram boa atividade catalitica, sendo facilmente recuperada por separacao magnetica e reutilizada em reacoes subsequentes.
  • JEFFERSON MAUL DE ANDRADE
  • Teoria do funcional da densidade aplicada na caracterização de catalisadores CaSnO3
  • Data: 02/12/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Esta tese tem como ponto central a caracterizacao ab initio da perovskita ortorrombica CaSnO3 pertencente ao grupo espacial Pbnm, pela otica de orbitais Gaussianos. No primeiro momento, o bulk do material foi explorado com as mais diversas tecnicas de simulacao de solidos, com enfo-que na avaliacao estrutural sob pressao e a frequencia, bem como o recem desenvolvido metodo para estudar analiticamente a intensidade das bandas nos espectros Raman e no Infravermelho, o Coupled-Perturbes Hartree-Fock/Kohn-Sham (CPHF/KS). Em seguida, o bulk foi novamente explorado sob pressao, incluindo diversas formulacoes do tipo troca-correlacao dentro da teoria do funcional da densidade (DFT), bem como o uso das rotinas recentemente implementadas no programa Crystal como: constantes elasticas sob pressao, analise da velocidade sismica direcio-nal e a aproximacao quase-harmonica. Esta ultima e de grande interesse fisico, mineralogico e geofisico pela descricao de um material em condicoes de elevadas temperaturas e pressoes simultaneamente. O estudo de defeitos e superficies, atualmente em andamento, terao um enfoque quimico superior ao anteriores, pois irao discutir reatividade e perspectivas cataliticas desse material.
  • CLEDIANA DANTAS CALIXTO
  • Potencial da microalgas regionais cultivadas em meios alternativos para produção de biodiesel
  • Data: 21/11/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • As microalgas sao micro-organismos que podem apresentar elevados teores de lipideos, proteinas, carboidratos e diversos metabolitos de interesse a industria de biocombustivel e de compostos nutraceuticos. Apesar das inumeras indicacoes para sua utilizacao como fonte para producao de biodiesel, ainda existem entraves economicos que inviabilizam esta producao em larga escala. Assim, essa pesquisa teve como objetivo avaliar a potencialidade de cepas de microalgas, isoladas da regiao Nordeste do Brasil, para a producao de biodiesel, levando em consideracao suas taxas de crescimento celular, as propriedades combustiveis que cada biodiesel apresentaria e o desenvolvimento destas especies em meios residuais oriundos de atividades humanas e agroindustriais. Alem disto, foram analisadas as mudancas metabolicas ocorridas durante as fases de crescimento, de algumas especies, atraves de tecnicas convencionais e FTIR. Entre as 25 especies estudadas foram identificadas 8 potenciais para producao de biodiesel: Pediastrum tetras (D121WC), Scenedesmus acuminatus (D115WC), Chlamydomonas sp. (D132WC), Lagerheimia longiseta (D133WC), Amphora sp. (M84C), Monoraphidium contortum (D173WC), Chlorella sp. (D101Z) e Cosmarium sp. (D174WC), com produtividade elevada em biomassa, variando de 0,28 a 0,95 g L-1 d-1, e teores de esteres de ate 2,9 vezes superiores a soja. Quanto a avaliacao dos parametros combustiveis, de um possivel biodiesel produzido pelas microalgas, a analise estatistica discriminou a cloroficea D101Z como especie promissora, por apresentar elevada produtividade lipidica, baixo valor de ponto de entupimento de filtro a frio e indice de iodo pouco acentuado. Entretanto, verificou-se que dentre as 12 especies em estudo, apenas a cloroficea Monoraphidium contortum e a cianobacteria Synechococcus nidulans nao atenderiam as especificacoes de qualidade combustiveis. Nos estudos sobre meios de cultivos alternativos, observou-se que as formulacoes com esgoto domestico (ESG) e biocomposto hortifrutis (BH) mostraram-se muito promissoras especialmente para Chlorella sp., Chlamydomonas sp. e Lagerheimia longiseta que apresentaram rendimento maximo celular superior ao cultivo controle. As concentracoes mais elevadas de lipideos foram obtidas em meio BH, e alteracoes na composicao bioquimica e no perfil de esteres das especies foram observadas ao se variar os meios de cultivo. Constatou-se tambem, que o acumulo de proteina, carboidrato e lipideo ocorre de forma e em fases distintas do crescimento microalgal, principalmente quando se modifica o meio de cultivo. E e nessa perspectiva que a tecnica de FTIR demonstrou eficiencia no acompanhamento desses componentes, principalmente dos lipideos, apresentando para todas as amostras uma relacao direta com a tecnica convencional. De forma geral, especies viaveis para producao em larga escala, capazes de crescer em meios residuais foram propostas neste estudo.
  • ANDERSON EDUARDO ALCÂNTARA DE LIMA
  • Avaliação e otimização do processo de recuperação de óleos lubrificantes automotivos usados.
  • Data: 18/10/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Varias alternativas de reciclagem tem sido utilizadas ao redor do mundo para recuperacao de oleo lubrificante usado, cada uma com suas vantagens e desvantagens. O processo de extracao por solvente e capaz de remover cerca de 10-14% dos contaminantes, o que corresponde apro-ximadamente a quantidade de aditivos e impurezas encontradas normalmente no oleo lubrifican-te usado. O presente estudo teve como objetivo determinar as condicoes otimas de extracao utilizando as variaveis independentes (temperatura e proporcao de lubrificante:solvente) para cada solvente, 2-propanol (IPP), metil-etil-cetona (MEC) e o 1-butanol (BUT), alem disso, caracterizar fisico e quimicamente os lubrificantes novo, usado e recuperados. Os resultados permitiram concluir que as melhores faixas de extracao sao proporcoes de 1:6; 1:4,7 e 1:6 para os solventes IPP, MEC e BUT respectivamente, a uma temperatura de 30oC. O solvente MEC teve um rendimento mais elevado de extracao, seguida de BUT e IPP.
  • ARQUIMEDES MARIANO PEREIRA
  • Ligação de hidrogênio intermolecular entre Cl3CH e F3CH e as espécies receptoras de próton: C2H4, C3H4, C3H6 e C7H4.
  • Orientador : REGIANE DE CASSIA MARITAN UGULINO DE ARAUJO
  • Data: 30/09/2016
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho trata do estudo quantico computacional de propriedades estruturais, eletronicas, vibracionais, hiperconjugativas e topologicas dos complexos de hidrogenio com doadores Cl3CH e F3CH, com as especies receptoras de proton, C2H2, C2H4, C3H4, C3H6 e C4H4, interagindo com uma regiao de alta densidade eletronica do tipo π e pseudo- π. Os metodos computacionais de estrutura eletronica empregados foram a Teoria do Funcional da Densidade com os funcionais hibridos B3LYP e X3LYP e a Teoria Perturbativa de Muitos Corpos de ordem 2, com uma serie de bases. Os valores da energia da ligacao de hidrogenio sofreram correcoes do Erro de Superposicao do Conjunto de Funcoes de Base e da Energia Vibracional do Ponto Zero. Os complexos de hidrogenio com o doador Cl3CH apresentaram incrementos no comprimento da ligacao C-H, enquanto o F3CH apresentam encurtamento do comprimento de ligacao H-C, devido a formacao da ligacao intermolecular. Essa tendencia e encontrada para o desvio no espectro infravermelho, o Cloroformio apresenta red shift enquanto o Fluorformio tem desvios blue shift. O emprego da teoria quantica de atomos em moleculas evidencia a mudanca na densidade eletronica de ambas as especies interagentes, e, alem disso os valores da densidade sao pequenos e do laplaciano da densidade sao positivos. Os metodos empregados seguiram a mesma tendencia para as propriedades de interesse, sugerindo o uso de calculos via teoria do funcional da densidade, devido a menor demanda computacional, para estudar sistemas desse tipo.
  • JOSÉ FERREIRA SARMENTO NETO
  • Síntese de complexos de Mn(III) à base de porfirinas tricatiônicas do tipo A3B (A = 2-N-metilpirino; B = 3-metoxi-4-hidroxifenil ou 3,4-dimetoxifenil) como potenciais mímicos das enzimas superóxido dismutases (SOD).
  • Data: 15/09/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • As porfirinas e metaloporfirinas sao compostos amplamente presentes nas mais diversas formas de vida, desempenhando diversos papeis biologicos e diversas aplicacoes. O estresse oxidativo e uma condicao biologica caracterizada pelo acumulo dessas especies oxidantes, cujos niveis em condicao fisiologica normal sao controlados pelas enzimas Superoxido Dismutases (SOD). A inativacao ou baixa expressao das SOD esta relacionada ao estresse oxidativo e mecanismos de algumas patologias. Mn-porfirinas cationicas derivadas das 2-N-alquilpiridilporfirinas foram os compostos que mais se destacaram como mimicos (imitam) das SOD, cuja eficiencia in vivo esta relacionada a atividade catalitica, potencial de reducao, lipofilicidade e toxicidade. No presente estudo, buscou-se a sintese de porfirinas de baixa simetria do tipo A3B, onde A = 2-piridil, B = vanilina ou veratril, derivatizacao atraves de alquilacao e metalacao das porfirinas inedita 5-(3-metoxi-4-hidroxifenil)-10,15,20-tris(2-piridil)porfirina (H2VanTri-2-PyP) e 5-(3,4-dimetoxifenil)-10,15,20-tris(2-piridil)porfirina (H2MVanTri-2-PyP), resultantes da reacao de condensacao de pirrol e os aldeidos 2-piridinacarboxaldeido (2-PyCHO) e vanilina (Van) ou metil-vanilina/veratraldeido (MVan) em meio acido. As porfirinas de interesse foram purificadas via extracao solido-liquido, precipitacao seletiva de impurezas e etapas cromatograficas. A alquilacao da H2VanTri-2-PyP e H2MVanTri-2-PyP foi desenvolvida em condicoes semelhantes aquela descrita na literatura para tetra-N-piridilporfirinas. O metodo de purificacao utilizado apos a alquilacao foi extracao liquido-liquido, seguido por precipitacao via metatese OTs–/PF6–/Cl–. As porfirinas neutras H2VanTri-2-PyP e H2MVanTri-2-PyP foram submetidas a metalacao com acetato manganes, gerando Mn-porfirinas monocationicas. As porfirinas cationicas H2VanTriM-2-PyP3+ e H2MVanTriM-2-PyP3+ foram submetidas a metalacao com cloreto de manganes e a purificacao foi semelhante as porfirinas bases livres trialquiladas. Os complexos tetracationicos MnVanTriM-2-PyP4+ e MnMVanTriM-2-PyP4+ apresentaram potencial de reducao Mn(III)/Mn(II) consistentes com o seu empregos como mimicos SOD e os complexos monocationicos MnVanTri-2-PyP+ e MnMVanTri-2-PyP+ apresentam potencial fora da faixa de dismutacao do superoxido. Analises por CCD-SiO2 revelaram que a MnVanTriM-2-PyP4+ e MnMVanTriM-2-PyP4+ se apresentam mais lipofilicas que as porfirinas pentacationicas descritas na literatura, o que e um indicativo de uma boa biodisponibilidade in vivo.
  • RAFAEL DE CARVALHO ARAUJO
  • Hidroxiapatitas organofuncionalizadas como sistemas para biorremediação de corante aniônico.
  • Data: 13/09/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Dentre varios compostos dos fosfatos de calcio, a hidroxiapatita tem sido aplicada na remocao de ions de metais de transicao e anions inorganicos simples possibilitando sua aplicacao em remediacao de aguas poluidas. No entanto duas limitacoes para hidroxipatita sao a baixa estabilidade quimica em pH abaixo de 3,0 e baixa interacao quimica com especies anionicas organicas o que inviabiliza o seu uso em algumas aplicacoes envolvendo derivados organicos como corantes anionicos. Uma alternativa e a organofuncionalizacao da hidroxiapatita abrindo novas possibilidades para adsorcao de especies organicas. Neste sentido, hidroxiapatitas obtida pelo metodo de co-precipitacao a temperatura ambiente partindo de cloreto de calcio e o hidrogenofosfato de amonio. Posteriormente a hidroxiapatita foi organofuncionalizada com os agentes sililantes 3-aminopropil-trimetoxissilano e N-3-propil-etilenodiamina trimetoxissilano em atmosfera de nitrogenio por 96 h em tolueno. As matrizes silanizadas reagiram subsequentemente com epicloridrina e etilenodiamina, com o intuito de aumentar o numero de sitios ativos ancorados na superficie da hidroxiapatita. Os materiais obtidos foram caracterizados por difratometria de raios X, espectroscopia na regiao do infravermelho, analise elementar de CHN e cloro e termogravimetria. Os solidos organofuncionalizados foram aplicados na adsorcao do corante textil azul de remazol em solucao aquosa a temperatura ambiente e pH 6. A retencao maxima observada foi de 245 mg g-1 para ambas as matrizes silanizadas em 45 min, os quais demonstram o bom desempenho das hidroxiapatitas modificadas.
  • JOSIELY SIMOES DA SILVA
  • Determinação voltamétrica do ácido aminometilfosfônico (AMPA) em amostras de água.
  • Data: 29/08/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O acido aminometilfosfonico (AMPA) e o principal metabolito do glifosato, um dos herbicidas mais utilizados no Brasil e no mundo. Muitos estudos apontam os niveis de toxicidade do glifosato, e desta forma, varios paises possuem legislacoes que determinam a quantidade maxima permitida em alimentos, porem poucos estendem as restricoes ao seu metabolito, desconsiderando seu potencial toxicologico. Nesta pesquisa foram desenvolvidos metodos voltametricos de determi-nacao do AMPA utilizando eletrodo de cobre ou de cobalto como eletrodos de trabalho, dada as suas interacoes com o AMPA na formacao de complexos. Incialmente, o comportamento volta-metrico do AMPA no eletrodo de cobre foi estudado em tampao fosfato em pH 6,0 a 9,0 e no eletrodo de cobalto, em pH 7,0 a 10, utilizando voltametria ciclica. O pH ideal foi 7,0 para ambos os eletrodos considerando a maior sensibilidade na deteccao do complexo com o AMPA. Foram avaliadas a voltametria de onda quadrada (VOQ) e a voltametria de pulso diferencial (VPD) para a obtencao do metodo de determinacao. Os parametros das tecnicas VOQ e VPD foram avaliados em pH 7 de modo a aumentar a sensibilidade da deteccao. Para a determinacao com o eletrodo de cobre a VOQ foi a tecnica escolhida, enquanto que a VPD foi a tecnica mais adequada a determinacao com eletrodo de cobalto. Com o eletrodo de cobre, o AMPA pode ser determinado no intervalo de 20 nmol L-1 a 300 nmol L-1, com limites de deteccao e quantificacao de 6,51 nmol L-1 e 21,7 nmol L-1, respectivamente. Para o eletrodo de cobalto, o AMPA foi determinado no intervalo de 57 nmol L-1 a 263 nmol L-1, com limites de deteccao e quantificacao de 11,72 nmol L-1 e 39,1 nmol L-1, respectivamente. A exatidao dos metodos foi avaliada por meio da recuperacao aparente em amostras de agua potavel e de superficie fortificadas com o AMPA empregado o metodo da adicao de analito consecutiva na celula, sem a troca do eletrolito-suporte. As recuperacoes variaram de 93% a 104% para o eletrodo de cobre, e 97% a 113% para o eletrodo de cobalto, indicando que ambos os eletrodos podem ser empregados para a determinacao do AMPA nesses tipos de amostras.
  • FLAVIANO CARVALHO LEITE
  • Um estudo para titulação Quimiluminescente em Fluxo-Batelada com detecção por Imagem Digital
  • Data: 29/08/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A escassez de metodos quimiluminescentes (QL) baseados em imagem digital e analisadores em fluxo e uma motivacao para novos estudos, especialmente quando nao se encontra na literatura nenhum artigo envolvendo uma titulacao QL. Neste trabalho, desenvolveu-se o estudo de uma nova titulacao quimiluminescente baseada em imagem digital (QL-BID) cujo potencial analitico foi avaliado na determinacao em fluxo-batelada de Fe2+ em amostras de xarope sulfato ferroso. Denominada titulacao QL-BID, esse metodo utiliza o proprio analito (Fe2+) como catalisador na reacao de oxidacao do luminol/H2O2 em meio basico na presenca do intensificador brometo. Apos a adicao de cada incremento do titulante (KMnO4) a amostra em meio acido, parte do Fe2+ e convertido para Fe3+ e o remanescente contribui para o sinal QL que decresce linearmente com a concentracao do Fe2+. Quando todo Fe2+ for convertido para Fe3+, o ponto final da titulacao e atingido e o sinal QL permance constante ao nivel da radiacao de fundo com a adicao do titulante em excesso. A aquisicao das imagens foi realizada por uma webcam acoplada sobre a camara de mistura do sistema fluxo-batelada. Da imagem obtida antes e apos cada adicao do titulante foram extraidos os valores de R,G e B usados para calcular a resposta analitica, a qual foi definida pela norma de um vetor no espaco tridimensional RGB. O valor da norma varia linearmente com a concentracao do analito, sendo utilizada na construcao da curva de titulacao em que o ponto final e obtido pela extrapolacao e intersecao dos dois segmentos de reta. Os resultados das titulacoes de 10 (dez) amostras foram comparados com os obtidos pelo metodo espectrofotmetrio baseado em curva anallitica, aplicando-se o teste-t emparelhado. Nao se observa nenhuma diferenca sistematica, estatisticamente significativa, entre ambos os resultados ao nivel de 95% de confianca. O sistema QL-BID apresentou uma frequencia analitica de 18 titulacoes por hora e consumiu 0,2 mL de luminol e 2,4 mL de amostra por titulacao ou analise. Assim, seu desempenho deve ser melhorado quando implementada uma otimizacao.
  • GUSTAVO SANTOS BEZERRA
  • Avaliação da produção simultânea de xilitol e etanol a partir do bagaço de sisal.
  • Data: 29/08/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O bagaco de sisal e um residuo do desfibramento do sisal, que e descartado no meio ambiente sem controle. O objetivo desse trabalho foi avaliar a producao simultanea de xilitol e etanol a partir do licor hemicelulosico do bagaco de sisal. A caracterizacao da biomassa lignocelulosica foi realizada, verificando os teores de celulose, hemicelulose e lignina. O pre-tratamento foi reali-zado em reator de aco inoxidavel na razao 1/10 (bagaco/acido) durante 1 hora. Para verificar a influencia das variaveis temperatura e concentracao de acido sulfurico um planejamento expe-rimental 22 com 3 pontos centrais em duplicata foi realizado, sendo a melhor condicao de pre-tratamento a temperatura de 120 ºC e concentracao de 2,5%. O licor do hidrolisado hemice-lulosico foi analisado por Cromatografia Liquida de Alta Eficiencia (CLAE) quanto aos teores de acucares e inibidores e as alteracoes composicionais no bagaco tratado foram analisadas por Difracao de Raios-X (DRX), microscopia eletronica de varredura (MEV), Termogravimetria (TG) e Infravermelho (IV), onde evidenciaram a remocao da hemicelulose. Como principais produtos da fermentacao com candida guilliermondii, obteve-se etanol e xilitol com concentracao de 2,4 e 1,4 g/L respectivamente.
  • DAVID DOUGLAS DE SOUSA FERNANDES
  • Novas estratégias de seleção de variáveis de intervalos em problema de classificação
  • Data: 26/08/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Em Quimica Analitica tem sido recorrente na literatura o uso de sinais analiticos registrados em multiplos sensores combinados com posterior modelagem quimiometrica para desenvolvimento de novas metodologias analiticas. Para esta finalidade, geralmente se faz uso de tecnicas instrumentais multivariadas como a espectrometrias no ultravioleta-visivel ou no infravermelho proximo, voltametria, etc. Neste cenario, o analista se depara com a opcao de selecionar variaveis individuais ou intervalos de variaveis de modo de evitar ou diminuir problemas de multicolinearidade. Uma estrategia bem conhecida para selecao de intervalos de variaveis consiste em dividir o conjunto de respostas instrumentais em intervalos de igual largura e selecionar o melhor intervalo com base no criterio de desempenho de predicao de um unico intervalo em regressao por Minimos Quadrados Parciais (iPLS). Por outro lado, o uso da selecao de intervalo para fins de classificacao tem recebido relativamente pouca atencao. Uma pratica comum consiste em utilizar o metodo de regressao iPLS com os indices de classe codificados como variaveis de resposta a serem preditos, que e a ideia basica por tras da versao da Analise Discriminante por Minimos Quadrados Parciais (PLS-DA) para a classificacao. Em outras palavras, a selecao de intervalos para fins de classificacao nao possui o desenvolvimento de funcoes nativas (algoritmos). Assim, neste trabalho sao propostas duas novas estrategias em problemas de classificacao que usam selecao de intervalos de variaveis empregando o Algoritmo das Projecoes Sucessivas. A primeira estrategia e denominada de Algoritmo das Projecoes Sucessivas para selecao intervalos em Analise Discriminante por Minimos Quadrados Parciais (iSPA-PLS-DA), enquanto a segunda estrategia e denominada de Algoritmo das Projecoes Sucessivas para a selecao de intervalos em Modelagem Independente e Flexivel por Analogia de Classe (iSPA-SIMCA). O desempenho dos algoritmos propostos foi avaliado em tres estudos de casos: classificacao de oleos vegetais com relacao ao tipo de materia-prima e ao prazo de validade utilizando dados obtidos por voltametria de onda quadrada; classificacao de misturas biodiesel/diesel nao adulteradas (B5) e adulteradas com oleo de soja (OB5) empregando dados espectrais obtidos na regiao do ultravioleta-visivel; e classificacao de oleos vegetais com relacao ao prazo de validade usando dados espectrais obtidos na regiao do infravermelho proximo. Os algoritmos iSPA-PLS-DA e iSPA-SIMCA propostos forneceram bons resultados nos tres estudos de caso, com taxas de classificacao corretas sempre iguais ou superiores aquelas obtidas pelos modelos PLS-DA e SIMCA utilizando todas as variaveis, iPLS-DA e iSIMCA com um unico intervalo selecionado, bem como SPA-LDA e GA-LDA com selecao de variaveis individuais. Portanto, os algoritmos iSPA-PLS-DA e iSPA-SIMCA propostos podem ser consideradas abordagens promissoras para uso em problemas de classificacao empregando selecao de intervalos de variaveis. Num contexto mais geral, a possibilidade de utilizacao de selecao de intervalos de variaveis sem perda da precisao da classificacao pode ser considerada uma ferramenta bastante util para a construcao de instrumentos dedicados (por exemplo, fotometros a base de LED) para uso em analise de rotina e de campo.
  • FRANKLIN DAMIÃO XAVIER
  • Produção biotecnológica de xilitol a partir da fração hemicelulósica da fibra de sisal.
  • Data: 26/08/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O sisal e uma planta tipica da regiao nordeste, sendo resistente a climas secos. O Brasil e o maior produtor e exportador mundial da fibra, com 50% da producao mundial. O sisal e uma materia-prima potencial para producao de xilitol devido sua composicao lignocelulosica, que contem elevado teor de acucares. O presente trabalho teve como objetivo avaliar o potencial da fracao hemicelulosica da fibra do sisal para producao de xilitol, alem de determinar a composicao lignocelulosica, o pre-tratamento mais adequado para remocao de xilose e as condicoes ideais para a fermentacao. No pre-tratamento acido, com acido sulfurico diluido, a remocao de xilose foi mais eficiente nas condicoes de maior teor de acido e temperatura. No pre-tratamento alcalino observou-se que nao houve remocao da fracao hemicelulosica, ja o tratamento basico/acido a solubilizacao de xilose apresentou resultados inferiores ao tratamento acido individual. A eficacia do pre-tratamento acido foi confirmada atraves de Difracao de raios-X, Microscopia eletronica de varredura, Termogravimetria e Infravermelho. Na melhor condicao observada foi produzido o licor hidrolisado em grande escala e este foi fermentado utilizando a levedura Candida Guilliermondii CCT 1516. No tempo de 96 horas verificou-se a producao maxima de xilitol, 3,14 g/L, porem o licor proveniente da fibra de sisal apresentou niveis de acido acetico acima do permitido. No processo fermentativo observou-se que o acido acetico interagiu com o microrganismo de forma a diminuir a conversao de xilose em xilitol. Portanto, a fibra de sisal apresentou rendimento satisfatorio, mesmo em condicoes onde a fermentacao seria desfavorecida, produzindo xilitol.
  • JOÃO MARCOS GOMES DE OLIVEIRA FERREIRA
  • Otimização da reação de Knoevenagel em sistema binário etanol: água
  • Data: 26/08/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • No cenario cientifico atual e crescente a necessidade de novas metodologias que satisfacam tanto seu objetivo principal, ao qual foi desenvolvido, quanto as expectativas de uma quimica verde, preocupada com o meio ambiente e reducao dos impactos no mesmo. Frente a tal necessidade de adequacao, vem se desenvolvendo meios alternativos para supri-la. Catalisadores reciclaveis; troca de substratos; utilizacao de reagentes menos toxicos; reacoes sem catalisadores e/ou livres de solventes, vem sendo propostos e ostentando bons resultados aos seus objetivos. Vislumbrando um novo sistema reacional para a Condensacao de Knoevenagel, foi desenvolvido um sistema sem catalisador, em uma reacao padrao entre benzaldeido e malononitrila, a fim de conhecer suas melhores condicoes de atuacao. Dentre os testes do solvente, o que mais se destacou, em termos de aumento de velocidade de reacao, por incidencia de efeito do solvente, foi uma mistura binaria de etanol:agua (3:7). Foi perceptivel a necessidade de aquecimento, apresentando melhor tempo reacional na faixa de 75-80°C, e de 0,4mL da mistura binaria para cada mol de substratos. Visto tais condicoes, o sistema foi aplicado em uma serie de compostos com metileno ativo, aldeidos e cetonas, a fim de compreender a extensao de sua aplicabilidade. Dentre os testes, o sistema se mostrou viavel para a utilizacao de malononitrila, cianoesteres, acido de meldrum e Indandiona como compostos com metileno ativo na condensacao de Knoevenagel; sendo a Malonitrila a mais reativa. A mistura binaria foi eficientemente aplicada na reacao Knoevenagel para uma variedade de aldeidos estruturalmente distintos, onde observamos uma rapida conversao nos produtos com tempos reacionais de 1 a 60 min e rendimentos satisfatorios de 55 a 100%. Para as cetonas alifaticas, o sistema otimizado proporcionou tempos reacionais de 5 a 6 horas, com rendimentos satisfatorios de 74 a 75%.
  • JOÃO MARCOS GOMES DE OLIVEIRA FERREIRA
  • Otimização da reação de Knoevenagel em sistema binário etanol: água
  • Data: 26/08/2016
  • Mostrar Resumo
  • No cenario cientifico atual e crescente a necessidade de novas metodologias que satisfacam tanto seu objetivo principal, ao qual foi desenvolvido, quanto as expectativas de uma quimica verde, preocupada com o meio ambiente e reducao dos impactos no mesmo. Frente a tal necessidade de adequacao, vem se desenvolvendo meios alternativos para supri-la. Catalisadores reciclaveis; troca de substratos; utilizacao de reagentes menos toxicos; reacoes sem catalisadores e/ou livres de solventes, vem sendo propostos e ostentando bons resultados aos seus objetivos. Vislumbrando um novo sistema reacional para a Condensacao de Knoevenagel, foi desenvolvido um sistema sem catalisador, em uma reacao padrao entre benzaldeido e malononitrila, a fim de conhecer suas melhores condicoes de atuacao. Dentre os testes do solvente, o que mais se destacou, em termos de aumento de velocidade de reacao, por incidencia de efeito do solvente, foi uma mistura binaria de etanol:agua (3:7). Foi perceptivel a necessidade de aquecimento, apresentando melhor tempo reacional na faixa de 75-80°C, e de 0,4mL da mistura binaria para cada mol de substratos. Visto tais condicoes, o sistema foi aplicado em uma serie de compostos com metileno ativo, aldeidos e cetonas, a fim de compreender a extensao de sua aplicabilidade. Dentre os testes, o sistema se mostrou viavel para a utilizacao de malononitrila, cianoesteres, acido de meldrum e Indandiona como compostos com metileno ativo na condensacao de Knoevenagel; sendo a Malonitrila a mais reativa. A mistura binaria foi eficientemente aplicada na reacao Knoevenagel para uma variedade de aldeidos estruturalmente distintos, onde observamos uma rapida conversao nos produtos com tempos reacionais de 1 a 60 min e rendimentos satisfatorios de 55 a 100%. Para as cetonas alifaticas, o sistema otimizado proporcionou tempos reacionais de 5 a 6 horas, com rendimentos satisfatorios de 74 a 75%.
  • GÉSSICA TEIXEIRA DA SILVA
  • Preparo e caracterização de blendas poliméricas de poli (álcool vinílico) e carboximetilcelulose com aplicação em sistemas de liberação controlada de fármacos.
  • Data: 25/08/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Nesse trabalho foram estudados os filmes poliméricos formados por poli (álcool vinílico) (PVA) e carboximetilcelulose (CMC), dois polímeros de fácil obtenção, sendo o primeiro sintético e o segundo semissintético. Os filmes foram preparados pelo método da evaporação do solvente e reticulados com ácido cítrico (AC), a fim de melhorar suas características de hidrofobicidade. Os filmes reticulados e não reticulados foram caracterizados via ensaios de intumescimento, solubilidade e permeabilidade aos vapores de água para testar as propriedades de barreira dos filmes. Além desses, foram realizados ensaios de atividade antimicrobiana, microscopia eletrônica de varredura (MEV), análise termogravimétrica e espectroscopia na região do infravermelho. Os espectros de infravermelho sugeriram formação da blenda através de deslocamento de bandas e mostrou que o processo de reticulação ocorreu. Os filmes reticulados apresentaram melhores resultados em relação às propriedades de barreira à água (solubilidade, intumescimento e permeabilidade) quando comparados aos filmes não reticulados, resultados como eram, de fato, esperados, umas vez que a reticulação reorganiza as cadeias poliméricas de forma a dificultar a passagem de moléculas de água e controlar a passagem de moléculas menores. A análise de degradação térmica mostrou que a estabilidade dos filmes foi afetada pela presença do agente reticulante ácido cítrico, de forma que os filmes reticulados com maior concentração de AC apresentaram a maior estabilidade do ponto de vista térmico. O MEV dos filmes mostrou uma superfície lisa e homogênea, sem separação de fases das blendas e ausência de porosidades. A atividade antimicrobiana realizada com cepas de S. aureus, S. epidermides, Pseudomonas aeruginosa, Candida albicans e C. topicalis, mostrou que nenhum filme apresentou atividade de inibição sobre o crescimento dos microorganismos. Além da caracterização, foi realizada a aplicação dos filmes para sistemas transdérmicos de liberação controlada de fármacos, onde foi avaliada a cinética de liberação dos fármacos paracetamol e fluconazol em filmes reticulados com 20 e 30% de ácido cítrico. Os resultados da liberação controlada de fármacos mostraram que os filmes apresentaram diferentes comportamentos frente ao controle da liberação, de forma que as blendas apresentaram modelo de liberação de ordem zero, os filmes de carboximetilcelulose não controlaram a liberação e os filmes de PVA conseguiram manter uma concentração constante de fármaco no meio receptor após as 12 horas de ensaio.
  • MARIA DE FATIMA PEREIRA
  • Óxido de zinco dopado com aplicação para produção de biodiesel.
  • Data: 22/08/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Pos de oxido de zinco puro (ZnO) e de oxido de zinco dopado com 5% de Al3+ (ZNAL) foram obtidos pelo metodo Pechini-modificado utilizando Zn(NO3)2.6H2O e Al(NO3)3.6H2O como precursores. A caracterizacao foi realizada atraves de DRX, Raman, FTIR e UV-Vis, tendo a estequiometria confirmada por FRX. Os resultados do estudo de caracterizacao por DRX e Raman, indicaram que Al3+ encontra-se completamente incorporado a rede cristalina do ZnO. Tentativas de dopagem com Fe3+ apresentaram fase secundaria que, de acordo com a carta ICCD01-070-3377, foi atribuida a ZnFe2O4. Testes de variacao de pH com os oxidos em meio acido e basico indicaram que ZNAL apresenta um carater basico muito maior do que ZnO. Utilizando um planejamento fatorial 23, ZnO e ZNAL foram testados como catalisadores na transesterificacao etanolica do oleo de algodaoem temperaturas de 130 e 200oC, relacoes alcool/oleo 6:1 e 12:1 e 3% (m/m em relacao ao oleo) de catalisador. As reacoes ocorreram em reator Parr no tempo de 4 horas e rotacao de 600 rpm. A espectroscopia RMN H1 e 13C foram utilizadas para caracterizar e avaliar o teor de esteres etilicos produzidos nas transesterificacoes indicando que adicao de 5% de Al3+ a rede cristalina do ZnO aumentou significativamente o potencial catalitico do oxido, chegando a um indice de conversao superior a 81% a T = 130 oC e maior que 94% a T = 200 oC. Os resultados analisados pelo planejamento fatorial indicaram que o tipo de catalisador e a temperatura foram os fatores mais determinantes nos indices de conversao. Atraves de um estudo cinetico utilizando temperaturas de 130, 160, 180 e 200 oC e tempos reacionais de 30, 60, 120 e 240 minutos, observou-se que as reacoes catalisadas por ZnO tiveram um comportamento linear de indice de conversao, enquanto que as catalisadas por ZNAL chegaram a indices superiores a 80% de conversao em apenas 30 minutos quando T = 200 oC. Tambem foi possivel observar que as transesterificacoes etanolicas do oleo de algodao foram influenciadas pelo transporte de massa, abaixo de 120 min de reacao, quando catalisadas por ZnO. Para as etanolises catalisadas por ZNAL observou-se um comportamento de 1ª ordem quando T = 130 oC e de 2ª ordem nas demais temperaturas.
  • WAGNER ANDRÉ VIEIRA DA SILVA
  • Uso da estratégia drogas gêmeas para a síntese de novos homodimeros de adutos de Morita-Bayllis-Hilman potenciais candidatos a fármacos antiparasitários
  • Data: 15/08/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho foi realizado com o objetivo de sintetizar e bioavaliar a atividade de novos Adutos de Morita-Baylis-Hillman (AMBH) como potenciais candidatos a fármacos. Os AMBH foram sinte-tizados a partir da abordagem drogas gêmeas (twin drugs approach) e bioavaliados contra a for-ma promastigota Leishmania donovanii, uma espécie da forma visceral e mais grave da doença, a qual possui o fármaco utilizado para o tratamento acompanhado de grande toxicidade. Como aceptor de Michael para ser utilizado na reação de Morita-Baylis-Hillman (RMBH), foi sintetizado o diacrilato do etileno glicol (50) a partir da reação de esterificação entre o etileno glicol (65) e o ácido acrílico (66). A primeira RMBH investigada foi entre dois equivalentes 2-nitrobenzaldeído (57) e um equivalente do diacrilato 50, em acetonitrila como solvente na presença de DABCO, obtendose dois produtos: um aduto 67 e um aduto homodimérico 42. Nas investigações dos parâmetros experimentais da RMBH, o DMF, o DABCO e a temperatura ambiente mostraram ser as condições mais favoráveis para a formação dos adutos homodiméricos, sendo esses obtidos com rendimentos entre 35-94% e em tempos reacionais entre 24h e 20 dias, isolados por extra-ção líquido/líquido e via cromatográfia flash. Os homodímeros e os demais AMBH bioavaliados tiveram resultados de satisfatórios a excelentes de CI50 para os adutos homodiméricos (CI50 126,20 a 0,50M). Todos os AMBH homodiméricos tiveram bioatividade superior aos AMBH correspondentes, evidenciando o sucesso da abordagem de drogas gêmeas contra a espécie promastigota da leishmania donovanii, chegando ao impressionante resultado, no caso do homo-dímero 49, ser 393,1 vezes mais ativo que o AMBH correspondente 56, sendo 1.24 mais ativo que a anfoterinica B, além de não apresentar toxicidade na exposição em glóbulos vermelhos do sangue humano (IS > 400, contra IS = 18,73 da anfotericina B). Estes resultados evidenciam que homodímero 49 é uma molécula promissora na busca de novos candidatos a fármacos.
  • MIN-FÚ NASCIMENTO HUANG
  • Síntese e caracterização de compostos organo selenio
  • Data: 12/08/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O presente trabalho trata do planejamento, sintese e caracterizacao de moleculas organosselenicas com potencial atividade antimicrobiana e antitumoral, para tanto foram preparados uma serie de 12 compostos organosselenicos ineditos (bis-selenetos) contendo a funcao amida, sintetizados a partir da reacao de substituicao de cloretos de alquila (com/ou sem substituintes) com uma especie nucleofilica de selenio preparado a partir do selenio elementar (Se0, amorfo), obtendo bis-selenetos com variacoes programaticas com rendimentos que variaram de 72-85 %. A caracterizacao estrutural dos compostos esta baseada em varios experimentos de RMN 1H, RMN 13C e infravermelho. Alem da preparacao e caracterizacao foram realizados os estudos de avaliacao farmacocineticos in silico e um ensaio preliminar de citotoxicidade frente a Artemia Salina Leach. Os resultados revelaram que dois compostos o SeA5 e o Se2A5 apresentaram respectivamente DL50 de 127 e 156 ppm. De maneira geral os estudos frente a esses novos compostos organosselenicos obtiveram resultados promissores ao serem avaliados teoricamente na sua disponibilidade oral e apresentando bons perfis farmacologicos de baixa toxicidade (Artemia Salina Leach, Osires). Outro dado importante obtido foi a demonstracao da interacao do tipo Nitrogenio Selenio por meio de espectros RMN 1H, esse estudo gerou informacoes significativas em torno dos compostos organosselenicos. Por fim ensaios microbiologicos frente bacterias e fungos, indicarao otima atividade frente ao genero candida albicans para os compostos SeA3 e Se2A3, que possuiram CIM de 128 µg.
  • SUELEN ALVES SILVA LUCENA DE MEDEIROS
  • Perovskitas SrSnO3:Cu2+ impregnadas sobre suportes à base de SnO2-ZrO2 aplicadas na descoloração fotocatalítica de um azo corante
  • Data: 09/08/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Estanatos do tipo perovskita (ASnO3) sao amplamente estudados por conterem caracteristicas interessantes que propiciam sua utilizacao como materiais fotocatalisadores. Por sua vez, oxidos como SnO2 e ZrO2 vem sendo utilizados como catalisadores ou suportes cataliticos na degradacao de poluentes organicos aquosos e em processos fotocataliticos. Geralmente, materiais suportados podem ser mais eficientes do que os fotocatalisadores massico, devido a melhor dispersao e geracao de novos sitios ativos. Neste trabalho, oxidos binarios (Sn1-xZrx)O2 e (Zr1-ySny)O2, onde (0 ≤ x e y ≤ 10 % em mol) foram preparados pelo metodo de reacao no estado solido. As perovskitas SrSnO3:Cu2+ foram preparadas pelo metodo Pechini modificado e impregnadas sobre os suportes sintetizados com a finalidade de melhorar a eficiencia catalitica das perovskitas na fotodegradacao do corante Remazol Amarelo Ouro (RNL). Os fotocatalisadores foram caracterizados pelas tecnicas: difracao de raios-X (DRX) em temperatura ambiente e camara quente, espectroscopia na regiao do infravermelho (IV), espectroscopia Raman, espectroscopia na regiao do UV-visivel (UV-VIS), microscopia eletronica de varredura (MEV) e area superficial especifica (BET). Os resultados de DRX mostraram que os suportes foram monofasicos, e que o processo de impregnacao nao modificou a estrutura da perovskita. Os Espectros IV e Raman corroboraram com os resultados de DRX, com indicativos da impregnacao da perovskita na superficie dos suportes, observados pela presenca de bandas referentes ao SrCO3 advindo da perovskita, como tambem pela presenca dos modos ativos em 148, 180, 223, 253 cm-1 referentes a perovskita. O sistema SSO/ZS95 apresentou a melhor atividade fotocatalitica, com uma eficiencia de 81% de descoloracao no tempo de 4 horas, aumentando em cerca de 10 (dez) vezes a eficiencia fotocatalitica do SrSnO3, indicando que o uso do suporte catalitico foi eficaz, propiciando a dispersao do estanato (fase ativa).
  • LEANDRO SEVERINO DE OLIVEIRA
  • Sistemas baseados em bentonitas com aminas cíclicas e amilorida - rotas de síntese e ensaios de emissão
  • Data: 03/08/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • RESUMO O termo bentonita designa as argilas brutas contendo pelo menos 50% de esmectitas e particu-larmente montmorillonita. As esmectitas possuem caracteristicas como estruturas lamelar, capa-cidade de troca ionica, variabilidade da composicao quimica e da carga eletrica das lamelas, que determinam as propriedades nas interacoes com substancias organicas e inorganicas. As alte-racoes nas propriedades fisicas e quimicas desses materiais apos a intercalacao de compostos organicos tem chamado atencao devido a vasta aplicabilidade apresentada por esses hibridos. Moleculas organicas polares, como aminas, podem substituir as moleculas de agua, que ocupam o espaco interlamelar, resultando em materiais organofilicos. Dentro dessa perspectiva, foram obtidos hibridos de intercalacao bentonitas/aminas utilizando bentonitas trocadas com cations de sodio e calcio. Neste caso foram utilizadas duas diaminas ciclicas de importancia farmacologica, uma alifatica, piperazina (PPZ) e uma aromatica, pirazina (PRZ) para a formacao de hibridos por diversas rotas de sintese. Em seguida o farmaco cloridrato de amilorida, que tem em sua estrutura o anel pirazinico, foi carregado na amostra calcica da bentonita para consequentes en-saios de emissao. As tecnicas de caracterizacao como, DRX, IV, TG, MET, entre outros, com-provaram a eficiencia em todos os casos. Sendo assim, os resultados indicam uma possivel aplicacao desses hibridos para obtencao de complexos metalicos, bem como o uso destes sistemas para ensaios de emissao controlada tendo em vista que a PPZ tem propriedades farmacologicas, enquanto a PRZ e uma molecula base para diversos farmacos, como a amilorida, por exemplo.
  • GILVAN POZZOBON PIRES
  • Materiais híbridos magnéticos luminescentes envolvendo complexos de íons lantanídeos
  • Data: 28/07/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O presente trabalho desenvolve materiais bifuncionais optico magneticos contendo altos teores de ions lantanideos. Para este proposito, a fase magnetica foi preparada pelo metodo de co-precipitacao e grupos quelantes foram introduzidos em sua superficie a partir da utilizacao de organosilanos derivados do acido etilenodiamino tetra-acetico (EDTA), os quais foram sintetiza-dos previamente atraves da reacao entre o dianidrido de EDTA (EDTA-DA) e os seguintes aminoalquilalcoxissilanos: 3-(Trimetoxissilil)propilamina(1N),N-[3(trimetoxissilil)propil]etilenodi-amina (2N) e N1-(3-trimetoxissililpropil) dietilenotriamina. Apos a coordenacao do metal (Gd3+, Eu3+, Tb3+ ou Sm3+), a primeira esfera de coordenacao dos ions lantanideos nos complexos Ln-EDTA, presentes na superficie modificada das particulas de Fe3O4, foi complementada pela adicao de ligantes β-dicetonas (tta: tenoiltrifluoroacetona, dbm: dibenzoilmetano, bzac: benzoilacetona e acac: acetilacetona) com o objetivo de otimizar as propriedades luminescentes dos materiais. Os materiais foram caracterizados por difracao de raios X de pos (XRD), magnetometria de amostra vibrante (VSM), microscopia eletronica de varredura (SEM), microsopia eletronica de transmissao (TEM), analise termogravimetrica (TGA), fluorescencia de raios X por dispersao em comprimento de onda (WDXRF) e espectroscopia de absorcao no infravermelho com transformada de Fourier (FTIR), bem como medidas de potencial zeta e espectroscopia de luminescencia. Os materiais hibridos exibiram intensa emissao na cor vermelha, atribuida as transicoes 4f–4f do ion Eu3+ ion, da mesma forma que emissoes na cor verde e laranja, caracteristicas dos ions Tb3+ e Sm3+, respectivamente, indicando uma eficiente transferencia de energia intramolecular do ligante para o metal. Os parametros de intensidade (Ω2 e Ω4), o tempo medio de vida do estado emissor (τ) e as taxas de decaimento radiativo (Arad) e nao radiativo (Anrad) do ion Eu3+ foram determinadas e discutidas.
  • JANETE CLAIR DA SILVA SANTOS
  • Determinação simltãnea de carbofurano e metomil em amostras alimentícias utilizando técnicas voltamétricas em eletrodo de diamante dopado com boro
  • Data: 22/07/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Desenvolvimento de metodologias voltametricas para determinacao simultanea de carbofurano e metomil usando eletrodo de diamante dopado com boro. 2016. Dissertacao (Mestrado em Quimica) – Programa de Pos-graduacao em Quimica, Universidade Federal da Paraiba, Joao Pessoa, Brasil, 2016. O carbofurano (metilcarbamato de 2,3-hidro-2,2-dimetilbenzofuran-7ila) e um pesticida com acao nematicida e acaricida pertencente ao grupo quimico metilcarbamato de benzofuranila, e o metomil (S-metil-N-(metilcarbamoiloxi) tiocetimidato) e um inseticida e acaricida inserido no grupo quimico metilcarbamato de oxima. Possuem alta toxicidade, tendo ambos: classe toxicologica I e classe ambiental II. Em geral, suas deteccoes e determinacoes analitica envolve metodos cromatograficos, eltrofloreticos, fluorimetricos, espectrofotometricos com fluorescencia de raios-X e eletroanaliticos. Neste estudo se fez uso de um eletrodo de diamante dopado com boro devido as suas propriedades intrinsecas: ampla janela de potencial e baixa adsorcao de moleculas organicas. Assim, foi estudado o comportamento eletroquimico de carbofurano e metomil usando VC, VOQ e VPD, sendo desenvolvido metodologias por VOQ e VPD. Atraves do estudo de pH, realizado pela tecnica VOQ, foram observados um processo de oxidacao para carbofurano (Ep1 ≈ + 1,3 V vs. EAg/AgCl) e um processo de oxidacao para metomil (Ep1 ≈ + 1,6 V vs. EAg/AgCl) em DDB catodicamente polarizado. Uma metodologia simultanea empregando VOQ foi desenvolvida, sendo as melhores condicoes de analise: pH 1,0 (acido sulfurico 0,1 mol L-1), f = 150 s-1, ∆Es = 4 mV, ∆Ep = 30 mV, td = 10 s, obtendo uma faixa linear de 2,5 x 10-6 a 7,9 x 10-5 mol L-1. Tambem foi desenvolvida uma metodologia alternativa com a tecnica de VPD. As melhores condicoes de analise da VPD que proporcionaram a resposta voltametrica mais sensivel foram: pH 1,0 (acido sulfurico 0,1 mol L-1), IT = 0,2 s, ∆Es = 4 mV, ∆Ep = 50 mV, td = 10 s, apresentando uma faixa linear 2,48 x 10-4 a 1,42 × 10-4 mol L-1. Os estudos mostram que as duas metodologias propostas sao viaveis.
  • ITALO CURVELO DOS ANJOS
  • Avaliação topológica da estrutura eletrônica de compostos mesoiônicos.
  • Data: 08/07/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os compostos mesoionicos constituem uma classe de Heterociclos com ampla variedade de aplicacoes biologicas e tecnologicas. Apesar dos varios estudos teoricos e experimentais, algumas de suas propriedades sao controversas ou mau compreendidas; em particular: a distribuicao de carga, a natureza das ligacoes quimicas no anel mesoionico e as interacoes nao covalentes em complexos de mesoionicos. Neste trabalho, buscou-se elucidar esses pontos atraves do estudo teorico-computacional de 54 compostos mesoionicos e 12 combinacoes de dimeros. Compostos das classes 1,3-oxazolio-5-ona; 1,3-diazolio-4-tiona e 1,3-tiazolio-5-tiona foram avaliados atraves de uma combinacao de metodos topologicos e modelos e carga. Propriedades atomicas, de ligacao, de anel e interacoes em dimeros de mesoionicos foram avaliados. Os resultados mostraram que a densidade eletronica e o laplaciano de anel restringiram-se a faixas de valores caracteristicas para cada grupo estudado, permitindo a identificacao do tipo anel atraves da propriedades. As propriedades de ligacao apontaram uma prevalencia de interacoes compartilhadas nas ligacoes do anel mesoionico, mas com importante transfer~encia de carga e uma contribuicao significativa e heterogenea de carater pi. Considerando atomos individuais, os diferentes modelos de carga apresentaram resultados qualitativos similares, mas nenhum dos modelos corroborou as definicoes existentes de mesoionicos quanto a carga. Por outro lado, quando cargas liquidas de anel e de fragmentos foram consideradas, os diferentes modleos apresentaram grandes discrepancias e apenas um deles (QTAIM) mostrou-se de acordo com uma das definicoes de mesoionicos. avaliacao dos complexos de mesoionicos revelou que as interacoes em dimeros ao favorecidas em orientacoes antiparelelas e na presenca de substituintes aromaticos, sugerindo que a separacao de cargas e os grupos ligados ao anel sao fundamentais nessas interacoes. Por fim, conclui-se que os modelos classicos de mesoionicos nao descrevem de forma satisfatoria nem a distribuicao de carga nem o carater pi das ligacoes dos aneis mesoionicos.
  • SOFACLES FIGUEREDO CARREIRO SOARES
  • Um novo método para transferência de modelos de calibração NIR e uma nova estratégia para classificação de sementes de algodão usando imagem hiperespectral NIR
  • Data: 20/06/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho envolve o desenvolvimento de dois estudos que sao apresentados nos capitulos 2 e 3. No primeiro, um novo metodo para realizar a transferencia de calibracao foi concebido. Este metodo foi desenvolvido para fazer uso de variaveis isoladas em vez de usar todo o espectro ou janelas espectrais. Para realizar essa tarefa, um procedimento univariado e inicialmente usado para corrigir os espectros registrados no equipamento secundario, dado um conjunto de amostras de transferencia. Uma tecnica de regressao robusta e entao usada para obter um modelo com pequena sensibilidade em relacao aos residuos da correcao univariada. O novo metodo e entao empregado em dois estudos de caso envolvendo analise espectrometrica NIR, em que foram determinados os parametros massa especifica, RON (Research Octane Number) e teor de naftenicos em gasolina e os teores de umidade e oleo em amostras de milho. Os resultados do novo metodo foram melhores do que os obtidos usando o metodo PDS. No segundo, uma nova estrategia para classificacao de sementes de algodao usando imagens hiperespectrais no NIR foi desenvolvido. Inicialmente as amostras de sementes de algodao foram registradas em uma estacao de imagem HSI-NIR e em um equipamento NIR convencional. Apos isso, as imagens foram segmentadas e os espectros medios de cada semente foram extraidos. Os modelos de classificacao SPA-LDA e PLS-DA baseados nos espectros medios foram construidos para os dois conjuntos de dados. Os resultados SPA-LDA e PLS-DA para os modelos demonstraram que a classificacao com os dados HSI-NIR foi alcancada com maior exatidao quando comparada aos modelos obtidos usando o NIR-convencional.
  • ANTONIO SORRENTINO NETO
  • Síntese, caracterização e propriedades magnéticas de ferritas de niquel-cobre
  • Orientador : PETRONIO FILGUEIRAS DE ATHAYDE FILHO
  • Data: 27/05/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os oxidos ceramicos que exibem comportamento ferrimagnetico representam importantes produtos comerciais para industrias de eletronica e sao comumente conhecidos por ferritas. Neste trabalho, foram sintetizadas diferentes composicoes da ferrita CuxNi1-xFe2O4 com X = 0,0, 0,2, 0,4, 0,6, 0,8 e 1,0 pelo uso do metodo de combustao partindo-se dos nitratos de ferro, niquel e cobre e ureia como agente redutor. Os pos obtidos foram caracterizados por determinacao de area superficial especifica pelo metodo (BET), difracao de raio X (DRX), refinamento dos dados de DRX pelo metodo Rietveld e magnetometria de amostra vibrante (MAV). As ferritas de niquel cobre obtidas, referentes x = 0,0, 0,2, 0,4, 0,6 sintetizadas apresentaram o mesmo conjunto de picos correspondentes a formacao de pos monofasicos que foram indexados a fase espinelio de ferrita, formando uma fase cubica e para x = 0,8, 1,0 formou fase tetragonal predominante reforcando a eficiencia do metodo de sintese aplicado. O refinamento pelo metodo de Rietveld resultou na determinacao de parametro de cela das amostras, da fase cubica o valor de 0,8359 a 0,8340 nm e do tamanho de cristalito cujos valores ocorrem entre 239,62 a 187,24 nm. Enquanto na fase tetragonal o parametro de cela a=b foi 5,8253 a 5,8230nm e c= 8,5693 a 8,6941 nm. As curvas de histerese mostraram perfil de materiais magneticos. As ferritas de niquel - cobre sintetizadas se mostraram como materiais com alto potencial de aplicabilidade em diferentes areas de equipamentos de alta frequencia como telefonia e de componentes para de computadores.
  • JOSE MAURICIO DE ALBUQUEREQUE MONTEIRO JUNIOR
  • Problematizando a temática elementos metálicos em aulas de aciências (Química) no ensino fundamental II
  • Orientador : MARIA GARDENNIA DA FONSECA
  • Data: 27/05/2016
  • Mostrar Resumo
  • dfrerwrwrwrwwrw
  • INAKA SILVA BARRETO
  • Um método automático para extração em fase sólida magnética de Cd e Pb em águas e de Cd em óleo comestível e detecção por GF AAS.
  • Data: 25/05/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Nas ultima decada, a extracao em fase solida magnetica (MSPE) tem sido alvo de intenso estudo na Quimica Analitica, principalmente em virtude do seu potencial de aplicacao no preparo de amostras. Recentemente, tendo como motivacao o desenvolvimento de metodos analiticos automaticos, essa tecnica vem sendo combinada aos sistemas em fluxo. Contudo, a integracao sinergica da MSPE com esses sistemas ainda e um desafio, principalmente quando envolve a manipulacao de matrizes viscosas. Nessa perspectiva, a presente tese propoe o desenvolvimento de um eficiente metodo automatico para realizacao da MSPE em matrizes aquosas e oleosas. Para serem aplicadas como adsorvente magnetico, nanoparticulas (NPs) de Fe3O4 revestidas com alumina e funcionalizadas com dodecil sulfato de sodio (SDS) e 1-(2-piridilazo)-2-naftol (PAN) foram sintetizadas. As NPs foram caracterizadas atraves da analise de difratometria de raios-X e da microscopia eletronica de varredura, onde confirmou-se que o metodo empregado para obtencao das particulas foi adequado. Num segundo momento, o sistema automatico para executar a MSPE foi desenvolvido. Para isso, uma camara de extracao foi confeccionada em Teflon, com uma janela de quartzo na lateral, onde todos os passos da MSPE foram realizados sem a necessidade de qualquer aparato auxiliar para imobilizar o adsorvente. Para geracao do campo magnetico, na camara de extracao, um dispositivo robotico foi desenvolvido e satisfato-riamente empregado. Depois de estabelecida essas etapas, a aplicabilidade do metodo foi demonstrada na extracao e preconcentracao de Cd e Pb em amostras de agua de abastecimento e de Cd em oleos comestiveis, empregando como deteccao a espectrometria de absorcao atomica em forno de grafite. Fatores que afetam a MSPE, tais como o pH, a quantidade de adsorvente, o tipo e a concentracao do eluente e o tempo de eluicao foram estudados. Nas melhores condicoes experimentais, para a amostra agua, o limite de deteccao foi 0,004 e 0,043 µg L-1 para o Cd e o Pb, respectivamente. Ainda nessa matriz, desvios padrao relativos menores que 3,5 % foram alcancados com um fator de enriquecimento de 15 vezes para ambos os ana-litos. No caso da determinacao de Cd em oleos comestiveis, limite de deteccao (0,006 µg L-1) e desvio padrao relativo (< 3,3 %) satisfatorios foram obtidos com um fator de enriquecimento de 9 vezes. Os estudos de interferentes foram realizados com exito para as duas determinacoes, nao revelando interferencia percentual significativa nas determinacoes. O metodo desenvolvido e simples e robusto, uma vez que nao requer a imobilizacao do adsorvente, e foi aplicado com sucesso na determinacao de Cd e Pb em amostras de agua de abastecimento e de Cd em oleos comestiveis.
  • ISABELLE NOGUEIRA PEIXOTO
  • Estudos químicos de derivados mesoiônicos do sistema 1,3-tiazólio-5-tiolato com acetamidas substituídas e suas potencialidades antifúngicas contra cepas de Candida albicans.
  • Data: 13/05/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho descreve-se a sintese, caracterizacao e potencial antifungico de vinte derivados mesoionicos do sistema 1,3-tiazolio-5-tiolato. Os compostos, ineditos, foram divididos em duas classes: MI-1A1-10, derivados do mesoionico 2-(4-clorofenil)-3-metil-4-(4-isopropilfenil)-1,3-tiazolio-5-tiolato com dez acetamidas substituidas e MI-2-A1-10, derivados do mesoionico 2-(4-clorofenil)-3-metil-4-(4-metilfenil)-1,3-tiazolio-5-tiolato e tambem com dez acetamidas substi-tuidas. A sintese desses compostos, que apresentou rendimentos satisfatorios (85 a 95 %), ocorreu em quatro etapas: primeiramente o intermediario N-metil-C-arilglicina foi sintetizado via reacao de Strecker com aldeidos p-substituidos, seguido de sua aroilacao para obter o N-metil-N-aroil-C-arilglicina, seguida da ciclo desidratacao com anidrido acetico, cicloadicao e cicloreversao 1,3-dipolar induzida por CS2 para obter os mesoionicos do sistema 1,3-tiazolio-5-tiolato na forma de base livre. Por fim os mesoionicos foram convertidos em seus respectivos sais atraves do tratamento com dez acetamidas substituidas. Todos os compostos, intermediarios, mesoionicos, acetamidas e derivados mesoionicos, foram caracterizados por tecnicas espectroscopicas de IV, RMN de 1H e 13C e avaliou-se o potencial antifungico dos derivados mesoionicos contra cinco cepas de Candida albicans. Dentre os vinte derivados mesoionicos investigados, apenas quatro, MI-1-A3, MI-1-A4, MI-1-A6 e MI-1-A7, exibiram eficiente atividade com concentracoes inibitorias minimas entre 256 – 512 μg mL-1. Neste trabalho realizou-se ainda uma investigacao in silico dos compostos mesoionicos, das acetamidas substituidas e dos derivados mesoionicos e os resulta-dos indicaram que tanto os compostos mesoionicos quanto seus derivados sao bons candidatos a farmacos enquanto que as dez acetamidas substituidas investigadas devem apresentar elevada toxicidade.
  • HANDERSON SILVA VENCESLAU OLIVEIRA
  • SÍNTESE E CARACTERIZAÇÃO DE COMPLEXOS HOMONUCLEARES E HETERONUCLEARES DE LANTANÍDEOS E BISMUTO OBTIDOS A PARTIR DE CITRATO DE SÓDIO E 1,10-FENANTROLINA
  • Data: 29/02/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Complexos homonucleares LnCit.nH2O (Ln3+ = Eu3+, Tb3+ e de Gd3+ ( n= 1 - 3)) foram sintetizados por adicao estequiometrica das respectivas solucoes aquosas dos ions de Ln3+, sob a forma nitrato, e da solucao de citrato de sodio (Na3Cit), sendo a proporcao usada referente as solucoes dos reagentes de 1:1. Complexos de bismuto e lantanideo, heteronucleares, tambem foram sintetizados a partir dos respectivos sais de nitrato de Bi3+ e Ln3+ e do sal de Na3Cit agora na proporcao 1:1:2. Um complexo de formula Bi6O4(OH)4Cit2.2H2O, (M1), foi sintetizado de modo semelhante aos dos complexos homonucleares Ln3+, porem, a composicao obtida nao foi compativel com a estequiometria dos reagentes de partida, ou seja, estequiometrica de 1:1, bismuto / citrato. Outro complexo de bismuto, com formula minima de BiCit.2H2O, (M2), foi sintetizado pela reacao de Na3Cit com Bi(NO3)3 e fen, a partir da razao molar 1:1:1, isto e, citrato, ion de bismuto e fen. Tambem um complexo de europio com composicao EuCit.1/2(fen).2H2O (fen = 1,10-fenantrolina) foi obtido pela reacao entre Na3Cit, Eu(NO3)3 e fen com uma estequiometria dos reagentes de partida tambem na proporcao de 1:1:1. Todos estes materiais foram caracterizados por: espectrofotometria de absorcao utilizando forno de grafite, analise elementar (CHN), (com excecao dos complexos M1 e M2), espectroscopia vibracional na regiao do infravermelho (FTIR) e analise termica (TG-DTA-DTG). Para o complexo EuCit.1/2(fen).2H2O espectroscopia de luminescencia foi tambem usada, tendo o mesmo mostrado alta intensidade luminescente quando irradiado com luz de comprimento de onda de 350 nm. A partir dos dados quantitativos de forno de grafite, analise elementar (CHN) e tecnicas de analise termica, a composicao quimica de cada complexo foi sugerida e pelos espectros de infravermelho, as formas de coordenacao dos ligantes Cit e fen aos ions metalicos foram tambem indicadas. Para os complexos heteronucleares, os resultados das tres primeiras tecnicas indicam estruturas dos tipos [LnBi2Cit2.3H2O](H2O)3 ( Ln = Eu3+ e Gd3+) e [BiTbCit.2H2O](H2O)3.
  • ROMARIO DE LIMA OLIVEIRA
  • AVALIAÇÃO DA ESTABILIDADE OXIDATIVA DE BLENDAS DE BIODIESEL DE ÓLEO DE SOJA E DE ÓLEO DE MACAÚBA DURANTE ARMAZENAMENTO
  • Data: 29/02/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A crescente produção de biodiesel a cada ano reflete o sucesso de Programa Nacional de Produ-ção e Uso de Biodiesel, contudo o biodiesel brasileiro (cerca de 80% é produzido a partir de óleo de soja) é instável quimicamente, sendo necessário o uso de aditivos antioxidantes para melho-rar a estabilidade desse biocombustível. Outra alternativa é o uso blendas de biodieseis para esse mesmo objetivo, nesse sentido, este trabalho teve como meta o estudo do comportamento de blendas de biodiesel compostas do biodiesel de soja com o biodiesel de óleo de carnaúba em proporções variadas, isentas de aditivos antioxidantes, durante três meses de armazenamento. Com relação ao uso do biodiesel de óleo da macaúba como melhorador da estabilidade oxidativa do biodiesel de soja, os resultados obtidos pela técnica Rancimat se mostraram bastante promis-sores, principalmente no tempo zero. Entretanto, após 30 dias de estocagem o período de indu-ção das blendas de biodiesel caiu drasticamente. Os parâmetros viscosidade, massa específica e ponto de entupimento de filtro a frio permaneceram dentro dos limites estabelecidos pela ANP durante todo o período de armazenamento. .
  • LAÍS CHANTELLE DE LIMA
  • Espinelios do sistema Mg2TiO4-Mg2SnO4 obtidos pelo metodo pechini-modificado: propriedades fotocataliticas e antiadesao microbiana.
  • Data: 29/02/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O estanato (Mg2SnO4) e o titanato de magnesio (Mg2TiO4) sao oxidos do tipo espinelio inverso, aplicados como sensores de umidade, resistor de calor, dieletrico, capacitor para compensacao de temperatura, ceramica eletronica e material refratario. Nesse trabalho, os dois materiais foram combinados com a finalidade de obter uma solucao solida, Mg2(Ti1-xSnx)O4, (x= 0; 0,25; 0,50; 0,75; 1,0), utilizando o metodo Pechini modificado, de modo a investigar a influencia da substituicao dos ions Sn4+ por ions Ti4+ na rede do espinelio para aplicacao como catalisadores na descoloracao do corante remazol amarelo ouro e na anti adesao microbiana. A sintese dos espinelios foi otimizada. Os catalisadores foram caracterizados pelas tecnicas de difracao de raios-X, espectroscopia na regiao do ultravioleta e do visivel, e espectroscopia Raman, espectroscopia na regiao do infravermelho e medida de area superficial por BET. O Mg2TiO4 e um composto metaestavel, se decompondo em ilmenita (MgTiO3) acima de 800 °C. Por outro lado, o Mg2TiO4 se organiza a longo alcance em temperaturas mais baixas enquanto que o Mg2SnO4 monofasico e obtido apenas a partir de 900°C. Com isso, observa-se que diferentes temperaturas sao necessarias para se obter os materiais monofasicos. Os espectros de IV e Raman confirmaram a presenca dos octaedros [MgO6], [TiO6], [SnO6] e tetraedro (MgO4). O Mg2SnO4 apresentou o melhor resultado, com descoloracao de 79 % em pH 6 e 87 % em pH 3. Para os testes de anti adesao microbiana os espinelios com maior teor de titanio apresentaram os melhores resultados exceto para a E.coli.
  • STEFANI IURY EVANGELISTA DE ANDRADE
  • Pontos quânticos de carbono aplicado a determinação fluorimétrica de Cobre(II) em óleos usando um sistema em fluxo-batelada com extração em fase única.
  • Data: 29/02/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho foi desenvolvido um novo metodo automatico em fluxo-batelada baseado em pontos quanticos de carbono (PQCs) para determinacao fluorescente de cobre(II) em oleos comestiveis. O metodo analitico proposto apresenta como estrategia de pre-tratamento da amostra a disponibilizacao on-line do cobre por meio de extracao em fase unica utilizando uma mistura de solventes alcool isopropilico/cloroformio na proporcao 70:30 (v/v). Para a preparacao dos PQCs, foi empregado o tratamento hidrotermico, simples e de baixo custo, do suco de abacaxi, como bioprecursor. Foi constatado que a fluorescencia dos PQCs pode ser significativamente reduzida na presenca do Cu(II) simplesmente utilizando um tampao PBS pH 4,0. O mecanismo de extincao da fluorescencia pode ser atribuido as interacoes entre os grupos presentes na superficie dos PQCs com os ions Cu(II). Concernente ao sistema automatico fluxobatelada uma nova camara de mistura foi construida em politetrafluoretileno, provida de tres janelas de quartzo, com o objetivo de permitir a excitacao e aquisicao dos espectros de fluorescencia on-line. Para isso, foi utilizado um LED-ultravioleta como fonte de excitacao e um espectrofluorimetro portatil como detector. Os limites de deteccao e os desvios padrao relativo foram estimados como sendo 2,9 μg L–1 e < 2,5 % (n = 3), respectivamente. A analise de ions interferentes foi realizada com exito para os principais ions metalicos presentes na matriz da amostra, nao revelando interferencia percentual significativa (≤ 5 %). A exatidao do metodo foi avaliada atraves do teste de recuperacao (96 a 106 %). A robustez do metodo foi avaliada por comparacao intra e inter-dia dos resultados obtidos e empregando o metodo de referencia com deteccao por absorcao atomica em forno de grafite, a um nivel de 95% de confianca estatistica. Por fim, o sistema apresentou frequencia analitica bastante satisfatoria (60 h–1) com uma reducao consideravel do consumo de produtos quimicos. Desta forma, e evidenciado de modo apreciavel a viabilidade do novo metodo fluorescente, permitindo, dessa maneira, o desenvolvimento de novas estrategias analiticas potencialmente uteis baseadas em nanoparticulas de carbono e automacao em sistemas fluxo-batelada.
  • YOLANDA CAVALCANTE DE MIRANDA
  • Novos compostos bis-dipivaloilmetanato de íons lantanídeos trivalentes: síntese, caracterização e transferência de energia
  • Data: 29/02/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O presente trabalho envolve a síntese, caracterização e a investigação das propriedades fotolu-minescentes dos sistemas de fórmulas [Ln(DPM)2(NO3)(L)2] e [Ln(L)3(NO3)3], em que L = triciclohexilfosfinóxido (THPO) ou trifenilfosfinóxido (TPPO) e Ln3+ = Tb3+, Gd3+ ou Eu3+, além dos compostos diméricos [Eu2(DPM)6] e [Tb2(DPM)6]. Os complexos foram caracterizados por análise elementar de CHN e Lantanídeo (Ln), espectroscopia vibracional na região do infraver-melho, análise termogravimétrica e suas propriedades espectroscópicas foram investigadas por espectroscopia molecular de reflectância difusa, de excitação e emissão, assim como os tempos de decaimento dos estados emissores. Os dados experimentais das análises de CHN e titulações complexométricas dos complexos sintetizados estão em concordância com os dados teóricos calculados para as suas respectivas fórmulas. Os espectros de absorção na região do infraver-melho evidenciam que a coordenação dos ligantes β-dicetonatos e fosfinóxidos aos íons Ln3+ ocorre por meio de átomos de oxigênio dos grupos carbonila e P=O, respectivamente. O com-portamento estrutural dos complexos [Eu(DPM)2(NO3)(TPPO)2] e [Tb(DPM)2(NO3)(TPPO)2] é significativamente diferente daqueles complexos diméricos, [Eu2(DPM)6] e [Tb2(DPM)6]. A presença de estado de transferência de carga ligante-metal (TCLM) de baixa energia nos com-postos de Eu3+ também foi investigada. Os estudos das propriedades luminescentes mostraram que nos sistemas bis-DPM de Eu3+, ocorre um aumento na energia do estado de TCLM, contri-buindo para um aumento na intensidade de luminescência destes compostos, quando compa-rados com os complexos diméricos. Esta observação é evidenciada pela luminescência à tem-peratura ambiente observada para o primeiro composto, que não é observada para o segundo. As geometrias dos complexos [Ln2(DPM)6] e [Ln(DPM)2(NO3)(L)2] com Ln = Tb3+ ou Eu3+ foram otimizadas usando o método SPARKLE/RM1, o primeiro apresentando um poliedro de coordenação descristo como prisma trigonal monoencapuzado e o segundo como dodecaedro distorcido.
  • ANA FLAVIA FELIX FARIAS
  • Bentonitas modificadas com óxidos metálicos de Zn, Ce ou Cu aplicadas para aprodução de biodiesel
  • Data: 29/02/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os argilominerais tem despertado interesse para utilizacao na catalise heterogenea por apre-sentar alta versatilidade, baixo custo alem de possuir propriedades estruturais que possibilitam modificacoes por ativacao para produzir catalisadores ativos. Ja os oxidos metalicos, como o ZnO, CuO e CeO2, sao materiais que vem apresentando resultados promissores na catalise para sintese do biodiesel, tanto na forma pura como em mistura de diferentes oxidos ou mesmo como suportes. Devido a busca por catalisadores que facilitem o processo de separacao e purificacao do produto final da transesterificacao, esta pesquisa propos estudar a viabilidade da sintese do ZnO, CuO e CeO2 e a deposicao simultanea em bentonita na sua forma natural e acidificada. Alem disso, foi avaliada a formacao de hibridos de ZnO/Bentonita. Para producao dos catali-sadores foi utilizado o metodo de sintese hidrotermico/solvotermico assistido por micro-ondas. Na sintese dos hibridos, foi utilizado um planejamento fatorial 23 para avaliar as diferentes condicoes experimentais. Os catalisadores foram caracterizados por difracao de raio-X, adsorcao de nitrogenio, microscopia eletronica de varredura com emissao de campo e microscopia eletronica de transmissao, termogravimetria, fluorescencia de raio-X e espectroscopia de infravermelho. O biodiesel foi obtido a partir do oleo de soja utilizando reator Parr, pela rota etilica. Nos testes com os hibridos, a influencia dos catalisadores na producao de biodiesel foi avaliada utilizando um planejamento fatorial 22. Os produtos dos testes cataliticos foram caracterizados por viscosidade cinematica, ressonancia magnetica nuclear (RMN) de 13C e 1H e cromatografia gasosa (CG). O estudo possibilitou perceber que a bentonita natural e um bom suporte para a formacao dos catalisadores pelo metodo hidro/solvotermico assistido por micro-ondas, com eficacia tanto na producao de bentonita impregnada com oxidos metalicos, como na formacao dos hibridos. Entre os oxidos metalicos, o ZnO demonstrou maior atividade. Os estudos estatisticos das condicoes de sintese permitiram identificar que o fator pH para os catalisadores e o fator temperatura para o biodiesel foram os de maior interferencia na sintese. A utilizacao do ZnO como fase ativa para a formacao dos catalisadores de bentonita impregnada e hibridos aumenta o efeito catalitico na reacao de transesterificacao, conduzindo a conversoes superiores a 73% apos 4 h de reacao e agrega valor a bentonita.
  • EMANUELLA SANTOS SOUSA
  • Desenvolvimento e validação de uma metodologia analítica para determinação de resíduos de agrotóxicos em hortaliças empregando cromatografia líquida com detector de arranjo de diodos
  • Data: 29/02/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • É crescente no mundo o uso de agrotóxicos e principalmente no Brasil, que apresenta um consu-mo de aproximadamente 5,2 kg/habitante. Por esse motivo, órgãos nacionais e internacionais (CODEX, FAO e ANVISA) monitoram e estabelecem critérios de avaliações para o controle de qualidade dos alimentos, regulamentando os limites máximos de resíduos (LMRs), restringindo e proibindo o uso desses produtos que podem causar efeitos nocivos à saúde e ao meio ambiente. A maioria dos métodos utilizados para quantificação de pesticidas em alimentos são realizados por cromatografia líquida ou gasosa, empregando detector de massa, fluorescência ou arranjo de diodo. Neste trabalho é proposto uma metodologia para quantificação de sete pesticidas (Carbendazim, Tiabendazol, Fuberidazol, Carbofuran, Flutriafol, Carbaril e seu produto de degradação 1-Naftol) em hortaliças utilizando extração QuEChERS e cromatografia líquida com detecção por arranjo de diodos. No processo cromatográfico foi empregado a eluição gradiente usando 0,014 mM de ácido fosfórico (eluente A) e metanol (eluente B): 40% de metanol por 3,5 minutos atingindo a proporção de 55% de metanol aos 22 minutos, com vazão de 1 mL min-1 e uma temperatura de 35ºC. Estes parâmetros cromatográficos, bem como modelos de calibração, foram elaborados, otimizados e validados visando uma análise livre de interferências nas amostras para atingir os LMR’s estabelecidos pelos órgãos normalizadores nacionais e interna-cionais (INMETRO, ANVISA, EUROCHEM, FAO e CODEX). Foram quantificados 0,21 mg kg-1 de Carbendazim e 0,31 mg kg-1 de Carbofuran na amostra de couve; 0,12 mg kg-1 de Flutriafol na amostra de beterraba; 0,05 mg kg-1 de Fuberidazol e Flutriafol na amostra de tomate e 0,24 mg kg-1 de Carbendazim na amostra de pimentão. É importante ressaltar que das amostras quantifi-cadas a ANVISA permite apenas o uso de Flutriafol em tomate, com limite máximo permitido de 0,1 mg kg-1 e para as demais amostras não há autorização para o uso desses agrotóxicos no combate as pragas nas culturas dessas hortaliças.
  • LUCAS ALFREDO SIQUEIRA
  • Titulador Automático Baseado em Filmes Digitais para Determinação de Dureza e Alcalinidade Total em Águas Minerais
  • Data: 29/02/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A dureza total e a alcalinidade total são importantes parâmetros físico-químicos para avaliação da qualidade de águas e são determinados por métodos volumétricos de análise. Estes métodos apresentam difícil detecção do ponto final da titulação devido à dificuldade de visualização das transições de cores inerentes a cada um deles. Para contornar este problema, foi proposta neste trabalho uma nova metodologia automática para a detecção do ponto final nas determinações de dureza total e alcalinidade total em águas. O titulador em fluxo-batelada proposto é composto de uma bomba peristáltica, cinco válvulas solenoides de três vias, um agitador magnético, um acionador de válvulas, uma placa Arduíno MEGA 2560TM, uma câmara de mistura e uma webcam. O programa de gerenciamento e controle do titulador foi escrito em linguagem ActionScript 3.0. A webcam grava o filme digital durante a adição do titulante na câmara de mistura, registrando as variações de cor decorrentes das reações químicas entre titulante e amostra no interior de câmara. Enquanto o filme é gravado, este é decomposto em quadros ordenados sequencialmente a uma taxa constante de 30 quadros por segundo (FPS). O primeiro quadro é utilizado como referência para definir uma região de interesse (RI) com 48 x 50 pixels, na qual seus valores R, G e B são utilizados para calcular os valores de coeficiente de correlação de Pearson (r). O valor de r é calculado entre os valores de R do quadro inicial e de cada quadro subsequente. As curvas de titulação são obtidas em tempo real usando os valores de r (ordenadas) e o tempo total de abertura da válvula de titulante (abscissas). O ponto final é estimado pelo método de segunda derivada. O método foi aplicado na análise de águas minerais e os resultados foram comparados com a titulação clássica, não apresentando diferenças estatisticamente significativas com aplicação do teste t pareado a 95% de confiança. O método proposto foi capaz de processar até 71 amostras por hora e a sua precisão foi confirmada pelos valores de desvio padrão relativos (DPR) globais, sempre inferiores as 2,4% para dureza total e 1,4% para alcalinidade total.
  • ALAN FERREIRA DE ARAÚJO
  • Síntese e caracterização das propriedades térmicas e óticas de materiais moleclares conjugados derivados de benzillidenocetonas.
  • Data: 26/02/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os materiais de baixa massa molecular elevada conjugação pi são interessantes alvos de pes-quisa na academia e na indústria. As propriedades apresentadas por tais sistemas contribuem ativamen-te na produção de dispositivos eletro-óticos, como OLEDs, OFETs e células solares (semicondutores orgânicos). Os cristais líquidos são uma classe importante de materiais de baixa massa molecular devido às propriedades de ordem do estado sólido e fluidez do estado líquido. Com base contexto, este trabalho apresenta a síntese e caracterização das propriedades térmnicas e óticas de três sé-ries de compostos conjugados derivados de benzildenocetonas 3,4-dissubstituídas. As estruturas dessas moléculas foram planejadas a fim de se obter materiais que exibam forma de bastão, requi- sito básico para estutura de cristais líquidos calamiticos. Os com-postos sintetizados consistem de dibenzilidenocetonas 3-metoxi-4-substituídas com variadas ca-deias alquílicas de 4, 10 e átomos de carbono. Grupos cetonas cíclicos e acíclicos separam os anéis aromáticos. Os compostos foram caracterizados por espectroscopia no infravermelho, ressonância magnética nuclear de 1H e 13C. As propriedades térmicas foram investigadas atra- vés de DSC, MOLP e TGA. Das nove moléculas-alvo sintetizadas, uma apresentou mesomorfis-mo, três mantiveram estado isotrópico mesmo no resfriamento à temperatura ambiente, e os demais não apresentaram nenhum tipo de mesoformismo. Os compostos finais apresentaram temperaturas de decomposição na faixa de 215 C a 345 C. Os estudos das propriedades óticas foram realizados por espectroscopia de ultravioleta em slução. As moléculas sintetizadas apre-sentaram forte absorção na faixa de 330 nm a 370 nm com elevada absortividade molar (E = 104 L.mol-1.cm-1) que, através de nossos estudos, são atribuídas às transições eletrônicas pi-pi*.
  • CRISTIANO TENORIO DOS SANTOS
  • Efeito de cloreto de sódio e de Mn-porfirinas na produção de biomassa de fungos filamentosos para reações de biocatálise
  • Data: 26/02/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O presente trabalho dedicou-se a estudos com Rhizopus stolonifer (SIS 35), Rhizopus microsporus var. microsporus (SIS 39) e Lichtheimia blakesleeana (SIS 40) advindos da micoteca da Rede Norte-Nordeste de fungos filamentoso de solos da Caatinga e da Amazonia (RENNORFUN). Dentre esses estudos, incluem-se as dinamica de crescimento dos fungos filamentosos. Em particular estudou-se a resposta da biomassa do fungo Rhizopus stolonifer (SIS 35) frente as condicoes de cultivo, como rotacao orbital e unidade formadora de colonia, em seguida identificou-se o crescimento do fungo SIS 35 em niveis elevados de salinidade, utilizando para isso dois modelos experimentais microplaca e meio submerso. Posteriormente, usou-se MnTE-2-PyP5+ e MnTnHex-2-PyP5+ para averiguar atenuacoes do estresse salino, em ambos os modelos os resultados mostraram que o efeito do estresse salino foi significativo, porem as MnPs nao foram eficientes em remediar o estresse salino. Posteriormente, iniciou-se um estudo com estas cepas a fim de verificar sua capacidade biotransformatoria frente a reacoes com substratos afim de verificar reducao de uma cetona (ciclohexanona) e oxidacao de um alcool (ciclohexanol). Verificou-se a oxidacao em dois meios de crescimentos para os tres fungos. O fungo SIS 35 foi o unico que nao realizou a conversao ciclohexanol, entao verificou-se sua eficiencia biocatalitica frente a reducao da ciclohexanona, obtendo-se bons resultados com rendimentos entre 98-99% em um periodo de ~ 44 horas. Inclui-se a esse trabalho estudos do efeito do estresse salino e de MnPs como agentes promotores de uma melhor eficiencia biocatalitica, o efeito da salinidade 200 mmol/L de NaCl na conversao parece promover uma biomassa mais eficiente diminuindo o tempo reacional em 12 horas, ja a MnP em concentracoes de 5 µmol/L parece promover um melhor tempo de conversao do substrato.
  • INGRID DANTAS VASCONCELOS DA SILVA
  • Estudo de blendas poliméricas constituídas por goma xantona e poli (álcool vinílico) reticulados com ácido citrico para aplicação em resumos de liberação controlda de fármacos.
  • Data: 25/02/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Blendas polimericas representam uma forma rapida e economica para obtencao de novos materiais e filmes formados de polimeros naturais e sinteticos vem atraindo bastante atencao. A goma xantana (GX) e o poli (alcool vinilico) (PVA) sao polimeros de interesse devido as suas propriedades. O alto carater hidrofilico desses materiais limitam suas aplicacoes, por isso eles precisam passar pelo processo de reticulacao. Neste trabalho foram preparados e caracterizados filmes polimericos constituidos por goma xantana e poli (alcool vinilico) sem agente reticulante e reticulados com acido citrico (AC) para aplicacao na area de liberacao controlada de farmacos. Os dados de espectroscopia de infravermelho sugeriram possiveis interacoes entre os polimeros na blenda e a incorporacao do reticulante na matriz polimerica. A microscopia eletronica de varredura revelou que as superficies dos filmes sao lisas e homogeneas, mesmo com a adicao do agente reticulante. Os ensaios de solubilidade, intumescimento e permeabilidade ao vapor de agua mostraram o sinergismo das propriedades dos polimeros na blenda e que o acido citrico atribuiu aos filmes resistencia a agua. As composicoes mostraram-se estaveis em atmosfera inerte (N2), e os filmes reticulados com acido citrico exibiram melhor estabilidade termica quando comparados com os sem reticulante. O estudo de cinetica de degradacao termica complementou os resultados de analise termica mostrando que os filmes de poli (alcool vinilico) sao mais estaveis e que o agente reticulante aumentou as propriedades termicas dos filmes. Os ensaios de biodegradabilidade em solo mostraram maior degradacao para as blendas polimericas em um periodo de 160 dias. Os filmes nao demonstraram atividade antimicrobiana frente aos microrganismos estudados. A aplicacao dos filmes reticulados com acido citrico na area de liberacao controlada mostrou que o mecanismo de liberacao de paracetamol, propranolol e fluconazol foi controlado principalmente por difusao, intumescimento e relaxamento das cadeias polimericas, apresentando perfis de liberacao constantes em 24 h, demonstrando que os filmes desenvolvidos sao materiais promissores para liberacao controlada de farmacos.
  • GESSENILDO PEREIRA RODRIGUES
  • Estudo do decaimento fotoquímico de alguns HCFCs usando métodos de estrutura eletrônica e dinâmica nãoadiabática.
  • Data: 25/02/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho consiste de um estudo teorico do mecanismo fotoquimico de dissociacao de hidroclorofluorcarbonos, comumente conhecidos como freons, compostos diretamente ligados aos problemas de consumo do ozonio atmosferico e aquecimento global. Para o HCFC-133a (C2H2F3Cl) e HCFC-132b (CF2ClCH2Cl), foi investigado o processo de fotodecaimento atraves de calculos de propriedades de estados excitados, aplicando diferentes metodos de referencia simples (CC2, ADC2 e TD-DFT) em comparacao com metodologias multirreferencia (MR-CISD e CASPT2). Simulacoes de dinamica nao adiabatica em fase gasosa foram realizadas a nivel TD-DFT e resultados comparados com dados experimentais. Os espectros de fotoabsorcao, simulados com o funcional TD-B97XD, mostram uma correta atribuicao das bandas espectrais e dos estados n-4p e n-4s. A conversao interna destes compostos para o estado fundamental ocorre via diferentes caminhos de reacao, gerando diferentes produtos. Para o HCFC-133a, o tempo de decaimento obtido foi de 137 fs e os produtos caracterizados foram eliminacoes atomicas (Cl, F ou H), multifragmentacoes (FCl, HCl ou HF), e quebra da ligacao CC (apenas ou seguido da eliminacao de Cl ou H). Os principais canais fotoquimicos observados foram as eliminacoes de Cl, HCl e FCl, que representam 54% de todos os processos. No tocante ao HCFC-132b, o tempo de decaimento obtido foi de 106 e 191 fs, para as janelas de excitacao 8,5 e 10,0 eV, respetivamente. Os principais mecanismos fotoquimicos ocorrem com a dissociacao de 2Cl, quebra da ligacao C-Cl e HCl, com 95% do rendimento. Por outro lado, HCl, HF e Cl atomico foram os principais caminhos de reacao em regioes mais altas, com 77% dos produtos obtidos. Os resultados mostram que a posicao e numero de atomos de fluor tem uma influencia direta nas propriedades de estados excitados, espectros de fotoabsorcao e consequentemente nos produtos fotoquimicos formados apos excitacao.
  • RAILTON BARBOSA DE ANDRADE
  • Estudo Quimico-Quantico da Estabilidade das N-alquil Nitrosaminas Neutras e Protonadas
  • Data: 23/02/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho realizamos calculos a nivel ωB97X-D, CAM-B3LYP, CASSCF, MR-CISD, MR-CISD+Q e NEVPT2. Os conjuntos de base aug-cc-pVDZ e cc-pVTZ foram usados nos calculo para avaliar a estabilidade de algumas N-nitrosaminas neutra e protonada nos estados fundamental e excitado. Alem disso, analisamos o efeito da metilacao nas transferencias de proton. A proposta inicial foi caracterizar os pontos estacionarios e as curvas de energia potencial no estado funda-mental e excitada dos sistemas analisados, com a finalidade de sugerir uma estrategia que resulte em menor demanda computacional e passivel de ser aplicada em sistemas maiores (N-nitrosaminas ciclicas e biciclicas). Os resultados indicaram que a metodologia MR-CISD/cc-pVTZ//MR-CISD/aug-cc-pVDZ pode ser adequada para estudar as N-nitrosaminas. Os funcionais utilizados forneceram boas descricoes, para energia de excitacao vertical, mas para as curvas de dissociacao nao foram capaz de representar os estados corretamente. Os resultados com MR-CISD+Q/cc-pVTZ para o sistema (CH3)2NNO protonado, indicam que a protonacao e mais favoravel na estrutura NDMA_1A, aumentando a energia em ~ 17,5 k cal mol-1 e que a metilacao altera significativamente as barreiras de transferencia de proton intramoleculares. Com a proposta de encontrar uma metodologia com menor custo computacional, usamos uma funcao de onda de referencia CASSCF (12, 9) a nivel NEVPT2/cc-pVTZ para estudar a NDMA neutra e os resultados foram compativeis, com os parametros experimentais e teoricos existentes na literatura. Para estudos envolvendo sistemas maiores, como por exemplo, N-nitrosaminas ciclicas e biciclicas, NEVPT2 podera ser usado uma vez que esta totalmente paralelizado e comporta a utilizacao de um CASSCF maior que CAS (14, 10) caracteristica fundamental para estudar sistemas maiores.
  • RAILTON BARBOSA DE ANDRADE
  • Estudo Efeito da Substituição de Átomos de Hidrogênios por Flúor em Propriedades Covalentes e Iônicas em Algumas N,N-nitrosodimetilamina e N,N-nitrosodietilamina
  • Data: 23/02/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • As nitrosaminas sao substancias quimicas que tem recebido muita atencao por causa do risco potencial de cancer. Estudos sobre a interacao de nitrosaminas com a formula RIRIINNO onde RI e RII podem ser grupos metil ou etil, com a caracterizacao de interacao direta de nitrosaminas com o Citocromo P450 atraves da interacao com o ferro heme, demonstraram um interacao metal-ligante atraves do oxigenio. A nossa motivacao foi investigar a variacao de algumas caracteristicas ionicas e covalentes nas moleculas pela substituicao de atomos de hidrogenio por atomos de fluor, por causa da existencia do carater ionico e tambem do carater covalente na interacao Metal-Ligante. Dividimos as estruturas em dois grupos: N, N-nitrosodimetilamina, N, N-nitrosodietilamina (a) e N, N-nitrosodietilamina (b). Foram realizados calculos de otimizacao e de frequencia de 120 estruturas usando o Gaussian09 com os metodos: DFT/B3LYP (cc-pVTZ) e MP2 (cc-pVTZ) com calculos de carga NBO. Calculos de Single-point (cc-pVTZ) foram realizados para analisar as energias e a localizacao de alguns orbitais e observar a contribuicao do oxigenio na formacao destes orbitais. Os resultados mostraram um intervalo de valores para o momento de dipolo entre 0,2566–5,9028 Debye. Esta variacao esta diretamente ligada a estrutura de ressonancia dipolar. Algumas substituicoes afetam o valor do momento de dipolo e a geometria, modificando o grupo pontual de algumas estruturas. A polarizabilidade mudou muito pouco, porque com a adicao de atomos de fluor, os eletrons sao mais atraidos pelos nucleos atomicos das nitrosaminas. Encontramos uma correlacao entre as cargas NBO dos atomos de nitrogenio (grupo Amino) com as distancias de ligacao N-N. A mesma correlacao foi encontrada entre as cargas NBO no oxigenio e a distancia de ligacao N=O. Nos descobrimos que a energia do orbital aumenta quando a quantidade de atomos de Fluor aumenta. Em relacao a localizacao dos orbitais no oxigenio, os orbitais π ligantes N=O tem pequena contribuicao do oxigenio.
  • NATHÁLIA KELLYNE SILVA MARINHO FALCÃO
  • Catálise biomimética à base de Mn(III)-porfirinas: hidroxilação de alcano por sistemas suportados em sílica e estudos exploratórios da oxidação do contaminante emergente triclosan
  • Data: 05/02/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho foram desenvolvidos modelos biomiméticos dos citocromos P450 pela heteroge-neização das N-piridilporfirinas de Mn(III) em sílica-gel, resultando em três classes de catalisa-dores. A primeira classe descreve a imobilização das N-piridilporfirinas de Mn(III) (MnT-X-PyPCl, X = 2, 3, 4) em sílica-gel funcionalizada com o grupo cloropropila (Sil-Cl), a segunda classe envolve a metilação in situ dos materiais obtidos anteriormente e a terceira classe corresponde ao ancoramento eletrostático das N-metilpiridinioporfirinas de Mn(III) (MnTM-X-PyPCl5, X = 2, 3, 4) em sílica-gel in natura, sendo denominados como Sil-Cl/MnT-X-PyPCl, Sil-Cl/MnT-X-PyPCl/ MeOTs e SiO2/MnTM-X-PyPCl5 (X = 2, 3, 4), respectivamente. Estes materiais foram emprega-dos em reações de hidroxilação do substrato modelo cicloexano por iodosilbenzeno (PhIO). Os catalisadores heterogeneizados mostram-se mais eficientes, seletivos e resistentes à destruição catalítica do que os sistemas em fase homogênea, além de não serem observadas perdas signi-ficativas na eficiência catalítica após reúsos desses materiais. O aumento do potencial de redu-ção Mn(III)/Mn(II) associado ao aumento do grau de alquilação nos catalisadores Sil-Cl/MnT-X-PyPCl/MeOTs (X = 2, 3, 4) não levaram a alterações significativas na eficiência catalítica desses materiais em comparação aos materiais de partida Sil-Cl/MnT-X-PyPCl (X = 2, 3, 4). A investiga-ção da atividade catalítica das Mn-porfirinas de primeira e segunda geração, cloreto de mesote-trafenilporfirinatomanganês (III) (MnTPPCl) e cloreto de mesotetraquis(2,6diclorofenil)porfirinato-manganês(III) (MnTDCPPCl), na oxidação do contaminante emergente triclosan revelou que estes modelos biomiméticos podem efetuar a degradação deste xenobiótico. A MnTDCPPCl mostrou-se mais eficiente do que seu análogo de primeira geração MnTPPCl, que foi mais degra-dado durante as reações. Pelas técnicas de GC-FID, HPLC-DAD e LC-MS/MS foi possível confir-mar a formação de dois produtos já identificados na literatura como metabólitos in vivo: 4-clorocatecol e 2,4-diclorofenol. Ainda por LC/MS-MS pode-se identificar a formação de mais quatro produtos de degradação do triclosan ainda não definidos (m/z 270, 323, 448 e 483).
  • ANTONIO JEFFERSON DOS PASSOS LIMA
  • Extração, caracterização e confirmação das estruturas dos ácidos graxos majoritários presentes no óleo da terminallia catappa (Castanhola) através de técnicas espectroscópicas.
  • Data: 02/02/2016
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A Terminália catappa linn também conhecida como castanhola, pertencente à família das com-bretaceae, é encontrada em todo litoral brasileiro. Apesar de não ser uma espécie nativa, sua facilidade em germinar e alta resistência à salinidade, tornou-a invasiva. Os frutos coletados desta espécie nas imediações da UFPB, apresentam amêndoas ricas em óleo e o rendimento obtido por extração mecânica foi em torno de 26 %. Os triacilglicerídeos que o compõe influen-ciam diretamente nos parâmetros físico e químicos avaliados como índice de acidez, iodo, peró-xido, massa especifica e o fator reológico viscosidade. Estas análises comprovam que a amostra estudada apresentou bom estado de conservação. Este resultado foi corroborado com as técnicas analíticas de termogravimetria e através da oxidação acelerada por fluxo de calor, evidenciando que a amostra em estudo apresenta boa estabilidade em relação à decomposição termo-oxidativas. A análise em cromatografia gasosa acoplada ao espectrômetro de massas sugere os ésteres metílicos majoritários palmitato, elaidato, linoleato e estearato como cons-tituintes dos triacilglicerídeos responsáveis pelas propriedades avaliadas. Estes foram confir-mados por técnicas espectroscópicas como infravermelho, RMN 1H, RMN 13C, COSY e HSQC que são as mais importantes quando se discute sobre elucidação estruturais de moléculas orgânicas.
2015
Descrição
  • GLAUCIO JEFFERSON ARAUJO GOMES
  • Desenvolvimento de metodologia para determinação eletroquímica simultânea de compostos fenólicos
  • Data: 04/09/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os compostos fenolicos hidroquinona (HQ), catecol (CC), resorcinol (RS) e cresol (CR) apresen-tam larga aplicacao industrial e estao atualmente presentes no meio ambiente como resultado da atividade humana. Estes compostos podem constituir uma ameaca a varios sistemas ambientais, uma vez que sao de dificil degradacao e apresentam elevada toxicidade. Este trabalho visa desenvolver um metodo para determinacao simultanea destes compostos fenolicos, associando a determinacao eletroquimica a analise multivariada. Para isso, quatro tipos de eletrodos foram testados usando voltametria de pulso diferencial, cujos parametros foram otimizados pela exe-cucao de um planejamento fatorial 23 completo. O conjunto de calibracao foi obtido pela execu-cao de um planejamento fatorial tipo Brereton com quatro componentes em cinco niveis. Foram testados modelos obtidos pelo metodo dos quadrados minimos parciais (PLS) e o metodo da regressao linear multipla associada a selecao de varaveis pelo algoritmo genetico (GA-MLR) ou pelo algoritmo das projecoes sucessivas (SPA-MLR). Verificou-se que o eletrodo de pasta de nanotubos de carbono apresentou resposta eletroquimica mais sensivel a HQ, CT e CR e RS nos potenciais 0,20V, 0,30V, 0,65 e 0,75V, respectivamente. Alem disso, os modelos obtidos pelo GA-MLR apresentaram a melhor previsao da concentracao dos analitos em concentracoes micromolares.
  • MARIA IVANDA SILVA GONÇALVES
  • Aplicações de Imagens Digitais e Análise Multivariada para Classificação e Determinação de Parâmetros de Qualidade em Plumas de Algodão
  • Data: 31/08/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Nos últimos anos, plumas de algodão comerciais têm-se desenvolvido com melhor qualidade, apresentando características diferentes, mas com coloração similar. Isto pode ser um problema porque a identificação destas amostras é, em larga escala, realizada por meio de uma inspeção visual, que é um método subjetivo e sujeito a erros. Outra forma disponível para classificação dessas amostras consiste no uso do sistema HVI (High Volume Instruments) na determinação de parâmetros físicos de qualidade. Contudo, tal equipamento apresenta um alto custo, se compara-do a técnica de imagens digitais, além do mais tem-se a necessidade de uma infraestrutura adequada e de um analista treinado para o procedimento de análise. Este trabalho propõe o desenvolvimento de uma nova metodologia analítica baseada na utilização de imagens digitais e análise multivariada para (1) classificação de plumas de algodão naturalmente colorido de acordo com o tipo de cultivar e (2) determinação simultânea de grau de amarelamento (+b), reflectância (Rd) e teor de cera (WAX). A aquisição das imagens digitais das plumas de algodão foi realizada por meio de uma webcam e foram obtidos os histogramas contendo as distribuições nos níveis de cores no padrão RGB (vermelho-verde-azul), escala de cinza e o sistema HSV (matiz-saturação-valor). Na classificação das amostras, modelos baseados na análise discrimi-nante pelos mínimos quadrados parciais (PLS-DA) e análise discriminante linear (LDA) com seleção de variáveis pelo algoritmo das projeções sucessivas (SPA) ou pelo stepwise (SW) foram avaliados. Para a determinação dos parâmetros de +b, Rd e WAX, modelos PLS e regressão linear múltipla (MLR) com seleção de variáveis pelo SPA foram desenvolvidos e comparados. Os melhores resultados de classificação foram obtidos com o modelo LDA/SW, com uma taxa de classificação correta (TCC) de 96% para o conjunto de teste utilizando a combinação HSV. Quanto aos métodos de calibração, resultados de previsão satisfatórios foram obtidos para ambos os modelos (PLS e MLR-SPA), com valores de RMSEP próximos à repetitividade do método de referência. Além disso, nenhum erro sistemático foi observado e não foram encon-tradas diferenças significativas entre os valores previstos e de referência, de acordo com um teste t-pareado ao nível de confiança de 95%. Como vantagens o método é simples, de baixo custo, não utiliza reagente, não destrói a amostra e realiza análise em curtos intervalos de tempo.
  • CLEILSON LUCENA DE MEDEIROS
  • Determinação simultânea de Cd, Pb e Cu em amostras de chá (Camellia Sinensis) por voltametria de onda quadrada e redissolução anódica.
  • Data: 31/08/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho descreve o desenvolvimento de um método de quantificação dos cátions Cd2+, Pb2+ e Cu2+, em chás, realizada de forma simultânea, empregando voltametria de onda qua-drada por redissolução anódica com eletrodo de pasta de nanotubo de carbono modificado por filme de bismuto. O chá é uma das bebidas mais benéficas e consumidas no mundo, sendo pre-parado a partir da infusão de partes da planta Camellia sinensis. Normalmente são encontrados cátions metálicos, como o Cd2+, Pb2+ e Cu2+, que se ingeridos acima do limite máximo repre-sentam riscos à saúde. Para detectar esses metais é necessário fazer uso de técnicas com alta sensibilidade. Os métodos espectrométricos são os que mais amplamente tem sido utilizado, porém apresentam custo elevado, são laboriosos e dispendiosos. As técnicas voltamétrica ca-racterizam-se por serem baratas e possuir sensibilidade igual e até maior que alguns métodos espectrométricos. Os parâmetros da técnica utilizada foram obtidos após otimização com plane-jamento fatorial fracionário. As amostras de chá foram preparadas via digestão com aquecimen-to por radiação micro-ondas em sistema fechado empregando ácido nítrico e peróxido de hidro-gênio diluídos. A validação do método foi realizada com base na amostra certificada de tecido vegetal (forrageira Marandu) e aplicada em amostras de chá verde e preto. As recuperações dos cátions Cd2+, Pb2+ e Cu2+ variaram de 79,3 a 107,6%, na amostra certificada, e de 73,3 a 122,1% nas amostras de chás avaliadas. Os limites de detecção obtidos na análise simultânea de Cd2+, Pb2+ e Cu2+, foram 0,16; 0,20; 0,39 µg L-1, respectivamente. Foi detectado apenas Cu2+ nas amostras de chá, porém o método se mostrou eficiente para quantificação simultânea de todos os metais na matriz avaliada após a adição e recuperação.
  • ABRAAO AUGUSTO DA SILVA FERNANDES
  • Aplicação de processos oxidativos avançados na degradação de propaniol e avaliação de sua toxicidade
  • Data: 28/08/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A presença de resíduos de fármacos vem sendo encontrados em ambientes aquáticos, tais como; lagos e rios, e na maioria dos casos esse tipo de contaminante é encontrado em esgotos. Este tipo de efluentes das indústrias farmacêuticas pode conter uma classe de fármaco antihipertensivos, e um de seus principais representantes é o propranolol (PRO). Em vista disso, o presente trabalho visou aplicar processos oxidativos avançados (POAs) como alternativa na remoção desse fármaco em efluente sintético (ES) e real (ER). Nesse estudo foram empregados, em um reator fotoquímico, sistemas homogêneos do tipo fotólise, UV/H2O2, Fenton, foto-Fenton, bem como TiO2 e ZnO, como semicondutores para a catálise heterogênea. Os parâmetros para otimização desses métodos foram avaliados com o auxílio de planejamentos fatoriais completos. A avaliação dos métodos otimizados foi realizada com base nos valores da taxa de degradação, DQO e índice de germinação. Os melhores resultados de taxa de degradação (98,3 e 88,6%), redução de DQO (47 e 29,4%) e índice de germinação (62,2 e 47,0%) foram alcançados com o método foto-Fenton empregando lâmpada UVC com 60W de potência, concentração de H2O2 4 mmolL-1 e concentração de Fe2+ 0,12 mmolL-1, para o efluente sintético e real.
  • GUILHERME DA SILVA CALEFFI
  • Design, síntese e caracterização estrutural de novos híbridos moleculares entre a 4,7-dicloroquinolina e adutos de morita-bayllis-hillman com potencial atividade antiprotozoária.
  • Data: 28/08/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A limitada eficiência das drogas disponíveis atualmente para o tratamento de doenças causadas por protozoários justifica a grande demanda por novas moléculas com atividade antiprotozoária mais eficientes e acessíveis economicamente. Desta forma, este trabalho descreve o design, síntese e caracterização estrutural de novas moléculas com potencial atividade antiprotozoária com base na estratégia de hibridização molecular entre grupos farmacofóricos presentes em moléculas ativas contra malária e leishmaniose. Os novos híbridos moleculares (4a-c) foram sintetizados através de uma rota sintética de três etapas e rendimento global entre 56 e 58%. A primeira etapa consiste na síntese do 2-((7-cloroquinolin-4-il)oxi)etanol (2) (98%) seguida de uma etapa de esterificação para obtenção de acrilato do 2-((7-cloroquinolin-4-il)oxi)etila (3) (78%). A última etapa consiste em uma reação de Morita-Baylis-Hillman entre 3 e diferentes aldeídos nitrados resultando nos híbridos 2(Hidroxi(nitrofenil)metil)acrilatos de 2-((7-cloroquinolin-4-il)oxi)etila (4a-c) em bons rendimentos (73-76%). A caracterização estrutural dos compostos está baseada em vários experimentos de RMN: RMN 1H, RMN 13C, COSY, DEPTQ, APT, HSQCDEPT e HMBC. Os compostos também foram caracterizados por difração de raiosX. Além de informações conformacionais, os dados obtidos no estado sólido permitiram a identificação de uma série de interações intermoleculares no empacotamento cristalino dos compostos como ligações de hidrogênio, halogênio e interações do tipo - com possíveis implicações na atividade biológica dos mesmos.
  • HELTON JADER SOUZA OLIVEIRA
  • Desenvolvimento de um espectrofotômetro para medidas de absorção/emissão na região do visível utilizando mini lâmpada incandescente, mídia de DVD e smartphone
  • Data: 27/08/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Um espectrofotômetro para medidas de absorção/emissão, simples, parcialmente portátil e modo duplo parcial para experimentos quantitativos foi construído usando materiais baratos e disponí-veis é proposto neste trabalho. O instrumento, aqui chamado de SpectroPhone é composto por módulos confeccionados em MDF, uma mídia de DVD como rede de difração, duas mini lâmpadas incandescentes branca como fonte de radiação e um Smartphone para adquirir imagens e reali-zar tratamento de dados, como detector. Os pixels de uma região produzida em uma imagem digital fornecem informações qualitativas e quantitativas após a aplicações do HSV e conceitos do modelo de cor RGB, respectivamente. Um simples algoritmo baseado em HSV foi desenvolvido para a conversão dos valores do matiz (H) em seu λ correspondentes. Seu desempenho analítico foi avaliado por meio de análises quantitativas baseados em curvas analíticas, cujos modelos foram validados por meio da análise de variância (ANOVA). O SpectroPhone foi aplicado na determinação de Fe2+ no modo de absorção em amostras farmacêuticas, e Na+, no modo de emissão em soro fisiológico e em água naturais. Para fins de comparação, um espectrofotômetro comercial para o modo de absorção e um fotômetro em chama comercial para o modo de emis-são foram empregados para construir as curvas analíticas do instrumento de referência. Aplicando o teste t pareado ao nível de 95% de confiança para os resultados de concentrações obtidas com os instrumentos, observa-se que não houve diferença estatisticamente significativa apresentando alta precisão e exatidão. O SpectroPhone pode ser considerado uma boa alternati-va instrumental para medições espectrométricas, não apenas limitada para fins didáticos e acadêmicos.
  • MARIA MONICA LACERDA MARTINS LUCIO
  • DETERMINAÇÃO VOLTAMÉTRICA DE TRICLOCARBAN E CARBENDAZIM EM PRODUTOS DE HIGIENE PESSOAL E ÁGUA POTÁVEL
  • Data: 26/08/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Triclocarban (TCC) é um bactericida e fungicida amplamente utilizado em produtos de higiene pessoal, enquanto que o carbendazim (MBC) é um fungicida muito utilizado em culturas de cereais e numa grande variedade de frutas e vegetais, e ambos são considerados contaminantes ambientais. Nesse trabalho, propõe-se o estudo da oxidação e determinação do TCC utilizando eletrodo de carbono vítreo (ECV) e o uso de um eletrodo de pasta de carbono modificado com nanotubos de carbono de múltiplas paredes funcionalizado (EPC-NTCPMF) para determinação de MBC. A detecção eletroquímica de TCC e MBC foi estudada utilizando diferentes técnicas voltamétricas sobre uma ampla faixa de pH e a determinação foi realizada em amostras de sabonetes para TCC e em água potável em baixas concentrações para os dois contaminantes. Para TCC, foram observados seis processos de oxidação, entretanto, o processo correspondente ao pico P1 apresentou maior sensibilidade e seletividade em tampão acetato pH 5,4, portanto, foi utilizado para o desenvolvimento das metodologias voltamétricas, VOQ direta e VOQ com redissolução adsortiva. Para a VOQ com redissolução adsortiva, a faixa de resposta linear foi de 1,8 a 21 × 10-9 mol L-1 com limite de detecção (LD) de 3,2 × 10-10 mol L-1, 1.000 vezes menor do que o LD obtido por VOQ direta. O método de redissolução adsortiva apresentou níveis satisfatórios de repetibilidade, 4,1% e reprodutibilidade, 5,4% e foi aplicado para determinação de TCC em amostras de sabonetes, obtendo uma recuperação média de 95,3% e água potável com uma média de recuperação aparente de 95,4%. O MBC apresentou um pico de oxidação principal, quase reversível e a maior sensibilidade foi alcançada em H2SO4, pH 1,0, sobre o EPC-NTCPMF, utilizando VOQ. A faixa de resposta linear está entre 3 e 150 × 10-10 mol L-1 com LD de 1,1 × 10-11 mol L-1. O método desenvolvido apresentou níveis satisfatórios de repetibilidade, 4,6% e reprodutibilidade, 6,2% e foi aplicado para determinação de MBC em amostras de água potável, obtendo-se valor médio de recuperação aparente de 95,6%. Os resultados obtidos no desenvolvimento dos métodos para determinação de TCC e MBC demonstraram excelente aplicabilidade para as amostras estudadas, além de apresentarem vantagens como instrumentação de baixo custo, rápida resposta analítica, elevada sensibilidade e seletividade.
  • FRANKLIN PESSOA AGUIAR
  • MATERIAIS HÍBRIDOS CONTENDO COMPLEXOS DE ÍONS LANTANÍDEOS LIGADOS COVALENTEMENTE À SUPERFÍCIE DA SÍLICA GEL E LUMINESCÊNCIA SENSIBILIZADA POR LIGANTES β-DICETONATOS
  • Data: 14/08/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O presente trabalho reporta a preparacao de novos materiais hibridos organicoinorganicos a base de silica gel funcionalizada com os agentes sililantes (3aminopropil)trimetoxisilano (APTS), [3-(2-aminoetilamino)-propil]-trimetoxisilano (DAPTS) e 3-[2-(2-aminoetilamino)etilamino]propiltrimetoxisilano (TAPTS), contendo complexos etilenodiaminotetraacetato (EDTA) de ions lantanideos trivalentes (Ln3+: Eu3+, Tb3+ e Gd3+) com luminescencia sensibilizada pelos ligantes dicetonatos tenoiltrifluoroacetonato (tta), dibenzoilmetanato (dbm), benzoilacetonato (bzac) e acetilacetonato (acac). Todos os materiais foram preparados pela rota heterogenea, em etapas consecutivas que envolveram: i) a funcionalizacao da silica gel com os diferentes agentes sililantes, resultando nos materiais SilXN; ii) a modificacao das matrizes funcionalizadas com o dianidrido de EDTA formando os hibridos SilXN-EDTA; iii) a adsorcao de ions lantanideos, rendendo os sistemas SilXNEDTALn e iv) a coordenacao de ligantes dicetonatos aos ions lantanideos. Os novos materiais nomeados como SilXN-EDTALn-dic, em que X representa o numero de atomos de nitrogenio na cadeia do agente sililante e dic refere-se a um ligante dicetonato, foram caracterizados por analises elementar, titulacao complexometrica com EDTA, espectroscopia na regiao do infravermelho (FT-IR), analises termogravimetricas e reflectancia difusa na regiao UV-VIS. Os resultados evidenciaram que os processos de funcionalizacao e modificacao das matrizes de silica gel foram altamente dependente da natureza do agente sililante, sendo menos eficiente para os sistemas com TAPTS. A presenca dos ligantes na matriz foi caracterizada pelas medidas de reflectancia considerando que as propriedades luminescentes dos materiais hibridos de ions lantanideos contendo os ligantes dicetonatos foram investigadas a partir dos dados espectrais de emissao, excitacao e curvas de decaimento e, comparadas com aquelas dos materiais precursores em que moleculas de agua atuam como ligantes SilXN-EDTALn-H2O. Todos os sistemas SilXN-EDTAEu-dic e SilXN-EDTATb-dic exibiram luminescencia vermelha e verde quando excitados com radiacao UV, respectivamente. De um modo geral, os processos de transferencias de energia intramoleculares demonstraram ser mais eficientes para os materiais SilXN-EDTAEu-dic (em que dic = tta e dbm) e SilXN-EDTATb-acac. As analises quantitativas da luminescencia dos materiais contendo o ion Eu3+ foram realizadas com base nos dados de eficiencia quantica de emissao (), parametros de intensidade experimentais 2 e 4, coeficientes de emissao espontaneas de Einstein (A0J) e diagrama de cor CIE. Os resultados indicaram que esses parametros sao sensiveis ao tipo de agente sililante e ligantes dicetonato coordenado ao centro metalico, sendo os sistemas com tta e dbm aqueles que apresentaram os maiores valores de  e cores mais puras, indicando que estes sao promissores para aplicacoes como fosforos.
  • ANA RITA FERREIRA ALVES TEIXEIRA
  • Participação de espécies reativas na fotodegradação do corante remazol amarelo ouro empregando SrSnO3 ou TiO2 como catalisador
  • Data: 12/08/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A fotocatálise heterogênea se destaca como uma forma eficiente de remediação ambiental, podendo ser utilizada para a degradação de efluentes contendo corantes têxteis, como o remazol amarelo ouro (RNL). Diversos semicondutores são empregados como fotocatalisadores, sendo o mais reportado o TiO2 comercial P25 Evonik, que consiste de uma mistura das fases anatase e rutilo. Outros materiais alternativos têm sido propostos, e o SrSnO3 também pode ser utilizado nesta aplicação. Neste trabalho, foi sintetizado o estanato de estrôncio, pelo método Pechini modificado, e sua atividade fotocatalítica na degradação do corante RNL foi comparada à do catalisador comercial P25. O principal objetivo do trabalho foi determinar a participação de cada espécie reativa da fotocatálise para o corante RNL. Para isto, foram realizadas reações de fotocatálise com os dois catalisadores em presença de marcadores para radicais hidroxila, buracos e elétrons (álcool isopropílico, ácido fórmico e nitrato de prata, respectivamente). Os fotocatalisadores foram caracterizados por difração de raios-X, espectroscopia vibracional na região do infravermelho (IV), espectroscopia Raman, espectroscopia eletrônica de absorção na região UV-Vis, análise de área superficial por adsorção de N2, e potencial de carga zero (PCZ). O SrSnO3 sintetizado apresentou carbonato de estrôncio como fase secundária, o que possivelmente provocou desordem a curto alcance no material. As reações de fotocatálise foram acompanhadas por análises de espectroscopiaUV-Vis das soluções do corante antes e após a irradiação UVC em presença dos catalisadores. O uso dos marcadores indicou que, tanto para o SrSnO3 quanto para o TiO2, os radicais hidroxila têm papel majoritário na degradação do RNL, buracos têm importância considerável na formação desses radicais e que elétrons tem pouca participação. Por outro lado, os resultados confirmam que a recombinação é um fator limitante para a ação de ambos os catalisadores.
  • JOSE ALBERTO MAIA NETO
  • DÍMEROS CÍCLICOS DE DERIVADOS DO ÁCIDO METANÓICO: UM ESTUDO COMPUTACIONAL DE PROPRIEDADES MOLECULARES, TOPOLÓGICAS E DO EFEITO COOPERATIVO
  • Data: 11/08/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O principal objetivo do presente trabalho é elucidar o efeito cooperativo ocasionado pela forma-ção de dímeros de ácidos carboxílicos, R-COOH, com R= -H, -CH3 e –OH, pela formação de duas ligações de hidrogênio intermoleculares. Em complemento ao estudo do efeito cooperativo, mudanças nas propriedades estruturais, eletrônicas, vibracionais e topológicas das espécies envolvidas devido à interação intermolecular foram avaliadas. Os métodos quântico-computacio-nais empregados foram MP2 e DFT/B3LYP, ambos com o conjunto de base 6-311++G(d,p). Os métodos QTAIM e NBO foram empregados para avaliar a topologia da densidade eletrônica e os orbitais de maior contribuição para a interação intermolecular, respectivamente. Os resultados não mostraram diferenças significativas entre os dois métodos correlacionados empregados, nos levando a sugerir o emprego do método DFT/B3LYP para estudos de sistemas semelhantes aos investigados aqui, devido a menor demanda computacional desses. Os valores de incremento no comprimento de ligação do grupo doador de próton são mais acentuados nos dímeros com R= -CH3, em ambos os níveis de cálculo. Os valores de comprimento de ligação intermolecular nos dímeros com R= -OH são os menores observados, em ambos os métodos MP2 e DFT/B3LYP. Os dímeros dos ácidos carboxílicos com R= CH3 foram os mais estabilizados pela formação das ligações de hidrogênio. Com respeito ao efeito redshift para o modo de estiramento harmônico dos grupos doadores de próton nos ácidos carboxílicos, estes foram bem acentuados, podendo ser observados em todos os dímeros. Foram ainda destacados os novos modos vibracionais, dando ênfase ao modo de estiramento da ligação intermolecular. Dos estudos empregando a QTAIM foi possível obter os valores da densidade eletrônica e do Laplaciano da densidade eletrônica e avaliar os valores desses parâmetros nos pontos críticos de ligação em O-H e na ligação de hidrogênio intermolecular, comprovando dessa forma a formação dos dímeros de hidrogênio. Com os estudos empregando o método NBO foram avaliadas as variações de ocupação do orbital do par de elétrons não compartilhado do oxigênio (doador de próton) e a energia de interação dos orbitais envolvidos na ligação de hidrogênio intermolecular.
  • AMAURI FRANCISCO DA SILVA
  • Cálculo de Potenciais de Redução em Meio Aprótico (DMF) de Adutos da Reação de Morita-Baylis-Hillman com Potencialidades Biológicas Anti-Leishmania
  • Data: 10/08/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Compostos nitroaromáticos derivados da reação de Morita-Baylis-Hillman (RMBH) vêm sendo testados no tratamento de doenças extremamente negligenciadas, tais como malária, doença de Chagas e leishmanioses. Uma importante observação experimental consiste na relação entre a atividade biológica (medida pelo IC50) e o potencial de redução (estimado pelos potencias de pico anódico e catódico determinados por técnicas eletroanalíticas) destes compostos, este último diretamente ligado à redução do grupo nitro (-NO2). Por esta razão, métodos eletroquímicos têm sido utilizados com o intuito de simular a biorredução enzimática destes compostos, como reportado por Vasconcellos e colaboradores (J. Braz. Chem. Soc. 23:894, 2012). O objetivo deste trabalho foi o de desenvolver um protocolo computacional para a predição de potenciais de redução em meio aprótico para auxiliar a modelagem molecular de novos compostos com a atividade farmacológica desejada. O protocolo direto desenvolvido (para solventes apróticos) consiste na realização de cálculos DFT com os funcionais B98, PBE1PBE ou M06-2X, com o conjunto de funções de base 6-31+G(d,p) e método de solvatação C-PCM (com o método de cavitação padrão UFF/VdW). Os resultados mostram que é possível prever a variação experimental do potencial de redução com pelo menos 70 % de confiança (em uma faixa de valores experimentais de apenas 140 mV) e erros médios absolutos inferiores a 45 mV (muito inferior à incerteza experimental do potencial de redução absoluto do eletrodo de hidrogênio, que é de cerca de 400 mV) e desvio-padrão de cerca de 35 mV (inferior a 1,0 kcal/mol). A aplicação do protocolo direto a uma série de 65 moléculas não-correlacionadas, cujos potenciais de redução variam em uma faixa de mais de 6 V, forneceu um modelo com mais de 99 % de poder preditivo. A partir da aplicação do protocolo a uma série de 40 moléculas, para as quais ainda não estão disponíveis resultados experimentais, foi possível prever que algumas destas estruturas podem possuir potenciais mais favoráveis ao processo de biorredução que os estudados na etapa de calibração, o que as tornam candidatos à novos fármacos.
  • JOAO PAULO GOMES DE OLIVEIRA
  • SÍNTESE DE NOVOS DERIVADOS TETRAIDROPIRANÍLICOS HOMÓLOGOS, COM POTENCIAL ATIVIDADE ANALGÉSICA E ANTI-INFLAMATÓRIA
  • Data: 10/08/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho descrevemos a sintese de uma serie homologa de dezoito derivados tetraidro-piranicos substituidos, com potenciais atividades analgesicas e anti-inflamatorias (dezesseis sao ineditos). Esta serie de compostos foi planejada a partir de um prototipo sintetizado anterior-mente pelo nosso grupo de pesquisa, de comprovada atividade antinociceptiva (analgesica e anti-inflamatoria em modelos animais), usando estrategias de transformacoes moleculares virtuais, usuais na Quimica Medicinal. Esta nova serie sintetizada nesta dissertacao tem como objetivo a avaliacao da importancia da lipofilicidade (logP) na atividade antinociceptiva destes possiveis candidatos a farmacos. Para sintese dos novos derivados tetraidropiranicos, foram usados diferentes tipos de reacoes, tais como, a reacao de Barbier (em meio aquoso) e a reacao de ciclizacao de Prins. Os produtos de formacao estereosseletiva dos aneis tetraidropiranicos substituidos oriundos da reacao de ciclizacao de Prins foram obtidos em moderados a otimos rendimentos (51%-95%). Apresentamos tambem estudos espectroscopicos para os identificar, usando as tecnicas de espectroscopia de infravermelho e ressonancia magnetica nuclear de carbono e hidrogenio.
  • IRAN FERREIRA DA SILVA
  • Complexos de isotiocianatos de lantanídeos com quelantes aromáticos: supressão da luminescência mediada pela transferência de energia tripleto-estado de transferência de carga
  • Data: 07/08/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A eficiência na fotoluminescência em compostos de íons lantanídeos é o resultado de um balanço complexo entre absorção de fótons, transferência de energia e mecanismos supresso-res, dentre os quais se destacam o decaimento multifônon e a supressão mediada por estados de transferência de carga ligante-metal (TCLM) de baixa energia, que pode ser gerado por ligantes que apresentam baixo potencial de oxidação, a exemplo do NCS–. Há menos de uma década, este processo era descrito essencialmente em termos da transferência de energia entre estados 4f e os estados TCLM, não sendo considerada a participação dos estados intraligantes. Neste trabalho, investigamos as propriedades fotoluminescentes de novos compostos de coordenação de isotiocianatos de lantanídeos com os ligantes N-acetil2-aminopiridina, N-benzoil-2-aminopiridina e N-benzoil-2-aminopirimidina. Sintetizamos, também, os complexos já conhecidos, de fórmulas gerais [Ln(NCS)3(phen)3]· (H2O) e [Ln(NO3)3(phen)2] com phen= 1,10-fenantrolina. Os complexos foram caracterizados por análise elementar de CHN, espectroscopia vibracional na região do infravermelho, análise termogravimétrica e titulação complexométrica e suas propriedades espectroscópicas foram investigadas por espectroscopias molecular de reflectância difusa e de excitação e emissão bem como os tempos de decaimento dos estados emissores. Os resultados obtidos a partir das análises de espectroscopia de emissão e excitação da fotoluminescência, assim como as medidas de tempos de vida dos estados emissores dos complexos investigados proporcionaram o que acreditamos ser a demonstração experimental mais expressiva, até então, do processo de supressão da luminescência mediada pelo processo de transferência de energia tripleto-TCLM em complexos do íon Eu(III).
  • ALEXSANDRO FERNANDES DOS SANTOS
  • Síntese, caracterização e bioavaliação antimicrobiana de novos derivados do sistema 1,3,4-oxadiazol.
  • Data: 30/07/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Duas series do heterociclico 1,3,4-oxadiazol foram sintetizadas, a 2-aril-5-metil-1,3,4-oxadiazol (1a, h) e a 2-aril-5-trifluormetil-1,3,4oxadiazol (2a, e), obtendo cinco moleculas ineditas (1a, 1e, 2a, 2c e 2e). Todas as moleculas obtidas foram caracterizados pelas tecnicas espectroscopicas de 1D de RMN 1H e 13C, IV e realizado o estudo inedito de espectroscopia de Massas. Para a caracterizacao do composto 2-(2acetoxifenil)-5-metil-1,3,4-oxadiazol se fez necessario a utiliza-cao das tecnicas bidimensionais de RMN COSY, HMQC e HMBC, bem como seu arranjo estrutural foi analisado pela tecnica cristalografica de Raios-X. Os oxadiazois obtidos foram avaliadas frente a oito cepas de Staphylococcus aureus e Escherichia coli e oito cepas, incluindo, Aspegilles fumigatus ATCC 16913, Aspegilles flavus, Candida albicans, Candida albicans e Candida tropicalis. Os ensaios para avaliacoes da atividade biologica dos produtos foram realizados pela tecnica de microdiluicao em meio liquido, onde foi determinada a concentracao Inibitoria Minima (CIM). Os resultados mostraram que os compostos (1b), (1c), (1e), (1g), (2a) e (2c), produziram inibicao sobre o crescimento de especies de bacterias e de fungos, onde a CIM ficou estabelecida entre 512 a 1224 mg/ml. Enquanto que os compostos 1d, 1e, 1f, 1h, 2a e 2b se apresentaram inativos. Ja os compostos 1d, 1e, 1f, 1h, 2a e 2b relataram um amplo espectro.
  • EDILENE DANTAS TELES MOREIRA
  • DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE METODOLOGIAS SPE/HPLC PARA A DETERMINAÇÃO DE ESTRÓGENOS E FITOESTRÓGENOS EM ÁGUAS SUPERFICIAIS
  • Data: 01/07/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho foram desenvolvidas e validadas duas metodologias analíticas, utilizando extração em fase sólida e cromatografia líquida de alta eficiência (do inglês: High Performance Liquid Chromatography – HPLC), para identificação e quantificação de interferentes endócrinos em águas superficiais. Uma metodologia foi utilizada para analisar quatro estrógenos: 17 β-estradiol, 17 α-etinilestradiol, estrona e estriol, e a outra metodologia usada para analisar seis fitoestrógenos: biochanin A, genistina, genisteína, daidizina, daidizeína e formononetina. Na etapa de preparo das amostras foi desenvolvido um método de extração empregando extração em fase sólida (SPE). Os cartuchos utilizados foram eficazes na extração dos analitos, tanto dos estrógenos como dos fitoestrógenos, utilizando 1.000 mL de amostra de rio, sendo atingido um fator de pré-concentração de 2.857 vezes e recuperações acima de 90%. O método para os estrógenos utilizou detector de fluorescência, enquanto o método para os fitoestrógenos utilizou o detector de arranjo de diodos. Na validação dos métodos foram avaliadas as figuras de desempenho analítico para ambos os métodos. A avaliação da seletividade demonstrou que não havia a presença de picos interferentes em ambos os métodos avaliados. As curvas analíticas geradas apresentaram linearidade satisfatória e coeficientes de correlação acima de 0,99, para todos os analitos estudados. A linearidade das curvas foi avaliada com os testes de ANOVA e análise dos gráficos de resíduos os quais demonstraram que os modelos não apresentaram falta de ajuste. Os LD’s e LQ’s estimados para os estrógenos mostraram-se similares aos valores apresentados em outros estudos, enquanto que os LD’s e LQ’s estimados para os fitoestrógenos tiveram valores mais altos. No entanto podem ser considerados satisfatórios para o tipo de matriz avaliada. A precisão dos métodos foi avaliada pela repetitividade e pela precisão intermediária, as quais apresentaram CV < 13 %. A exatidão do método foi avaliada através do teste de recuperação, que esteve na faixa de 72,9 a 113 %. Na avaliação da estabilidade, as soluções padrões de ambos os métodos se mostraram estáveis por um período de até 30 dias sob refrigeração. Os resultados demonstraram que os métodos propostos são confiáveis e que foram validados com sucesso. Depois de validados, os métodos foram aplicados nas análises das amostras de água do Rio Cuiá, situado na cidade de João Pessoa, Paraíba (Brasil), em diferentes pontos de coleta e, em três campanhas amostrais. Em todas as campanhas observou-se a ocorrência dos quatro estrógenos e dos seis fitoestrógenos, em concentrações que variaram de 1,40 a 4.754 ng L-1 para os estrógenos e de 3,58 a 2.210 µg L-1 para os fitoestrógenos.
  • JEFFERSON JOSE SOARES DA SILVA
  • LIGAÇÃO DE HIDROGÊNIO INTERMOLECULAR ENTRE O BENZENO E AS ESPÉCIES DOADORAS DE PRÓTON: HF, HCl, HCN, H2O, NH3, CH4 E C2H6
  • Data: 30/06/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho trata do estudo quântico computacional de propriedades estruturais, eletrônicas, vibracionais e topológicas dos complexos de hidrogênio C6H6•••H-X, com as espécies doadoras de próton, HF, HCl, H2O, HCN, NH3, CH4 e C2H6, interagindo com uma região de alta densidade eletrônica do tipo π presente no benzeno. Os métodos computacionais de estrutura eletrônica empregados foram a Teoria do Funcional da Densidade com os funcionais híbridos B3LYP e PBE1PBE e a Teoria Perturbativa de Muitos Corpos de ordem 2, todos com o conjunto de base de Pople 6-311++G(d,p). Os valores da energia da ligação de hidrogênio sofreram corre-ções do Erro de Superposição do Conjunto de Funções de Base e da Energia Vibracional do Ponto Zero. Os complexos de hidrogênio com HF, HCl, HCN, H2O e NH3 apresentaram incrementos no comprimento da ligação H-X, enquanto o CH4 e o C2H6 chegaram a apresentar encurtamento do comprimento de ligação H-C, devido a formação da ligação intermolecular. Os valores de energia intermolecular corrigida seguem a tendência inversa dos valores obtidos para o incremento do comprimento de ligação H-X. Com exceção do etano, todos os valores redshift são positivos, apresentando valores mais elevados quando a simetria não foi fixada. O emprego da teoria quântica de átomos em moléculas evidencia a mudança na densidade eletrônica de ambas as espécies interagentes, e, além disso os valores da densidade são pequenos e do laplaciano da densidade são positivos. Os métodos empregados seguiram a mesma tendência para as propriedades de interesse, sugerindo o uso de cálculos via teoria do funcional dadensidade, devido a menor demanda computacional, para estudar sistemas desse tipo.
  • ADRIANO DE ARAUJO GOMES
  • ALGORITMO DAS PROJEÇÕES SUCESSIVAS PARA SELEÇÃO DE VARIÁVEIS EM CALIBRAÇÃO DE SEGUNDA ORDEM
  • Data: 29/06/2015
  • Mostrar Resumo
  • Neste trabalho foi desenvolvida uma nova estratégia para seleção de intervalos empregando o algoritmo das projeções sucessivas (SPA) acoplado a modelos N-PLS e U-PLS, ambos com etapa pós-calibração de bilinearização residual (RBL). O novo algoritmo acoplado a modelos N-PLS/RBL, foi avaliado em dois estudos de casos. O primeiro envolvendo dados simulados para quantificação de dois analitos (A e B) na presença de um único interferente. No segundo foi conduzida a quantificação de ofloxacina em água na presença de interferentes (ciprofloxacina e danofloxacina) por meio da modelagem de dados cromatografia liquida com detecção por arranjo de diodos (LC-DAD). Os resultados obtidos foram comparados ao modelo N-PLS/RBL e a seleção de variáveis com o algoritmo genético (GA-N-PLS/RBL). No primeiro estudo de caso (dados simulados) foram observados valores de RMSEP (x 10-3 em unidades arbitrárias) para os analitos A e B da ordem de 6,7 e 47,6; 10,6 e 11,4; 6,0 e 14,0 para o N-PLS/RBL, GA-N-PLS/RBL e o método proposto, respectivamente. No segundo estudo de caso (dados HPLC-DAD) valores de RMSEP (em mg/L) de 0,72 (NPLS/RBL); 0,70 (GA-N-PLS/RBL) e 0,64 (iSPA-N-PLS/RBL) foram obtidos. Quando combinado com o U-PLS/RBL o novo algoritmo foi avaliado na modelagem de EEM em presença efeito de filtro interno. Dados simulados e a quantificação de fenilefrina na presença de paracetamol em amostras de água e interferentes (Ibuprofeno e ácido acetil salicílico) foram usados como estudos de caso. Os resultados obtidos foram comparados ao modelo U-PLS/RBL e ao bem estabelecido método PARAFAC. Para dados simulados foram observado os seguintes valores de RMSEP (em unidades arbitrarias) 1,584; 0,077 e 0,066 para o PARAFAC; U-PLS/RBL e método proposto, respectivamente. Na quantificação de fenilefrina os RMSEP (em μg/L) encontrados foram de 0,164 (PARAFAC); 0,089 (U-PLS/RBL) e 0,069 (iSPA-U-PLS/RBL). Em todos os casos foi demostrado que seleção de variáveis é uma ferramenta útil capaz de melhorar a acurácia quando comparados aos respectivos modelos globais (modelo sem seleção de variáveis) e tornar os modelos mais parcimoniosos. Foi observado ainda para todos os casos, que a perda de sensibilidade promovida pela seleção de variáveis é compensada pelo uso de canais mais seletivos, justificando os menores valores de RMSEP obtidos. E por fim, foi também observado que os modelos baseados em seleção de variáveis como o método proposto foram isentos de bias significativos a 95% de confiança.
  • ADRIANO DE ARAUJO GOMES
  • ALGORITMO DAS PROJEÇÕES SUCESSIVAS PARA SELEÇÃO DE VARIÁVEIS EM CALIBRAÇÃO DE SEGUNDA ORDEM
  • Data: 29/06/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho foi desenvolvida uma nova estratégia para seleção de intervalos empregando o algoritmo das projeções sucessivas (SPA) acoplado a modelos N-PLS e U-PLS, ambos com etapa pós-calibração de bilinearização residual (RBL). O novo algoritmo acoplado a modelos N-PLS/RBL, foi avaliado em dois estudos de casos. O primeiro envolvendo dados simulados para quantificação de dois analitos (A e B) na presença de um único interferente. No segundo foi conduzida a quantificação de ofloxacina em água na presença de interferentes (ciprofloxacina e danofloxacina) por meio da modelagem de dados cromatografia liquida com detecção por arranjo de diodos (LC-DAD). Os resultados obtidos foram comparados ao modelo N-PLS/RBL e a seleção de variáveis com o algoritmo genético (GA-N-PLS/RBL). No primeiro estudo de caso (dados simulados) foram observados valores de RMSEP (x 10-3 em unidades arbitrárias) para os analitos A e B da ordem de 6,7 e 47,6; 10,6 e 11,4; 6,0 e 14,0 para o N-PLS/RBL, GA-N-PLS/RBL e o método proposto, respectivamente. No segundo estudo de caso (dados HPLC-DAD) valores de RMSEP (em mg/L) de 0,72 (NPLS/RBL); 0,70 (GA-N-PLS/RBL) e 0,64 (iSPA-N-PLS/RBL) foram obtidos. Quando combinado com o U-PLS/RBL o novo algoritmo foi avaliado na modelagem de EEM em presença efeito de filtro interno. Dados simulados e a quantificação de fenilefrina na presença de paracetamol em amostras de água e interferentes (Ibuprofeno e ácido acetil salicílico) foram usados como estudos de caso. Os resultados obtidos foram comparados ao modelo U-PLS/RBL e ao bem estabelecido método PARAFAC. Para dados simulados foram observado os seguintes valores de RMSEP (em unidades arbitrarias) 1,584; 0,077 e 0,066 para o PARAFAC; U-PLS/RBL e método proposto, respectivamente. Na quantificação de fenilefrina os RMSEP (em μg/L) encontrados foram de 0,164 (PARAFAC); 0,089 (U-PLS/RBL) e 0,069 (iSPA-U-PLS/RBL). Em todos os casos foi demostrado que seleção de variáveis é uma ferramenta útil capaz de melhorar a acurácia quando comparados aos respectivos modelos globais (modelo sem seleção de variáveis) e tornar os modelos mais parcimoniosos. Foi observado ainda para todos os casos, que a perda de sensibilidade promovida pela seleção de variáveis é compensada pelo uso de canais mais seletivos, justificando os menores valores de RMSEP obtidos. E por fim, foi também observado que os modelos baseados em seleção de variáveis como o método proposto foram isentos de bias significativos a 95% de confiança.
  • EDVALDO ALVES DA SILVA JUNIOR
  • PREPARAÇÃO DE ARIL DERIVADOS HEMISSINTÉTICOS DO ÁCIDO LABD-8(17)-EN15-ÓICO EMPREGANDO A REAÇÃO DE HECK-MATSUDA
  • Data: 29/06/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • As reações catalisadas por Pd são uma das mais versáteis ferramentas da síntese orgânica moderna. Dentre suas variantes, a arilação de Heck-Matsuda tem se destacado como uma alternativa operacionalmente simples e eficiente na síntese total de produtos naturais e análogos de interesse biológico, mas escassamente disponível na natureza. Neste trabalho descrevemos a reação de arilação de Heck-Matsuda empregando o sistema olefínico do ácido labd-8(17)-en-15-óico 16 isolado do arbusto M. nutans. A semissíntese de derivados de produtos naturais tem sido empregada como uma estratégia ágil de acessar rapidamente moléculas estruturalmente relacionadas a produtos naturais através de uma rota curta. Dentro deste contexto, nosso trabalho tem visado uma “biblioteca” de aril derivados de diterpenos labdanos do tipo 63. Para isto os sais de arenodiazônio 62a-o foram postos a reagir com a olefina 16 ou seu respectivo éster 68 na presença de 5 mol% de Pd(OAc)2 e NaOAc em MeOH, chegando a esse protocolo por meio de ensaios, que avaliou tanto a variação de temperatura, concentração da olefina, equivalentes e tipos de catalizador, tipo de solvente e bases. Os adutos de Heck do tipo 63a-c e 69a-d foram isolados via coluna cromatográfica e caracterizados por meio de análises de RMN tanto de H1 como de C13. Um aspecto interessante deste estudo é que a arilação parece ser indiferente a natureza eletrônica (grupos doadores ou grupos retiradores de elétrons) do para-substituinte nos sais de arenodiazônio, no entanto, extremamente sensível a presença de orto-substituinte como no sal, a ponto de não transcorrer. Por fim, com este conjunto de resultados em mãos e com a ampliação da “biblioteca” de aril derivados de diterpenos do tipo labdanos em curso poderemos investigar um conjunto de atividades biológicas de interesse para estas substâncias.
  • EVANDRO PAULO SOARES MARTINS
  • Síntese, Modelagem Molecular e Atividade Antimicrobiana de Complexos de Sb(III) e Bi(III) com Derivados da 1,3,5-Triazina e Mesoiônicos do Núcleo 1,3-Tiazólio-Tiolato
  • Data: 09/06/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Nesse trabalho as propriedades dos complexos Sb(III) e Bi(III) com ligantes mesoiônicos do núcleo 1,3-tiazólio-5-tiolato e derivados da 1,3,5-triazina foram investigadas a partir de perspectivas teóricas e experimentais. O estudo foi dividido em três partes. Na primeira etapa foi avaliado a qualidade dos métodos semiempíricos na predição das geometrias de 54 complexos de Sb(III) e 75 de Bi(III) com ligantes macrocíclicos, heterocíclicos, aminocarboxilatos, tiocompostos e organometálicos. Os resultados indicam que o AM1 e PM3 predizem corretamente as geometrias dos complexos de Sb. O PM6 é mais exato para os tiocompostos de Sb e Bi. No entanto, falha na predição das estruturas dos complexos com ligações Sb−N. De modo geral, o PM6 é mais exato para os complexos de Bi. Na segunda parte, foi realizado um estudo teóricoexperimental de complexos de Sb(III) e Bi(III) com os ligantes mesoiônicos da classe 1,3-tiazólio-5-tiolato. Para isso, foram sintetizados cinco novos complexos de fórmula [Sb4Cl12(M1)3], [SbCl3(M2)]·H2O, [Bi4Cl12(M1)3], [Bi4Br12(M1)3], [Bi4Br12(M2)3] e caracterizados por análise elementar, espectroscopia de absorção no infravermelho, RMN 13 C e medidas de condutância. A atividade antimicrobiana in vitro dos complexos e ligantes mesoiônicos foi avaliada contra as espécies de bactérias Estafilococos aureus e fungos Candida albicans, C. tropicalis, C. krusei. Os complexos de Sb e mesoiônicos foram ativos contra todas as cepas estudadas, com CIM da faixa de 256-1024 µg/mL. Por outro lado, os compostos de Bi não foram ativos. O estudo teórico das geometrias do estado fundamental, estruturas eletrônicas, estabilidades termodinâmicas e ligações químicas dos complexos [MX3(L)] (X = F, Cl, Br, L= M1, M2, M3) em fase gasosa foi realizado. As curvas de energia potencial (CEP) dos complexos foram calculadas a nível MP2, DFT/B3LYP e M06-2X com o conjunto de base 6-31G para os elementos mais leves e 6-31G(d) para o Sb e Bi com pseudopotenciais relativísticos. As CEP calculadas a nível MP2 e M06-2X indicam que as estruturas de menor energia dos complexos são estabilizadas por múltiplas interações intramoleculares. O estudo estrutural e a análise das cargas NBO nos complexos indica que a coordenação resulta na quebra do caráter mesoiônico, permitindo uma maior deslocalização de cargas no anel. A análise dos orbitais moleculares de fronteira dos complexos calculados a nível M06-2X/cc-PVTZ, mostra uma grande contribuição dos orbitais atômicos do átomo de enxofre exocíclico e dos metais, para o HOMO. No entanto, os metais não contribuem para o LUMO, indicando a possibilidade de transições por transferência de carga metal-ligante. O estudo QTAIM dos complexos, define as ligações metal-enxofre como de camada fechada, com um pequeno grau de compartilhamento de elétrons. Além disto, o estudo QTAIM também caracterizou as interações intramoleculares como: ligações de hidrogênio, ligações de halogênio e interações do tipo metal-π. Na etapa final deste trabalho, foram sintetizados os complexos [SbCl3(TMT)], [Sb3Cl9(TMT)2], [Bi3Cl9(TMT)2], [Sb2Cl6(PIPT)]·4H2O, [Bi2Cl6(PIPT)]·2H2O e caracterizados por análises elementar, espectroscopia de infravermelho, RMN 13C e análise termogravimétrica. A atividade biológica dos ligantes triazínicos e complexos foi avaliada contra as bactérias do gênero Estafilococos e fungos C. albicans, C. tropicalis e C. krusei. Os complexos de Sb foram ativos contra todas as espécies e bactérias e fungos com CIM na faixa de 512-1024 µg/mL. Os ligantes triazínicos e complexos de Bi não apresentaram atividade antimicrobiana.
  • ELIZEU CORDEIRO CAIANA
  • Determinação Simultânea de Lipídios Neutros e Polares em Zooplâncton por Espectroscopia de Fluorescência Sincrônica e Calibração Multivariada
  • Data: 05/05/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A sustentação da vida nos mais diversos ecossistemas é possibilitada por um grupo de organismos, denominados produtores primários. Por serem em sua maioria fotoautotróficos, esses indivíduos fixam os nutrientes do meio (em maior parte carbono) através do processo de fotossíntese. Nos ecossistemas aquáticos o fitoplâncton (microalgas) é responsável pela maior parcela da produção primária. Como elo entre os indivíduos do primeiro nível trófico e os indivíduos dos níveis tróficos superiores estão os organismos pertencentes ao zooplâncton. Dessa forma, o estudo da composição bioquímica da comunidade zooplanctônica pode ser usado como um indicador da condição nutricional nos ecossistemas aquáticos. Diante disso, este trabalho teve como objetivo a construção de modelos de calibração multivariada PLS para a determinação espectrofluorimétrica simultânea das classes de lipídios neutros e polares. A fim de simplificar o procedimento envolvido na construção dos modelos, foram utilizados padrões comerciais para a realização das misturas de calibração. Estas soluções foram previamente definidas mediante a realização de um planejamento de misturas Brereton de três níveis e dois fatores. Em uma etapa preliminar, os modelos construídos foram usados para prever as concentrações dos dois lipídios comerciais, trioleína (TO) e fosfatidilcolina (PC), em um conjunto de padrões externo. Ao avaliar os parâmetros de desempenho relacionados a esta etapa, observou-se que os modelos estavam em condições aceitáveis para aplicação em amostras reais. Entretanto, ao avaliar os espectros de fluorescência sincrônica das amostras analisadas (macro e mesozooplâncton), foi observado que máx da banda correspondente aos lipídios neutros varia entre as amostras, de modo que o método proposto não pode ser aplicado em sistema real.
  • CLARISSA GOMES DE CARVALHO MAIA
  • Otimização da síntese da meso-tetraquis(2-piridil)porfirina e estudos de Mn e Fe-porfirinas como modelos biomiméticos da enzima catalase
  • Data: 04/05/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os complexos de Mn(III) derivados das N-piridilporfirinas, tais como MnTE-2PyP5+ e MnTnHex-2-PyP5+ têm sido utilizados como modelos biomiméticos de diversas metaloproteínas que desem-penham papéis biológicos importantes e se destacam como moduladores redox de estresse oxidativo. A síntese destes modelos requer a derivatização da porfirina anfifílica H2T-2-PyP, cujo procedimento de obtenção, a partir de pirrol e 2-piridinacarboxaldeído, permanece pouco estu-dado e não otimizado. Baixos rendimentos (~1-5%) e baixa reprodutibilidade são comumente reportados. Neste trabalho conduziu-se um estudo sistemático visando a otimização das etapas de síntese e purificação da H2T-2-PyP usando técnicas quimiométricas, como planejamentos fatoriais e superfície de resposta. Foi investigado um total de 10 fatores em 3 ou 4 níveis, e desenvolvida, concomitantemente, um procedimento espectrofotométrico para quantificação rápida dos rendimentos dos ensaios. O rendimento da H2T-2-PyP passou de 1 a 5 % (condições clássicas, não-otimizadas) para 25% da porfirina isolada. Adicionalmente, realizou-se um estudo sistemático da atividade catalase de uma série de compostos comumente utilizados como mími-cos de SOD e/ou moduladores redox, incluindo complexos de Mn(III) e Fe(III) derivados da H2T-2-PyP. Os níveis de oxigênio produzido durante a dismutação do H2O2 foi medido através de um eletrodo de Clark e a atividade de dismutação, expressa por kcat(H2O2) foi comparada com o valor da enzima catalase (kcat(H2O2) = 1,5 x 106 mol-1 L-1 s-1). Para as treze MnPs derivadas das N-piridilporfirinas, o valores de kcat(H2O2) foram entre 23-88 mol-1 L-1 s-1. As FePs deri-vadas das N-piridilporfirinas são uma ordem de magnitude melhores do que as MnPs. Mn(II) poliaminas cíclicas são potentes mímicos de SOD, porém essencialmente não têm atividade catalase. A porfirina aniônica MnTBAP3- apresentou uma baixa atividade catalase, com kcat(H2O2) = 5,8 mol-1 L-1 s-1. Nenhum dos compostos foi capaz de se mostrar como mímico de catalase com qualquer relevância prática. Apesar da classe das Mn e Fe porfirinas conter os exemplos mais relevantes de mímicos SOD e moduladores redox de estresse oxidativo mais eficientes in vivo, determinou-se que a capacidade de dismutação de H2O2 destes complexos de Mn e Fe foram, no máximo 0,006 e 0,06% da atividade da enzima catalase, respectivamente.
  • ADAMASTOR RODRIGUES TORRES
  • Cartas de Controle Multivariadas Aplicadas na Revisão Periódica de Produtos e no Estudo de Estabilidade em uma Indústria Farmacêutica Nacional
  • Data: 06/04/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O controle estatístico de processos vem ganhando importância na indústria farmacêutica, uma vez que pode atuar na garantia da qualidade do produto e no monitoramento da eficiência da produção. Agências regulatórias no mundo já incluem o controle estatístico de processos multivariado em suas recomendações. Neste trabalho realizamos três aplicações de cartas de controle multivariadas para detectar pequenas variações em processos na indústria farmacêutica. Os estudos foram realizados no Laboratório Farmacêutico do Estado de Pernambuco Governador Miguel Arraes - LAFEPE, empregando dados do processo e abordando problemas reais da rotina da indústria. A primeira aplicação consiste na elaboração da Revisão Periódica de Produtos empregando cartas de controle multivariadas baseadas em Análise de Componentes Principais, acompanhada de uma metodologia simples e original para identificação do sinal multivariado fora de controle por meio da decomposição da estatística T2 com base nos pesos da rotação VARIMAX. O procedimento desenvolvido permitiu monitorar e diagnosticar os desvios no processo produtivo, além de permitir ao setor responsável pela Garantia da Qualidade verificar as variáveis que mais impactaram o processo. A segunda aplicação é demonstrada em estudos de estabilidade de medicamentos empregando Cromatografia Líquida de Alta Eficiência. No estudo de estabilidade a carta de resíduos das componentes principais permitiu monitorar o processo de degradação de comprimidos de captopril. A ponderação do cromatograma na região do dissulfeto de captopril sensibiliza a carta de resíduos para revelar alterações sutis no padrão cromatográfico. A terceira aplicação envolve estudos de estabilidade empregando a espectroscopia no infravermelho próximo e médio. Nesta aplicação, conclui-se que ambas as técnicas são eficientes em detectar amostras vencidas. O Processo de degradação do captopril pode ser acompanhado pela carta de resíduos baseada nos espectros do infravermelho próximo. No infravermelho médio, a carta T2 construída com um método de seleção de variáveis e um esquema CUSUM-COT também foi eficiente em detectar as pequenas alterações durante o processo de degradação.
  • JACQUELINE MORAIS DA COSTA
  • Espinélios Zn2SnO4-Zn2TiO4 obtidos pelo método pechini modificado, aplicados na descoloração de azo corante.
  • Data: 09/03/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O estanato (Zn2SnO4) e o titanato de zinco (Zn2TiO4) são óxidos do tipo espinélio inverso, destacam-se devido a suas propriedades óticas, elétricas, magnéticas, semicondutoras e fotocatalíticas. Nesse trabalho, os dois materiais foram combinados com a finalidade de obter uma solução sólida, Zn2Sn1-xTixO4, (x= 0; 0,25; 0,50; 0,75; 1,0), utilizando o método Pechini modificado, de modo a investigar a influência da substituição dos íons Sn4+ por íons Ti4+ na rede do espinélio para aplicação como catalisadores na fotodescoloração do corante amarelo remazol ouro. Os catalisadores foram caracterizados pelas técnicas de difração de raios-X (DRX), espectroscopia na região do infravermelho (IV), espectroscopia na região do ultravioleta visível (UV-Vis), espectroscopia Raman e medida de área superficial por BET. Os resultados de DRX mostraram que os materiais apresentaram alta organização a longo alcance, quando calcinados a 700 °C, utilizando acetato de zinco e pH 1. Os espectros de IV e Raman confirmaram a presença dos octaedros [ZnO6], [TiO6],[SnO6] e tetraedro (ZnO4). Os parâmetros utilizados na descoloração do corante foram: massa fixa de catalisador e tempos de radiação. Os resultados mostraram que um maior tempo de radiação proporcionou maior eficiência. O Zn2SnO4 apresentou o melhor resultado, com descoloração de 81% após 4 h de radiação. À medida que o estanho foi substituído pelo titânio na estrutura do espinélio, a eficiência do catalisador foi decrescendo, chegando a 37% para o Zn2TiO4.
  • AMANDA CECÍLIA DA SILVA
  • Um modelo de calibração de segunda ordem para determinação espectrofluorimétrica de hidrocarbonetos policíclicos aromáticos em bebidas destiladas
  • Data: 06/03/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O consumo de bebidas alcoólicas aumenta anualmente em todo o mundo e, consequentemente, maior é a ingestão dos compostos prejudiciais à saúde que estão presentes nesses produtos. Como exemplo, os hidrocarbonetos policíclicos aromáticos (HPA’s), que vem chamando a atenção dos pesquisadores devido ao seu potencial cancerígeno. As bebidas destiladas é a classe mais afetadas pela presença desse grupo de contaminantes, que chega ao produto através da queima da matéria-prima utilizada na produção da bebida. Apesar da preocupação existente sobre os HPA’s, ainda não existe nenhuma legislação ou controle para esses contaminantes nas bebidas destiladas. Portanto, é necessário, o quanto antes, que esses contaminantes sejam legislados para bebidas destiladas. Nesse contexto, é relevante o desenvolvimento de metodologias analíticas rápidas, robustas e com a mínima geração de resíduos. A maioria dos métodos para quantificação de HPA’s em alimentos faz uso de HPLC-FLU ou CG-EM, porém as técnicas cromatográficas geram muitos resíduos além do tempo de análise e dos gastos associados. Nesse trabalho é apresentada uma metodologia rápida, relativamente simples e de baixo custo para quantificação simultânea de cinco HPA’s (BaP, FL, AC, AN e P) em três tipos de bebidas destiladas (rum, cachaça e vodca), empregando espectrométria de fluorescência com EEM 3D e calibração de segunda ordem para contornar os problemas causados pela complexidade da matriz. Modelos de calibração foram construídos via PARAFAC e U-PLS/RBL e validados através de um conjunto de misturas dos analitos, com acréscimo de um interferente (FE). Para a elaboração das misturas de validação, o planejamento Taguchi foi utilizado. Os parâmetros de validação obtidos mostraram-se satisfatórios para ambos os modelos (PARAFAC e UPLS/RBL), com faixa de REP variando de 4,58% a 8,55% e 1,75% a 9,16% respectivamente. A aplicação dos modelos de calibração nas amostras de bebidas destiladas demonstrou satisfatório desempenho analítico com valores de recuperação na faixa de 85,99% a 115,18% para o PARAFAC e de 81,02% a 106,05% para o UPLS/RBL. Portanto, é possível afirmar que os modelos construídos apresentaram desempenho satisfatório para determinação de HPA’s em bebidas destiladas, alcançando a vantagem de segundo, com pouca geração de resíduo, simplicidade e baixo custo associados.
  • CLEIBSON OLIVEIRA DE LIMA
  • HIDROXIAPATITAS MODIFICADAS COM PRATA APLICADAS COMO AGENTES ANTIMICROBIANOS
  • Data: 03/03/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A hidroxiapatita tem sido objeto de pesquisa em virtude de fase cristalina ser similar a fase cristalina do tecido ósseo e a parte mineral dos dentes, além disso possui boa biocompatibilidade, por esse motivo tornou-se um biomaterial bastante utilizado atualmente. Neste estudo, hidroxiapatitas modificadas com prata foram obtidas pelo método da co-precipitação e por impregnação, visando a aplicação dos diversos sólidos como agentes antimicrobianos. A síntese por co-precipitação partiu do cloreto de cálcio e fosfato de amônio dibásico, utilizando como tampão hidróxido de sódio e do nitrato de prata em diferentes concentrações em quantidades de 0,25, 0,5 e 1% em mol com relação ao cálcio para obtenção dos sólidos dopados em diferentes percentuais. No método por impregnação a hidroxiapatita pura reagiu com soluções aquosas de nitrato de prata com as concentrações de 0,125, 0,25 e 0,5 mmol dm-3, a temperatura ambiente. Os sólidos obtidos foram caracterizados por difratometria de raios X, espectroscopia de infravermelho, espectroscopia Raman e microscopia eletrônica de varredura. Os resultados de difratometria de raios X mostraram a presença da prata metálica nos compostos em 2ϴ≈38º, além dos picos correspondente a hidroxiapatita estequiométrica. As hidroxiapatitas modificadas com prata obtidas por co-precipatação e impregnação mostraram-se ser eficazes na inibição do crescimento bacteriano quando testado in vitro através do método adesão bacteriana e contato direto para bactérias Gram positivas e Gram negativas mostrando seu potencial para o uso como agente antimicrobiano.
  • SEVERINO ARAÚJO DE SOUZA
  • ESTUDOS QUÍMICOS E BIOLÓGICOS DE COMPOSTOS HETEROCÍCLICOS DERIVADOS DOS NÚCLEOS IMIDAZOLIDINA-2,4-DIONA E 2-TIOXOIMIDAZOLIDINA-4-ONA
  • Data: 02/03/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O grande avanco ocorrido no mundo cientifico envolvendo os estudos quimicos e farmacologicos de heterociclicos sao frutos do grande investimento das industrias farmaceuticas e dos centros de pesquisas nas universidades. Os compostos heterociclicos sinteticos se destacam devido as possibilidades existentes nesses compostos de apresentar varias propriedades biologicas dife-rentes. Modificacoes estruturais nos aneis imidazolidinico e tioimidazolidinico podem alterar suas propriedades quimicas, fisicas e produzir efeitos biologicos com uma grande variedade de apli-cacoes uteis. O objetivo desse trabalho foi a sintese e caracterizacao de compostos heterociclicos da classe imidazolidina-2,4-diona e 2-tioxo-imidazolidina-4-ona com a finalidade de investigar suas potencialidades farmacologicas como antimicrobianos, antinociceptivos, antitumoral e anticonvulsivante e estudar sua estabilidade termica. Os compostos foram obtidos em duas etapas: na primeira, fez-se reagir cianeto de sodio, cloreto de amonio, cloreto de metilamonio, cloreto de isopropilamonio e aldeidos aromaticos para substituidos, seguido de hidrolise acida para a formacao dos aminoacidos derivados da glicina. Na segunda etapa, fez-se a reacao dos aminoacidos preparados com isocianato de potassio e isotiocianato de amonio e/ou fenilisocia-nato e/ou fenilisotiocianato seguido de hidrolise acida formando os derivados imidazolidinicos: IM-15; HPA-05; HPA-09; HPA-10; HPA-14; HPA-15A; HPA-15B; HPA-15C; HPA-15D; HPA-15E; HPA-15F; HPA-15G; HPA-15H; HPA-15J e tioimidazolidinicos: HPA-03; HPA-04; HPA-08; HPA-11; HPA-15I; HPA-15M. As estruturas dos compostos sintetizados foram caracterizadas atraves da espectroscopia de absorcao no IV, de RMN de 1H e RMN de 13C. Com os compostos sintetizados investigou a potencialidade frente aos estudos Antimicrobianos, Antinociceptivos, Anticarcino-genico e sobre o SNC. Avaliou tambem a estabilidade termica dos compostos sintetizados e os estudos in silico.
  • FRANCISCO ANTONIO DA SILVA CUNHA
  • Um método automático de extração em fase única para a determinação de cromo em água e vinagre por espectrometria de absorção atômica em forno de grafite
  • Data: 27/02/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A extração em fase única baseia-se na formação de uma mistura homogênea entre duas fases idealmente imiscíveis (uma aquosa e uma orgânica) e um terceiro componente miscível em ambas as fases, que é adicionado até atingir a opalescência. Nesta mistura ocorrem as reações de complexação e, a subsequente extração é realizada pela quebra do equilíbrio de fases através da adição de excesso de um dos componentes da mistura. Entretanto, a automação deste método através da análise por injeção em fluxo exige um aparato com significativo grau de complexidade e de difícil controle dos parâmetros operacionais. Assim, o objetivo deste trabalho foi desenvolver uma metodologia automática de extração em fase única utilizando análise em fluxo-batelada aplicada à quantificação de cromo em águas e amostras comerciais de vinagre por espectrometria de absorção atômica em forno de grafite. Para isto, foram feitas modificações tanto na câmara de mistura (duas saídas) como na técnica de extração, na qual foram estudados sistemas químicos mais adequados a esta proposta. O desempenho do método foi atestado através de testes estatísticos, em termos de precisão (RSD < 12%), exatidão (recuperação entre 82 e 108%), (m0 = 0,32 pg L-1 e LOQ = 0,86 µgL-1), e frequência analítica (26 h-1). Nesta nova estratégia, todo o processo de extração foi realizado na câmara de mistura de forma rápida, simples e com sensibilidade adequada para a técnica GF AAS. Além disso, foi possível analisar amostras de diferentes matrizes usando o mesmo método. Palavras-chaves:
  • MAYARA FERREIRA BARBOSA
  • UM MÉTODO AUTOMÁTICO DE PREPARAÇÃO DE MISTURAS GASOSAS PARA DETERMINAÇÃO CROMATOGRÁFICA DE METANO, ETANO E PROPANO EM GNV
  • Data: 27/02/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O gás natural veicular (GNV) é um derivado fóssil composto majoritariamente por hidrocarbonetos leves (metano, etano e propano), que tem grande importância energética para a sociedade moderna. Considerando a crescente demanda de GNV, se faz necessário, também, um efetivo controle da composição destes gases majoritários, que são os principais responsáveis pela eficiência energética deste combustível. A composição destes gases em GNV segue um determinado padrão de conformidade (faixa de controle) estabelecido pela ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), de modo a garantir a eficiência energética do GNV comercializado no Brasil. Este trabalho propõe o desenvolvimento de uma metodologia para preparação automática de misturas gasosas padrões de metano, etano e propano, visando à determinação cromatográfica dos teores destes gases em GNV, empregando modelos de calibração elaborados e validados por análise de variância (ANOVA) e teste de recuperação. O sistema automático é do tipo dinâmico e é totalmente controlado por um programa de modo a preparar, conforme programado pelo usuário, misturas binárias de nitrogênio/metano, de nitrogênio/etano e de nitrogênio/propano, com teores (em fração mol/mol) que variam de modo a se obter bons modelos de calibração que contemplem as concentrações desses gases no GNV. A avaliação da metodologia por meio da ANOVA foi bastante satisfatória, os modelos construídos para os três gases metano, etano e propano apresentaram uma alta correlação (R2 > 0,99) e significância na regressão, e não demonstraram falta de ajuste e variação sistemática no gráfico dos resíduos. Os parâmetros de desempenho obtidos a partir dos modelos construídos tiveram limites de detecção menores que 10-2 e de quantificação menores que 10-1, a frequência de amostragem foi 4 amostras por hora. Um estudo de recuperação, envolvendo três misturas gasosas de composição certificada e uma amostra de Gás Natural Veicular (GNV), foi também realizado e os valores médios percentuais obtidos foram de 99,7 ± 3,1; 100,7 ± 4,4 e 98,0 ± 5,8 para o metano, etano e propano, respectivamente. Conclui-se com base nos valores de recuperação, bem como na ANOVA, que o método proposto foi devidamente validado, apresentando uma satisfatória precisão e exatidão.
  • ARTUR TORRES DE ARAÚJO
  • CONCEITOS DE CALOR E TEMPERATURA SOB A ÓTICA DO MOMENTO PEDAGÓGICO DE PROBLEMATIZAÇÃO INICIAL
  • Data: 24/02/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Esta investigação foi realizada na Escola Estadual Imaculada Conceição, na cidade de Cabedelo, com 40 estudantes do ensino médio. Para a realização deste trabalho foram desenvolvidas duas situações de aprendizagem (SA) focalizando a “problematização inicial”, a primeira de três etapas de uma dinâmica chamada de momentos pedagógicos proposta por Delizoicov. Para orientar a aplicação das SA foi desenvolvida uma situação de ensino (SE). As SA foram desenvolvidas com os estudantes na forma de textos contendo história da Ciência e questões onde os estudantes deveriam debater, argumentar e desenvolver uma resposta para questões sobre o texto e o cotidiano a respeito dos conceitos de calor e temperatura. Completando a prática foi aplicado um pré-teste com questões de múltipla escolha a respeito dos conceitos de calor e temperatura. As respostas dos estudantes foram analisadas utilizando a abordagem dos perfis conceituais propostos por Mortimer. As ideias expressas pelos estudantes foram confrontadas com as ideias científicas vigentes para diagnosticar barreiras cognitivas conceituais. Na análise das respostas dos estudantes para as SA foram identificadas 25 barreiras cognitivas conceituais, das quais 10 se encontravam na categoria relacionada aos conceitos de frio, calor e temperatura, e foram classificadas como pertencentes às zonas animista, substancialista e realista do perfil conceitual. No pré-teste foram identificadas 9, destas 2 já tinham sido identificadas nas respostas dos estudantes referentes as SA. Estas 9 barreiras cognitivas conceituais foram classificadas como pertencentes às zonas substancialista e realista do perfil conceitual. Estas barreiras cognitivas conceituais devem ser consideradas pelo professor durante o desenvolvimento das aulas e, com isso, o professor deve buscar desenvolver práticas que visem a superação das mesmas, devendo conscientizar os estudantes da necessidade de construírem novos conhecimentos (científicos) que possam explicar melhor fenômenos que ocorrem diariamente, e fazendo-os repensar sobre o mundo em que vivem.
  • THAMIRES DOS SANTOS MOREIRA
  • Síntese e caracterização das propriedades mesomórficas e óticas de cristais líquidos fotorresponsivos derivados do azobenzeno
  • Data: 23/02/2015
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Cristais líquidos (CLs) constituem materiais moles funcionais de natureza dinâmica com forma e propriedades anisotrópicas. O controle das propriedades intrínsecas de automontagem e auto-organização de CLs pode ser efetuado pela incorporação de um interruptor ótico, tal como um grupo espaçador azo fotorresponsivo. Neste contexto, esta dissertação apresenta a síntese e caracterização das propriedades mesomórficas e óticas de seis séries de compostos derivados do azobenzeno 1,4-dissubstituídos. As moléculas são constituídas pelo núcleo rígido central azobenzeno, e nas extremidades estão dispostos substituintes com diferentes tamanhos, polaridade e propriedades eletrônicas, como grupos NO2, Cl e OR. Na outra extremidade, conectados por uma ligação éter estão cadeias com 6 ou 11 carbonos, e na porção final grupos hidrofílicos polares, tais como hidroxila e sais de imidazólio, e também grupos com elevado momento dipolar lateral, como carbonila de ésteres de diferentes grupos (alifáticos e aromáticos). Os compostos foram caracterizados por espectroscopia na região do Infravermelho, Ressonância Magnética Nuclear de 1H e 13C. As propriedades mesomórficas foram investigadas por Microscopia Ótica de Luz Polarizada e Calorimetria Diferencial de Varredura. Entre as dezoito moléculas sintetizadas, sete foram CLs. Foi descoberta uma relação interessante entre a natureza estereoeletrônica dos grupos terminais e as fases exibidas. O grupo hidroxila terminal levou a geração de fase nemática, enquanto que os compostos com carbonila de ésteres exibiram um polimorfismo lamelar mais ordenado com fases SmC e SmA, indicando que as carbonilas aumentam a estabilidade das fases líquido cristalinas. Os compostos contendo sais de imidazólio terminal mostraram apenas SmA, com uma interessante manutenção da fase até a temperatura ambiente durante o resfriamento. Resultados obtidos no estudo da fotoisomerização do grupo azo destes compostos comprovaram a potencialidade de tais sistemas moleculares em aplicações tecnológicas como fotocontroladores da fase LC e de suas propriedades funcionais em dispositivos.
2014
Descrição
  • THIAGO MARINHO DUARTE
  • Niobatos de Potássio a partir de precursores sintetizados pelo Método Solvotermal Assistido por Micro-ondas.
  • Data: 15/12/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Niobatos de potássio são óxidos mistos de nióbio que podem ser aplicados em diversos processos fotocatalíticos. Propõe-se como rota de síntese desses materiais o método solvotermal assistido por micro-ondas considerado como impactante devido a vários fatores. Apesar disso, na literatura, pouco se reporta sobre o emprego deste método de síntese na obtenção de niobatos de potássio. O presente trabalho se prospôs a avaliar a influência de diferentes parâmetros de síntese, tais como tempo de reação, meio racional, concentração de íons potássio, dentre outros na composição do material sintetizado e aplicação dos mesmos em testes de fotodegradação do Corante Amarelo Ouro Remazol. Os pós obtidos foram caracterizados por difração de raios-X (DRX), espectroscopia na região do infravermelho (IV), espectroscopia Raman, espectroscopia na região do ultravioleta e do visível (UV-Vis), análise de área superficial pelo método de BET, Analise termogravimétrica (TG) e Microscopia Eletrônica de Varredura com Emissão de campo (MEV-EC). As avaliações a curto e a longo alcance permitem inferir que por meio do método SMO obteve-se dois materiais em função do pH do meio, o Sal de Lindquist (pH 14) e um material amorfo (pH5 e pH6). Estes quando submetidos a temperaturas de calcinação de 650 °C levam a formação da perovskita KNbO3 e dois materiais lamelares (KNb3O8 e K4Nb6O17), respectivamente. Os pós obtidos ao fim da calcinação, foram avaliados a curto e longo alcance, os dados obtidos estão de acordo com os dados reportados em literatura. E por fim, testou-se os semicondutores enquanto fotocatalisadores, e os resultados obtidos revelam que a fase perovskita não apresenta atividade direta, por outro lado, os niobatos lamelares apresentaram atividade fotocatalítica satisfatória.
  • IVSON DE CARVALHO NINO
  • AVALIAÇÃO DE PORFIRINAS NA DETERMINAÇÃO SIMULTÂNEA DE CÁTIONS POR ESPECTROFOTOMETRIA UV-VIS E CALIBRAÇÃO MULTIVARIADA
  • Data: 30/09/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho, investigou-se a utilização de porfirinas como agentes complexantes não-seletivos para o desenvolvimento de um método de determinação simultânea dos cátions Pb2+, Zn2+, Cu2+, Mn2+, Co2+ e Hg2+ empregando calibração multivariada de primeira ordem. Inicialmen-te, dada sua ampla disponibilidade e menor custo, tentou-se empregar a 5,10,15,20-tetrafenil-porfirina (H2TPP) em meio orgânico para complexar os cátions em meio aquoso. Problemas de instabilidade do sistema impediram a conclusão dessa proposta, mas alguns aspectos importan-tes deste sistema são apresentados. Como alternativa, avaliou-se o uso da 5,10,15,20-tetraquis (4-carboxifenil)porfirina (H2TCPP) em meio aquoso. Um planejamento fracionário 24-1 indicou que as melhores condições de metalação foram pH 9, tempo de aquecimento de 10 minutos e temperatura de aquecimento de 80°C. A melhor concentração de catalisador (Cd2+) foi 5 x 10-8 mol L-1. O conjunto de calibração foi construído empregando um planejamento Brereton para os 6 cátions em 5 níveis de concentração. Foi utilizada validação externa com um conjunto de 10 amostras contendo concentrações aleatórias dos analitos. Foram construídos modelos baseados em regressão por mínimos quadrados parciais (PLS) e regressão linear múltipla (MLR) combina-da à seleção de variáveis por algoritmo genético (GA), ou algoritmo das projeções sucessivas (SPA). O método foi empregado na análise de amostras de água mineral, sendo encontrados bons valores de recuperação aparente quando as amostras fortificadas foram previstas pelos modelos SPA-MLR.
  • FRANCISCO DE ASSIS RODRIGUES PEREIRA
  • MONTMORILLONITA, QUITOSANA E SEUS COMPÓSITOS COMO ADSORVENTES E SISTEMAS DE LIBERAÇÃO CONTROLADA DE FÁRMACOS
  • Data: 19/09/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Esferas de quitosana e quitosana/montmorillonita-KSF com teores do argilomineral variando de 5, 15 e 25 % foram preparadas utilizando o tripolifosfato de sódio como agente reticulante. Os materiais foram caracterizados por análise química, DRX, FTIR, MEV, MET e análise térmica. Os dados sugerem que os compósitos foram devidamente preparados e que apresentam propriedades melhoradas que os materiais de partida. Para o estudo de adsorção, o biocompósito KSF-CTS-25% foi aplicado na remoção de Cu(II) em solução aquosa, apresentando uma capacidade de adsorção intermediária entre a CTS e a KSF-Na. O tratamento dos dados indicou que o processo de adsorção segue o modelo cinético de pseudo-segunda ordem, sendo os dados de adsorção mais bem ajustados ao modelo de Temkin. Com relação à dessorção dos íons cobre, o estudo mostrou que estes podem ser recuperados do compósito saturado, utilizando uma solução de EDTA como eluente. Estes resultados são altamente promissores e sugerem que o compósito preparado pode ser aplicado como uma alternativa para a remoção de metais pesado de águas residuais. Após adsorção com cobre 10 mmol dm-3, tanto o compósito KSF-CTS-25% quanto os demais preparados serão avaliados como agentes antimicrobianos, sendo esta mais uma alternativa de reuso desses materiais. Ainda, os compósitos preparados também serão estudados como sistema de liberação controlada do fármaco amilorida, tomando como base os dados da quitosana e montmorillonita. Como resultados preliminares, a KSF se mostrou um material com potencial para aplicação em sistema de liberação controlada de amilorida, com um máximo de liberação de 37,5 %, 33,5 % e 31,4 %, que correspondem aos tempos de 12 h, 96 h e 132 h, nos fluidos SGF (pH 1,2), SBF (pH 7,4) e SIF (pH 1,2), respectivamente.
  • DARISTON KLEBER SOUSA PEREIRA
  • ESTUDOS ESPECTROSCÓPICOS E ESTRUTURAIS DE COMPLEXOS -DICETONATOS DE ÍONS LANTANÍDEOS COM LIGANTES FOSFINÓXIDOS
  • Data: 03/09/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho reporta investigações espectroscópicas e estruturais de complexos de fórmulas [Ln(TTA)3L2], [Ln(DBM)3L], [Ln(TTA)2(NO3)(TPPO)2], [Ln(DBM)2(NO3)L2] e [Ln(DBM)(NO3)2(HMPA)2], em que Ln: Eu3+ ou Tb3+, TTA: 2-tenoiltrifluoroacetonato, DBM: dibenzoilmetanato e L: HMPA (hexametilfosforamida) ou TPPO (Trifenilfosfinóxido). Os compostos foram caracterizados por análises complexométricas e elementar e difração de raios X de monocristal. As propriedades espectroscópicas dos complexos foram estudadas através de espectroscopia de reflectância difusa e de luminescência. O processo de formação de positrônio nos complexos também foi investigado. No intuito de obter uma sinergia teoria-experimento, foram realizados cálculos DFT, para otimização de geometria e obtenção de estados tripletos do DBM, utilizando os funcionais B3LYP, B97D, M062X, PBE1PBE, CAM-B3LYP e ω-B97XD, em fase gasosa e no solvente acetona, Os dados de estruturas de raios X mostraram que a substituição de moléculas de DBM por íons nitrato promove a existência de interações intermoleculares mais fortes o que tem uma influência sobre o ponto de fusão dos compostos. Os espectros de reflectância difusa e de excitação sugerem a presença de estados de transferência de carga ligantemetal (TCLM) de baixa energia em complexos de Eu3+ contendo o ligante DBM, com um abaixamento na energia desses estados à medida que os ligantes DBM são substituídos por íons nitrato. Isso é explicado considerando que a menor polarizabilidade do íon nitrato provoca um maior efeito doador de carga nos outros ligantes, diminuindo a energia do estado TCLM. Os resultados de aniquilação de pósitron mostraram que a formação de positrônio em compostos com ligantes DBM e fosfinóxidos diminui quando os primeiros são substituídos por íons nitrato, devido ao aumento da doação de densidade eletrônica dos ligantes para o centro metálico, diminuindo a capacidade formadora dos fosfinóxidos. Os cálculos teóricos DFT forneceram resultados relativamente satisfatórios para a otimização de geometrias dos complexos e para a obtenção de energias dos estados tripletos do ligante DBM. Esses resultados indicaram que a substituição de ligantes β-dicetonatos por espécies menos polarizáveis, como o nitrato, tem grande influência nas propriedades estruturais e espectroscópicas dos compostos estudados.
  • ANDERSON DOS REIS ALBUQUERQUE
  • Estudo Químico-Quântico do Óxido Ti(1-x)CexO2-δ na Fase Anatase
  • Data: 02/09/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Dióxido de titânio (TiO2) na fase anatase tem sido o óxido mais estudado nas últimas décadas devido à sua potencial aplicação tecnológica em diversas áreas, dentre as quais como pigmento, (foto)catalisador e em células solares. Não obstante, métodos experimentais e computacionais têm sido empregados na compreensão de suas propriedades mecânicas, eletrônicas e catalíticas da anatase. Nesse contexto, a introdução de dopantes com formação de defeitos pontuais do tipo vacâncias de oxigênio tem sido responsável por aumentar a eficiência desse material como catalisador sobre muitas reações. No presente estudo, investigamos, por meio de cálculos computacionais, o efeito da dopagem do TiO2 anatase com o lantanídeo Ce sobre a formação de vacâncias de oxigênio e exploramos suas consequências na formação de centros reduzidos Ti3+ e Ce3+, no bulk e na superfície (001). Todos os cálculos foram realizados ao nível da teoria do funcional da densidade (DFT) utilizando códigos computacionais que levam em consideração a periodicidade dos sistemas cristalinos (2D para superfícies ou 3D para bulk). Para uma maior compreensão da anatase sem o dopante, exploramos inicialmente o efeito das interações de dispersão entre os poliedros [TiO6] e reparametrizamos o potencial de Grimme DFT-D2 com funções de base GTO (o qual chamamos B3LYP-D*), a partir do qual várias propriedades estruturais foram obtidas, como construção de Wulff do hábito cristalino sob equilíbrio termodinâmico, propriedades elásticas, vibracionais e eletrônicas. Na presença do dopante e com os sistemas reduzidos, duas principais metodologias foram adotadas na tentativa de reduzir o erro de autointeração da DFT: o uso do funcional híbrido B3LYP e a correção de Dudarev DFT+U. Orbitais do tipo Gaussiana e ondas planas foram utilizadas como funções de base. Apenas uma pequena deformação local ocorreu com a introdução do dopante no sítio octaédrico do Ti no bulk e no sítio Ce(5c) da superfície. Em ambos bulk e superfície (001) a introdução do dopante levou à diminuição da energia de formação de VO. As configurações mais estáveis de VO no bulk ocorreram nos vizinhos próximos ao octaedro reduzido [CeO6]/ em vez daquelas que envolviam a diminuição da coordenação do dopante para [CeO5]. Analogamente, a presença do dopante na subsuperfície da (001) formando o poliedro distorcido [CeO6]d impulcionou a remoção de um O(2c) na camada mais externa da superfície, o que não foi observado quando a dopagem acontecia na última camada de cátions com coordenação [CeO-5]. Assim como no bulk, os estados intermediários no band gap associados com a vacância mais estável na superfície (001) foram referentes ao Ti3+ [3d 1] e Ce3+ [4f 1] localizados em torno de 0.5-1.0 eV abaixo da banda de condução, de acordo com achados experimentais e evidências no aumento da atividade (foto)catalítica dado pela criação destes canais de transferência eletrônica. De modo geral, a energia de formação das vacâncias de oxigênio diminuiu consideravelmente nas seguintes situações: (i) redução do óxido na presença do dopante Ce, (ii) desde que os sítios de criação das VO localizem-se nos primeiros vizinhos ao octaedro [CeO6]/ distorcido por expansão polarônica, (iii) introdução de dois dopantes, em direções opostas, em torno de VO, e (iv) criação de VO nas camadas mais externas da superfície, desde que o dopante esteja na subsuperfície e com coordenação [CeO6]/.
  • MÁRCIO RENNAN SANTOS TAVARES
  • Um micro analisador em fluxo batelada para determinação fotométrica de sulfitos em bebida.
  • Data: 29/08/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os sulfitos são aditivos químicos com grande atuação na indústria de bebidas, entretanto o uso desses aditivos em excesso podem causar patologias e seu limite encontra-se no máximo de 0,7 mg/kg de SO2 peso corpóreo por dia. Esse estudo propõe um microanalisador em fluxo batelada (μFBA) para determinação fotométrica de sulfitos em bebidas. A microcâmara do μFBA foi construído a partir da resina comercial uretana-acrilato e polimerizado em fotoexpositora de radiação ultra-violeta. O método fotométrico para determinação de sulfitos em bebidas baseou-se na reação dos sais de sulfitos, em meio ácido, com solução de formaldeído que posteriormente reagiu com a solução de cloridrato de pararosanilina originando, por fim, um complexo de cor violeta com absorção máxima em 565 nm. O modelo linear da curva analítica foi validada através da ANOVA, gráfico dos resíduos e teste F deixados pelo modelo. O limite de detecção foi de 0.08 mg L-1 e o desvio padrão relativo inferior a 1,5% (n = 3). Foi realizado um teste de precisão avaliada através do teste de recuperação (96,8% a 102,6%). O μFBA é potencialmente útil como uma alternativa para determinações fotométricas de sulfitos como parâmetros de qualidade de bebidas e rendimento de 240 amostras por hora, gerando baixo consumo de amostra e reagentes. Os resultados obtidos pelo μFBA proposto comparado ao método convencional, não apresentou diferenças estatisticamente significativas na aplicação do teste t pareado com nível de confiança de 95%.
  • THIAGO BRITO DE ALMEIDA
  • SÍNTESES DE NOVOS HÍBRIDOS MOLECULARES A PARTIR DE UM DERIVADO DA PIPERINA E ANÉIS TETRAIDROPIRANOS COM POTENCIAL ATIVIDADE ANTINOCICEPTIVA
  • Data: 25/08/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho foi apresentado o uso da técnica de hibridização molecular que é uma estratégia clássica em química medicinal e bastante útil na concepção de novos fármacos, consistindo na junção covalente de dois ou mais fragmentos reconhecidamente farmacofóricos ou que já apresentem atividades terapêuticas reconhecidas. Descreveu-se a técnica de extração, isolamento e purificação da piperina 6 com 2% de rendimento, sendo a mesma uma molécula natural presente principalmente na pimenta preta, onde estudos mostraram uma série de atividades biológicas como, analgésico, antiinflamatório, antitérmico, antitumoral, antifúngico, antichagásico, inseticida, leishmanicida, dentre outras. Em seguida, foi realizado a síntese do seu respectivo ácido pipérico 12 obtido via hidrólise básica com 87% de rendimento. Uma série de derivados álcoois tetraidropiranos substituídos (33, 34, 37, 38, 79 e 80) foram sintetizados em bons rendimentos (76%-100%), com rota sintética e potente atividade antinociceptiva já descritas pelo nosso grupo de pesquisa. A reação de ciclização de Prins foi usada como etapa chave para a construção, em forma diastereosseletiva 2,4-cis e 2,4,6-cis, dos anéis tetraidropiranos. Posteriormente, realizou-se a síntese de 6 moléculas híbridas inéditas (64, 65, 66, 67, 68 e 69), baseadas na estrutura de uma análogo da piperina (ácido pipérico) com os 6 derivados álcoois tetraidropiranos substituídos, utilizando a estratégia clássica de hibridização molecular através da reação de esterificação de Steglich para unir as duas porções, com rendimentos relativamente bons (42%-78%), onde o intuito foi potencializar a atividade analgésica apresentada por estas duas entidades químicas. Todos os híbridos moleculares foram caracterizados pelas técnicas de espectroscopia (1H e 13C) e infravermelho
  • ELAINE DA SILVA VASCONCELOS
  • Complexos de íons lantanídeos com carboxilatos aromáticos: dependência das propriedades fotoluminescentes com a natureza e a posição de substituintes elétron-doadores.
  • Data: 22/08/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • No presente trabalho, investigou-se a influência da posição de substituintes elétron-doadores em ligantes carboxilatos aromáticos sobre as propriedades fotoluminescentes de complexos dos íons Tb3+ e Eu3+. Foram sintetizados complexos de fórmula geral [Ln(2-R-Bz)3fen] e [Ln(4-R-Bz)3fen] , com Ln = Eu3+, Gd3+ e Tb3+; R = -NH2, -NH(CO)CH3, -OH, -O(CO)CH3, -O(C4H9); fen = 1,10-fenantrolina, que foram caracterizados por titulação complexométrica, análise elementar, espectroscopia de absorção na região do infravermelho e de reflectância difusa. Os espectros de fosforescência dos complexos [Gd(2-R-Bz)3fen] e [Gd(4-R-Bz)3fen] revelaram que as energias dos estados tripleto dos ligantes coordenados encontram-se acima e em boa condição de ressonância com os estados emissores de ambos os íons Eu3+ e Tb3+, o que favorece o processo eficiente de transferência de energia ligante-metal, sendo tais estados localizados sobre os ligantes 1,10-fenantrolina em todos os complexos. Para os complexos do íon Tb3+, observou-se que a acetilação de ambos os substituintes N ou O-doadores causou elevação dos tempos de vida para a maioria dos compostos, sendo bem maiores a temperatura ambiente que a baixa temperatura. Para os complexos do íon Eu3+ observou-se uma forte dependência dos parâmetros de intensidade Ω2 e da eficiência quântica de luminescência com a natureza e a posição dos substituintes elétron-doadores, que puderam ser racionalizados a partir dos efeitos eletrônicos e estéricos, atuando de forma antagônica. Tais efeitos, exerceram forte influência sobre os estados de transferência de carga LMCT, contribuindo diretamente para a dependência da eficiência quântica de luminescência com a posição dos substituintes elétron-doadores dos ligantes carboxilatos. Interações estéricas promoveram a quebra de conjugação devido à retirada do anel aromático do plano de conjugação do grupo carboxilato, reduzindo a capacidade elétron-doadora dos oxigênios e, consequentemente, elevando a energia dos estados LMCT. Foi demonstrado, pela primeira vez, que a quebra de conjugação mediante interação estérica pode eliminar ou reduzir o efeito dos estados LMCT como um canal de supressão da luminescência em complexos do íon Eu3+.
  • ALBERTO CORREIA GOMES FILHO
  • ESTUDO DA ESTRUTURA E PROPRIEDADES MAGNÉTICAS E ELÉTRICAS DE FERRITAS DE Ni2+/Zn2+ DOPADAS COM Nd3+
  • Data: 15/08/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O trabalho consistiu na síntese de ferritas de composição Ni0,5-xNdxZn0,5Fe2O4 variando a concentração dos íons neodímio (Nd3+) de 0 ≤ x ≤ 0,3, sendo escolhido o método do citrato precursor como método ou rota de síntese. Após a síntese, as amostras obtidas foram calcinadas na temperatura de 350°C e depois prensadas em forma de pastilhas e toróides. Posteriormente estas amostras foram sinterizadas a 1000ºC durante 3 horas, sendo controlado a velocidade de aquecimento e de resfriamento. Os materiais calcinados obtidos foram caracterizados por DRX, MEV e magnetometria de amostra vibrante (MAV) e as amostras sinterizadas por DRX, MEV, MAV, e medidas de permeabilidade e perdas magnéticas. O método do citrato precursor demonstrou-se ser um método eficiente, pois obtivemos materiais com aspectos estruturais desejáveis. A partir das análises de DRX e do refinamento pelo método de Rietveld, verificou-se que as amostras sintetizadas e tratadas a 350ºC apresentaram formação de 100% de fase única do tipo espinélio e as tratadas a 1000ºC apresentaram além da fase ferrita, uma fase secundária, confirmada pelo refinamento como sendo NdFeO3. As amostras tratadas a 1000ºC por 3 horas passaram a possuir dimensões em micrômetros, devido ao efeito de difusão entre os cristais, que aumenta em altas temperaturas. As ferritas sintetizadas e tratadas a 350 e 1000ºC por 3 horas comportaram-se como materiais magneticamente “macios” ou “moles” e com intensidade da magnetização de saturação diminuindo nas amostras com o incremento de neodímio (Nd3+). A comprovação desta diminuição foi demonstrada pelo estudo de posicionamento dos cátions na rede espinélio, utilizando o refinamento do método de Rietveld, e da influência destas mudanças nas propriedades magnéticas, a partir da relação comparativa entre os valores de magnetização em termos de magnéton de Bohr teórico (MBTeórico) e de Bohr experimental (MBExp.). Os resultados das análises elétricas das amostras sintetizadas apresentaram que os materiais obtidos possuem potencialidades de miniaturização para aplicações como núcleos indutivos em dispositivos eletrônicos de micro-ondas na área de telecomunicações.
  • ALEX DE MEIRELES NERIS
  • Atividade fotocatalítica do TiO2 e do sistema core-shell CoFe2O42TiO2 obtidos pelo método Pechini modificado.
  • Data: 01/08/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A necessidade do controle de efluentes têxteis devido à contaminação de águas fluviais tem levado órgãos como o CONAMA a regulamentar e exigir um processo de tratamento mais eficiente. Dentre os métodos de tratamento estudados, os Processos Oxidativos Avançados (POA) têm demonstrado grande eficiência, como na fotocatálise heterogênea utilizando materiais semicondutores, sendo o TiO2 um dos mais empregados. A combinação deste material com outros tem sido estudada com o objetivo de melhorar a atividade e/ou performance do mesmo. Para isso vários sistemas têm sido utilizados, dentre eles o core@shell, que consiste na completa cobertura de um material por outro. Neste trabalho o CoFe2O4@TiO2 foi sintetizado pelo método Pechini modificado, com a adição do CoFe2O4 nanoparticulado à uma resina polimérica de titânio, sendo obtido um material magnético, o qual foi caracterizado por difração de raios X (DRX), espectroscopia infravermelho (IV), espectroscopia na região ultravioleta e visível (UV-Vis), análise de área superficial específica pelo método de BET. Os materiais foram testados na fotodegradação de um corante azo. O TiO2 puro calcinado a 700 ºC, apresentou mistura de fases anatase / rutilo com proporção 77 / 23 %, sendo a temperatura de calcinação que levou à maior atividade fotocatalítica na descoloração da solução de amarelo ouro remazol (RNL). Foi obtida 81 % de redução da cor da solução em 6 h de exposição a luz UV e 94 % após 2 h com irradiação de luz solar. Com o sistema core@shell CoFe2O4@TiO2 sintetizado com 90 % de TiO2 foi obtida uma mistura de 92 % de anatase e 8 % de rutilo, para uma temperatura de calcinação de 500 ºC. Este material levou a 76 % de descoloração em 16 h de exposição à luz UV com as mesmas condições utilizadas para o teste com o TiO2 puro.
  • JOSE LICARION PINTO SEGUNDO NETO
  • Desenvolvimento de uma metodologia analítica rápida para quantificação simultânea de estrógenos em águas usando HPLC-DAD e calibração de segunda ordem.
  • Data: 01/08/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Com o uso cada vez maior de produtos industrializados, como os farmacêuticos, os cosméticos e os de higiene pessoal, uma nova categoria de poluentes dos corpos aquáticos, chamados de contaminantes emergentes, vem ganhando destaque no cenário das questões ambientais e preservação da água potável do planeta. Entre estes estão os alteradores endócrinos, como é o caso dos estrógenos que têm preocupado a comunidade científica que já vem alertando para necessidade de se estabelecer limite máximo de concentração dessas substâncias nas águas de abastecimento. Paralelamente ao surgimento de legislação para controle desses poluentes é necessário que ocorra o desenvolvimento de metodologias analíticas rápidas, robustas e com baixa geração de resíduos. Em quase sua totalidade os métodos analíticos para quantificação de estrógenos em amostras de águas fazem de uso da cromatografia líquida ou gasosas acopladas a espectros de massa, associada a longas corridas cromatográficas. Neste trabalho é proposta uma metodologia rápida para quantificação simultânea de quatro estrógenos (E1, E2, EE2 e E3) em amostras de águas superficiais empregando HPLC-DAD e calibração multivias com propósito de explorar as potencialidades da vantagem de segunda ordem para contornar os problemas da complexidade da matriz. Modelos de calibração de segunda ordem baseados nos métodos PARAFAC, MCR-ALS, N e U-PLS/RBL foram construídos usando soluções padrão individual dos analitos (padrões puros). Estes modelos foram depois validados empregando-se um conjunto de misturas sintéticas destes analitos com mais dois potenciais interferentes (a daizeina e biochanina A) para simular a carga orgânica e demonstrar a vantagem de segunda ordem. Estas misturas sintéticas foram construídas usando planejamento Taguchi. Parâmetros estatísticos de validação satisfatórios foram obtidos, em especial para os modelos U e N-PLS/RBL. Por fim amostras de rio e esgoto fortificadas com os quatro estrógenos foram submetidas a uma pré-concentração e limpeza da amostra usando cartuchos SPE-C18, seguido da análise cromatográfica. A aplicação dos modelos de calibração as amostras de águas fortificadas levou para a maioria dos casos a uma recuperação entre 70 e 120%, refletindo a boa exatidão do método proposto.
  • RAQUEL FINAZZI VILELA
  • Avaliação das aminas aromáticas como antioxidanates para biodiesel de soja e de algodão
  • Data: 01/08/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Esta dissertação compreendeu a aplicação das aminas aromáticas (1,2-diaminobenzeno, difenilamina, 3,4-diaminotolueno) como aditivos antioxidantes para uso em biodiesel. Os compostos aminados foram utilizados puros, combinados entre si e com os antioxidantes fenólicos TBHQ, BHT e BHA, comumente utilizados em biodiesel. Uma avaliação prévia do potencial dos antioxidantes foi feita utilizando o método DPPH e o sistema -caroteno/ácido linoleico. Os resultados mostraram que estes compostos são capazes de interromper a oxidação lipídica através da captura dos radicais livres, agindo, portanto, como antioxidantes primários. Na avaliação do efeito antioxidante das aminas no biodiesel foram utilizadas combinações binárias compostas por duas aminas e por uma amina e um antioxidante fenólico. As técnicas empregadas foram Rancimat, Calorimetria Diferencial de Varredura Pressurizada (P-DSC) e PetroOxy. Com exceção da difenilamina, os demais antioxidantes puros corrigiram de forma eficiente a estabilidade oxidativa do biodiesel. Com relação às misturas binárias, todas provocaram efeito antioxidante nas amostras de biodiesel em que foram empregadas. Portanto, a partir destes resultados, ficou evidente que, há um forte potencial das aminas aromáticas para serem utilizadas como antioxidantes para biodiesel, bem como suas misturas binárias.
  • ANTONIO JOÃO DA SILVA FILHO
  • Ligações de hidrogênio intermoleculares: um estudo teórico dos heterocíclicos (RC2H4N) substituídos nos complexos de hidrogênio, R = -H2-OH e -CH3.
  • Data: 01/08/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho trata de um estudo teórico de propriedades estruturais, eletrônicas, vibracionais e topológicas de complexos de hidrogênio do tipo R-C2H4N•••HX onde, HX (com, X = F, Cl e CN) corresponde aos ácidos monopróticos doadores de próton e R-C2H4N são as espécies receptoras de próton representadas pelos seguintes heterocíclicos: aziridina (C2H5N), metil-aziridina (H3C-C2H4N) e hidroxi-aziridina ((HO-C2H4N). Foram empregados os métodos computacionais Hartree-Fock, DFT com os funcionais híbridos (B3LYP, O3LYP, X3LYP e PBE1PBE), MP2 e MP4, todos com o conjunto de base de Pople 6-311++G(d,p). Os cálculos empregando a Teoria Quântica de Átomos em Moléculas (QTAIM) e os Orbitais Naturais de Ligação (NBO) auxiliaram na caracterização da formação da ligação de hidrogênio entre as espécies supracitadas. Devido a formação dos complexos de hidrogênio, as principais mudanças nas propriedades estruturais, eletrônicas e vibracionais podem ser destacadas como, por exemplo, o incremento no comprimento da ligação nos ácidos monopróticos HX; a transferência de carga intermolecular a partir das aziridinas para HX, que resulta, dentre outros efeitos, no deslocamento da banda de estiramento da ligação HX, para regiões de menores valores de frequência (red shift). Os resultados mostraram que os valores dos incrementos no comprimento da ligação HX, devido à formação da ligação intermolecular seguem a seguinte tendência, independente do método empregado nos cálculos: 𝛿𝑟𝐻𝑋 (𝐻3𝐶−𝐴𝑧⋯𝐻𝑋) > 𝛿𝑟𝐻𝑋 (𝐴𝑧⋯𝐻𝑋) > 𝛿𝑟𝐻𝑋 (𝐻𝑂−𝐴𝑧⋯𝐻𝑋). Com respeito aos valores de energia intermolecular, os complexos de hidrogênio seguiram a seguinte tendência: Δ𝐸𝐻3𝐶−𝐴𝑧⋯𝐻𝐹 > Δ𝐸𝐴𝑧⋯𝐻𝐹 > Δ𝐸𝐻𝑂−𝐴𝑧⋯𝐻𝐹 > Δ𝐸𝐻3𝐶−𝐴𝑧⋯𝐻𝐶𝑙 > Δ𝐸𝐴𝑧⋯𝐻𝐶𝑙 > Δ𝐸𝐻𝑂−𝐴𝑧⋯𝐻𝐶𝑙 > Δ𝐸𝐻3𝐶−𝐴𝑧⋯𝐻𝐶𝑁 > Δ𝐸𝐴𝑧⋯𝐻𝐶𝑁 > Δ𝐸𝐻𝑂−𝐴𝑧⋯𝐻𝐶𝑁. Os complexos de hidrogênio com HF, independente da espécie receptora de próton, apresentam os maiores valores de energia de estabilização, sendo seguidos pelos complexos de hidrogênio com HCl e HCN. De maneira semelhante, os valores do efeito red shift para o modo de estiramento de HX seguem a mesma tendência obtida para a energia de estabilização dos complexos de hidrogênio ao longo da série estudada. Segundo os critérios da QTAIM, a ligação de hidrogênio foi caracterizada, apresentando baixos valores de densidade eletrônica em seus respectivos pontos críticos de ligação, assim como, laplacianos da densidade eletrônica positivos. Os estudos dos NBOs entre outras informações, possibilitaram a visualização da interação entre o par de elétrons livre do nitrogênio presente nos heterocíclicos com o orbital antiligante das espécies doadoras de próton.
  • LUZIA MARIA CASTRO HONORIO
  • K4Nb6O17 e derivados: Síntese, caracterização e aplicação na fotodescoloração do corante remazol amarelo ouro.
  • Data: 01/08/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O niobato lamelar K4Nb6O17 apresenta estrutura ortorrômbica (grupo espacial P2212), sendo formado basicamente pela repetição de camadas negativas de unidades de octaedros distorcidos de NbO6. Neste trabalho, a síntese do K4Nb6O17 foi realizada pela reação no estado sólido, e os derivados (HxK4-xNb6O17 e TBAyHx-yK4-xNb6O17) obtidos pelas eventuais mudanças sofridas na matriz lamelar, para aplicação como catalisadores na fotodescoloração do corante Amarelo Remazol Ouro (RNL). Os catalisadores foram caracterizados por análise termogravimétrica (TG/DTA), difração de raios-X (DRX), espectroscopia de absorção na região do ultravioleta e do visível (UV-Vis), espectroscopia vibracional na região do infravermelho (IV), espectroscopia Raman, análise da área superficial pelo método de BET e microscopia eletrônica de varredura (MEV). Os resultados de DRX mostraram que os materiais apresentaram alta organização a longo alcance, e pequena fase secundária de K6Nb11O30. Os espectros de IV confirmaram a presença dos octaedros [NbO6] caracterizados pelas curtas ligações de Nb=O. Os resultados de Raman indicaram uma desorganização a curto alcance nos octaedros altamente e levemente distorcidos, ambos compreendidos por ligações Nb-O. Os parâmetros utilizados na descoloração do corante remazol amarelo ouro (RNL) foram: o tempo de radiação (1, 2, 4, 6 e 8 h), a quantidade de catalisador (5, 10 ou 20 mg). Os resultados mostraram que a maior quantidade de catalisador e o fator tempo, proporcionaram elevada eficiência fotocatalítica para o K4Nb6O17.3H2O e HxK4-xNb6O17 (94% e 76,38%). Diferentemente dos resultados mencionados, o TBAyHx-yK4-xNb6O17 apresentou eficiência de 84,11% em 5 mg utilizado, destacando a relação de custo/beneficio. No geral, os fotocatalisadores apresentaram excelentes resultados na fotodegradação do corante RNL, quando comparado a outros estudados na literatura.
  • MARIANA DE BRITO BATISTA PEREIRA
  • Hidroxiapatita como sistema para liberação de ibuprofeno.
  • Data: 01/08/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A hidroxiapatita tem sido explorada como um excelente biomaterial por sua compatibilidade com o tecido ósseo, com ênfase para carregamento de fármacos. Este trabalho tem como objetivo sintetizar a hidroxiapatita com porosidade controlada por meio do método de co-precipitação, utilizando caseína como agente direcionador de estrutura, e avaliar a capacidade de carregamento do fármaco ibuprofeno pela hidroxiapatita obtida, visando aplicação em sistema de liberação controlada de fármaco. Portanto, no presente estudo a hidroxiapatita foi obtida pelo método da co-precipitação utilizando os sais de nitrato e cloreto de cálcio e fosfato de amônio. Os sólidos foram caracterizados por difratometria de raios X, medidas de adsorção/dessorção de nitrogênio, espectroscopia na região do infravermelho, termogravimetria e microscopia eletrônica de varredura. Um estudo sistemático de reprodutibilidade da síntese foi realizado. O sólido foi aplicado em ensaios de carregamento e liberação de ibuprofeno. As matrizes sintetizadas, sem e com agente direcionador, formaram materiais monofásicos, indexados à hidroxiapatita. Os valores de área superficial foram de 114 e 147 m2 g-1 para os sólidos obtidos com percussor cloreto de cálcio e nitrato de cálcio, respectivamente. Os estudos de carregamento do ibuprofeno indicaram maior incorporação do fármaco com a diminuição da polaridade solvente utilizando tempo de 24 horas a temperatura ambiente. As quantidades máximas de ibuprofeno carregado foram de 188 e 184 mg g-1 em etanol e hexano, respectivamente em 120 e 360 min, indicando que HA mesoporosa proporciona boa capacidade de carregamento do fármaco. Os ensaios de liberação mostraram uma cinética rápida nas primeiras 24 h, seguida por uma cinética lenta. O equilíbrio foi atingindo após 38 h com máximo de liberação em torno de 97% do fármaco carregado no sólido mesoporoso.
  • WELMA THAISE SILVA VILAR
  • Classificação individual de sementes de mamona usando espectroscopia de reflectância no visível, imagens digitais e análises multivariadas.
  • Data: 01/08/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta dois métodos baseados em análise de imagens digitais, espectroscopia de reflectância difusa no vísivel e análise multivariada para classificação de sementes de mamona com respeito ao tipo de cultivar e genótipo. Para este propósito, dois grupos de sementes comumente empregadas nas plantações brasileiras foram avaliados: cultivares BRS Nordestina e BRS Paraguaçu (grupo I), cultivar BRS Energia e o genótipo CNPA 2009-7 (grupo II). Os espectros de reflectância difusa foram registrados na região de 400 a 800 nm obtidos através de um espectrofotômetro VIS-NIR. Imagens destes dois grupos foram registradas a partir de uma webcam e a distribuição de frequência em níveis de cores nos canais vermelhoverde-azul, matiz, saturação, intensidade e tons de cinza foi obtida. A Análise Discriminante pelos mínimos quadrados parciais (PLS-DA) e Análise discriminante linear (LDA) foram aplicadas separadamente para cada grupo de semente. Para os espectros do visível os melhores resultados foram obtidos usando o modelo PLS-DA, classificando corretamente 96,2% e 92,5% das amostras de teste para o grupo I e II, respectivamente. Para as imagens digitais o PLS-DA também alcançou o melhor resultado acertando 98,7% e 100% para o grupo I e II, respectivamente. Os métodos baseados em imagens digitais e espectroscopia de reflectância difusa no visível propostos tem vantagens por não utilizar reagentes, são rápidos, não-destrutivos, baixo custo e são alternativas promissoras na classificação de sementes de mamona, de acordo com o tipo de cultivar e genótipos.
  • HERBET BEZERRA SALES
  • Sr1-xBaxSnO3 avaliação fotocatalítica de pós e filmes finos obtidos por PLD.
  • Data: 04/07/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O estanato de bário (BaSnO3) e o estanato de estrôncio (SrSnO3) são óxidos do tipo perovskita que apresentam estrutura cúbica ( Pm3m) e ortorrômbica ( Pbnm), respectivamente. Estes materiais possuem propriedades químicas bastante interessantes que levam a diversos tipos de aplicações no ramo tecnológico. Portanto, estes dois materiais combinados foram sintetizados tanto na forma de pó quanto de filmes finos com o objetivo de se obter a solução sólida, Sr1-xBaxSnO3, com (x = 0; 0,25; 0,50; 0,75 e 1). A solução sólida na forma de pó apresentou sucessivas transições de fases com o aumento da quantidade do cátion Ba2+ presente no sistema, passando da estrutura ortorrômbica à tetragonal chegando à cúbica. Estas transições foram observadas pelos difratogramas de raios-X e refinamento Rietveld, sendo confirmada por espectroscopia vibracional raman. Ademais, as estruturas cristalinas também foram caracterizadas por espectroscopia vibracional na região do infravermelho (IV), microscopia eletrônica de varredura (MEV) e espectroscopia vibracional de UV-visível. Os diferentes tipos de estruturas cristalinas das composições da solução sólida apresentaram diferentes valores percentuais frente à fotodescoloração do azo-corante remazol amarelo ouro – RNL. Os resultados mostraram que o mecanismo direto provavelmente é o mais indicado para a estrutura cúbica do BaSnO3, enquanto que, o indireto está presente para estrutura ortorrômbica do SrSnO3. Os filmes finos obtidos do sistema cúbico (BaSnO3) apresentaram diferentes tipos de crescimentos associados às estruturas cristalinas dos substratos, composição do filme e com o método de deposição utilizado (método de deposição por ablação a laser pulsado – PLD). Os filmes depositados sobre sílica amorfa e safira-R (Al2O3-012) apresentaram crescimento policristalino, enquanto os filmes depositados sobre LAO (LaAlO3-100) apresentaram um crescimento epitaxial (h00). Além disto, as características morfológicas e fotoluminescentes também foram influenciadas pelos parâmetros acima citados. Em relação às propriedades fotoluminescentes, estas especificamente parecem estar relacionadas com o tipo de crescimento dos filmes, ou seja, os filmes depositados sobre LAO apresentaram emissão fotoluminescente na região do visível devido ocorrer uma desordem a curto alcance na interface filme/substrato diferentemente dos filmes depositados sobre sílica e safira-R, onde uma ordem estrutural a curto alcance na interface filme/substrato não conduziu a emissões fotoluminescentes. Em relação às propriedades fotocatalíticas, os filmes obtidos por PLD e os filmes com composições mais ricas em Ba2+ foram os mais ativos na descoloração do corante remazol amarelo ouro, chegando a uma eficiência fotocatalítica máxima com o filme policristalino de BaSnO3 depositado sobre safira-R de 84,4 %. Os filmes policristalinos de Sr1-xBaxSnO3 depositados sobre os substratos de sílica amorfa e LAO também mostrou uma forte atividade na fotodescoloração do corante, sendo os filmes policristalinos mais eficientes que os epitaxiais.
  • HEBERTTY VIEIRA DANTAS
  • Um sistema em fluxo para preparação de misturas gasosas e análise screening de GNV e GLP com respeito ao conteúdo de metano e propano usando espectrometria NIR e quimiometria
  • Data: 02/06/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A preocupação com os problemas ambientais impulsionaram a busca por novas fontes de energia e consequentemente provocaram um aumento no uso de combustíveis gasosos como o gás natural veicular (GNV) e gás liquefeito de petróleo (GLP). Diante dessa realidade, cresce também a demanda pelo monitoramento da qualidade e fiscalização desse tipo de combustível. Esse trabalho propõe um sistema em fluxo para a análise screening de amostras de GLP e GNV através da espectrometria no infravermelho próximo (NIR), a fim de verificar a qualidade desses combustíveis em relação a concentração de seus hidrocarbonetos majoritários, o propano e o metano, respectivamente. Para tanto, foram desenvolvidos uma célula espectrofotométrica de fluxo para gás, sete recipientes coletores de GNV e um sistema em fluxo para introdução e mistura de gases, bem como sua automação (SAIMG) e criação de um software de gerenciamento (GasMixer). Os equipamentos de manipulação gasosa e o sistemas em fluxo possibilitaram o desenvolvimento dos modelos SIMCA e SPA-LDA para análise screening de amostras de GLP e GNV. Os modelos de classificação foram construidos e testados com amostras comerciais que foram agrupadas e analisadas previamente por cromatografia gasosa. Também foram criadas misturas adulteradas de GNV com nitrogênio, ar comprimido, etano e fluido de isqueiro. As amostras de GLP foram agrupadas em duas classes distintas em função da concentração de propano, as quais foram denominadas “GLP rico” e “GLP pobre”. As amostras de GNV foram analisadas de acordo com o limite especificado para a concentração de metano, o que resultou em casos negativos (GNV !) e positivos (GNV +) quando são considerados respectivamente superiores ou inferiores aos limites estabelecidos. Os resultados demonstraram que a análise screening foi eficaz e robusta, alcançando 100% de acerto em relação as amostras de teste de GLP e GNV. Além disso, a automação do sistema em fluxo otimiza todas as etapas da análise e potencializa seu uso em aplicações futuras.
  • ROSA VIRGINIA TAVARES GRANGEIRO
  • Avaliação dos tratamentos oxidativos avançados em água de lavagem de biodiesel e ensaio de fitotoxidade
  • Data: 09/05/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Diante da crescente tendência de se explorar os biocombustíveis como a fonte de energia renovável e com menor impacto ambiental e considerando que a transesterificação pela catálise básica é a mais utilizada na purificação do biodiesel, torna-se relevante realizar tratamentos visando à reutilização da água de lavagem do biodiesel. Neste sentido, o objetivo deste trabalho foi aplicar e comparar aFotólise (UV)seguidados tratamentos oxidativos avançados; UV/H2O2; Fenton (Fe2+/H2O2) e foto-Fenton (Fe2+/UV/H2O2), bem como realizar ensaios de toxicidade usando sementes de alface (lactuca sativa), antes e após o tratamento dos efluentes. A água de lavagem foi coletada na usina de biodiesel localizada na cidade de Caetés – PE. O biodiesel obtido a partir do óleo de algodão foi lavado, sequencialmente, com duas porções de cem litros de água. Foram encontrados valores de pH de 3,8 e 3,4; a turbidez apresentou valor mínimo de 158 e máximo de 7369 UNT; a CE foi de 0,25 e 0,86; o valor mínimo de 160.000 e máximo de 184.000 mg.L-1de DQO; a DBO variou de 830 a 2.150 mg.L-1 e o teor de óleos e graxas oscilaram de 2.852 a 21.761 mg.L-1, respectivamente, para água de primeira e segunda lavagem. Após a aplicação do processo por fotólise, ocorreu redução (82,6% e 72,5%) da turbidez para as águas resultantes das duaslavagens. Para a água da primeira lavagem, o tratamento por UV/H2O2 resultou na melhor redução da turbidez (91,4%) e DQO (70,4%). Para a água resultante da segunda lavagem a turbidez reduziu em (84%) e a DQO em (80%), determinadas pelo processo de foto-Fenton.Através dos testes de toxicidade utilizando sementes de alface, ficou comprovado que o melhor IG% ocorreu nos tratamentos por fotólise (95,3%) e UV/H2O2 (92,8%).
  • MARCO AURELIO RODRIGUES DE MELO
  • Avaliação dos parâmetros de biodiesel e blendas durante armazenamento.
  • Data: 09/05/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O trabalho objetivou sintetizar, armazenar e monitorar os biodiesel proveniente da transesterificação homogênea alcalina do óleo de soja e mamona via rota metílica, bem como avaliar a indução oxidativa pela norma EN14112 e pelo método PetroOxy durante o período de 120 dias. Observou-se o comportamento dos biodiesel inseridos em blendas nas proporções de 20, 30, 40 e 50% v/v de biodiesel de mamona ao biodiesel de soja denominadas de M20, M30, M40 e M50 (em recipientes de aço-carbono fechado). Conforme análises físico-químicas, as especificações para ambos biodiesel e blendas satisfizeram as exigências dos limites permitidos pelo Regulamento Técnico nº 14/2012 da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), com exceção das análises de estabilidade oxidativa (M0, M20, M30 e M40), do índice de acidez após 60 dias (M50), após 90 dias (M40 e M50), após 120 dias (M100) e da viscosidade cinemática (M40, M50 e M100) que apresentaram valores fora dos limites estabelecido pela norma. As propriedades fluido-dinâmicas apresentaram comportamentos semelhantes para os biodiesel metílicos e blendas, assim, nestas concentrações o biodiesel metílico de mamona atua como um aditivo natural ao biodiesel metílico de soja. O Número de cetano (NC) apresentou-se maior para o biodiesel metílico de soja. A medida que o tempo de armazenamento aumenta o número de cetano eleva-se. Esses valores seguem a tendência de estabilidade oxidativa dos métodos Rancimat e PetroOxy. Através do método EN 14112 verificou-se que a blenda M50 é mais resistente ao processo de oxidação durante armazenamento de 120 dias sobre condições de estocagem.
  • ALINE SANTOS DE PONTES
  • Desenvolvimento de um fotômetro LED-Vis portátil e microcontrolado por Arduino
  • Data: 28/04/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Um fotômetro portátil e de baixo custo é proposto neste trabalho. Esse instrumento utiliza um diodo emissor de luz (LED-Light Emitting Diode) tricolor como fonte de radiação nos comprimentos de onda do máximo de emissão de 480 (azul), 534 (verde) e 630 nm (vermelho. Além disso, emprega um fototransistor com sensibilidade espectral na região do visível como fototransdutor, bem como um microcontrolador Arduino como unidade de controle. Seu desempenho analítico foi avaliado por meio de análises quantitativas baseadas em curvas analíticas, cujos modelos foram validados por meio de análise de Variância (ANOVA). O instrumento foi aplicado à determinação do corante amarelo crespúsculo em amostras de refrigerantes e bebidas energéticas e de permanganato de potássio em amostras de medicamentos. Para fins de comparação, um espectrofotômetro comercial foi empregado para construir as curvas analíticas do instrumento de referência. Aplicando o teste t-emparelhado ao nível de 95% de confiança para os resultados de concentração obtidos com os dois instrumentos, observa-se que não houve diferença estatisticamente significativa. Ademais, resultados precisos nas estimativas das concentrações dos analitos foram obtidos sendo atestado pelo baixo desvio padrão relativo conjunto de 0,2 e 0,5%, respectivamente, para o corante e permanganato. O fotômetro proposto pode ser uma alternativa economicamente viável para análises espectrométricas, sobretudo, em laboratórios de ensino com poucos recursos financeiros e carentes de pessoal altamente qualificado.
  • MARCELO BATISTA DE LIMA
  • Determinação quimiluminescente de ferro em óleos usando um sistema fluxo-batelada com extração em fase única, pontos quânticos de CdTe e imagens digitais.
  • Data: 25/04/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho de pesquisa foi desenvolvido um novo método quimiluminescente em fluxo-batelada para determinação de ferro total em matrizes viscosas (óleo comestível, óleo lubrificante e biodiesel) empregando pontos quânticos de telureto de cádmio (PQs de CdTe) com detecção por imagens digitais via webcam. O método analítico proposto inclui uma nova estratégia de pré-tratamento da amostra que consiste na disponibilização on-line do ferro total por meio de extração ácida em fase única. Além do pré-tratamento automático, uma nova estratégia para emissão quimiluminescente foi desenvolvida, através da qual todo o analito disponível foi oxidado para Fe(III) na presença de íons dicromato e reduzido para Fe(II) mediante o processo de oxidação direta dos PQs de CdTe, o que permitiu promover a emissão quimiluminescente desses nanocristais. A influência do tamanho e concentração dos PQs nesse sistema foi avaliada revelando uma maior sensibilidade e seletividade para os cristais obtidos de menor dimensão (1,65 nm). Concernente ao sistema automático fluxo-batelada uma nova câmara de mistura foi desenvolvida em politetrafluoretileno (PTFE) provida de janelas de quartzo com o objetivo de permitir detecções luminescentes on-line. Um novo programa de gerenciamento do sistema automático foi desenvolvido permitindo uma rápida aquisição e eficiente tratamento das imagens digitais, sem a necessidade de empregar qualquer outro programa para o tratamento da informação obtida. Para a construção da curva analítica foi utilizado um modelo matemático baseado nos valores de cor RGB, sendo assim, considerada a norma dos vetores como resposta. O limite de detecção e o desvio padrão relativo foram calculados em 0,66 μg L–1 e < 1,5 % (n = 3), respectivamente. A análise de interferentes foi realizada com êxito para os principais íons presentes em solução, não revelando interferência percentual significativa (≤ 5%). A exatidão do método foi avaliada através do teste de recuperação (97,5 – 103,3 %). A robustez do método foi avaliada por comparação intra- e inter-dia dos resultados obtidos e empregando o método de referência com detecção por absorção atômica em forno de grafite em um nível de 95% de confiança estatística. Por fim, o sistema apresentou frequência analítica bastante satisfatória (43 h–1) e redução considerável do consumo de produtos químicos. Desta forma, é demonstrado de modo apreciável a viabilidade do novo método quimiluminescente, permitindo assim, o desenvolvimento de novas estratégias analíticas potencialmente úteis empregando pontos quânticos, automação e imagens digitais.
  • ERIKA MARIA GOUVEIA DE MELO
  • Um Método Espectrofotométrico para Quantificação de Furfural em Cachaças por Extração Líquido-Líquido.
  • Data: 21/03/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Um método simples e rápido para determinação de furfural em cachaças por extra-ção líquido-líquido (LLE) é proposto. As técnicas de extração e/ou pré-concentração permitem que analitos sejam determinados por meio da separação de componen-tes da amostra devido, principalmente, às diferenças de solubilidade que possibi-litam a separação de um ou mais componentes da matriz por meio do contato e agitação mecânica de um solvente imiscível ou pouco miscível na matriz. O compo-nente a ser separado (analito) deve solúvel neste solvente. No método proposto, são misturadas quantidades iguais de amostra/padrão e de clorofórmio, esta mis-tura é agitada mecanicamente por cerca de 2 minutos, formando uma emulsão. Após isto, espera-se mais um minuto para haver a completa separação de fases. Uma vez que o analito encontra-se no solvente extrator (clorofórmio), este foi separado da mistura e submetido à análise espectrofotométrica na região do UV (em 279 nm). A estabilidade da solução padrão de furfural e o descarte dos resí-duos foram avaliados. A viabilidade do método LLE foi avaliada na determinação de furfural em amostras de cachaça. O método proposto foi comparado com o método baseado na cromatografia gasosa com detector de ionização de chama (GC-FID), nenhuma diferença estatística entre os resultados foi observada. O método LLE mostrou-se sensível, exato e preciso com recuperações na faixa de 102 a 109%, faixa linear de 0,2 a 8 mg 100 mL-1, limites de detecção e quantificação de 0,0118 mg 100mL-1 e 0,0203 mg 100mL-1, respectivamente, fator de repetitividade de 0,026. A metodologia de LLE foi validada e aplicada com sucesso na análise de oito amostras de cachaças demonstrando assim, a viabilidade e confiabilidade do método. Os teores de furfural, nas cachaças analisadas, variaram de 0,4 a 1,1 mg 100 mL-1, estando pois, as bebidas analisadas, dentro do limite, de 5 mg 100 mL-1, estabelecido pela legislação.
  • ERIKA MARIA GOUVEIA DE MELO
  • Um Método Espectrofotométrico para Quantificação de Furfural em Cachaças por Extração Líquido-Líquido.
  • Data: 21/03/2014
  • Mostrar Resumo
  • Um método simples e rápido para determinação de furfural em cachaças por extra-ção líquido-líquido (LLE) é proposto. As técnicas de extração e/ou pré-concentração permitem que analitos sejam determinados por meio da separação de componen-tes da amostra devido, principalmente, às diferenças de solubilidade que possibi-litam a separação de um ou mais componentes da matriz por meio do contato e agitação mecânica de um solvente imiscível ou pouco miscível na matriz. O compo-nente a ser separado (analito) deve solúvel neste solvente. No método proposto, são misturadas quantidades iguais de amostra/padrão e de clorofórmio, esta mis-tura é agitada mecanicamente por cerca de 2 minutos, formando uma emulsão. Após isto, espera-se mais um minuto para haver a completa separação de fases. Uma vez que o analito encontra-se no solvente extrator (clorofórmio), este foi separado da mistura e submetido à análise espectrofotométrica na região do UV (em 279 nm). A estabilidade da solução padrão de furfural e o descarte dos resí-duos foram avaliados. A viabilidade do método LLE foi avaliada na determinação de furfural em amostras de cachaça. O método proposto foi comparado com o método baseado na cromatografia gasosa com detector de ionização de chama (GC-FID), nenhuma diferença estatística entre os resultados foi observada. O método LLE mostrou-se sensível, exato e preciso com recuperações na faixa de 102 a 109%, faixa linear de 0,2 a 8 mg 100 mL-1, limites de detecção e quantificação de 0,0118 mg 100mL-1 e 0,0203 mg 100mL-1, respectivamente, fator de repetitividade de 0,026. A metodologia de LLE foi validada e aplicada com sucesso na análise de oito amostras de cachaças demonstrando assim, a viabilidade e confiabilidade do método. Os teores de furfural, nas cachaças analisadas, variaram de 0,4 a 1,1 mg 100 mL-1, estando pois, as bebidas analisadas, dentro do limite, de 5 mg 100 mL-1, estabelecido pela legislação.
  • DAYVISON RIBEIRO RODRIGUES
  • ESTUDO ELETROQUÍMICO DE COMPOSTOS DO TIPO MELEN/MELOFEN E ALGUNS DE SEUS COMPLEXOS
  • Data: 07/03/2014
  • Mostrar Resumo
  • Recentemente, novos compostos do tipo base de Schiff, analogos estruturais aos classicos salens e salofens, foram obtidos a partir da condensacao do acido de Meldrum (ou seus derivados) com uma diamina (etilenodiamina ou orto-fenileno-diamina), fornecendo compostos denominados melens ou melofens. Os melofens tem sido utilizados como ligantes a fim de formar complexos metalicos analogos aos salofens, visando sua aplicacao em catalise biomimetica. Neste trabalho e apresentada a caracterizacao eletroquimica de quatro ligantes (H2melen, H2Cy2melen, H2melofen e H2Cy2melofen) e dois complexos (MnII(Cy2melofen) e NiII(melofen)) em meio aprotico (DMF), empregando carbono vitreo como eletrodo de trabalho, mediante a aplicacao de tecnicas voltametricas. O H2melen e o H2Cy2melen apresentaram comportamentos semelhantes exibindo uma reducao irreversivel envolvendo um eletron (1e-). O mecanismo proposto para esses compostos envolve uma etapa de dimerizacao. O H2melofen e o H2Cy2melofen apresentaram comportamentos semelhantes exibindo duas reducoes e duas oxidacoes irreversiveis, onde em um dos processos ocorre adsorcao do reagente e do produto. O complexo MnII(Cy2melofen) apresentou um unico processo redox quase-reversivel centrado no metal MnIII/MnII, o qual envolve 1e-. O NiII(melofen) apresentou quatro processos, sendo um quase-reversivel (1e-) e os demais irreversiveis envolvendo um total de 5e-. Todos os potenciais foram corrigidos frente o par redox do ferroceno (Fc/Fc+), e o efeito da adicao de acidos e bases ao meio e discutido.
  • DAYVISON RIBEIRO RODRIGUES
  • ESTUDO ELETROQUÍMICO DE COMPOSTOS DO TIPO MELEN/MELOFEN E ALGUNS DE SEUS COMPLEXOS
  • Data: 07/03/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Recentemente, novos compostos do tipo base de Schiff, análogos estruturais aos clássicos salens e salofens, foram obtidos a partir da condensação do ácido de Meldrum (ou seus derivados) com uma diamina (etilenodiamina ou orto-fenileno-diamina), fornecendo compostos denominados melens ou melofens. Os melofens têm sido utilizados como ligantes a fim de formar complexos metálicos análogos aos salofens, visando sua aplicação em catálise biomimética. Neste trabalho é apresentada a caracterização eletroquímica de quatro ligantes (H2melen, H2Cy2melen, H2melofen e H2Cy2melofen) e dois complexos (MnII(Cy2melofen) e NiII(melofen)) em meio aprótico (DMF), empregando carbono vítreo como eletrodo de trabalho, mediante a aplicação de técnicas voltamétricas. O H2melen e o H2Cy2melen apresentaram comportamentos semelhantes exibindo uma redução irreversível envolvendo um elétron (1e-). O mecanismo proposto para esses compostos envolve uma etapa de dimerização. O H2melofen e o H2Cy2melofen apresentaram comportamentos semelhantes exibindo duas reduções e duas oxidações irreversíveis, onde em um dos processos ocorre adsorção do reagente e do produto. O complexo MnII(Cy2melofen) apresentou um único processo redox quase-reversível centrado no metal MnIII/MnII, o qual envolve 1e-. O NiII(melofen) apresentou quatro processos, sendo um quase-reversível (1e-) e os demais irreversíveis envolvendo um total de 5e-. Todos os potenciais foram corrigidos frente o par redox do ferroceno (Fc/Fc+), e o efeito da adição de ácidos e bases ao meio é discutido.
  • JULYS PABLO ATAYDE FERNANDES
  • Desenvolvimento de um de fotômetro de chama portátil
  • Data: 06/03/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os fotômetros de chama comerciais necessitam de um sistema de gases dedicado e possuem massa e volume consideráveis, ou seja, não são portáteis. O presente trabalho, diante do exposto, propõe-se a mostrar o desenvolvimento de um protótipo de fotômetro de chama portátil pelo uso de um isqueiro maçarico como atomizador, com sistema de alimentação de gases interno e gerenciado por um dispositivo móvel Android. O controle interno do protótipo bem como o processamento de sinal foram realizados por um Arduino Uno. Um aplicativo para o dispositivo móvel foi desenvolvido no App Inventor, ambiente de programação criado e mantido pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts. A nebulização se deu por cavitação ultrassônica em um humidificador de baixa potência o qual produz um aerossol de amostra constituído por gotículas de raio muito pequeno. O fluxo de aerossol inicialmente turbulento precisou ser amortecido antes de sua introdução no queimador. Testes iniciais com soluções de calibração de K+ resultaram numa curva analítica validada utilizando-se a Análise de Variância e os limites de detecção e de quantificação foram determinados. No entanto otimizações ainda precisam ser feitas no sistema de nebulização e transporte de aerossol para a melhoria de sua eficiência e para a minimização de intercontaminação de amostras durante as medidas.
  • ISRAEL FERREIRA DA COSTA
  • COMPLEXOS DE ÍONS LANTANÍDEOS COM EDTA COVALENTEMENTE LIGADOS À SUPERFÍCIE DA QUITOSANA: PREPARAÇÃO E SENSIBILIZAÇÃO DA LUMINESCÊNCIA POR LIGANTES β-DICETONATOS
  • Data: 28/02/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • No presente trabalho são relatadas as preparações, caracterizações e a investigação das pro-priedades fotoluminescentes de novos matérias híbridos contendo complexos de EDTA de íons lantanídeos (Eu3+, Gd3+ e Tb3+) covalentemente ligados às superfícies das matrizes de qui-tosana de baixo (QPB) e médio (QPM) pesos moleculares, precursoras e previamente reticulada com epicloridrina (EPH). Os materiais foram preparados através das reações entre a solução de dianidrido de EDTA em 2-metilpirolidone e as superfícies de quitosana a temperatura de aproxi-madamente 60oC, enquanto os complexos foram obtidos pela reação das matrizes resultantes deste processo com as soluções dos cloretos dos íons Ln3+. Os novos materiais luminescentes foram definidos pelas seguintes fórmulas: QPB-EDTA-Ln-L, QPM-EDTA-Ln-L, QPB-EPH-EDTA-Ln-L e QPB-EPH-EDTA-Ln-L, em que L = H2O e os ligantes dicetonatos (ACAC, BZAC, DBM e TTA). Todas as matrizes foram caracterizadas por análises elementar de C, H e N, espectroscopia de absorção na região do IV e análises termogravimétricas TG/DTG. Os dados de análises ele-mentares evidenciaram um aumento no processo de funcionalização com o EDTA nas superfícies reticuladas, quando comparadas com as precursoras. Os espectros IV apresentaram as prin-cipais bandas do ligante EDTA evidenciando a eficiência no processo de funcionalização das superfícies. As curvas TG/DTG demostraram que os materiais decompõem em aproximadamente duas etapas: a primeira correspondente ao processo de desidratação (50-150oC) e a segunda etapa associada à decomposição dos anéis glicopiranosídicos do biopolímero. Os dados de TG/DTG indicaram ainda uma diminuição na estabilidade térmica dos materiais funcionalizados, quando comparado com as matrizes precursoras. Os novos materiais contendo os íons lan-tanídeos exibem altas intensidades de luminescência. Os espectros de emissão dos materiais contendo os íons Eu3+ e Tb3+ foram caracterizados pelas transições intraconfiguracionais-4fN, 5D0 7FJ e 5D4 7FJ (J= 0-6), respectivamente. Bandas largas da matriz polimérica também foram observadas nos espectros de emissão, no entanto, suas intensidades diminuem significativamente nos sistemas com ligantes dicetonatos, na mesma ordem esperada de aumento no efeito antena. Os valores dos parâmetros de intensidade 2 e 4 dos complexos de Eu3+ nas superfícies mostraram pouca variação com a substituição das moléculas de água pelos ligantes dicetonatos, sugerindo que o ambiente químico é dominado pelo ligante EDTA. Os valores das taxas Arad dos sistemas híbridos contendo os ligantes dicetonatos foram maiores que aqueles dos compostos contendo o ligante H2O. Já os valores das taxas Anrad apresentaram comportamento contrário. Esses dados contribuíram para um aumento nos valores de eficiência quântica de emissão (). Finalmente, os resulta-dos obtidos evidenciam que as superfícies biopoliméricas apresentam grande potencialidade de aplicações em dispositivos moleculares conversores de luz (DMCL).
  • PEDRO HENRIQUE MORAES DE ARAUJO
  • Obtenção de Bioquerosene de Aviação “Drop in” por Pirólise Rápida e Desoxigenação Catalítica a partir do Licuri (Syagrus coronata)
  • Data: 28/02/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A cada ano, aumenta-se o incentivo para o uso de biocombustíveis, com objetivo de reduzir as emissões de gases que agravam o efeito estufa. A indústria da aviação investe cada vez mais no desenvolvimento dos biocombustíveis do tipo "drop in", na forma do bioquerosene, os quais mantêm a composição original, evitando modificações nos motores das aeronaves. Além disso, existe a meta de reduzir pela metade a emissão de CO2 até 2050 em relação aos valores de 2005. No entanto, um problema recorrente da produção desses novos combustíveis, os quais derivam de óleos vegetais, é a concorrência com a indústria alimentícia. Logo, buscam-se matérias-primas que se encaixam nos parâmetros da sustentabilidade – benefícios sociais, ambientais e econômicos – e que não sejam utilizados na alimentação, gerando os biocombustíveis de segunda geração. Nesse sentido, o licuri (Syagrus coronata), cuja amêndoa é muito rica em óleo, com aproximadamente 38% em massa, apresenta-se com forte potencial para produção de biodiesel e bioquerosene, uma vez que o ácido láurico é majoritário em sua composição. Nesse trabalho, verificou-se a qualidade do perfil térmico e oxidativo do óleo e biodiesel metílico de licuri. Através das reações de pirólise rápida, na qual foram obtidos olefinas, cujos hidrocarbonetos se encaixam na faixa do querosene, constatou-se o potencial para produção de bioquerosene. Assim, a partir da reação de desoxigenação catalítica do biodiesel utilizando o catalisador Pd/C, obteve-se conversão de até 42,51%, com seletividade para hidrocarbonetos na faixa do querosene de aviação de 10,82%, na busca por uma rota alternativa e mais viável para produção do bioquerosene.
  • ARNAYRA SONAYRA DE BRITO SILVA
  • Síntese e caracterização de KNbO3 aplicado na fotodegradação de remazol amarelo ouro em solução aquosa
  • Data: 27/02/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O niobato de potássio, KNbO3, é uma perovskita ortorrômbica que apresenta propriedade ferroelétrica, óptica, além da sua utilização em fotocatálise heterogênea. O presente trabalho consiste em duas etapas – a síntese de niobato de potássio e a sua avaliação na fotodegradação do corante Amarelo Remazol Ouro (RNL). A síntese do KNbO3 foi realizada pelo método dos precursores poliméricos e os catalisadores foram caracterizados por difratometria de raios-X (DRX), espectroscopia na região do infravermelho (IV), espectroscopia na região do ultravioleta visível (UV-Vis) e análise de área superficial. Os resultados de DRX mostraram que as perovskitas apresentaram uma organização a longo alcance, e houve uma diminuição da fase secundária (K4Nb6O17). Os espectros de IV confirmaram esses dados ao apresentarem uma redução das bandas referentes às vibrações curtas com caráter de dupla ligação do Nb=O. Os valores de área superficial foram menores com o aumento da temperatura. O fotocatalisador foi aplicado na descoloração do corante remazol amarelo ouro (RNL) e os parâmetros utilizados foram: o tempo de radiação (2 e 4 h), a quantidade de catalisador (5 ou 20 mg) e a variação do pH (3 e 6). Observou que um maior tempo de radiação, uma quantidade menor de catalisador e menor pH favoreceram uma melhor eficiência fotocatalítica, obtendo um resultado de 55% de descoloração. Um estudo comparativo foi feito com a temperatura de 700 ºC, como o melhor resultado obtido nos testes anteriores, e observou uma eficiência fotocatalítica de 67 % de descoloração.
  • ANNA LUIZA BIZERRA DE BRITO
  • CLASSIFICAÇÃO DE ALFACES E BARRAS DE CEREAIS A PARTIR DA ESPECTROSCOPIA NIR E ANÁLISE DISCRIMINANTE LINEAR
  • Data: 03/02/2014
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A busca por uma melhor qualidade de vida tem levado ao aumento do consumo de alimentos com menos calorias, ricos em fibras e vitaminas, e obtidos de formas de cultivo diferenciadas. Em meio a esses alimentos, encontram-se as barras de cereais e as alfaces, que são alimentos de fácil acesso, muito consumidos e que possuem altos valores nutricionais. Como qualquer outro alimento, necessitam de métodos eficientes que possam assegurar sua qualidade. Assim, surge a necessidade de métodos analíticos rápidos, precisos e de baixo custo, que possam ajudar a identificar e classificar com segurança a esses alimentos. Dentro desta perspectiva, este trabalho faz uso da Espectroscopia no Infravermelho Próximo (NIR) aliada a Análise Discriminante Linear (LDA) para classificar amostras de barras de cereais e alfaces. Um total de 121 amostras de barras de cereais, de três tipos distintos (convencional, diet e light) e 104 amostras de alface de três diferentes tipos de cultivo (convencional, orgânico e hidropônico) foi utilizado. A aquisição dos espectros foi feita no equipamento Spectrum 400 (Perkin Elmer) com acessório NIRA (Near Infrared Reflectance Acessory) na faixa de 10.000 a 4.000 cm-1. Modelos de classificação foram construídos através da associação da LDA e algoritmos de seleção de variáveis: Stepwise (SW), Algoritmo das Projeções Sucessivas (SPA) e Algoritmo Genético (GA). Estratégias de pré-processamento de dados foram avaliadas e a eficiência dos modelos foi determinada em relação à taxa de classificação correta (TCC), para o conjunto total das amostras e para o conjunto de teste. Para as duas matrizes o modelo que gerou um melhor TCC foi o GA-LDA com valor de 95% para matriz das barras de cereais e 97,1% para matriz das alfaces, ambos baseados no conjunto total das amostras (treinamento, validação e teste). Em relação ao conjunto de teste os modelos apresentaram resultados de TCC com desempenho de 90,3% e 95,4% para as matrizes das barras de cereais e alfaces respectivamente.
2013
Descrição
  • MARIA LINS DE MEDEIROS
  • AVALIAÇÃO DA EFICIÊNCIA DO EXTRATO DE ALECRIM NO CONTROLE DA ESTABILIDADE OXIDATIVA DE BIODIESEIS
  • Data: 13/12/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Biodiesel é suscetível a processos oxidativos devido a vários fatores, incluindo a presença de oxigênio, calor, luz, enzimas, traços de metais e outros. A estabilidade à oxidação é um importante critério de qualidade para o biodiesel. As indústrias têm usado antioxidantes sintéticos em óleos e gorduras alimentares, de forma eficaz, para retardar o processo oxidativo. Contudo, estes antioxidantes não mostraram a mesma eficácia, tal como aplicado biodiesel. Este fato demonstra a necessidade de pesquisas sobre os aditivos que garantem a sua estabilidade oxidativa, principalmente por longo de um período de armazenamento. Neste estudo, foram utilizados extratos de alecrim e antioxidantes sintéticos para melhorar o desempenho do biodiesel etílico de soja (BS), produzido no laboratório, e o biodiesel metil de algodão comercial (BC). Além disso, as amostras de BC, com formulações antioxidantes foram armazenados durante 90 dias em depósitos de aço carbono, de acordo com as especificações do INT (Instituto Nacional de Tecnologia). Os resultados mostraram que os extratos de alecrim e os antioxidantes sintéticos foram capazes de proteger os processos oxidativos no biodiesel. O BS adicionado com extratos de alecrim (hexano, clorofórmio, etanólico e acetato de etila), terc-butil-hidroquinona (TBHQ) e as misturas binárias destes antioxidantes com o ácido cítrico mostraram que o período de indução (PI) atenderam as especificações exigidas pela ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis). Durante o armazenamento do BC foi observada a melhor estabilidade oxidativa de biodiesel adicionado com TBHQ e com a mistura de extrato de alecrim com TBHQ. Estes antioxidantes protegem o biodiesel por 90 dias, enquanto que o extrato etanólico de alecrim protegeu por 60 dias e o antioxidante sintético BHT não cumpriu aos parâmetros estabelecidos pela ANP. As formulações dos extratos de alecrim com o antioxidante sintético TBHQ corrigiram a estabilidade oxidativa, tanto do biodiesel de soja quanto do biodiesel de algodão, por conseguinte, os extratos de alecrim podem ser considerados promissores para manter a qualidade do biodiesel. Além disso, o perfil térmico obtido por análise termogravimétrica mostrou que o extrato etanólico de alecrim pode ser considerado um termoestável, uma vez que mostrou uma perda de massa de apenas 6% acima de 190 ° C.

  • VICTOR HUGO E ARAÚJO PINTO
  • Mn(III)-porfirinas como catalizadores biométricos: estabilidade térmica e imobilização em vermiculitas e sílica gel funcionalizada para hidroxilação em alcanos
  • Data: 29/11/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • 100 oC) leva à desalquilação e compromete as propriedades catalíticas ebiológicas da amostra. O desenvolvimen-to de modelos biomiméticos dos citocromos P450 pela heterogeneização covalente das Mn-porfirinas (MnPs) neutras MnT-X-PyPCl (X = 2, 3, 4) na sílica cloropropil (Sil-Cl) e pela heterogeneização eletrostática das MnPs catiônicas MnTM-X-PyPCl5 (X = 2, 3, 4) na vermiculita de sódio (verm) foi estudado. Os materiais resultantes, Sil-Cl/MnT-X-PyPCl e verm/MnTM-X-PyPCl5 (X = 2, 3, 4), foram empregados como catalisadores em reações de hidroxilação de cicloexano e adamantano por iodosilbenzeno (PhIO). Os catalisadores heteroge-neizados foram mais eficientes, seletivos e resistentes à destruição oxidativa do que os catalisadores em meio homogêneo, e foram reutilizados por três vezes sem perda significativa na eficiência catalítica. Sob condições mais drásticas, com o uso de grande excesso de PhIO, há diminuição considerável da eficiência, mas os catalisadores imobilizados puderam ser reutilizados com recuperação parcial da eficiência, o que indica que o suporte exerce proteção das MnPs contra degradação oxidativa. Os catalisadores heterogeneizados foram eficientes ao catalisar a oxidação do cicloexanol à cicloexanona, sugerindo que a cetona observada nas hidroxilações pode advir da oxidação seqüencial, cicloexano-cicloexanol-cicloexanona. A ligação covalente entre a Sil-Cl e as MnPs via grupo N-piridil possibilitou a obtenção de catalisadores eficientes e estáveis, mesmo utilizando MnPs simples de primeira geração, MnT-X-PyPCl (X = 2, 3,4). Já a vermiculita mostrou-se um suporte simples e efetivo para imobilização rápida e quantitativa de MnPs catiônicas, MnTM-X-PyPCl5 (X = 2, 3, 4). A pulverização dos materiais à base de vermiculita diminuiu a cristalinidade dos sistemas, promoveu um aumento na eficiência dos isômeros meta e para (verm/MnTM-X-PyPCl5, X = 3 e 4), mas não modificou a alta eficiência do isômero orto imobilizado (verm/MnTM-2-PyPCl5), cuja resistência à destruição oxidativa e/ou lixiviação foi superior à dos outros isômeros.
  • MARILIA GABRIELA BELARMINO CABRAL
  • Síntese e estudo das propriedades térmicas e óticas de cristais líquidos contendo o heterociclo 1,2,4-oxadiazol
  • Data: 11/10/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Com o intuito de entender quais fatores estruturais influenciam a exibição do fenômeno líquido cristalino, duas séries de moléculas baseadas na estrutura 3,5-diaril-1,2,4-oxadiazol foram sintetizadas e suas propriedades térmicas e óticas foram investigadas. As moléculas-alvo continham uma longa cadeia alifática em uma das extremidades e grupos polares e/ou polarizáveis na outra (NO2, F, Cl, Br, I) e suas estruturas foram caracterizadas por técnicas espectrométricas de IV, RMN 1H e 13C. Os estudos das propriedades óticas foram realizados através de seus espectros de absorção UV-vis e emissão em solução. Resultados indicaram que a transição principal envolvida na absorção de luz é π-π*, revelando a conjugação direta do heterociclo 1,2,4-oxadiazol. As propriedades térmicas dos compostos finais foram estudadas através de MOLP, DSC e difração de raios-X. Todos compostos finais apresentaram fases líquido cristalinas, em especial SmA e N. Destacam-se os compostos contendo grupo NO2, os únicos que apresentaram mesofases enantiotrópicas com ampla faixa (40°). Os compostos com substituinte halogênio exibiram apenas fases líquido cristalinas monotrópicas, que são por natureza, metaestáveis. Os resultados confirmam a importância de um alto momento dipolar em uma das extremidades da molécula para geração de nanoestruturas lamelares. Neste trabalho, também exploramos o tamanho da cadeia, onde a série com a maior cadeia exibiu apenas mesofases lamelares, mais organizadas. Além disso, os compostos apresentaram fases líquido cristalinas que exibiram alinhamento homeotrópico espontâneo e boa estabilidade térmica (temperatura de decomposição em torno de 320°C).
  • ANDRE LUIZ MENEZES DE OLIVEIRA
  • Síntese e Caracterização de pós e filmes finos de SrSn1-xTixO3 (x = 0; 0,25; 0,50; 0,75 e 1,0)
  • Data: 07/10/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O estanato (SrSnO3) e o titanato de estrôncio (SrTiO3) são óxidos do tipo perovskita que apresentam estrutura ortorrômbica (Pbnm) e cúbica (Pm3m), respectivamente. Estes materiais têm recebido bastante atenção nos últimos anos devido às suas características físicas e químicas interessantes, levando à diferentes tipos de aplicações tecnológicas. Portanto, estes dois materiais foram combinados com intuito de obter uma solução sólida, SrSn1-xTixO3, na forma de pós e filmes finos. Em relação aos pós, esta solução sólida apresentou transições de fase sucessivas com o aumento da quantidade de Ti4+ no sistema, passando de uma estrutura ortorrômbica à tetragonal levando à cúbica. Estas transições foram observadas através de difração de raios-X e refinamento Rietveld, e confirmadas por espectroscopia vibracional Raman. Os diferentes tipos de estrutura cristalina das composições da solução sólida levaram a diferentes propriedades fotoluminescentes no espectro visível, variando a região de emissão de mais baixa à mais alta energia com o aumento de Ti4+ na estrutura, ou seja, passando da estrutura ortorrômbica (SrSnO3), tetragonal (SrSn0,75Ti0,25O3) até à cúbica (SrSn0,50Ti0,50O3, SrSn0,25Ti0,75O3 e SrTiO3). Estas emissões foram provavelmente favorecidas pelos tipos de defeitos específicos criados dentro do band gap destes materiais. Por outro lado, os filmes finos deste sistema apresentaram diferentes tipos de crescimento os quais são associados à natureza cristalina dos substratos, composição dos filmes e com o método de deposição utilizado (método de deposição química em solução - CSD - e método de deposição por laser pulsado – PLD). Os filmes depositados sobre sílica e safira-R (Al2O3-012) apresentaram como policristalinos (crescimento aleatorio dos cristalitos), enquanto os filmes depositados por PLD apresentaram orientação preferencial (h00) (crescimento texturizado), com exceção do filme de SrTiO3 que é epitaxial rotacionado em 45º no plano da safira-R. Todos os filmes depositados através dos dois métodos de deposição sobre LAO (LaAlO3-100) apresentaram um crescimento epitaxial (h00). Além disso, as características morfológicas e as propriedades fotocatalíticas também apresentaram forte influencia dos mesmos parâmetros acima citados. Em relação às propriedades fotocatalíticas, os filmes obtidos pelo método CSD apresentaram maior eficiência que os obtidos por PLD e os filmes com composições mais ricas em Sn4+ foram os mais ativos na fotodegradação do corante azo Remazol amarelo ouro, chegando a uma eficiência fotocatalítica máxima com o filme policristalino de SrSnO3 obtido por CSD com percentagem de degradação e de descoloração de 55 e 90 %, respectivamente. A orientação dos filmes de SrSnO3 também mostrou uma forte influencia na fotodegradação do corante, sendo os filmes policristalinos com orientação aleatória mais eficiente que o texturizado e estes por sua vez mais eficientes que os epitaxiais.
  • FATIMA APARECIDA CASTRIANI SANCHES
  • Um fotômetro LED-NIR duplo feixe microcontrolado e portátil para análise screening e quantitativa de medicamentos injetáveis de forma não invasiva
  • Data: 27/09/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho foi desenvolvido um fotômetro LED-NIR duplo feixe microcontrolado e portátil para análise screening e quantitativa de medicamentos injetáveis de forma não destrutiva/não invasiva, visando investigar a conformidade desses com os valores estabelecidos na Farmacopéia Brasileira. O medicamento analisado foi a dipirona sódica injetável 1g/2mL, comercializados em ampolas de coloração âmbar. Foram realizados inicialmente estudos espectroscópicos empregando um espectrofotômetro comercial para avaliar quais as melhores regiões do espectro NIR que poderiam ser empregadas para a determinação da espécie de interesse. O instrumento desenvolvido utiliza dois LEDs-NIR com emissão de radiação nominal em 1050 ± 50 nm gêmeos (de mesmas especificações técnicas), dois fotodiodos de InGaAs também idênticos e um microcontrolador PIC18F455. Como dispositivos de saída do instrumento foram empregados o microcontrolador PIC acoplado a um display de cristal líquido 20x2, o qual também se comunica com um microcomputador portátil por comunicação USB 2.0. O instrumento foi avaliado com amostras comerciais de dipirona sódica injetável por medidas de absorbância efetuadas diretamente nas ampolas dos medicamentos injetáveis. O fotômetro foi calibrado com soluções padrão de dipirona e seu desempenho foi avaliado na análise de 600 amostras comerciais de dipirona injetável, das quais 300 apresentavam prazo de validade expirado. O instrumento obteve elevado índice de acerto para a análise screening (91%). Para determinação quantitativa do princípio ativo dipirona, uma resposta linear foi obtida [R2 = 0,9923, A = -0,0071 + 0,0038 C (% m/v)] na faixa de concentração de: 5 a 60 % m/v. Também foi obtido um baixo erro relativo conjunto (1,57 %) e boa precisão nas análises (desvio padrão relativo conjunto = 1,77%).

  • DANIEL JACKSON ESTEVAM DA COSTA
  • METOMIL: INVESTIGAÇÃO ELETROQUÍMICA E DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS VOLTAMÉTRICAS USANDO ELETRODO DE DIAMANTE DOPADO COM BORO
  • Data: 17/09/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Metomil é um inseticida carbamato amplamente empregado no controle de pragas em culturas agrícolas. É um contaminante em potencial das águas subterrâneas (meia-vida de 50 semanas) apresentando efeitos nocivos aos peixes, invertebrados aquáticos e mamíferos, sendo relatados vários casos de envenenamento humano, prejudicando o sistema nervoso central. Em geral, sua determinação analítica envolve métodos cromatográficos, fluorimétricos, espectrofotométricos de fluorescência de raios X, além do uso de biossensores amperométricos e voltametria cíclica com eletrodo de ouro, demonstrando o uso de metodologias eletroquímicas para determinação de metomil. Neste estudo se fez uso de um eletrodo de diamante dopado com boro devido às suas propriedades intrínsecas: ampla janela de potencial e baixa adsorção de moléculas orgânicas. Assim, foi estudado o comportamento eletroquímico do metomil usando VC, VOQ e VPD, sendo propostas metodologias para a determinação de metomil por VOQ e VPD. Através do estudo de pH, realizado pela técnica VPD, foram observados cinco processos de oxidação (Ep1  + 1,2 V, Ep2  + 1,6 V, Ep3  + 1,8 V, Ep4 ≈ +1,5 V e Ep5  + 0,8 vs. EAg/AgCl) em DDB catodicamente polarizado, sendo P2 mais sensível. Uma metodologia empregando VOQ foi desenvolvida, sendo as melhores condições de análise: pH 3,0 (tampão BR 0,1 mol L–1), f = 35 s–1, Es = 4 mV, Ep = 40 mV, td = 10 s e  = 1.500 rpm, obtendo uma faixa linear de 6,6 × 10–5 a 4,2 × 10–4 mol L-1, contudo esse método não apresentou recuperação aceitável para o nível de concentração de metomil estudado, conforme AOAC-I. A técnica de VPD foi utilizada como uma alternativa para a determinação de metomil. As melhores condições de análise da VPD que proporcionaram a resposta voltamétrica mais sensível foram: pH 2,0 (tampão BR 0,1 mol L–1), IT = 0,2 s, Es = 4 mV, Ep = 50 mV, td =10 s e rpm. A excelente resposta do material pré-concentrado permitiu o desenvolvimento de uma metodologia analítica com uma faixa de linearidade de 5,0 × 10-6 até 4,1 × 10-4 mol L–1 com limites de detecção e quantificação de 1,2 × 10–6 e 4,1 × 10–6 mol L–1, respectivamente. O sensor apresentou repetibilidade (DPR = 1,1%) e reprodutibilidade (DPR = 1,7%), mostrando-se viável com recuperações em torno de 87% para formulações comerciais.

  • Danielle Silva do Nascimento
  • DETERMINAÇÃO SIMULTÂNEA DE Cu, Pb, Cd, Ni, Co E Zn EM ETANOL COMBUSTÍVEL POR VOLTAMETRIA DE REDISSOLUÇÃO ADSORTIVA E CALIBRAÇÃO MULTIVARIADA
  • Data: 06/09/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho visa avaliar o uso de técnicas de calibração multivariada no desenvolvimento de uma metodologia de determinação simultânea dos metais Cu, Pb, Cd, Ni, Co e Zn em nível-traço utilizando voltametria de pulso diferencial com redissolução adsortiva (DPAdSV). Foi empregado como eletrodo de trabalho um eletrodo de gota pendente de mercúrio (HDME). Para construção do conjunto de calibração aplicou-se um planejamento de calibração de Brereton, analisando-se 25 misturas em replicata. As faixas lineares de concentração foram obtidas dos modelos univariados e avaliados pelos testes de falta de ajuste e significância de regressão por meio da análise de variância (ANOVA). As seguintes faixas lineares de concentração foram utilizadas, Cu (0,30 – 3μg L-1), Pb (1 - 10μg L-1), Cd (0,5 - 5μg L-1), Ni (0,3 - 3μg L-1), Co (0,09 – 0,5μg L-1) e Zn (0,6 - 6μg L-1). O pré-processamento dos voltamogramas consistiu em uma correção da linha de base mediante o algoritmo AsLS (mínimos quadrados assimétricos). Posteriormente, os picos de redissolução de cada analito foram alinhados usando-se o algoritmo icoshift (otimização da correlação mediante deslocamento por intervalos). Foram empregados os seguintes algoritmos de calibração: regressão por mínimos quadrados parciais (PLS) e regressão linear múltipla com seleção prévia de variáveis pelo algoritmo das projeções sucessivas (SPA-MLR). Para a validação dos modelos de calibração foram empregadas 10 misturas com concentração aleatória de cada analito, obtendo-se RMSEV entre 0,03 e 0,86 μg L-1. Como aplicação do método desenvolvido na análise de amostras reais, foi escolhida a matriz álcool etílico hidratado combustível (AEHC). Os modelos validados foram testados satisfatoriamente em amostras comerciais de AEHC de diferentes postos de gasolina de João Pessoa- PB, Brasil.
  • RAFAEL FARIAS DE OLIVEIRA
  • MODELAGEM DE PROPRIEDADES ESTRUTURAIS E ELETRÔNICAS PARA A OTIMIZAÇÃO DA BIODISPONIBILIDADE DE N-PIRIDILPORFIRINAS ATUANDO COMO MODULADORES REDOX
  • Data: 30/08/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O estresse oxidativo é uma condição biológica na qual há um desequilíbrio entre a liberação de espécies reativas e a sua captação pelos sistemas biológicos, podendo provocar a produção de peróxidos e radicais livres que danificam diferentes componentes celulares, incluindo proteínas, lipídios e o DNA. As porfirinas e seus complexos metálicos podem ser usados como mímicos da enzima superóxido dismutase (SOD) na modulação do estresse oxidativo. A eficácia in vivo das porfirinas está relacionada, entre outros fatores, com sua biodisponibilidade, que é fortemente influenciada pela lipofilicidade e pode também ser relacionada a diferentes propriedades estruturais e eletrônicas dessas moléculas. Neste contexto, o presente trabalho teve o intuito de analisar a influência de determinadas propriedades moleculares na lipofilicidade de uma série de N-piridilporfirinas, por meio de cálculos teóricos, visando fornecer informações úteis para o planejamento de novos derivados de porfirinas. Inicialmente, o logaritmo do coeficiente de partição octanol/água (log P) dessas moléculas foi estimado utilizando diferentes programas computacionais livres, bem como com base na diferença de energia livre de solvatação octanol/água, empregando a Teoria do Funcional da Densidade (DFT), com diferentes funcionais híbridos (B3LYP, M06 e M062X). A partir dos cálculos DFT foram obtidas, ainda, propriedades eletrônicas e estruturais, tais como cargas parciais atômicas, orbitais moleculares, momento de dipolo, polarizabilidade, área superficial e volume molecular. Os dados obtidos foram comparados à medida experimental de lipofilicidade disponível para esta série de porfirinas, o fator de retenção cromatográfica (Rf). Os resultados mostram que métodos tradicionais e bem estabelecidos de cálculo do log P, como os métodos fragmentais, não fornecem resultados confiáveis para as porfirinas estudadas, ao contrário dos cálculos baseados na energia livre de solvatação, que forneceram tendências semelhantes aos valores experimentais de log P de porfirinas de manganês análogas às estudadas. Além disso, os resultados obtidos sugerem que a distribuição de cargas na estrutura das porfirinas pode estar relacionada com as diferenças observadas na lipofilicidade e, consequentemente, com a passagem destas moléculas através da membrana celular. Também ficou evidente que o volume molecular está fortemente relacionado à lipofilicidade, uma vez que se observa um maior relaxamento da estrutura na fase n-octanol devido ao caráter lipofílico das longas cadeias alquílicas ligadas ao grupo piridil. Baixas correlações entre os valores de Rf e as demais propriedades moleculares calculadas foram obtidas, indicando que a lipofilicidade das porfirinas pode ser modulada apenas pelo tamanho das cadeias alquílicas e pela introdução de grupos que alterem favoravelmente a distribuição de cargas.
  • FABIO PEDROSA LINS SILVA
  • REAÇÃO DE CICLIZAÇÃO DE PRINS NA SÍNTESE DIASTEREOSSELETIVA DE 31 ANÁLOGOS MESO-TETRAIDROPIRÂNICOS: DETERMINAÇÃO DE ESTRUTURAS CRISTALINAS, ESTUDOS TEÓRICOS E AVALIAÇÃO IN VITRO DA ATIVIDADE ANTILEUCÊMICA
  • Data: 30/08/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho foi idealizado baseado no conceito de compostos aquirais/meso. A importância da preparação de compostos aquirais está baseada na sua simplificação estrutural, conduzindo a novas moléculas que não necessitam de posteriores investigações farmacodinâmicas e farmacocinéticas dos enantiômeros. Sendo assim, propomos neste trabalho a síntese de análogos tetraidropirânicos aquirais/meso utilizando a reação de ciclização de Prins. Os álcoois homoalílicos sintetizados foram provenientes da reação de Barbier obtidos em ótimos rendimentos, no qual estes produtos foram utilizados como intermediário de síntese para a preparação dos tetraidropiranos propostos. A reação de ciclização de Prins é um método eficiente na preparação dos tetraidropiranos, pois mostrou-se ser uma ferramenta de síntese poderosa e versátil para a preparação dos tetraidropiranos substituídos, obtendo-se todos os compostos sintetizados em rendimentos satisfatórios. Através de estudos espectroscópicos e cristalográficos foi possível determinar detalhadamente a configuração relativa das moléculas 40a, 41a, 44a, 45a, 46a, 46b e 48b. Além disso, foi desenvolvido um estudo teórico utilizando a teoria do funcional densidade para se obter as geometrias moleculares otimizadas em fase gasosa, tornando possível comparar estas conformações preferenciais com as geometrias definidas pelos cristais. Os tetraidropiranos sintetizados foram bioavaliados na linhagem de células leucêmicas K562 e dois tipos de células normais L929 e PBMC. Os resultados em câncer foram bastante promissores nos ensaios in vitro, dando destaque para as hidrazonas 42a-c e as aminoguanidinas 43a-c que foram os únicos compostos que se mostraram ativos contra a linhagem celular resistente K562, destacando-se o tetraidropirano 42c que apresentou maior atividade da série congênere (apresentando valor de CI50 7.59 μM) e o tetraidropirano 42b que apresentou excelente valor de IC50 (8.97 μM) e um bom índice de seletividade (2.2 em L929 e 1.6 em PBMC).
  • Maria Daisy Oliveira da Nóbrega
  • Método Automático para Determinação Fotométrica Diireta de Fe (III) em Amostras de Óleos Comestíveis
  • Data: 29/08/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste estudo, um analisador em fluxo-batelada (FBA) foi desenvolvido e seu desempenho foi avaliado na determinação de Fe (III) em óleos comestíveis sem pré-tratamento da amostra. O método utiliza a reação entre os íons Fe(III) e o tiocianato solubilizado em meio orgânico. O complexo vermelho formado foi monitorado utilizando um diodo emissor de luz (LED, λmax = 520 nm) e um fototransistor acoplados ao interior da câmara de mistura por meio de fibras ópticas. As soluções-padrão foram preparadas em linha e todas as etapas de análise foram efetuadas através de simples alterações nos parâmetros operacionais no programa de gerenciamento do sistema. Ao comparar os resultados obtidos com o método proposto e com o de referência, não foram observadas diferenças estatisticamente significativas ao se aplicar o teste t pareado com nível de confiança de 95%. Para os três tipos de amostras em estudo o desvio-padrão relativo estimado foi menor que 0,03 mg kg-1 (n = 3). A frequência analítica foi de 95 h-1, o limite de detecção foi 0,004 mg kg-1 e o limite de quantificação foi de 0,013 mg kg-1. Estudos com amostras fortificadas mostraram resultados de recuperação entre 98,4% e 104,2% para ambas as matrizes. De modo geral, o método proposto apresentou melhor desempenho analítico quando comparado com analisadores em fluxo automático anteriores. Assim, o método automático proposto é potencialmente útil como uma alternativa para a determinação de outros íons em amostras semelhantes aos óleos investigados ou em outras matrizes viscosas sem necessidade de um pré-tratamento.

  • EDUARDO ANTONIO DE LIMA
  • Analisador micro-flow-batch usando uma micro-coluna de cádmio esponjoso em linha para a determinação fotométrica de nitrato e de nitrito em laticínios
  • Data: 29/08/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste estudo, um analisador micro-flow-batch (μFBA) utilizando uma micro-coluna redutora de cádmio em linha foi desenvolvido para a determinação fotométrica de íons nitrato e nitrito em amostras de laticínios. O método empregado baseia-se na reação de Griess-Llosvay e a medição da absorbância foi realizada a 540 nm, utilizando um LED verde integrado na micro-câmara construída em resina fotopolimerizável uretano-acrilato. Inicialmente, o teor de íons nitritos natural da amostra de lacticínio é determinado na micro-câmara de mistura, enquanto que o nitrato é reduzido a nitrito na micro-coluna de cádmio esponjoso acoplada ao microssistema e posteriormente determinado na micro-câmara como nitrito. O teor de íons nitrato foi estimado a partir da diferença entre a segunda e a primeira determinação. A curva analítica para nitrato e para nitrito foi linear na faixa de trabalho de 10,0 a 100,0 μg L-1, com um coeficiente de correlação (r2) de 0,992 e 0,998, respectivamente. O limite de detecção e o desvio padrão relativo foi calculado em 0,39 μg L-1 e <1,7% (n = 5) para o nitrito, e 0,41 μg L-1 e <1,3% (n = 5) para o nitrato. Comparando-se com os métodos de referência, não foram observadas diferenças estatisticamente significativas quando se aplica o teste t pareado com nível de confiança de 95%. A exatidão do método foi avaliada através do teste de recuperação (97,7 a 102,9%). O microssistema proposto empregando a micro-coluna de cádmio esponjoso em linha apresentou portabilidade satisfatória, robustez, flexibilidade, aparelhagem simples e consumo reduzido de produtos químicos em relação aos métodos automáticos mais recentes.
  • ADENILTON CAMILO DA SILVA
  • METODOLOGIAS ANALÍTICAS PARA A IDENTIFICAÇÃO DE NÃO CONFORMIDADES EM AMOSTRAS DE ÁLCOOL COMBUSTÍVEL
  • Data: 27/08/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • No Brasil, uma das formas de comercializacao do etanol combustivel e na forma hidratada (AEHC - Alcool Etilico Hidratado Combustivel). As adulteracoes encontradas nas amostras de AEHC sao preocupantes, pois podem gerar prejuizos fiscais e a sociedade. Dentro dessa perspectiva, este trabalho propoe o desenvolvimento de novas metodologias analiticas baseadas no uso da espec-troscopia no infravermelho (proximo - NIR e medio - MIR) e Voltametria Ciclica (com eletrodo cobre), em conjunto com tecnicas quimiometricas de reconhecimento de padroes, vi-sando a identificacao das adulteracoes de AEHC com agua ou metanol. Um total de 184 amostras de AEHC, coletadas de diferentes postos de combustiveis foram analisadas. Estas amostras fo-ram divididas em tres classes: (1) nao adulteradas; (2) adulteradas com agua (0,5% a 10,0%) e (3) adulteradas com metanol (2,0% a 13,0% m.m-1). A analise por componentes principais (PCA) foi aplicada aos dados, sendo possivel verificar, principalmente, uma tendencia a formacao de agrupamentos das classes de amostras nao adulteradas e adulteradas. Modelos de classificacao foram baseados na analise discriminante linear (LDA) com previa selecao de variaveis pelos algoritmos: SPA (Algoritmo das projecoes sucessivas), GA (Algoritmo genetico), SW (Stepwise). A tecnica de PLS-DA (Analise discriminante pelos minimos quadrados parciais) tambem foi apli-cada nos dados. Avaliando os espectros MIR, 100% de acerto de classificacao foram alcancados com todos os modelos. Para os dados NIR, utilizando SPA-LDA e SW-LDA houve uma taxa de classificacao correta (TCC) de 84,4% e 97,8%, respectivamente, enquanto em PLS-DA e GA-LDA classificaram-se corretamente todas as amostras de teste. Na avaliacao dos dados voltametricos, tanto o SPA-LDA como o PLS-DA alcancaram uma TCC de 93%, mas os modelos GA-LDA e SW-LDA apresentaram melhores resultados, classificando corretamente todas as amostras de teste. Portanto, os metodos propostos sao alternativas promissoras para a identificacao, de forma rapida e segura, de adulteracao em amostras de AEHC com agua ou metanol.
  • KARLA DANIELLE TAVARES DE MELO MILANEZ
  • Classificação de óleos vegetais comestíveis usando imagens digitais e técnicas de reconhecimento de padrões
  • Data: 26/08/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta um método simples e de baixo custo, baseado na utilização de imagens digitais e técnicas de reconhecimento de padrões, para a classificação de óleos vegetais comestíveis com relação ao tipo (soja, canola, girassol e milho) e ao estado de conservação (prazo de validade expirado e não expirado). Para isso, imagens das amostras de óleos vegetais foram obtidas a partir de uma webcam e, em seguida, as mesmas foram decompostas em histogramas contendo as distribuições dos níveis de cores permitidos a um pixel. Três modelos para a cor de um pixel foram utilizados: vermelho-verde-azul (RGB), matiz-saturação-intensidade (HSI) e tons de cinza. A análise discriminante linear (LDA) foi utilizada para o desenvolvimento de modelos de classificação com base em um subconjunto reduzido de variáveis. Para fins de seleção de variáveis, duas técnicas foram utilizadas: o algoritmo das projeções sucessivas (SPA) e o stepwise (SW). Modelos baseados na análise discriminante por mínimos quadrados parciais (PLS-DA) aplicados aos histogramas completos (sem seleção de variáveis) também foram utilizados com o propósito de comparação. No estudo envolvendo a classificação com respeito ao tipo, modelos LDA/SPA, LDA/SW e PLS-DA atingiram uma taxa de classificação correta (TCC) de 95%, 90% e 95%, respectivamente. Na identificação de amostras expiradas e não expiradas, o modelo LDA/SPA foi considerado o melhor método para a classificação das amostras de óleos de girassol, soja e canola, atingindo uma TCC de 97%, 94% e 93%, respectivamente, enquanto que o modelo LDA/SW classificou corretamente 100% das amostras de milho. Estes resultados sugerem que o método proposto é uma alternativa promissora para a inspeção de autenticidade e estado de conservação de óleos vegetais comestíveis. Como vantagem, a metodologia não utiliza reagentes, a análise é rápida e procedimentos laboriosos para a caracterização química das amostras não são necessários.
  • KLEBER FIGUEIREDO DE MOURA
  • TiO2 obtido pelo método solvotermal de micro-ondas aplicado na fotodegradação de um azo-corante.
  • Data: 22/08/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O presente trabalho consiste em duas etapas – a síntese de nanopartículas de TiO2 e a sua avaliação na fotodegradação de corantes têxteis. A primeira etapa envolve a síntese dos fotocatalisadores de TiO2 pelo método solvotermal assistido por micro-ondas utilizando direcionadores com o intuito de promover novas propriedades nos materiais, acarretando em mudanças na área superficial, variações morfológicas e controle da fase cristalina. Uma maneira muito usual de produção destes materiais é o uso de surfactantes e polímeros, sendo que no presente trabalho foram utilizados quatro direcionadores, polietileno glicol (PEG 2000), sulfato de sódio dodecil (SDS), brometo de cetiltrimetilamônio (CTAB) e carboximetilcelulose (CMC). As sínteses foram preparadas utilizando uma solução etanólica de isopropóxido de titânio (1 mol/L), contendo ou não os direcionadores supracitados. As soluções foram solvotermalizadas no reator de micro-ondas em diferentes tempos de síntese (1, 30 e 60 min.), visando estudar o comportamento do material com o tempo de radiação. Foi obtidos materiais com altas áreas superficiais e diferentes morfologias com tamanho médio de partículas da ordem de 10-30 nm, os pós foram caracterizados por difratometria de raios-X (DRX), análise superficial de BET, espectroscopia na região do infravermelho (IV), espectroscopia Raman, espectroscopia na região do ultravioleta visível (UV-Vis) e microscopia eletrônica de varredura com emissão de campo (FE-MEV). A segunda etapa consiste na aplicação desses fotocatalisadores na fotodegradação do corante remazol amarelo ouro (RNL), onde observamos alta eficiência fotocatalítica do TiO2 e grande influência de propriedades como área superficial e morfológica na atividade de fotodegradação, obtendo cerca de 81% de descoloração usando o TiCMC, as reações foram realizadas utilizando um fotoreator a temperatura ambiente, com tempos de 1, 2 e 4 h sendo o corante caracterizado por espectroscopia na região do ultravioleta visível. A capacidade de fotodegradação foi comparada com a atividade fotocatalítica do TiO2 degussa P25.

  • FRANCISCO JOSE SEIXAS XAVIER
  • Bio-resolução de adutos de Morita-Baylis-Hillman mediada pela enzima Lipase CALB:bioatividade de seus enantiômeros puros.
  • Data: 21/08/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Nesse trabalho visou-se a bio-resolução cinética dos Adutos de Morita Baylis Hillman (AMBH) utilizando a Lipase CALB derivada do fungo Candida Antarctica. Inicialmente foram sintetizados três AMBH usando acrilonitrila e os respectivos o, m e p nitrobenzaldeídos. Subsequentemente os seus respectivos acetatos foram preparados em altos rendimentos, usando cloreto de acetila e TEA. Foram desenvolvidas com êxito, metodologias para a bio-resolução dos AMBH oriundos dos nitroaldeídos m e p, obtendo os enantiômeros R com excessos enantioméricos de 99,9%, determinados pela técnica de cromatografia gasosa, usando à coluna quiral beta ciclodextrina e fase móvel (N2). Porém usando as metodologias acima não foi possível a bio-resolução do AMBH derivado do o-benzaldeído. Para obter os enantiômeros S, foram feitas as reações de hidrólise dos respectivos ésteres devidamente separados por cromatografia líquida das reações de biocatálise. As reações de hidrólise foram feitas usando K2CO3 e metanol, obtendo-se os enantiômeros S com rendimentos químicos de 100% e 10% e excessos enantioméricos de 86,8% e 97,48% respectivamente. Usando o método de Mosher através da dupla derivatização os valores de deslocamentos químicos obtidos dos espectros de RMN1H geraram um NORS>0 e NORS<0, o que demonstra que a configuração absoluta do carbono assimétrico dos AMBH os quais a enzima hidrolisou é R. Os valores de [S]D oriundos dos AMBH nitroaldeídos m e p (configuração R) são +37 e +30. Os valores de [S]D dos correspondentes acetatos S são -7 e -9 respectivamente. O AMBH oriundo do m-nitroaldeído nas formas R/S, R e S foram bioavaliados in vitro. A mistura racêmica foi a que se apresentou mais efetiva sobre promastigotas de L. braziliensis, e a substância S foi a que apresentou a menor atividade. Na análise de citotoxicidade celular no macrófago sadio de murinos observou-se que a mistura racêmica foi a mais citotóxica e o S o menos citotóxico (citotoxidade apenas a partir da concentração de 40 Xg/mL) constatando que todas as substâncias avaliadas foram mais citotóxicas para o parasita do que para macrófagos.
  • MARCO ANTONIO DE ABREU VIANA
  • LIGAÇÕES DE HIDROGÊNIO USUAIS E NÃO USUAIS: UM ESTUDO COMPARATIVO DAS PROPRIEDADES MOLECULARES E TOPOLÓGICAS DA DENSIDADE ELETRÔNICA EM HCCH --- HX E HCN --- HX COM X = F, Cl, CN E CCH
  • Data: 06/08/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O objeto de estudo deste trabalho foi a ligação de hidrogênio intermolecular de dois tipos, a não-usual representada pela interação entre o acetileno e espécies HX (C2H2---HX) e a usual representada pela interação entre o ácido cianídrico e espécies HX, com X=F, Cl, CN e HCCH. Esta interação provoca mudanças nas propriedades estruturais, eletrônicas e vibracionais das espécies envolvidas. Neste trabalho empregamos os métodos quântico-computacionais MP2/6-311++G(d,p) e DFT/B3LYP/6-311++G(d,p) para estudar as propriedades estruturais, eletrônicas e vibracionais dos dois tipos de ligação de hidrogênio intermolecular, além de complementar nossa investigação empregando os métodos QTAIM e NBO. Os resultados não mostraram diferenças significativas entre os dois métodos correlacionados empregados para ambos os tipos de complexos de hidrogênio, nos levando a sugerir o emprego do método DFT/B3LYP para estudos de sistemas semelhantes aos aqui estudados, devido a menor demanda computacional. Os valores de incremento no comprimento de ligação das espécies HX são mais acentuados devido à formação dos complexos lineares do que dos complexos-T, em ambos os níveis de cálculo. Os valores de comprimento de ligação intermolecular nos complexos HCN---HX são menores do que nos complexos HCCH---HX, sendo os valores MP2 e DFT/B3LYP bem próximos em cada tipo individual de complexo de hidrogênio, sugerindo que os complexos lineares são mais estabilizados pela formação da ligação de hidrogênio do que os complexos-T, fato que pode ser comprovado pelos valores da energia de ligação de hidrogênio em HCN---HX. Com respeito ao efeito redshift no modo vibracional harmônico das espécies HX, devido à formação da ligação intermolecular, os valores obtidos para os complexos de hidrogênio lineares são maiores do que para os correspondentes complexos-T, considerando ambos os níveis de cálculo. Foram avaliados os valores do incremento nos valores de intensidade do modo de estiramento de HX devido à formação da ligação intermolecular e, de acordo com o modelo CCFOM, o termo de fluxo de carga é o responsável pelo efeito no aumento da intensidade de HX. Foram ainda destacados os novos modos vibracionais, dando ênfase ao modo de estiramento da ligação intermolecular. Dos estudos empregando a QTAIM foi possível obter os valores da densidade eletrônica e do Laplaciano da densidade eletrônica e avaliar os valores desses parâmetros nos pontos críticos de ligação em HX e na ligação de hidrogênio intermolecular, comprovando dessa forma a formação dos complexos de hidrogênio. Com os estudos empregando o método dos orbitais naturais de ligação foi avaliada a diferença de energia entre os orbitais π (no acetileno) e o orbital do par de elétrons livres do nitrogênio (em HCN), para as espécies receptoras de próton, e o orbital sigma antiligante do hidrogênio em HX.

  • SAULO LUIS CAPIM
  • Síntese Diastereosseletivas e atividades antinociceptivas de novos derivados tetraidropirânicos substituídos.
  • Data: 02/08/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho, é descrito a síntese de 10 novos derivados tetraidropirânicos compostos (42 – 51) planejados a partir da estrutura do (±)-Naproxeno, utilizando a reação de ciclização de Prins como etapa chave para a construção em forma diastereosseletiva 2,4-cis e 2,4,6-cis de anéis tetraidropirânicos, com rendimentos globais entre 62 – 65%. Estes novos derivados tetraidropirânicos foram bioavaliados in vivo em testes de contorções abdominais, retirada de cauda, desempenho no rota-rod e campo aberto, sendo que todos estes compostos apresentaram uma maior atividade antinociceptiva em relação ao composto (±)-1a, com destaque para a alta atividade do derivado tetraidropirânico (±)-49, que apresentou 87,5% de inibição, enquanto que o composto (±)-1a apresentou apenas 14% de inibição no teste de contorções abdominais induzida por ácido acético. Além disso, os testes de retirada de cauda indicaram os compostos (±)-46 e (±)-49 como os mais ativos, sendo que todos os compostos apresentaram atividade antinociceptiva (exceto composto (±)-51) sem prejudicar o comprometimento motor e sem demonstrar toxicidades em camundongos. Em continuação ao nosso trabalho, realizou-se a síntese de moléculas híbridas inéditas baseadas na estrutura de seis fármacos antiinflamatórios não esteroidais com uma porção tetraidropirânica utilizando a estratégia de hibridização molecular. Estes novos derivados tetraidropirânicos híbridos (74 – 79) foram obtidos em rendimentos entre 70 – 93%. Estudos preliminares realizados em teste contorções abdominais induzidas por ácido acético realizados nos compostos (74 – 79) revelaram que todos os derivados tetraidropirânicos foram mais eficazes (DE50 menor) que os seus fármacos percusores e nenhum sintoma de intoxicação foi observado nos animais.
  • ROMULO SEVERO SAMPAIO
  • Síntese de derivados do ácido de Meldrun análogos aos Salens/Salophens e preparação dos seus complexos de Mn para uso em catálise biomiméitica.
  • Data: 24/07/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Descreve-se aqui a síntese e caracterização de seis compostos derivados de ácido de Meldrum inspirados nos clássicos salens/salofens, sendo quatro ligantes (H2melen, H2Cy2melen, H2melofen e H2Cy2melofen) e dois complexos de Mn (MnII(melofen)·1,7H2O e MnII(Cy2melofen)·1,7H2O). Apenas o composto H2melofen não é inédito. Os ligantes foram sintetizados através da reação entre os derivados 5-metoximetilênico do ácido de Meldrum e diaminas etilenodiamina ou o-fenilenodiamina, resultando nos ligantes melens ou melofens, respectivamente, com bons rendimentos, melens (77% e 83%) e melofens (71% e 46%). Os melens e melofens foram caracterizados por RMN de 1H e 13C, IV, e ESI-MS. Estudos de UV-vis e de análise térmica (TG/DTA) dessa classe de compostos foram reportados pela primeira vez. Absortividades molares (ε) dos máximos de absorção em EtOH e DMSO foram determinadas. Os estudos de TG/DTA são consistentes com um processo em duas etapas: a decomposição do anel de Meldrum (com liberação de cetona e CO2) resulta, possivelmente na formação de um bis-ceteno, que é, em seguida, oxidado em elevadas temperaturas. A síntese de novos compostos de coordenação do tipo base de Schiff, usando Mn(OAc)2·4H2O como fonte de Mn, resultou nos complexos MnII(melofen)·1,7H2O e MnII(Cy2melofen)·1,7H2O em rendimentos de 45% e 47%, respectivamente; todas as tentativas de metalação dos melens foram sem sucesso. Os Mn-melophens mostraram-se insolúveis em água e de baixa estabilidade frente à desmetalação ácida. Os dados de ESI-MS, TG/DTA, condutimetria, espectroscopia (UV-vis e IV), voltametria cíclica e análise elementar (%Mn), foram usados na caracterização dos MnII-melofens e são consistentes com o isolamento de complexos de Mn(II), em contraste com os de Mn(III) dos MnIII-salofens. A metalação estabilizou termicamente o anel de Meldrum, mas, uma vez iniciada a decomposição daquele com a perda de CO2 e cetona, a presença do Mn facilitou a combustão da matéria orgânica restante. O efeito do aumento do potencial de redução Mn(III)/Mn(II) para o design de mímicos de SOD e de citocromos P450 à base dessa nova classe de ligantes é discutido.

  • MIRELLA CABRAL AVELINO
  • VERMICULITAS ORGANOFUNCIONALIZADAS COMO ADSORVENTES E SISTEMAS DE LIBERAÇÃO DE FÁRMACOS
  • Data: 28/06/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho, a vermiculita sódica (VNa+) foi submetida à lixiviação ácida controlada utilizando ácido nítrico (HNO3) na concentração 0,3 e 1,0 mol/L, originando os sólidos denominados V0,3 e V1,0. A vermiculita sódica e os sólidos ativados interagiram covalentemente com o silano 3- cloropropiltrimetoxisilano, originando os sólidos VNaCl, V0,3Cl e V1,0Cl e subsequentemente com diaminas alifáticas 1,2-etileno-(en), 1,4-butil- (but) e 1,6-hexildiamina. Os sólidos foram caracterizados por análise elementar de CHN, difração de raios X, espectroscopia de absorção na região do infravermelho, análise termogravimétrica e medidas de potencial zeta. Os materiais obtidos foram utilizados para adsorção dos fármacos amilorida e ranitidina em solução aquosa. O tempo de saturação para os fármacos estudados foi de 200 minutos, sendo que o estudo cinético mostrou um bom ajuste para equação cinética de pseudo-segunda ordem, com coeficientes lineares em torno de 0,99 e uma boa concordância entre os valores de qt e qe. As isotermas de concentração mostraram adsorção em multicamadas, com uma melhor linearização para o modelo proposto por Freudlich, cujos capacidades adsortivas foram encontrados para os sólidos V0,3en e V1,0en, com valores próximos a 95 mg/g para a amilorida e 80 mg/g para a ranitidina. As matrizes V0,3hex e V1,0hex se mostraram eficientes para sistemas de liberação do fármaco.
  • ULYSSES VIEIRA DA SILVA FERREIRA
  • Paligorsquitas pura e modificadas com amino silanos como sorventes para cátions metálicos e corantes aniônicos
  • Data: 26/06/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os argilominerais têm sido largamente utilizados na retenção de diversos poluentes. Neste trabalho, a paligorsquita sódica (pali) foi aplicada na remoção dos corantes reativos azul RN, vermelho RB e amarelo GR em soluções aquosas e as formas modificadas com o agente sililante 3-aminopropiltrimetoxissilano (Pali-N) e 3-propiletilenodiaminotrimetoxissilano (Pali-NN) foram obtidas. A amostra pali-N foi utilizada na remoção dos íons metálicos Cu2+, Co2+ e Ni2+ e dos mesmos corantes. Os fatores como tempo de contato, pH e concentração inicial dos adsorvatos foram investigados. Os diversos sólidos foram caracterizados por análise de composição, difratometria de raios X, ressonância magnética nuclear de 27Al e 29Si, espectroscopia de absorção na região do infravermelho, medidas de sorção-dessorção de nitrogênio, análise termogravimétrica, microscopia eletrônica de varredura e análise elementar de carbono, hidrogênio e nitrogênio. Os resultados mostraram que a pali apresentou-se como um argilomineral de elevada pureza, sendo do tipo dioctaédrica com área superficial de 118 m2 g-1 e constituída por feixes de fibras formando agregados. As amostras modificadas obtiveram graus de imobilização de 0,92 e 0,67 mmol g-1 para a pali-N e pali-NN, respectivamente. Os resultados da sorção na amostra pura para os corantes reativos azul RN e vermelho RB mostraram retenções máximas de 55 mg g-1 e de 45 mg g-1 para o corante reativo amarelo GR. Na amostra pali-N, as capacidades máximas de sorção foram de 120, 110 e 100 mg g-1, para o vermelho reativo RB, azul reativo RN e amarelo reativo GR, respectivamente, sendo que todos esses processos seguiram uma cinética de pseudo 2ª ordem e foram descritos pelo modelo de Langmuir. Nos ensaios de retirada dos íons metálicos Cu2+, Co2+ e Ni2+ em pali-N, as quantidades máximas adsorvidas foram de 0,73, 0,62 e 0,58 mmol g-1, respectivamente. Os dados seguiram o modelo cinético de pseudo 2ª ordem e para os estudos de equilíbrio houve ajuste ao modelo de Langmuir.
  • PAULO HENRIQUE G DIAS DINIZ
  • Novas estratégias para classificação simultânea do tipo e origem geográfica de chás.
  • Data: 21/06/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O chá tem uma importância econômica e cultural, não só para produtores e consumidores, mas também por um interesse científico. A qualidade organoléptica da infusão da Camellia sinensis depende da natureza e da quantidade de vários metabólitos secundários (tais como polifenóis, cafeína, aminoácidos, etc.), os quais podem ser relacionados diretamente com a origem geográfica das plantas. Estes componentes são a base do valor econômico do chá e de seus efeitos benéficos sobre a saúde humana. Por isso, há um crescente interesse dos consumidores por chás de alta qualidade com uma clara identidade geográfica. Durante as últimas décadas, as metodologias analíticas que empregam técnicas instrumentais modernas tornaram-se mais sensíveis, confiáveis e rápidas. Entretanto, tais técnicas têm vantagens e limitações para a aplicação da análise da qualidade do chá e de suas origens geográficas. Assim, uma combinação de diferentes técnicas analíticas pode ser mais útil do que depender de um único método. Seguindo estes preceitos, nós propusemos três novas estratégias para a classificação simultânea de chás de acordo com o tipo (verde e preto) e a origem geográfica (Argentina, Brasil e Sri Lanka). As metodologias propostas empregam o uso de (1) imagens digitais, (2) espectroscopia NIR e (3) composição química (umidade, cinza total, cafeína, polifenóis totais, fluoreto e quinze metais (Na, Mg, Al, P, K, Ca, Cr, Mn, Fe, Co, Ni, Cu, Zn, Cd e Pb) nas folhas e infusões dos chás). Uma classificação correta de todas as amostras de chás (100% de acerto) foi sempre obtida utilizando Análise Discriminante Linear associada à técnica de seleção de variáveis feita pelo Algoritmo das Projeções Sucessivas (SPA-LDA). Modelagem Independente e Flexível por Analogia de Classe (SIMCA) e Análise Discriminante por Mínimos Quadrados Parciais (PLS-DA) também foram utilizadas. Tais estratégias podem ser úteis para a elaboração de normas para o controle de qualidade de chás no Brasil, que ainda é inexistente.
  • CARLOS CHRISTIANO LIMA DOS SANTOS
  • SÍNTESE E APLICAÇÃO BIOTECNOLÓGICA DE NANOESTRUTURAS DE ÓXIDO DE CÉRIO (IV), OBTIDAS PELO MÉTODO HIDROTERMAL DE MICRO-ONDAS.
  • Data: 21/06/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O óxido de cério(IV) (CeO2) tem potencial aplicação nas áreas ambientais, catalíticas, microbiológicas e a eficiência de suas nanopartículas dependem da morfologia e de suas dimensões. Nesse estudo, elas foram sintetizadas pelo método hidrotermal assistido por micro-ondas com NaOH e NH4OH, como agentes mineralizantes, adicionado a uma solução aquosa de sulfato de cério (Ce (SO4) 2.4H2O) a 150°C durante 1, 5, 15, 30 , e 60 minutos, com e sem surfactante, que foi utilizado como matriz para o crescimento de cristais. A estabilidade térmica foi estudada por termogravimetria (TG). As propriedades estruturais, morfológicas e microbiológicas foram avaliadas por difração de raios-X (XRD), microscopia eletrônica de varredura de alta resolução (FEG-SEM), microscopia eletrônica de transmissão (TEM), método de BET, espectroscopia de infravermelho (IR), espectroscopia de UV-visível (UV-vis), espectroscopia Raman, prova de resazurina, absorbância, fluorescência e difusão de poços.Todas as amostras de DRX mostraram picos que correspondem aos planos (1 1 1), (2 0 0), (0 2 2), (3 1 1), (2 2 2) e (4 0 0) de um cubo de face centrada, fluorita, atribuída a estrutura de CeO2, de acordo com a norma JCPDS 34-0394. Picos largos de reflexão foram claramente visualizados, indicando que o tamanho do cristal é pequeno e deve estar na dimensão nanoescalar, dando uma indicação da influência do template e do método de obtenção deste material nanoestruturado. No espectro de Raman, forte pico em torno de 471 cm-1 foi detectado, o qual é atribuído ao alongamento O-Ce-O. Espectros de infravermelho mostraram uma banda de vibração entre 700 e 500 cm-1, relacionada com a vibração metal-oxigênio (Ce-O). Bandas atribuídas a grupos hidroxilas (1100 cm-1) e carbonatos (1530, 1320, 1050 e 850 cm-1), independentemente da presença do PEG 200, foram também observadas, além de bandas atribuídas a água (1629cm-1).Suas áreas superficiais foram de, aproximadamente, 200 g/m2 com tamanhos de partículas em torno 5nm. As Micrografias , com e sem template,mostraram diferentes tamanhos e formas de aglomerados. Os testes microbiológicos mostraram, para concentração de 10% de óxido de cério (IV) nanométrico em óxido de zinco com aplicação odontológica, uma concentração mínima inibitória de 0,22 μg/mL-1 .Os resultados mostraram a influência do template sobre a morfologia das nanopartículas de óxido de cério (IV), obtidas pelo método hidrotermal de micro-ondas e seu potencial como agente antimicrobiano contra a bactéria Streptococcus mutans, o principal microorganismo da etiologia da cárie dentária, em fámacos de aplicação odontológica.

  • JACQUELINE CRISTINA BUENO JANICE DE JESUS
  • SÍNTESE E CARACTERIZAÇÃO ESPECTROSCÓPICA DE COMPLEXOS TRIS-DICETONATOS DO ÍON EURÓPIO COM LIGANTES 2-(N-ACIL)-PIRIDINA
  • Data: 20/06/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  •  

    No presente trabalho, foi proposta uma nova classe de complexos de íon európio
    trivalente derivados dos tetrakis-dicetonatos, por substituição do grupo ceto de um
    dos ligantes pelo grupo 2-aminopiridil. Para síntese desses complexos foram
    preparadas as amidas N-acetil-2-aminopiridina e N-trifluoroacetil-2-aminopiridina via
    acilação da 2-aminopiridina com seus respectivos anidridos. A N-benzoil-2-
    aminopiridina foi sintetizada através da hidrólise básica da N,N-dibenzoil-2-
    aminopiridina. Os ligantes sintetizados foram caracterizados por espectrometria de
    massas, determinação de ponto de fusão e espectroscopia de absorção na região
    do infravermelho. Foram obtidos complexos inéditos, cujas fórmulas são
    [Eu(BZAC)3(NAC2AP)] e [Eu(TTA)3(NTF2AP)2], caracterizados por titulação
    complexométrica, análises elementar de carbono, hidrogênio e nitrogênio, além de
    espectroscopia de absorção na região do infravermelho. Por meio dos resultados
    obtidos por espectroscopia de fotoluminescência, analisando os desdobramentos
    das transições 5D0→7FJ, nos espectros de emissão, pode-se inferir que o íon Eu3+ no
    complexo [Eu(TTA)3(NTF2AP)2] encontra-se em um ambiente químico de maior
    simetria se comparado ao seu aqua-complexo precursor. Ambos os complexos
    [Eu(BZAC)3(NAC2AP)] e [Eu(TTA)3(NTF2AP)2] apresentaram eficiências quânticas
    superiores aos correspondentes tris-dicetonatos aquosos e tetrakis-dicetonatos. Este
    resultado indica que a substituição do fragmento R(CO)CH- pelo grupo 2-aminopiridil
    de um dos ligantes dos complexos tetrakis-dicetonatos de Eu3+ seja uma boa
    estratégia para gerar complexos altamente luminescentes. Tal estratégia poderá ser
    utilizada no desenvolvimento de Dispositivos Moleculares Conversores de Luz
    eficientes, tais como os desejáveis para biomarcadores.
    Palavras chave: 2-(N-acil)-piridina. β-dicetonatos. Európio. Luminescência.

    No presente trabalho, foi proposta uma nova classe de complexos de íon európiotrivalente derivados dos tetrakis-dicetonatos, por substituição do grupo ceto de umdos ligantes pelo grupo 2-aminopiridil. Para síntese desses complexos forampreparadas as amidas N-acetil-2-aminopiridina e N-trifluoroacetil-2-aminopiridina viaacilação da 2-aminopiridina com seus respectivos anidridos. A N-benzoil-2-aminopiridina foi sintetizada através da hidrólise básica da N,N-dibenzoil-2-aminopiridina. Os ligantes sintetizados foram caracterizados por espectrometria demassas, determinação de ponto de fusão e espectroscopia de absorção na regiãodo infravermelho. Foram obtidos complexos inéditos, cujas fórmulas são[Eu(BZAC)3(NAC2AP)] e [Eu(TTA)3(NTF2AP)2], caracterizados por titulaçãocomplexométrica, análises elementar de carbono, hidrogênio e nitrogênio, além deespectroscopia de absorção na região do infravermelho. Por meio dos resultadosobtidos por espectroscopia de fotoluminescência, analisando os desdobramentosdas transições 5D0→7FJ, nos espectros de emissão, pode-se inferir que o íon Eu3+ nocomplexo [Eu(TTA)3(NTF2AP)2] encontra-se em um ambiente químico de maiorsimetria se comparado ao seu aqua-complexo precursor. Ambos os complexos[Eu(BZAC)3(NAC2AP)] e [Eu(TTA)3(NTF2AP)2] apresentaram eficiências quânticassuperiores aos correspondentes tris-dicetonatos aquosos e tetrakis-dicetonatos. Esteresultado indica que a substituição do fragmento R(CO)CH- pelo grupo 2-aminopiridilde um dos ligantes dos complexos tetrakis-dicetonatos de Eu3+ seja uma boaestratégia para gerar complexos altamente luminescentes. Tal estratégia poderá serutilizada no desenvolvimento de Dispositivos Moleculares Conversores de Luzeficientes, tais como os desejáveis para biomarcadores.

     

  • LUCINÊZ DA CRUZ DANTAS
  • Estudo do Caráter Dirradicalar de Compostos da Classe 1,3-Oxazol e 1,3-Tiazol.
  • Data: 27/05/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os compostos mesoiônicos não podem ser representados por uma estrutura totalmente covalente ou puramente iônica. São compostos neutros que possuem regiões bem separadas de cargas positiva e negativa, conferindo-lhes elevado momento de dipolo. Apresentam faixa ampla de aplicações, passando pela biologia e a química medicinal, bem como na obtenção de produtos de interesse tecnológico. Neste trabalho, investigou-se o caráter dirradicalar de quatro anéis mesoiônicos: 1,3-oxazol-5-ona, 1,3- oxazol-5-tiona, 1,3-tiazol-5-ona e 1,3-tiazol-5-tiona, procurando a melhor representação eletrônica, e como a reatividade influencia no tipo de reação em que participam. Foram utilizados diferentes critérios para a quantificação do caráter dirradicalar: (i) diferença de energia HOMO-LUMO (EHL, inversamente proporcional ao caráter dirradicalar; EHL = 0 correspondendo a um dirradical puro); (ii) determinação da diferença de energia devida à quebra de simetria no formalismo irrestrito (ESS); (iii) determinação da diferença de energia entre as funções de onda singleto e tripleto (EST); e (iv) caráter dirradicalar (Y0, calculado a partir dos números de ocupação n dos orbitais naturais HOMO e LUMO, determinados no formalismo irrestrito). Foram empregados diversos métodos de estrutura eletrônica (DFT/B3LYP, MP2, CCSD e QCISD) com diferentes conjuntos de bases (6-311+G* e aug-cc-pVDZ). Observou-se que: (i) a escolha adequada do substituinte na posição R” (externa ao anel) é importante para a estabilidade estrutural; (ii) a substituição do oxigênio por enxofre nas posições R” e R (no anel) pouco contribui para o caráter dirradicalar (Y0 < 1% em todos os casos, indicando caráter mesoiônico pronunciado nas estruturas investigadas); e (iii) a utilização de um grupo doador de elétrons na posição R” e retirador na R contribui para maximizar o caráter mesoiônico. Dessa forma, foi possível descrever as dependências da estrutura molecular sobre as propriedades eletrônicas, e o efeito das substituições, que é relevante para o controle do caráter mesoiônico.
  • KARINA KARLA PACHECO PORPINO
  • Concha do Marisco Anomalocardia brasiliana como bioadsorvente de ferro em águas subterrâneas.
  • Data: 05/04/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  •  

    As conchas do marisco, Anomalocardia brasiliana foram avaliadas como
    Bioadsorvente de ferro em amostras sintéticas e reais de águas subterrâneas. As conchas foram lavadas com água deionizada, secas a 110 ºC, e caracterizadas através do pH, pHPCZ, Cz, SBET, VM, DMP, densidade aparente, teores de proteína e cálcio, determinações de espectroscopia no infravermelho e difratometria de Raio-X. Foram estudados os parâmetros de pH, massa de adsorvente, tempo de contato, temperatura e concentração do padrão. Realizou-se o ajuste não linear para o estudo cinético nas concentrações de 3,0, 5,0 e 10,0 mg L-1, bem como os ajustes de equilíbrio de adsorção. No estudo cinético utilizando as variâncias dos modelos de pseudo primeira ordem e pseudo segunda ordem, para as concentrações estudadas, pode-se observar que não há diferença significativa entre os dois modelos estudados. Em relação ao equilíbrio de adsorção verificou-se que os modelos de Langmuir e Freundich na sua forma não linear se ajustam aos dados experimentais obtidos para o bioadsorvente, não havendo diferença significativa para um nível de 95% de confiança. A capacidade adsortiva do bioadsorvente em estudo no tempo de equilíbrio foi 1,054 mg L-1. Os parâmetros termodinâmicos obtidos foram ΔH0 = 0,023 KJ mol-1 K-1, ΔS0 = 0,087 KJ mol-1 K-1 e ΔG0 = -2,260, -3,244, -3,999 (KJ mol-1) para as temperaturas de 298, 308 e 318K, respectivamente. Os percentuais de remoção foram de 88,00 e 57,32%, com solução padrão e amostras reais, respectivamente, mostrando que o biomaterial pode ser uma alternativa viável nos processos de adsorção de metais.
    Palavras chave: Concha de marisco. Ferro. Adsorção.

    As conchas do marisco, Anomalocardia brasiliana foram avaliadas comoBioadsorvente de ferro em amostras sintéticas e reais de águas subterrâneas. As conchas foram lavadas com água deionizada, secas a 110 ºC, e caracterizadas através do pH, pHPCZ, Cz, SBET, VM, DMP, densidade aparente, teores de proteína e cálcio, determinações de espectroscopia no infravermelho e difratometria de Raio-X. Foram estudados os parâmetros de pH, massa de adsorvente, tempo de contato, temperatura e concentração do padrão. Realizou-se o ajuste não linear para o estudo cinético nas concentrações de 3,0, 5,0 e 10,0 mg L-1, bem como os ajustes de equilíbrio de adsorção. No estudo cinético utilizando as variâncias dos modelos de pseudo primeira ordem e pseudo segunda ordem, para as concentrações estudadas, pode-se observar que não há diferença significativa entre os dois modelos estudados. Em relação ao equilíbrio de adsorção verificou-se que os modelos de Langmuir e Freundich na sua forma não linear se ajustam aos dados experimentais obtidos para o bioadsorvente, não havendo diferença significativa para um nível de 95% de confiança. A capacidade adsortiva do bioadsorvente em estudo no tempo de equilíbrio foi 1,054 mg L-1. Os parâmetros termodinâmicos obtidos foram ΔH0 = 0,023 KJ mol-1 K-1, ΔS0 = 0,087 KJ mol-1 K-1 e ΔG0 = -2,260, -3,244, -3,999 (KJ mol-1) para as temperaturas de 298, 308 e 318K, respectivamente. Os percentuais de remoção foram de 88,00 e 57,32%, com solução padrão e amostras reais, respectivamente, mostrando que o biomaterial pode ser uma alternativa viável nos processos de adsorção de metais.

  • ANDERSON SAVIO DE MEDEIROS SIMOES
  • Estudo da degradação de microcontaminantes em efluentes por radiação ultravioleta e processo oxidativo foto Fenton
  • Data: 04/04/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  •  

    O surgimento e a identificação dos microcontaminantes orgânicos têm atraído
    o interesse de inúmeros pesquisadores para o desenvolvimento e melhoria nos
    processos de degradação desses contaminantes de efluentes. Em geral, a
    degradação de microcontaminantes por processos convencionais é bastante
    dificultada, em razão das baixas concentrações que eles são encontrados. Desta
    forma, o processo foto Fenton e a Radiação Ultravioleta (UV) têm sido uma
    alternativa promissora na eliminação deste tipo de contaminação da água. O
    presente trabalho teve como objetivo realizar o estudo da degradação, em efluentes,
    da atrazina (ATZ) utilizando o processo foto Fenton e da degradação dos fármacos
    propranolol (PRO) e metronidazol (MET) utilizando radiação UV. No estudo da
    degradação da ATZ (0,1 mg L-1) foi utilizado o processo foto Fenton UV-A (H2O2 =
    5,0 mg L-1 e Fe2+ = 5,0 mg L-1), sendo obtida uma degradação do microcontaminante
    de cerca de 62%, e o processo foto Fenton UV-C (H2O2 = 5,0 mg L-1 e Fe2+ = 1,0 mg
    L-1), obtendo 98 % de degradação da ATZ. A análise da remoção da matéria
    orgânica durante o tratamento foto Fenton mostrou que não houve alteração
    significativa nos parâmetros estudados. No estudo da degradação por fotólise UV
    das soluções dos fármacos (100 mg L-1), foram obtidas taxas de degradação de 35%
    (PRO) e 50% (MET), após 8 horas de tratamento, enquanto que no processo
    utilizando a luz solar foram obtidos taxas de degradação de 36% (PRO) e 16%
    (MET). A partir das contantes cinéticas e das meias-vidas obtidas, foi verificado que
    a fotólise direta utilizando a radiação solar é tão eficaz quanto o sistema utilizando
    radiação UV-C para promover a fotodegradação do PRO, e para o MET, os
    resultados mostraram que o fármaco apresenta uma maior taxa de degradação
    quando a radiação UV-C foi utilizada.
    Palavras-chave: Microcontaminantes; Radiação UV; foto Fenton

    O surgimento e a identificação dos microcontaminantes orgânicos têm atraídoo interesse de inúmeros pesquisadores para o desenvolvimento e melhoria nosprocessos de degradação desses contaminantes de efluentes. Em geral, adegradação de microcontaminantes por processos convencionais é bastantedificultada, em razão das baixas concentrações que eles são encontrados. Destaforma, o processo foto Fenton e a Radiação Ultravioleta (UV) têm sido umaalternativa promissora na eliminação deste tipo de contaminação da água. Opresente trabalho teve como objetivo realizar o estudo da degradação, em efluentes,da atrazina (ATZ) utilizando o processo foto Fenton e da degradação dos fármacospropranolol (PRO) e metronidazol (MET) utilizando radiação UV. No estudo dadegradação da ATZ (0,1 mg L-1) foi utilizado o processo foto Fenton UV-A (H2O2 =5,0 mg L-1 e Fe2+ = 5,0 mg L-1), sendo obtida uma degradação do microcontaminantede cerca de 62%, e o processo foto Fenton UV-C (H2O2 = 5,0 mg L-1 e Fe2+ = 1,0 mgL-1), obtendo 98 % de degradação da ATZ. A análise da remoção da matériaorgânica durante o tratamento foto Fenton mostrou que não houve alteraçãosignificativa nos parâmetros estudados. No estudo da degradação por fotólise UVdas soluções dos fármacos (100 mg L-1), foram obtidas taxas de degradação de 35%(PRO) e 50% (MET), após 8 horas de tratamento, enquanto que no processoutilizando a luz solar foram obtidos taxas de degradação de 36% (PRO) e 16%(MET). A partir das contantes cinéticas e das meias-vidas obtidas, foi verificado quea fotólise direta utilizando a radiação solar é tão eficaz quanto o sistema utilizandoradiação UV-C para promover a fotodegradação do PRO, e para o MET, osresultados mostraram que o fármaco apresenta uma maior taxa de degradaçãoquando a radiação UV-C foi utilizada.

  • EVERTON VIEIRA DA SILVA
  • Farelos dos frutos de Geoffroea spinosa: composição química, caracterização térmica e físico-química e aplicação como aditivos de pães.
  • Data: 14/03/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A preocupação com uma alimentação de qualidade tem aumentado nos últimos anos e a procura por alimentos funcionais principalmente de origem natural tem sido objeto de estudos em indústrias e institutos de pesquisa do mundo inteiro. Neste trabalho são relatados os dados da caracterização físico-química, o estudo da estabilidade térmica e oxidativa dos farelos obtidos do mesocarpo e da amêndoa do fruto do Marizeiro (Geoffroea spinosa) bem como a aplicação dos mesmos como aditivos em pães em composições variadas, visando o seu consumo na forma de um alimento funcional. Os dados da caracterização físico-química revelaram excelentes níveis protéicos em todas as amostras e teores de amidos de 49 e 51% para as amostras FAC (farelo da amêndoa cozida) e FAI (farelo da amêndoa in natura) respectivamente. Com relação às análises de acidez, pH, sólidos solúveis, umidade, cinzas, teor de cloreto, lipídios e açucares solúveis totais e redutores, todos os teores estão dentro dos padrões constantes na legislação brasileira. A análise termogravimétrica revelou diferenças entre os teores de cinzas e de umidades encontrados pelos métodos padrões de análises, mostrando não ter diferenças relevantes entre os farelos in natura e os farelos cozidos. A análise do potencial antioxidante indicou que os farelos do fruto do Marizeiro são fontes de antioxidantes consideráveis, principalmente os farelos obtidos da amêndoa, pois revelaram teores fenólicos totais, de flavonóides e de antocianinas compatíveis com fontes convencionais de antioxidantes. As análises microbiológicas mostraram não haver a presença de Coliformes a 45 ºC e de Salmonella sp, bem como evidenciaram a redução de bolores e de leveduras nos pães fabricados, mostrando que os aditivos também proporcionaram efeito antimicrobiano. O conteúdo energético dos pães aditivos mostrou-se satisfatório quando comparado ao pão controle, indicando que o fato dos farelos serem fontes de proteínas, dá um caráter de alimento funcional ao pão.

  • SARAGHINA MARIA DONATO DA CUNHA
  • A síntese via Adutos de Morita – Baylis – Hillman dos derivados 2-Indolizina em micro-ondas: novos potenciais moduladores de canais iônicos.
  • Data: 05/03/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  •  

    Este trabalho apresenta um estudo sintético promovido por irradiação de
    micro-ondas, produzindo pela primeira vez a 2-Indolizina-carbonitrila (1) e a 2-
    Indolizina-carboxilato de metila (2) em bons a altos rendimentos (70% e 81% de
    rendimentos respectivamente) em uma única etapa, a partir dos Adutos de Morita-
    Baylis-Hillman (AMBH) 2 –(hidroxi(piridin-2-il)metil)acrilonitrila(10) e metil 2-
    (hidroxi(piridin-2-il)metil)acrilato(9) respectivamente. Estes compostos foram
    subseqüentemente transformados em excelentes rendimentos em mais três
    derivados 2-indolizínicos já conhecidos na literatura, a saber: indolizin-2-il
    metanamina (5), 99%, indolizin-2-il metanol (6), 100%, acido Indolizina-2-
    carboxílico(3), 100%, e mais três inéditos , a saber: terc-butil (indolizin-2-il metil)
    carbonato(7), 99% inédito , butil Indolizina-2-carboxilato (4), 94% inédito, e terc-butil
    (indolizin-2-il metil)carbamato (8), 86% inédito. Todos os Adutos foram
    caracterizados através dos métodos físicos de Infravermelho, Cromatografia Gasosa
    acoplada a Espectrometria de Massas e Ressonância Magnética Nuclear (RMN1H e
    RMN13C). Todas as sínteses neste trabalho foram desenvolvidas em padrões
    convenientes a indústria. A ativação reacional por irradiação de microondas (MO) foi
    amplamente utilizada na maioria das etapas sintéticas deste trabalho, conduzindo
    aos altos rendimentos químicos e aos tempos reacionais reduzidos. Os oito
    compostos sintetizados foram idealizados in silico objetivando apresentarem
    potenciais atividades seletivas como moduladores de canais iônicos. Estas
    atividades foram sugeridas pelos altos valores obtidos de score usando o programa
    quimioinformático Molinspiration.

    Este trabalho apresenta um estudo sintético promovido por irradiação demicro-ondas, produzindo pela primeira vez a 2-Indolizina-carbonitrila (1) e a 2-Indolizina-carboxilato de metila (2) em bons a altos rendimentos (70% e 81% derendimentos respectivamente) em uma única etapa, a partir dos Adutos de Morita-Baylis-Hillman (AMBH) 2 –(hidroxi(piridin-2-il)metil)acrilonitrila(10) e metil 2-(hidroxi(piridin-2-il)metil)acrilato(9) respectivamente. Estes compostos foramsubseqüentemente transformados em excelentes rendimentos em mais trêsderivados 2-indolizínicos já conhecidos na literatura, a saber: indolizin-2-ilmetanamina (5), 99%, indolizin-2-il metanol (6), 100%, acido Indolizina-2-carboxílico(3), 100%, e mais três inéditos , a saber: terc-butil (indolizin-2-il metil)carbonato(7), 99% inédito , butil Indolizina-2-carboxilato (4), 94% inédito, e terc-butil(indolizin-2-il metil)carbamato (8), 86% inédito. Todos os Adutos foramcaracterizados através dos métodos físicos de Infravermelho, Cromatografia Gasosaacoplada a Espectrometria de Massas e Ressonância Magnética Nuclear (RMN1H eRMN13C). Todas as sínteses neste trabalho foram desenvolvidas em padrõesconvenientes a indústria. A ativação reacional por irradiação de microondas (MO) foiamplamente utilizada na maioria das etapas sintéticas deste trabalho, conduzindoaos altos rendimentos químicos e aos tempos reacionais reduzidos. Os oitocompostos sintetizados foram idealizados in silico objetivando apresentarempotenciais atividades seletivas como moduladores de canais iônicos. Estasatividades foram sugeridas pelos altos valores obtidos de score usando o programaquimioinformático Molinspiration.

  • MARIA BETANIA HERMENEGILDO DOS SANTOS
  • FENOTIPAGEM NÃO DESTRUTIVA USANDO ESPECTROSCOPIA NO INFRAVERMELHO PRÓXIMO E QUIMIOMETRIA EM SEMENTES DE MAMONA
  • Data: 20/02/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho utilizaram-se a espectroscopia do infravermelho próximo (Near Infrared-NIR) e técnicas quimiométricas para desenvolver modelos de classificação de duas diferentes cultivares comerciais de mamoneira BRS Nordestina e BRS Paraguaçu. Estudou-se também a viabilidade de modelos de calibração para predição do teor de ricina em sementes de três cultivares comerciais de mamoneira (BRS Nordestina, BRS Paraguaçu e BRS Energia). Os espectros de reflectância difusa foram registrados na região de 400 a 2500 nm. Para os modelos de classificação foram utilizadas 350 sementes intactas para cada cultivar. Na calibração o conjunto de amostras foi formado por 69 sementes escarificadas, sendo 25 da BRS Energia, 25 da BRS Nordestina e 19 da BRS Paraguaçu. As leituras foram feitas em quatro posições, para cada semente. Os espectros foram pré-processados com algoritmo Savitzky-Golay com janela de 15 pontos, primeira derivada para correção de linha de base e efeito de espalhamento de radiação. Com base na PCA (Principal Component Analysis) a região espectral correspondente à faixa de 2110 a 2155 nm, foi selecionada por apresentar distinção entre as cultivares. O modelo SIMCA (Soft Independent Modelling of Class Analogy) forneceu resultados promissores na classificação das sementes para os níveis de significância 1, 5 e 10%. O SPA–LDA (Sucessive Projections Algorithm-Linear Discriminant Analysis) foi eficiente selecionando apenas uma variável na faixa espectral NIR das medidas e classificando corretamente todas as amostras do conjunto de teste. O modelo de calibração SPA-MLR (Sucessive Projections Algorithm-Multiple Linear Regresssion) forneceu resultado de RMSEP (Root Mean Suare Error of Prediction) similar ao modelo PLS (Partial Least Square), porém com uma melhor correlação, quando foi utilizada a validação externa. Ao avaliar a precisão destes modelos usando-se a região elíptica de confiança percebe-se que os mesmos não forneceram erros sistemáticos significativos. Porém ao analisar a precisão dos modelos obtidos a partir da validação cruzada observa-se que estes não contêm o ponto ideal. Os métodos propostos são promissores para determinar características fenotípicas de forma não destrutiva em genótipos de mamoneira.

  • GUILHERME LEOCARDIO LUCENA DOS SANTOS
  • PEROVSKITAS DE SrSnO3:Fe DEPOSITADAS SOBRE SUPORTES COMERCIAIS PARA REDUÇÃO DE NO COM CO
  • Data: 18/02/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  •  

    O estanato de estrôncio, SrSnO3, é uma perovskita do tipo ortorrômbica que
    apresenta propriedades dielétricas interessantes, além de várias aplicações
    tecnológicas, tais como catálise de óxidos de nitrogênio. Neste trabalho, SrSnO3,
    SrSn0,9Fe0,1O3-x e Sr0,9Sn0,9Fe0,1O3-x foram obtidos pelo método dos precursores
    poliméricos utilizando estanho metálico como precursor (Sn0) e depositados sobre
    suportes catalíticos comerciais (CeO2, TiO2, γ-Al2O3 e ZrO2) para aplicação como
    catalisadores na reação de redução de NO com CO. Os catalisadores foram
    caracterizados por análise termogravimétrica (TG/DTA), difração de raios-X (DRX),
    espectroscopia de absorção na região do ultravioleta e do visível (UV-Vis),
    espectroscopia vibracional na região do infravermelho (IV), espectroscopia Raman,
    análise da área superficial pelo método de BET e microscopia eletrônica de
    varredura com emissão de campo (MEV-EC). Os testes catalíticos foram realizados
    em um reator contendo mistura gasosa com quantidades estequiométricas de
    monóxido de nitrogênio (NO) e monóxido de carbono (CO) em hélio na faixa de
    temperatura de 300°C a 700°C. Os resultados de DRX mostraram que as
    perovskitas apresentaram uma alta organização a longo alcance, e diminuição de
    fase secundária (SrCO3). Os espectros de IV confirmaram estes dados ao
    apresentarem uma redução das bandas referentes às vibrações de grupos
    carbonatos. Os resultados de Raman e o cálculo dos ângulos de inclinação entre os
    octaedros indicaram uma desorganização a curto alcance. As perovskitas
    depositadas sobre os suportes apresentaram uma boa dispersão. Os testes
    catalíticos mostraram que as perovskitas dopadas com ferro apresentaram os
    melhores percentuais de conversão de NO e CO. As perovskitas depositadas sobre
    o suporte ZrO2 mostraram os melhores valores de conversão catalítica.

    O estanato de estrôncio, SrSnO3, é uma perovskita do tipo ortorrômbica queapresenta propriedades dielétricas interessantes, além de várias aplicaçõestecnológicas, tais como catálise de óxidos de nitrogênio. Neste trabalho, SrSnO3,SrSn0,9Fe0,1O3-x e Sr0,9Sn0,9Fe0,1O3-x foram obtidos pelo método dos precursorespoliméricos utilizando estanho metálico como precursor (Sn0) e depositados sobresuportes catalíticos comerciais (CeO2, TiO2, γ-Al2O3 e ZrO2) para aplicação comocatalisadores na reação de redução de NO com CO. Os catalisadores foramcaracterizados por análise termogravimétrica (TG/DTA), difração de raios-X (DRX),espectroscopia de absorção na região do ultravioleta e do visível (UV-Vis),espectroscopia vibracional na região do infravermelho (IV), espectroscopia Raman,análise da área superficial pelo método de BET e microscopia eletrônica devarredura com emissão de campo (MEV-EC). Os testes catalíticos foram realizadosem um reator contendo mistura gasosa com quantidades estequiométricas demonóxido de nitrogênio (NO) e monóxido de carbono (CO) em hélio na faixa detemperatura de 300°C a 700°C. Os resultados de DRX mostraram que asperovskitas apresentaram uma alta organização a longo alcance, e diminuição defase secundária (SrCO3). Os espectros de IV confirmaram estes dados aoapresentarem uma redução das bandas referentes às vibrações de gruposcarbonatos. Os resultados de Raman e o cálculo dos ângulos de inclinação entre osoctaedros indicaram uma desorganização a curto alcance. As perovskitasdepositadas sobre os suportes apresentaram uma boa dispersão. Os testescatalíticos mostraram que as perovskitas dopadas com ferro apresentaram osmelhores percentuais de conversão de NO e CO. As perovskitas depositadas sobreo suporte ZrO2 mostraram os melhores valores de conversão catalítica.

  • REBECA TIBAU AGUIAR
  • CARACTERIZAÇÃO FÍSICA, QUÍMICA E MICROBIOLÓGICA DO DIESEL, BIODIESEL E SUAS MISTURAS DURANTE A LOGÍSTICA DE DISTRIBUIÇÃO
  • Data: 18/02/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  •  

    Reações de degradação química e microbiológica em combustíveis tendem a formar
    sedimentos e borras nos tanques de armazenamento e diminuir a qualidade destes
    quando utilizados nos veículos automotores. Estes produtos de degradação podem
    promover entupimentos das válvulas de atomização, por exemplo. Este trabalho teve
    como objetivos verificar a presença sedimentos e borras em fundos de tanque de
    armazenamento de diesel, biodiesel e suas misturas, caracterizá-los físico-quimica e
    microbiologicamente, além de avaliar se estas alterações estão sendo repassadas para as
    respectivas bombas de abastecimento. Os locais de coleta destas amostras foram usina
    experimental de produção de biodiesel, distribuidora e postos de combustíveis.
    Observou-se que as amostras de diesel e biodiesel analisadas estavam em conformidade
    com os parâmetros estabelecidos pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e
    Biocombustíveis (ANP), exceto para algumas propriedades dos biodieseis produzido na
    usina experimental. A estabilidade oxidativa por PetroOXY do diesel puro (DB0 500)
    apresentou valor superior ao B5 S500 > B5 S50 e estes superiores aos biodieseis.
    Comportamento contrário foi observado na análise térmica por termogravimetria (TG).
    As amostras do fundo do tanque e das bombas de abastecimento da usina e dos postos
    apresentaram crescimento microbiológico de Candida tropicallis, Aspergillus fumigatus
    e Klebsiella sp.. Estes microrganismos promoveram formação de sedimentos, interface
    óleo-água e emulsão destas amostras em contato com o caldo de sabouraud dextrose. Os
    dieseis, biodieseis e suas misturas, tanto da bomba de abastecimento quanto do fundo
    dos tanques de armazenamento apresentaram composições químicas similares quando
    analisadas por cromatografia gasosa acoplada a espectrômetro de massas (CG-EM) e
    absorção na região de infravermelho (IV) e não sofreram alterações devido à presença
    dos microrganismos existentes.

    Reações de degradação química e microbiológica em combustíveis tendem a formarsedimentos e borras nos tanques de armazenamento e diminuir a qualidade destesquando utilizados nos veículos automotores. Estes produtos de degradação podempromover entupimentos das válvulas de atomização, por exemplo. Este trabalho tevecomo objetivos verificar a presença sedimentos e borras em fundos de tanque dearmazenamento de diesel, biodiesel e suas misturas, caracterizá-los físico-quimica emicrobiologicamente, além de avaliar se estas alterações estão sendo repassadas para asrespectivas bombas de abastecimento. Os locais de coleta destas amostras foram usinaexperimental de produção de biodiesel, distribuidora e postos de combustíveis.Observou-se que as amostras de diesel e biodiesel analisadas estavam em conformidadecom os parâmetros estabelecidos pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural eBiocombustíveis (ANP), exceto para algumas propriedades dos biodieseis produzido nausina experimental. A estabilidade oxidativa por PetroOXY do diesel puro (DB0 500)apresentou valor superior ao B5 S500 > B5 S50 e estes superiores aos biodieseis.Comportamento contrário foi observado na análise térmica por termogravimetria (TG).As amostras do fundo do tanque e das bombas de abastecimento da usina e dos postosapresentaram crescimento microbiológico de Candida tropicallis, Aspergillus fumigatuse Klebsiella sp.. Estes microrganismos promoveram formação de sedimentos, interfaceóleo-água e emulsão destas amostras em contato com o caldo de sabouraud dextrose. Osdieseis, biodieseis e suas misturas, tanto da bomba de abastecimento quanto do fundodos tanques de armazenamento apresentaram composições químicas similares quandoanalisadas por cromatografia gasosa acoplada a espectrômetro de massas (CG-EM) e absorção na região de infravermelho (IV) e não sofreram alterações devido à presençados microrganismos existentes.

  • EZEQUIEL FRAGOSO VIEIRA LEITAO
  • Estudo Químico Quântico dos Estados de Spin do Cátion Meso-Tetra-Fenil-Ferro III Porfirinato Complexado com a Dimetilnitrosamina
  • Data: 14/02/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A pesquisa envolvendo nitrosaminas tem despertado interesse, pois a sua complexação com o Fe do grupo heme do Citocromo P450 pode estar associada ao seu potencial carcinogênico. Para caracterização deste problema, realiza-se o tratamento químico-quântico de algumas moléculas da classe das metaloporfirinas, mais especificamente porfirinas de Ferro III, similares às do grupo heme citado acima, com duas nitrosaminas ligadas nas posições axiais. Na literatura é relatado que, experimentalmente, estas ferroporfirinas contendo ligantes nitrosaminas, já foram sintetizadas e devidamente caracterizadas estruturalmente e paramagneticamente (estado de spin sexteto). Como o Fe(III), neste complexo, apresenta três possibilidades de estado de spin (dubleto, quarteto e sexteto) a motivação desta dissertação é saber teoricamente qual o estado de spin mais provável para ser o estado fundamental, com o objetivo de descrever a diferença de energia relativa entre esses estados de spin do Fe(III), assim como caracterizar a ordem de energia dos orbitais d, pertencentes aos elétrons alfa desemparelhados do ferro, nesses três estados eletrônicos. Para isso, foram realizados cálculos single-point analisando os chutes iniciais no controle do início do cálculo SCF utilizando o programa Gaussian09, empregando métodos ab initio a nível Hartree-Fock na versão restrita e irrestrita para camada aberta com cálculos de carga NBO, com um conjunto de base 6-31+G*, 6-311+G* e cc-pVDZ. O método UHF/cc-pVDZ, com o chute inicial para função de onda Harris e Rdscale, apresentaram os melhores resultados, fornecendo as menores energias e contaminações nos estados de spin. Para o método ROHF utilizando a função de onda gerada pelo cálculo no estado de spin sexteto no método UHF, como função de onda inicial, mostrou resultados paralelos ao do método UHF. A análise populacional de Mulliken e NBO, a forma da densidade de spin e o mapa do potencial eletrostático evidenciam a localização da carga positiva no ferro. Os orbitais d, dos elétrons desemparelhados, mostram nenhuma sobreposição com os orbitais das dimetilnitrosaminas. A principal contribuição dos resultados teóricos, está na concordância com o resultado experimental disponível na literatura, sobre o estado de spin do Fe(III) do grupo Heme na interação com as dimetilnitrosaminas.

  • CLEDUALDO SOARES DE OLIVEIRA
  • Síntese, caracterização e atividade antimicrobiana de compostos heterocíclicos da classe 2,3-diidro-1,3,4-oxadiazol derivados de N-acilhidrazonas
  • Data: 18/01/2013
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  •  

    Entre os compostos heterocíclicos, 1,3,4-oxadiazol representa uma importante unidade
    de construção para o desenvolvimento de novos fármacos, uma vez que compostos que
    contém esta unidade possuem um amplo espectro de atividades biológicas tais como:
    antibacteriana, antifúngica, analgésica, anti-inflamatória, antiviral, antitumoral, antihipertensiva,
    anticonvulsivante, etc. Neste trabalho, descreve-se a síntese, caracterização e
    atividade antimicrobiana de compostos heterocíclicos da classe 2,3-diidro-1,3,4-oxadiazol,
    especificamente, 3-acetil-2,5-diaril-2,3-diidro-1,3,4-oxadiazol, que foram obtidos como
    mistura racêmica a partir da reação de ciclização de N-acilhidrazonas usando anidrido acético.
    Os compostos foram divididos em três séries congêneres como: série 1 (2-aril-3-acetil-5-
    (piridin-4-il)-2,3-diidro-1,3,4-oxadiazol), série 2 (2-(5-nitrofuranil)-3-acetil-5-aril-2,3-diidro-
    1,3,4-oxadiazol) e série 3 (2-(4-acetoxifenil)-3-acetil-5-aril-2,3-diidro-1,3,4-oxadiazol).
    Todos os novos compostos foram devidamente caracterizados por técnicas espectroscópicas
    de IV, RMN de 1H e 13C e espectrometria de massa. Na avaliação da atividade antimicrobiana
    in vitro, os compostos da série 2 exibiram eficiente atividade frente a diversas linhagens de
    Staphylococcus aureus ensaiadas com concentração inibitória mínima na faixa de 8-32μg/mL,
    sendo mais potente do que o fármaco padrão cloranfenicol, e boa atividade antifúngica contra
    seis linhagens de Candida com concentração inibitória mínima na faixa de 64 a 512μg/mL.
    Palavras-chave: 2,3-diidro-1,3,4-oxadiazol, N-acilhidrazonas, atividade antimicrobiana.

    Entre os compostos heterocíclicos, 1,3,4-oxadiazol representa uma importante unidadede construção para o desenvolvimento de novos fármacos, uma vez que compostos quecontém esta unidade possuem um amplo espectro de atividades biológicas tais como:antibacteriana, antifúngica, analgésica, anti-inflamatória, antiviral, antitumoral, antihipertensiva,anticonvulsivante, etc. Neste trabalho, descreve-se a síntese, caracterização eatividade antimicrobiana de compostos heterocíclicos da classe 2,3-diidro-1,3,4-oxadiazol,especificamente, 3-acetil-2,5-diaril-2,3-diidro-1,3,4-oxadiazol, que foram obtidos comomistura racêmica a partir da reação de ciclização de N-acilhidrazonas usando anidrido acético.Os compostos foram divididos em três séries congêneres como: série 1 (2-aril-3-acetil-5-(piridin-4-il)-2,3-diidro-1,3,4-oxadiazol), série 2 (2-(5-nitrofuranil)-3-acetil-5-aril-2,3-diidro-1,3,4-oxadiazol) e série 3 (2-(4-acetoxifenil)-3-acetil-5-aril-2,3-diidro-1,3,4-oxadiazol).Todos os novos compostos foram devidamente caracterizados por técnicas espectroscópicasde IV, RMN de 1H e 13C e espectrometria de massa. Na avaliação da atividade antimicrobianain vitro, os compostos da série 2 exibiram eficiente atividade frente a diversas linhagens deStaphylococcus aureus ensaiadas com concentração inibitória mínima na faixa de 8-32μg/mL,sendo mais potente do que o fármaco padrão cloranfenicol, e boa atividade antifúngica contraseis linhagens de Candida com concentração inibitória mínima na faixa de 64 a 512μg/mL.

2012
Descrição
  • GEORGIA BATISTA VIEIRA DE LIMA
  • ÍONS LANTANÍDEOS ATUANDO SIMULTANEAMENTE COMO CATALISADORES E SONDAS UMINESCENTES: INESPERADA CLIVAGEM SELETIVA DA N-ACETILBENZAMIDA
  • Data: 21/12/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  •  

    No presente trabalho, é reportada, pela primeira vez, a ação catalítica de íons
    lantanídeos trivalentes, Ln3+, na clivagem de imidas. Além de acelerar a reação da Nacetilbenzamida
    com o nucleófilo, os Ln3+ induzem uma regiosseletividade não usual para a
    mesma. As concentrações de NABZ e benzamida, ao longo do tempo, investigadas por
    cromatografia gasosa, se ajustam bem a uma cinética de primeira ordem, mas o tempo de
    meia vida das reações são dependentes da proporção Ln3+:imida, tendendo a diminuir com o
    aumento da quantidade do íon Ln3+. A clivagem da N-acetilbenzamida mediada pelos íons
    Ln3+ é altamente dependente do solvente, o que sugere que o mesmo atua como nucleófilo na
    reação. Ela também é dependente do tipo de íon Ln3+, a velocidade da reação segue a ordem:
    Yb3+ > Tb3+ > Eu3+. Ao contrário do que ocorre com a NABZ, nem a ftalimida nem a Nbenzoil-
    N-(piridina-2-il)benzamida sofrem clivagem mediada pelos íons Ln3+ nas mesmas
    condições, o que sugere que a reação reportada neste trabalho só é operante em imidas
    acíclicas do tipo R1CONHCOR2. Ambos os íons Eu3+ e Tb3+ puderam ser utilizados, além de
    catalisadores, como sondas luminescentes para o monitoramento qualitativo da reação de
    clivagem da N-acetilbenzamida em etanol. Finalmente, um mecanismo consistente com as
    observações experimentais supracitadas foi proposto

    No presente trabalho, é reportada, pela primeira vez, a ação catalítica de íonslantanídeos trivalentes, Ln3+, na clivagem de imidas. Além de acelerar a reação da Nacetilbenzamidacom o nucleófilo, os Ln3+ induzem uma regiosseletividade não usual para amesma. As concentrações de NABZ e benzamida, ao longo do tempo, investigadas porcromatografia gasosa, se ajustam bem a uma cinética de primeira ordem, mas o tempo demeia vida das reações são dependentes da proporção Ln3+:imida, tendendo a diminuir com oaumento da quantidade do íon Ln3+. A clivagem da N-acetilbenzamida mediada pelos íonsLn3+ é altamente dependente do solvente, o que sugere que o mesmo atua como nucleófilo nareação. Ela também é dependente do tipo de íon Ln3+, a velocidade da reação segue a ordem:Yb3+ > Tb3+ > Eu3+. Ao contrário do que ocorre com a NABZ, nem a ftalimida nem a Nbenzoil-N-(piridina-2-il)benzamida sofrem clivagem mediada pelos íons Ln3+ nas mesmascondições, o que sugere que a reação reportada neste trabalho só é operante em imidasacíclicas do tipo R1CONHCOR2. Ambos os íons Eu3+ e Tb3+ puderam ser utilizados, além decatalisadores, como sondas luminescentes para o monitoramento qualitativo da reação declivagem da N-acetilbenzamida em etanol. Finalmente, um mecanismo consistente com asobservações experimentais supracitadas foi proposto

     

  • NORMANDO ALEXANDRE DA SILVA COSTA
  • Síntese, caracterização e avaliação biológica de novas imidas planejadas a partir do safrol
  • Data: 21/12/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O interesse na pesquisa de novas imidas cíclicas vem crescendo muito nos últimos anos, isso devido, principalmente, as importantes atividades presentes nestes compostos. Neste trabalho, foi descrito a síntese e caracterização de sete imidas cíclicas derivadas do safrol, sendo seis inéditas. Os compostos: NII-F, NII-Cl, NII-Br, NII-BZ, NII-COOH, NII-PH e NII-SO2, foram sintetizados em três etapas: a primeira consistiu na isomerização do safrol (4-alil-1,2-metilenodioxibenzeno) em isosafrol (6,7-Metilenodioxipropenilbenzeno), por meio de refluxo em meio básico, na segunda parte o isosafrol sofre um ciclização com o anidrido maléico, originando o intermediário NII-OO (11-12-Metilenodioxi-5-metil-3-4-5-6-tetrahidronaftaleno-2,15-ácido anidrido dicarboxílico). Na última etapa, o NII-OO foi refluxado em ácido acético com as respectivas aminas aromáticas substituídas, obtendo-se assim as imidas cíclicas. Os compostos obtidos foram elucidados através de técnicas espectroscópicas convencionais: Infravermelho e Ressonância Magnética Nuclear de 1H e 13C. Na avaliação microbiológica das moléculas, foi usada a técnica de diluição para obter as concentrações inibitórias mínimas do crescimento dos microrganismos (CIM) contra os seguintes microrganismos patogênicos aos seres humanos: Cândida albicans – ATCC 76645, LM V-86, LM-111, LM e Cândida tropicalis ATCC 13803, LM 6, LM 20. Os resultados demonstraram que os compostos não apresentaram atividade biológica até a concentração máxima de 1024 μg/mL.

  • EDILSON BESERRA DE ALENCAR FILHO
  • ESTUDOS DA RELAÇÃO QUANTITATIVA ESTRUTURA-ATIVIDADE (QSAR) DE ADUTOS DE MORITA-BAYLIS-HILLMAN BIOATIVOS CONTRA Leishmania amazonensis.
  • Data: 14/12/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  •  

    Os Adutos de Morita-Baylis-Hillman (AMBH) compreendem uma classe de
    moléculas investigadas por nosso grupo de pesquisas nos aspectos sintéticos,
    teóricos e de bioatividade. Neste trabalho, apresentamos modelos de Relação
    Quantitativa entre a Estrutura Química e a Atividade Leishmanicida (QSAR)
    envolvendo 32 AMBH aromáticos. Deste modo, inicialmente foram investigadas as
    conformações mais estáveis de cada composto através de métodos teóricos, as
    quais foram utilizadas na construção dos modelos. Foram obtidas curvas de energia
    potencial utilizando o método semi-empírico AM1, considerando graus de liberdade
    rotacionais (ligações sigma). A partir destas curvas, a conformação de menor
    energia para cada molécula foi selecionada e otimizada ao nível B3LYP/6-31+G(d),
    considerando os efeitos do solvente aquoso usando PCM (“Polarizable Continuum
    Model”). Dados espectroscópicos de Ressonância Magnética Nuclear de prótons
    corroboraram o estudo conformacional. Ligações de Hidrogênio Intramoleculares
    (LHI) se mostraram presentes na maioria das moléculas estudadas, conforme
    caracterização estrutural e cálculos QTAIM (“Quantum Theory Atoms in Molecules”).
    Curiosamente, os compostos que apresentaram Ligações de Hidrogênio envolvendo
    o grupo nitro (NO2) e a hidroxila (OH) possuem melhores valores de atividade
    biológica (menor IC50). Uma explicação está baseada no mecanismo de ação redox
    de nitrocompostos. Observação das cargas NBO (“Natural Bond Orbitals”) e análise
    dos orbitais de fronteira LUKO (“Lowest Unoccupied Kohn-Sham Orbitals”) ao nível
    do grupo orto-nitro estão de acordo com estas análises. Considerando os cálculos
    quânticos, bem como observações estruturais, quatro descritores foram
    selecionados a priori e submetidos a um estudo QSAR (“Quantitative Structure-
    Activity Relationships”) utilizando modelagem PLS (“Partial Least Squares”) e MLR
    (“Multiple Linear Regression”). Uma segunda abordagem QSAR foi realizada a partir
    de outro conjunto de descritores obtidos através da plataforma online E-DRAGON,
    os quais foram submetidos ao método de seleção de variáveis OPS (“Ordered
    Predictor Selection”). Os parâmetros de qualidade obtidos para os modelos indicam
    que ambos são robustos e preditivos. Palavras chave: Adutos de Morita-Baylis-
    Hillman, Leishmania amazonensis, DFT/PCM, QSAR.

    Os Adutos de Morita-Baylis-Hillman (AMBH) compreendem uma classe demoléculas investigadas por nosso grupo de pesquisas nos aspectos sintéticos,teóricos e de bioatividade. Neste trabalho, apresentamos modelos de RelaçãoQuantitativa entre a Estrutura Química e a Atividade Leishmanicida (QSAR)envolvendo 32 AMBH aromáticos. Deste modo, inicialmente foram investigadas asconformações mais estáveis de cada composto através de métodos teóricos, asquais foram utilizadas na construção dos modelos. Foram obtidas curvas de energiapotencial utilizando o método semi-empírico AM1, considerando graus de liberdaderotacionais (ligações sigma). A partir destas curvas, a conformação de menorenergia para cada molécula foi selecionada e otimizada ao nível B3LYP/6-31+G(d),considerando os efeitos do solvente aquoso usando PCM (“Polarizable ContinuumModel”). Dados espectroscópicos de Ressonância Magnética Nuclear de prótonscorroboraram o estudo conformacional. Ligações de Hidrogênio Intramoleculares(LHI) se mostraram presentes na maioria das moléculas estudadas, conformecaracterização estrutural e cálculos QTAIM (“Quantum Theory Atoms in Molecules”).Curiosamente, os compostos que apresentaram Ligações de Hidrogênio envolvendoo grupo nitro (NO2) e a hidroxila (OH) possuem melhores valores de atividadebiológica (menor IC50). Uma explicação está baseada no mecanismo de ação redoxde nitrocompostos. Observação das cargas NBO (“Natural Bond Orbitals”) e análisedos orbitais de fronteira LUKO (“Lowest Unoccupied Kohn-Sham Orbitals”) ao níveldo grupo orto-nitro estão de acordo com estas análises. Considerando os cálculosquânticos, bem como observações estruturais, quatro descritores foramselecionados a priori e submetidos a um estudo QSAR (“Quantitative Structure-Activity Relationships”) utilizando modelagem PLS (“Partial Least Squares”) e MLR(“Multiple Linear Regression”). Uma segunda abordagem QSAR foi realizada a partirde outro conjunto de descritores obtidos através da plataforma online E-DRAGON,os quais foram submetidos ao método de seleção de variáveis OPS (“OrderedPredictor Selection”). Os parâmetros de qualidade obtidos para os modelos indicamque ambos são robustos e preditivos. 

  • ELLEN CRISTINY CARVALHO FIGUEIREDO
  • SBA-15 ORGANOFUNCIONALIZADA COM AMINOSSILANO COMO ADSORVENTE PARA CORANTES REATIVOS, UTILIZANDO PLANEJAMENTO FATORIAL
  • Data: 14/12/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho, foi realizada a síntese da sílica SBA-15 pela hidrólise ácida do tetraetilortossilicato (TEOS) utilizando o copolímero plurônico P123 (EO20PO70EO20). A matriz precursora foi modificada organicamente por silanização com 3- trimetoxipropilsilildietilenotriamino, sendo denominada SBA-15-3N. Os sólidos foram caracterizados através das técnicas de difratometria de raios-X a baixo ângulo, análise elementar de CHN, medidas de adsorção/dessorção de nitrogênio, espectroscopia na região do infravermelho, ressonância magnética nuclear no estado sólido de 29Si e 13C e microscopias eletrônicas de varredura e transmissão. A análise elementar indicou o ancoramento de 1,53 mmol de nitrogênio por grama de sílica, cuja presença foi confirmada nos espectros de infravermelho. Os dados de RMN de 29Si indicaram a prevalência de grupos T2 e T3 na amostra SBA-15-3N, e demonstraram a eficiência da funcionalização da sílica SBA-15. O estudo do potencial zeta mostrou que a SBA-15-3N apresenta carga superficial igual a zero em pH de 9,2, favorecendo a adsorção de corantes aniônicos em uma ampla faixa de pH. Finalmente, a matriz SBA-15-3N foi aplicada na retenção dos corantes reativos aniônicos azul de remazol RN e amarelo de remazol RG, utilizando um planejamento fatorial, para avaliar os efeitos dos fatores tempo de contato, temperatura e pH. Os resultados mostraram que a SBA-15-3N foi um adsorvente eficiente para a remoção de corantes reativos em solução aquosa. O uso do planejamento fatorial foi importante para estabelecer as condições experimentais otimizadas de adsorção, nas quais a capacidade máxima de retenção foi de 514 e de 370 mg/g para os corantes azul de remazol RN e amarelo de remazol RG, respectivamente, sendo que ambos os processos se ajustaram ao modelo de adsorção de Langmuir.

  • HELIVALDO DIOGENES DA SILVA SOUZA
  • ESTUDOS QUÍMICOS DOS COMPOSTOS HETEROCÍCLICOS MESOIÔNICOS E SUA POTENCIALIDADE ANTIFÚNGICA
  • Data: 10/12/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  •  

    Entre os compostos da classe heterocíclica, os mesoiônicos são
    betaínas heterocíclicas planas e não aromáticas estabilizadas por
    deslocalização de elétrons. Apresentam propriedades que podem ser
    aplicadas na área de cristais líquidos, óptica não-linear e principalmente na
    área de desenvolvimentos de novos fármacos, uma vez que esses
    compostos possuem um amplo espectro de atividades biológicas tais como:
    antibacteriana, antitumoral, antifúngica, antimalárica, analgésica,
    antiinflamatória, anticonvulsivante, etc. Neste trabalho relatamos a síntese
    e caracterização dos compostos mesoiônicos da classe 1,3-tiazólio-5-tiolato
    (MI-H1.1, MI-H1.2, MI-H1.3) na forma de base livre e seus derivados na
    forma de sais S-metilados e S-etilados (MI-H2.1, MI-H2.2, MI-H2.3, MIH2.4,
    MI-H2.5 e MI-H2.6) e dos compostos mesoiônicos da classe 1,3-
    diazolio-5-tiolato (MI-H4.1, MI-H4.2, MI-H4.3 e MI-H4.4) na forma de
    base livre e seus derivados na forma de sais S-etilados (MI-H5.1, MI-H5.2
    e MI-H5.3). Todos os compostos foram devidamente caracterizados por
    técnicas espectroscópicas de IV, RMN de 1H e 13C. Dos dezesseis compostos,
    apenas os compostos MI-H1.1, MI-H1.2, M1-H2.2, MI-H2.5, MI-H3.2 e
    MI-H3.4 foram avaliados na atividade antifúngicas e 4 deles apresentaram
    ótima atividade inibindo cinco das seis espécies de Candida com CIM na
    faixa de 64 μg/mL.
    Palavras-chave: Compostos Mesoiônicos, Atividade Antifúngica, 1,3-tiazólio-
    5-tiolato, 1,3-diazólio-5-tiolato

    Entre os compostos da classe heterocíclica, os mesoiônicos sãobetaínas heterocíclicas planas e não aromáticas estabilizadas pordeslocalização de elétrons. Apresentam propriedades que podem seraplicadas na área de cristais líquidos, óptica não-linear e principalmente naárea de desenvolvimentos de novos fármacos, uma vez que essescompostos possuem um amplo espectro de atividades biológicas tais como:antibacteriana, antitumoral, antifúngica, antimalárica, analgésica,antiinflamatória, anticonvulsivante, etc. Neste trabalho relatamos a síntesee caracterização dos compostos mesoiônicos da classe 1,3-tiazólio-5-tiolato(MI-H1.1, MI-H1.2, MI-H1.3) na forma de base livre e seus derivados naforma de sais S-metilados e S-etilados (MI-H2.1, MI-H2.2, MI-H2.3, MIH2.4,MI-H2.5 e MI-H2.6) e dos compostos mesoiônicos da classe 1,3-diazolio-5-tiolato (MI-H4.1, MI-H4.2, MI-H4.3 e MI-H4.4) na forma debase livre e seus derivados na forma de sais S-etilados (MI-H5.1, MI-H5.2e MI-H5.3). Todos os compostos foram devidamente caracterizados portécnicas espectroscópicas de IV, RMN de 1H e 13C. Dos dezesseis compostos,apenas os compostos MI-H1.1, MI-H1.2, M1-H2.2, MI-H2.5, MI-H3.2 eMI-H3.4 foram avaliados na atividade antifúngicas e 4 deles apresentaramótima atividade inibindo cinco das seis espécies de Candida com CIM nafaixa de 64 μg/mL.

     

  • AUGUSTO DANTAS FILHO
  • Perovskita de estanato de estrônciodopada com níquel como catalisador para síntese de bio-óleo
  • Data: 10/12/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • As reações de desogixenação de ácidos graxos são bastante utilizadas para aprodução de biocombustíveis, com o uso de temperatura variando entre 300-350 ºC. A proposta deste trabalho foi preparar e caracterizar o catalisador SrSn0,9Ni0,1O3 e aplicá-lo na descarboxilação do ácido esteárico para obtenção de bio-óleo. O estanato de estrôncio (SrSnO3) é uma perovskita ortorrômbica bastante estudada devido suas aplicações tecnológicas e atualmente vem sendo muito utilizada na área de catálise. Neste trabalho, o SrSnO3 puro e dopado com 10 % em mol de níquel (SrSnO3, SrSn0,9Ni0,1O3) foram sintetizados pelo método dos precursores poliméricos. Os sólidos foram caracterizados pelas técnicas de análise térmica (TG/DTA), espectroscopia de infravermelho (IV), espectroscopia na região do ultravioleta-visível, espectroscopia micro-RAMAN, Difratometria de Raios-X (DRX) e área superficial pelo método de BET. Os materiais obtidos, apresentaram o SrCO3 como fase secundária, sendo que a adição de níquel na estrutura aumentou a formação de carbonato, conforme os resultados de termogravimetria (TG) e espectroscopia de infravermelho, e ainda provocou uma desorganização a longo e curto alcance, de acordo com os dados de espectroscopia micro-Raman e Difratometria de Raios-X (DRX). O catalisador SrSn0,9Ni0,1O3 utilizado na reação de descarboxilação catalítica do ácido esteárico a 340 ºC, em atmosfera de H2 apresentou atividade para o produto principal (heptadecano), mas não mostrou-se seletivo devido a formação deoctadecenos em maior quantidade. Foi observada uma tendência para maior conversão do ácido esteárico em menores concentrações de H2.

  • PETRUCCIO TENORIO MEDEIROS
  • Estudo comparativo do Biodiesel metílico do óleo de duas variedades de Carthamus tinctorius l. e avaliação técnica de sua utilização como substituto do diesel de petróleo
  • Orientador : PETRONIO FILGUEIRAS DE ATHAYDE FILHO
  • Data: 09/12/2012
  • Mostrar Resumo
  • O Cartamo (Carthamus tinctorius I.) e uma oleaginosa energetica com elevados teores de oleo, variando de 35 a 48%, e possui alta adaptabilidade a regioes secas e aridas, podendo ser uma boa fonte alternativa a producao de biocombustiveis, no semiarido brasileiro. o biodiesel metilico foi obtido via reacao de transesterificacao do oleo de duas variedades de cartamo: uma com 76,87% de acido oleico (C18:1) e outra com 60,1% de acido linoleico (18:2). As condicoes reacionais para obatencao do biocombustivel de ambas variedades foram: 2% de atalisador (KOH), preaquecimento do oleo a 50C, agitacao moderada por 1 hora e proporcao 1:6 oleo/metanol. Nestas condicoes reacionais foi possivel obter taxas de conversoes em esteres de 97,58% para o biodiesel de cartamo oleico (BCO), e 98,61% para o biodiesel de cartamo linoleico (BCL). Foram investigados todos os parametros de qualidade exigidos pela ANP (Agencia Nacional de Petroleo, Gas Natural e Biocombustiveis) para os biodiseis, a fim de se determinar a viabilidade de seu uso pela substituicao total ou parcial do diesel de petroleo. Foi realizado teste termo-oxidativo pelo metodo em estufa a 65C durante vinte dias de exposicao continua, mostrando que o BCO apresentou melhores resultados de resitancia a degradacao termica, atingindo o limite de 100 meq/kg em 360h, enquanto que o BCL ultrapasou este limite de 72 h. O mesmo foi evidenciado no teste Rancimat, onde o BCO apresentou estabilidade oxidativa de 3,6 h, enquanto que o BCL exibiu uma estabilidade apenas de 1 h (o que era esperado, uma vez que este possui maior percentual de acidos graxos poliinsaturados, especialmente o acido linoleico). O teste do motor gerador foi feito comparando o consumo do diesel (0,679 L/h) com os das blendas (diesel/biodiesel); onde as misturas de diesel/BCO apresentaram os seguintes valores: 0,646 ( B5); 0,554 (B20); 0,632 (B50); 0,658 (B70) e 0,687 (B100) contra 0,663 (B5); 0,564 (B20); 0,643 (B50); 0,658 (B70) e 0,692 (B100) para as blendas de biodiesel/BCL. Praticamente todos os parametros avaliados neste estudo comparativo indicam a qualidade superior do BCO oleico em relacao ao BCL.
  • CLAUDIO GABRIEL LIMA JUNIOR
  • INVESTIGAÇÃO DA REAÇÃO DE MORITA-BAYLIS-HILLMAN EM REATOR DE MICRO-ONDAS USANDO ALDEÍDOS AROMÁTICOS E ISATINA COMO ELETRÓFILOS: AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE CITOTÓXICA EM LINHAGEM DE CÉLULAS DE LEUCEMIA PROMIELOCÍTICA HUMANAS (HL-60)
  • Data: 14/11/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  •  

    Neste trabalho, nós descrevemos a investigação da reação de Morita-Baylis-Hillman
    em reator de micro-ondas, sob condições de vaso fechado para preparação de 40
    adutos, sendo seis inéditos, utilizando 30 aldeídos aromáticos e a isatina como
    eletrófilos e acrilonitrila (62a), acrilato de metila (2), acrilato de hidroxietila (62b),
    acrilato de 2,2-dimetil-1,3-dioxalila (62c) e acrilato de 2,3-diidroxipropila (62d) como
    aceptores de Michael catalisada por 1,4-diazabiciclo [2.2.2] octano (DABCO). A
    maioria dos adutos foram sintetizados de forma eficiente em curtos tempos reacionais
    e excelentes rendimentos (70-99%) usando este protocolo reacional. No entanto, esta
    metodologia sintética apresentou limitações para substratos menos reativos, devido a
    formação de subprodutos e em alguns casos a não formação do aduto desejado. A
    aplicação de baixa temperatura e / ou protocolo convencional a temperatura ambiente
    conduziram a preparação dos adutos de forma quimiosseletiva. Provamos que a
    reação de formação do acrilato de 2-hidroxi(4-bromofenil)metila (43) é reversível a
    120° C, fato que explica a limitação observada na preparação de alguns adutos
    usando aquecimento por irradiação de micro-ondas e o sucesso no emprego de
    protocolo a temperatura de 0º C. A avaliação preliminar da atividade citotóxica contra
    linhagem de células de leucemia humana HL-60 foi realizada, onde os adutos
    nitrilados derivados da isatina (56a e 56b) foram os mais ativos. Estudos preliminares
    da atividade antimitótica em células embrionárias de ouriço do mar (Echinometra
    lucunter) realizados com adutos nitrilados contendo anéis piridínicos (49, 47, 20),
    grupo nitro (16, 38, 15) e átomo de bromo ligados ao anel aromático (42) revelaram
    que, exceto 47, todos os adutos investigados inibiram fortemente os estágios de
    desenvolvimento embrionário de primeira clivagem e mórula. Além disso, observações
    experimentais não demonstraram inibição da organização dos microtúbulos, indução
    de necrose celular e toxicidade por parte dos adutos, sugerindo como mecanismo de
    ação o bloqueio da síntese protéica e/ou de DNA.
    Palavras chave: Adutos de Morita-Baylis-Hillman. Reator de Micro-ondas. Atividade
    citotóxica e antimitótica e Reversibilidade.

    Neste trabalho, nós descrevemos a investigação da reação de Morita-Baylis-Hillmanem reator de micro-ondas, sob condições de vaso fechado para preparação de 40adutos, sendo seis inéditos, utilizando 30 aldeídos aromáticos e a isatina comoeletrófilos e acrilonitrila (62a), acrilato de metila (2), acrilato de hidroxietila (62b),acrilato de 2,2-dimetil-1,3-dioxalila (62c) e acrilato de 2,3-diidroxipropila (62d) comoaceptores de Michael catalisada por 1,4-diazabiciclo [2.2.2] octano (DABCO). Amaioria dos adutos foram sintetizados de forma eficiente em curtos tempos reacionaise excelentes rendimentos (70-99%) usando este protocolo reacional. No entanto, estametodologia sintética apresentou limitações para substratos menos reativos, devido aformação de subprodutos e em alguns casos a não formação do aduto desejado. Aaplicação de baixa temperatura e / ou protocolo convencional a temperatura ambienteconduziram a preparação dos adutos de forma quimiosseletiva. Provamos que areação de formação do acrilato de 2-hidroxi(4-bromofenil)metila (43) é reversível a120° C, fato que explica a limitação observada na preparação de alguns adutosusando aquecimento por irradiação de micro-ondas e o sucesso no emprego deprotocolo a temperatura de 0º C. A avaliação preliminar da atividade citotóxica contralinhagem de células de leucemia humana HL-60 foi realizada, onde os adutosnitrilados derivados da isatina (56a e 56b) foram os mais ativos. Estudos preliminaresda atividade antimitótica em células embrionárias de ouriço do mar (Echinometralucunter) realizados com adutos nitrilados contendo anéis piridínicos (49, 47, 20),grupo nitro (16, 38, 15) e átomo de bromo ligados ao anel aromático (42) revelaramque, exceto 47, todos os adutos investigados inibiram fortemente os estágios dedesenvolvimento embrionário de primeira clivagem e mórula. Além disso, observaçõesexperimentais não demonstraram inibição da organização dos microtúbulos, induçãode necrose celular e toxicidade por parte dos adutos, sugerindo como mecanismo deação o bloqueio da síntese protéica e/ou de DNA.

  • JOSE BERIVALDO SALES ALMEIDA
  • Um método quimiluminescente baseado em imagem digital para determinação de Cr (VI) em águas usando um analisador fluxo-batelada.
  • Data: 12/11/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  •  

    Neste trabalho, propõe-se um método quimiluminescente baseado em
    imagem digital que utiliza um analisador em fluxo-batelada para determinação de Cr
    (VI) em águas. O sistema QL-FB-BID (sistema quimiluminescente em fluxo batelada
    baseado em imagens digitais) proposto usa uma webcam com sensor CCD
    (dispositivo de carga acoplada) para aquisição das imagens digitais geradas de
    acordo com o sistema de cor RGB (Red-Green-Blue). A determinação de Cr (VI) é
    baseada em sua redução quantitativa para Cr (III) por peróxido de hidrogênio em
    meio ácido. Em seguida, o Cr (III) atua como catalisador na reação de oxidação do
    luminol por peróxido de hidrogênio em meio alcalino, produzindo radiação
    quimiluminescente. A luz emitida é capturada pela webcam gerando uma imagem
    digital, na qual uma região é delimitada para a decomposição dos pixels nos valores
    dos componentes R, G e B. Estes valores são usados para definir um vetor posição
    no espaço tridimensional RGB. A norma do vetor é adotada como sendo a resposta
    analítica, a qual se relaciona linearmente com a concentração do analito. A faixa
    linear da resposta obtida para a determinação de Cr (VI) estendeu-se de 7,36 até
    150,00 μg L−1. O modelo linear de curva analítica foi validado por intermédio de
    ANOVA, teste-F para falta de ajuste e da análise gráfica dos resíduos deixados pelo
    modelo. Os valores estimados dos limites de detecção e quantificação foram,
    respectivamente, 2,20 e 7,36 μg L-1. A frequência analítica alcançada foi de 40 h−1.
    Aplicando-se o teste t-emparelhado aos resultados obtidos pelo método proposto em
    comparação com o método espectrofotométrico de referência, não foram
    observadas diferenças estatisticamente significativas ao nível de confiança de 95%.
    Palavras-chave: quimiluminescência, imagem digital, analisador em fluxo-batelada,
    Cr (VI), águas.

    Neste trabalho, propõe-se um método quimiluminescente baseado emimagem digital que utiliza um analisador em fluxo-batelada para determinação de Cr(VI) em águas. O sistema QL-FB-BID (sistema quimiluminescente em fluxo bateladabaseado em imagens digitais) proposto usa uma webcam com sensor CCD(dispositivo de carga acoplada) para aquisição das imagens digitais geradas deacordo com o sistema de cor RGB (Red-Green-Blue). A determinação de Cr (VI) ébaseada em sua redução quantitativa para Cr (III) por peróxido de hidrogênio emmeio ácido. Em seguida, o Cr (III) atua como catalisador na reação de oxidação doluminol por peróxido de hidrogênio em meio alcalino, produzindo radiaçãoquimiluminescente. A luz emitida é capturada pela webcam gerando uma imagemdigital, na qual uma região é delimitada para a decomposição dos pixels nos valoresdos componentes R, G e B. Estes valores são usados para definir um vetor posiçãono espaço tridimensional RGB. A norma do vetor é adotada como sendo a respostaanalítica, a qual se relaciona linearmente com a concentração do analito. A faixalinear da resposta obtida para a determinação de Cr (VI) estendeu-se de 7,36 até150,00 μg L−1. O modelo linear de curva analítica foi validado por intermédio deANOVA, teste-F para falta de ajuste e da análise gráfica dos resíduos deixados pelomodelo. Os valores estimados dos limites de detecção e quantificação foram,respectivamente, 2,20 e 7,36 μg L-1. A frequência analítica alcançada foi de 40 h−1.Aplicando-se o teste t-emparelhado aos resultados obtidos pelo método proposto emcomparação com o método espectrofotométrico de referência, não foramobservadas diferenças estatisticamente significativas ao nível de confiança de 95%.

     

  • SALOANA SANTINA GOMES SANTOS
  • Vermiculitas quimicamente modificadas com grupos orgânicos contendo cloro e nitrogênio como adsorventes para cátions de cobre (II) em solução aquosa
  • Data: 05/11/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  •  

    Um grupo de materiais que despertam interesse para a produção de sólidos multifuncionais são os filossilicatos naturais que através de reações de modificação interlamelar ou na superfície resultam em materiais híbridos com propriedades melhoradas. Neste trabalho utilizou-se o filossilicato natural, vermiculita (V), como suporte após lixiviação ácida em HNO3 nas concentrações de 0,3; 0,5 e 0,8 mol dm-3 para a síntese de híbridos inorgânico–orgânicos por reações de silanização com o agente sililante 3-cloropropiltrimetoxisilano (Cl), reagindo subseqüentemente com a molécula do imidazol (Im). Os sólidos foram caracterizados por difratometria de raios-X, espectroscopia na região do infravermelho, análise elementar de C, H, N e Cl, medidas de adsorção/dessorção de nitrogênio, termogravimetria, RMN no estado sólido de 29Si e 27Al e microscopia eletrônica de varredura. Nas reações com os sólidos ativados, a quantidade máxima do silano ancorado foi 1,57; 2,42 e 2,30 mmol g-1 para V0,3-Cl, V0,5-Cl e V0,8-Cl, respectivamente. O sólido V0,8-Cl-Im foi o que apresentou o maior número de moléculas ancoradas do grupo imidazol mostrando 1,38 mmol g-1 de nitrogênio. Os sólidos modificados foram aplicados na adsorção de íons Cu2+ em solução aquosa, em que as retenções máximas foram de 2,28; 1,99 e 2,38 mmol/g para os sólidos V0,3-Cl-Im, V0,5-Cl-Im e V0,8-Cl-Im, respectivamente. Os processos adsortivos seguiram a cinética de pseudo-segunda ordem e os dados de equilíbrio se ajustaram ao modelo de Langmuir.
    Palavras-chaves: Vermiculita, argilominerais, sólidos híbridos, adsorção.

    Um grupo de materiais que despertam interesse para a produção de sólidos multifuncionais são os filossilicatos naturais que através de reações de modificação interlamelar ou na superfície resultam em materiais híbridos com propriedades melhoradas. Neste trabalho utilizou-se o filossilicato natural, vermiculita (V), como suporte após lixiviação ácida em HNO3 nas concentrações de 0,3; 0,5 e 0,8 mol dm-3 para a síntese de híbridos inorgânico–orgânicos por reações de silanização com o agente sililante 3-cloropropiltrimetoxisilano (Cl), reagindo subseqüentemente com a molécula do imidazol (Im). Os sólidos foram caracterizados por difratometria de raios-X, espectroscopia na região do infravermelho, análise elementar de C, H, N e Cl, medidas de adsorção/dessorção de nitrogênio, termogravimetria, RMN no estado sólido de 29Si e 27Al e microscopia eletrônica de varredura. Nas reações com os sólidos ativados, a quantidade máxima do silano ancorado foi 1,57; 2,42 e 2,30 mmol g-1 para V0,3-Cl, V0,5-Cl e V0,8-Cl, respectivamente. O sólido V0,8-Cl-Im foi o que apresentou o maior número de moléculas ancoradas do grupo imidazol mostrando 1,38 mmol g-1 de nitrogênio. Os sólidos modificados foram aplicados na adsorção de íons Cu2+ em solução aquosa, em que as retenções máximas foram de 2,28; 1,99 e 2,38 mmol/g para os sólidos V0,3-Cl-Im, V0,5-Cl-Im e V0,8-Cl-Im, respectivamente. Os processos adsortivos seguiram a cinética de pseudo-segunda ordem e os dados de equilíbrio se ajustaram ao modelo de Langmuir.

     

  • ANDRE LEONARDO PATRICIO SILVA
  • PREPARAÇÃO DE SÍLICAS ORGANOFUNCIONALIZADAS PARA A IMOBILIZAÇÃO DE LIPASE DE Burkholderia cepacia
  • Data: 19/09/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A obtenção de lipases imobilizadas estáveis é um dos maiores desafios para a biotecnologia moderna que envolve o emprego destas enzimas em processos biocatalisados. A aplicação comercial desses biocatalisadores depende de métodos eficientes de imobilização e da utilização de um suporte apropriado para assegurar estabilidade às enzimas. Nessa direção, o escopo do presente trabalho envolveu a preparação de suportes quimicamente modificados a partir da sílica gel. As sílicas organofuncionalizadas foram preparadas por silanização pela rota heterogênea, utilizando os compostos 3-aminopropiltrimetoxissilano e 3-cloropropiltrimetoxissilano originando os sólidos denominados Sil-propil-NH2 e Sil-propil-Cl, respectivamente. Os sólidos Sil-propil-NH2 e Sil-propil-Cl reagiram subsequentemente com cloreto cianúrico e o com o espaçador 1,6 diaminohexano, seguido do ataque covalente do cloreto cianúrico resultando nas matrizes Sil-propil-N-CC e Sil-propil-Hex-CC. A sílica gel e os sólidos modificados foram caracterizados pelas técnicas de termogravimetria, medidas de adsorção/dessorção de nitrogênio, análises elementar de CHN, ressonância magnética nuclear de Si29 e C13 e espectroscopia de absorção na região do infravermelho. Os suportes modificados foram utilizados na imobilização da lipase de Burkholderia cepacia, sendo que o desempenho catalítico e estabilidade dos derivados enzimáticos imobilizados foram investigados em reações de hidrólise do éster palmitato de p-nitrofenila (p-NPP) em cinco ciclos reacionais consecutivos. Os resultados das preparações dos suportes mostraram o ancoramento da molécula triazínica nas superfícies silanizadas. No material Sil-propil-N-CC foi observado um aumento do teor de nitrogênio obtido da análise elementar, que correspondeu a 1,82% de N referente à introdução do grupo amino e 3,08% de N após a reação com o composto triazínico. No caso do material Sil-propil-Cl, observou-se um aumento na porcentagem de nitrogênio do suporte contendo espaçador (2,13% N) e após a reação com o cloreto cianúrico (3,6% N). Os testes de atividade hidrolítica e estabilidade das lipases imobilizadas mostraram 2910, 3000 e 3430 U/g, respectivamente para os suportes contendo aminopropil e o anel triazínico, cloropropil e o espaçador e a superfície com espaçador e o anel triazínico. Nos ensaios catalíticos foi observada uma maior tendência de perda de estabilidade na ausência do espaçador. Os resultados obtidos mostraram que as reações de modificação química da superfície da sílica possibilitaram o ancoramento covalente do cloreto cianúrico e a presença de um espaçador possibilitou maior atividade e estabilidade aos biocatalisadores imobilizados.
  • IELENA EULALIA MATIAS CAVALCANTE ROCHA SOUTO
  • ESTUDO CINÉTICO E REOLÓGICO DE GRAXAS LUBRIFICANTES SUBMETIDAS À DEGRADAÇÃO TÉRMICA OXIDATIVA
  • Data: 17/09/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A lubrificação é de grande importância, pois permite que todos os sistemas que tenham algum movimento relativo funcionem de uma forma mais eficiente prolongando a vida útil do equipamento. Para certos tipos de lubrificação são utilizadas as graxas lubrificantes, que são constituídas de um óleo base e de um agente espessante. Normalmente elas são utilizadas em temperaturas elevadas, o que pode comprometer sua durabilidade e eficiência, visto que suas propriedades podem ser modificadas durante armazenamento e uso no equipamento. Diante disso, o presente trabalho tem como objetivo realizar o estudo cinético de amostras submetidas à degradação térmica oxidativa, bem como determinar o comportamento reológico de graxas lubrificantes à base de sabão de lítio e de cálcio, com a finalidade de prever as características de fluxo do material. As amostras foram submetidas à análise na forma encontrada para venda (sem degradação) e após a degradação térmica, nas temperaturas de 150, 170, 190 e 210 °C, durante 24 e 48 horas, ainda foram utilizadas as temperaturas de 250 e 300°C, por um período de 06 e 12 horas. Através da espectroscopia na região do infravermelho observaram-se alterações nas absorções das amostras de graxa lubrificante à base de sabão de cálcio e à base de sabão de lítio, indicando que as amostras foram degradadas. O estudo reológico indicou o comportamento não Newtoniano para todas as graxas analisadas, sendo os maiores valores de viscosidade para graxas lubrificantes à base de sabão de cálcio nas temperaturas de 250 e 300 °C. De acordo com o método de Coats-Redfern (CR), sob temperatura de 150 °C, nos diferentes tempos aplicados no estudo, tem-se a seguinte ordem de energia de ativação: graxa não degradada > degradada durante 24 horas > degradada durante 48 horas. Os valores de energia de ativação obtidos por meio da determinação dos parâmetros cinéticos não apresentaram boa concordância entre os diferentes métodos utilizados. 

  • JULIANA KELLY DIONIZIO DE SOUZA
  • SÍNTESE DE CATALISADORES UTILIZANDO GARRAFA PET PARA A PRODUÇÃO DE BIODIESEL
  • Data: 17/09/2012
  • Mostrar Resumo
  • A catálise heterogênea é uma alternativa promissora para resolver os problemas ambientais encontrados na catálise homogênea, pois permite o uso continuo do catalisador até sua desativação e minimiza a geração de efluentes. Neste sentido, este trabalho visa em sintetizar, otimizar e avaliar a atividade de catalisadores heterogêneos, utilizando a garrafa PET pós-consumo como matéria prima na síntese da fase ativa e SiO2 como suporte catalítico para a reação de transesterificação com óleo de soja. Os catalisadores foram obtidos pela o método de impregnação utilizando o metanol como solvente. A fase ativa, os catalisadores e o suporte catalítico foram caracterizados por difração de raios-X (DRX), espectroscopia na região do infravermelho (IV), espectroscopia Raman, microscopia eletrônica de varredura (MEV) e EDS, análise térmica (TG), e medida de área superficial (BET). Os biodieseis foram sintetizados utilizando uma razão molar de 1:9 (óleo de soja: metanol), 0,1 g da fase ativa como catalisador a temperatura ambiente e 1,2 g dos catalisadores sintetizados a 75 °C, onde suas viscosidades cinemáticas foram medidas. Todos os catalisadores foram efetivos na síntese do biodiesel, pois promoveu a redução de viscosidade do óleo de soja utilizado, no qual mostrou um indicativo que a reação de transesterificação ocorreu, dentre todos os biodieseis sintetizados o catalisador que mais se destacou foi o 30%-K2CO3/70%-SiO2, onde obteve-se a maior redução de viscosidade com um menor tempo reacional. Os testes de qualidade foram feitos para o Bio 1h-30%, o qual mostrou estar dentro dos parâmetros estabelecidos pela Agência Nacional de Petróleo (ANP). O experimento de reuso do catalisador utilizado na síntese do Bio 1h-30%, mostrou que a atividade catalítica é reduzida devido ao possível fenômeno de lixiviação, então estudos preliminares foram propostos para estudar a possível lixiviação da fase ativa.
  • JULIANA KELLY DIONIZIO DE SOUZA
  • SÍNTESE DE CATALISADORES UTILIZANDO GARRAFA PET PARA A PRODUÇÃO DE BIODIESEL
  • Data: 17/09/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A catálise heterogênea é uma alternativa promissora para resolver os problemas ambientais encontrados na catálise homogênea, pois permite o uso continuo do catalisador até sua desativação e minimiza a geração de efluentes. Neste sentido, este trabalho visa em sintetizar, otimizar e avaliar a atividade de catalisadores heterogêneos, utilizando a garrafa PET pós-consumo como matéria prima na síntese da fase ativa e SiO2 como suporte catalítico para a reação de transesterificação com óleo de soja. Os catalisadores foram obtidos pela o método de impregnação utilizando o metanol como solvente. A fase ativa, os catalisadores e o suporte catalítico foram caracterizados por difração de raios-X (DRX), espectroscopia na região do infravermelho (IV), espectroscopia Raman, microscopia eletrônica de varredura (MEV) e EDS, análise térmica (TG), e medida de área superficial (BET). Os biodieseis foram sintetizados utilizando uma razão molar de 1:9 (óleo de soja: metanol), 0,1 g da fase ativa como catalisador a temperatura ambiente e 1,2 g dos catalisadores sintetizados a 75 °C, onde suas viscosidades cinemáticas foram medidas. Todos os catalisadores foram efetivos na síntese do biodiesel, pois promoveu a redução de viscosidade do óleo de soja utilizado, no qual mostrou um indicativo que a reação de transesterificação ocorreu, dentre todos os biodieseis sintetizados o catalisador que mais se destacou foi o 30%-K2CO3/70%-SiO2, onde obteve-se a maior redução de viscosidade com um menor tempo reacional. Os testes de qualidade foram feitos para o Bio 1h-30%, o qual mostrou estar dentro dos parâmetros estabelecidos pela Agência Nacional de Petróleo (ANP). O experimento de reuso do catalisador utilizado na síntese do Bio 1h-30%, mostrou que a atividade catalítica é reduzida devido ao possível fenômeno de lixiviação, então estudos preliminares foram propostos para estudar a possível lixiviação da fase ativa.
  • WELLINGTON DA SILVA LYRA
  • Um Método Espectrométrico de Emissão em Chama Baseado em Imagens Digitais para Determinação Indireta de Fármacos e Determinação Simultânea de Sódio e Cálcio
  • Data: 11/09/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho a potencialidade da Espectrometria de Emissão em Chama Baseada em Imagens digitais (DIB-FES) é demonstrada por meio de duas aplicações completamente distintas. A primeira consiste na determinação indireta de três fármacos em soluções injetáveis: diclofenaco sódico, dipirona sódica e gluconato de cálcio e a segunda na combinação da DIB-FES com Regressão Linear Múltipla (MLR) para a determinação simultânea de sódio e cálcio em amostras de leite em pó. Até o presente momento a literatura não reporta a utilização da FES tradicional na: determinação indireta de substâncias orgânicas, determinação simultânea de analitos utilizando um único detector e superação do problema de interferência espectral. Na DIB-FES as imagens digitais da chama são capturadas pela webcam na região oxidante da mesma (2,5 cm acima do queimador do fotômetro) e estão associadas às radiações emitidas pelos metais presentes na chama ar-butano. Com base no sistema de cores Vermelho-Verde-Azul (RGB) foram desenvolvidos modelos de calibração univariada e multivariada, os quais foram validados e então aplicados em amostras reais. Em cada aplicação os resultados obtidos foram comparados com os resultados obtidos por seus respectivos métodos de referência. Não houve diferenças estatisticamente significativas entre resultados ao aplicar o teste t emparelhado ao nível de 95% de confiança. A precisão estimada foi melhor do que a de seus respectivos métodos de referência e a exatidão foi verificada por altas taxas de tendência e fatores de recuperação entre 97 e 104% nas duas aplicações.
  • INAKA SILVA BARRETO
  • Sistema Fluxo-Batelada Monossegmentado: Determinação Espectrofotométrica de Boro em Plantas
  • Data: 30/08/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Esse trabalho introduz o conceito fluxo-batelada monossegmentado (monosegmented flow-batch - MSFB). Esse sistema combina as características favoráveis do sistema fluxo-batelada (flow-batch analysis – FBA) e do fluxo monossegmentado (monosegmented flow analysis – MSFA), permitindo o uso do FBA em reações de cinética lenta sem prejuízo na sensibilidade ou na frequência de amostragem. O MSFB foi avaliado durante a determinação espectrofotométrica de boro em extrato de plantas, baseado no método que envolve a reação lenta entre o boro e a azometina-H. Todas as soluções padrão foram preparadas in-line e todos os processos analíticos foram realizados por simples mudanças nos parâmetros operacionais do software de controle do MSFB. O limite de detecção foi estimado em 0,008 mg L-1. As medidas foram executadas com frequência analítica de 120 amostras por hora, com precisão
    satisfatória. O MSFB foi aplicado com sucesso na análise de 10 amostras de extratos plantas e os resultados foram equivalentes aos obtidos pelo método de referência, ao nível de 95% de confiança estatística.

  • RENE PINTO DA SILVA
  • TRATAMENTO DE CORANTES REATIVOS EM SOLUÇÃO AQUOSA UTILIZANDO LODO DE ESGOTO SANITÁRIO COMO BIOSSORVENTE EM REATORES CONTÍNUOS
  • Data: 29/08/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os tratamentos convencionais de efluentes da indústria têxtil, em geral, produzem quantidades significativas de subprodutos com características recalcitrantes. Dentre as novas tecnologias de tratamento, a adsorção se apresenta como um método alternativo. Neste estudo, foi feita a avaliação da eficiência do lodo de esgoto sanitário na remoção do corante reativo amarelo GR, azul GN e vermelho RB em reatores em fluxo contínuo, com e sem aeração, em relação ao pH, alcalinidade total, ácidos graxos voláteis, acidez, condutividade elétrica, turbidez oxigênio dissolvido, sólidos totais e absorbância em função do tempo no reator. Para isto, os lodos foram pré-tratados termicamente, triturados e peneirados. Os reatores com aeração apresentaram os melhores resultados, destacando a eficiência de remoção de 86% durante o período de 60 dias. Os reatores em série apresentaram uma eficiência de remoção média de 81%. A remoção foi satisfatória já que o LES não necessitou de nenhuma modificação química e o corante foi eficientemente adsorvido, em torno de pH 5 a 7. Os resultados finais foram promissores, em relação aos parâmetros físico-químicos medidos que são legislados, uma vez que o efluente após o tratamento se enquadrou na legislação vigente, em relação ao lançamento de efluentes em corpos d’água.
    .

  • SUELANIO VIEGAS DE SANTANA
  • NANOPARTÍCULAS DE PRATA E Ag/ZnO NANOESTRUTURADO COMO AGENTES ANTIMICROBIANOS OBTIDOS POR PROCESSO HIDROTERMAL DE MICRO-ONDAS
  • Data: 29/08/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho consiste na obtenção, caracterização e avaliação antimicrobiana de nanopartículas de prata e Ag/ZnO nanoestruturado.  As nanopartículas de prata foram obtidas através de uma nova rota utilizando AgNO3 como sal precursor e citrato de amônio como agente redutor. Sobre óxido de zinco comercial foram impregnadas nanopartículas de prata por meio do método hidrotermal de micro-ondas em diferentes tempos de síntese. As amostras Ag/ZnO nanoestruturado foram caracterizadas através das técnicas de difração de raios X (DRX), microscopia eletrônica de varredura (MEV) e espectroscopia de energia dispersiva (EDS). As nanopartículas de prata coloidais obtidas durante os processos foram caracterizadas por meio da espectroscopia óptica na região do ultravioleta e visível (UV-Vis). Ensaios de atividade antimicrobiana foram procedidos para o Ag/ZnO nanoestruturado e para as nanopartículas de prata coloidal. Foram incluídas seis espécies bacterianas e seis espécies fúngicas. Análises da atividade tóxica e citotóxica, foram procedidas para as nanopartículas de prata coloidal sobre alevinos de Poecilia Reticulata e sobre Artemia salina. Os resultados demostram que  método de síntese escolhido se mostrou eficaz para a síntese da prata, bem como no processo de impregnação das nanopartículas de prata sobre o óxido de zinco comercial. Os testes biológicos revelaram significativa atividade antimicrobiana das nanopartículas de prata sobre os micro-organismos analisados e a sua baixa toxidade.

     

     


  • WAGNER ANDRÉ VIEIRA DA SILVA
  • (S)-2-HIDROXIPROPANOATO DE 2-N,N-DIMETILAMINOETILA: SÍNTESE E INVESTIGAÇÃO DA ATIVIDADE ORGANOCATALÍTICA NA REAÇÃO DE MORITA-BAYLIS-HILMAN
  • Data: 28/08/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho foi realizado com o intuito de sintetizar e avaliar uma nova amina terciária quiral, o (S)-2-hidroxipropanoato de 2-N,N-dimetilaminoetila de acordo ao conceito de catalisador multifuncional, o qual permite que uma mesma molécula apresente várias características como os de ácido de Bronsted e base de Lewis. Aliado aos interesses da organocatálise de simplicidade e baixo custo operacional, resultando em produtos que não apresentam metais como contaminantes, projetamos no intuito de ser capaz de catalisar/promover a reação de Morita-Baylis-Hilman (MBH). A síntese de foi efetuada a partir de matérias-primas baratas e de boa disponibilidade comercial; o ácido S-lático e o 2-N,Ndimetilaminoetan-1-ol em uma etapa reacional (98%). Baseado na atual proposta mecanística da reação de MBH, o mecanismo de Cantillo e Kappe, foram investigados as condições reacionais, onde há a transferência de hidrogênio em meio aprótico e também na presença de fenóis como aditivos, verificando a influência nas velocidades, rendimentos de reação e indução assimétrica. Investigamos a reação entre o p-nitrobenzaldeído e a acrilonitrila como reação de MBH padrão, variando condições experimentais como: solvente, quantidade do(S)-2-hidroxipropanoato de 2-N,N-dimetilaminoetila, tempo, temperatura e adição de aditivos fenólicos. Em adição, foi desenvolvido um novo método de separação de enantiômeros para o composto racêmico antiparasitário 2-[Hidroxi(4-nitrofenil)metil]acrilonitrila via cromatografia gasosa com colunas capilares de alta resolução empacotadas por fases quirais. Foram obtidos rendimentos químicos do 2-[Hidroxi(4-nitrofenil)metil] <1 à 98% e excessos enantioméricos até 20,5%. Aspectos mecanísticos são discutidos neste trabalho, baseados nos resultados obtidos e em cálculos computacionais, usando a teoria DFT e QTAIM.

  • MICHELLE MENEZES DE OLIVEIRA
  • MAGADEÍTA E VERMICULITAS MODIFICADAS COM GRUPOS ORGÂNICOS CONTENDO NITROGÊNIO E ENXOFRE COMO ADSORVENTES
  • Data: 22/08/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os silicatos lamelares têm sido estudados devido à suas propriedades superficiais e estrutura lamelar. Neste contexto a magadeíta e a vermiculita que são silicatos lamelares sintético e natural, respectivamente, podem ser quimicamente modificados sendo aplicados como suportes para imobilização de compostos orgânicos resultando em sólidos multifuncionais. Neste trabalho se investigou a síntese de sólidos nano-estruturados, utilizando magadeíta ácida e vermiculitas (sódica e lixiviadas com HNO3 nas concentrações 0,3; 0,5 e 0,8 mol dm-3) como suportes na imobilização dos compostos etileno sulfeto (ES), 3-cloropropiltrimetoxisilano (CPTS) e o 1-(2-aminoetil)piperazina (AMP), originando os híbridos MagES, VCl e VAMP, respectivamente. Os sólidos foram caracterizados pelas técnicas de difratometria de raios X, espectroscopia na região do infravermelho, análise termogravimétrica, análise de adsorção e dessorção de nitrogênio, análise elementar, RMN de 29Si e 13C e microscopia eletrônica de varredura. Na reação da molécula ES com magadeíta, a quantidade máxima imobilizada foi 1,59 mmol/g de enxofre. Para as reações das vermiculitas com o silano CPTS, os valores de grupos orgânicos foram 1,78, 1,54 e 2,45 mmol/g nos sólidos V0,3Cl, V0,5Cl e V0,8Cl, respectivamente. Entre os sólidos silanizados, a matriz V0,5Cl apresentou o maior número de moléculas do reagente AMP ancoradas em relação aos demais, cujo valor foi 1,64 mmol/g de nitrogênio. Os materiais foram aplicados para retenção de íons metálicos de Cu2+, Pb2+ e Cd2+ em solução aquosa. As melhores condições mediante ensaios cinéticos e de equilíbrio foram empregadas. A adsorção máxima de Pb2+ pelo sólido MagES2 foi 0,59 mmol/g e para o sólido nitrogenado V0,5AMP a adsorção máxima de Cu2+ foi 1,54 mmol/g. Os processos adsortivos seguiram uma cinética de pseudo-segunda ordem. Os modelos de Langmuir e Freundlich foram utilizados para ajustar os dados experimentais, apresentando boa correlação. Os resultados indicaram que os sólidos organicamente modificados são potenciais adsorventes na remoção de cátions metálicos de solução aquosa.

  • LÍBIA NAYANE FERNANDES DE QUEIROGA
  • INTERCALAÇÃO DE ETILENODIAMINA EM VERMICULITA E ADSORÇÃO DO CORANTE REATIVO AZUL DE REMAZOL RN UTILIZANDO MÉTODOS QUIMIOMÉTRICOS
  • Data: 20/08/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O argilomineral vermiculita foi modificado por intercalação de etilenodiamina (en) em meio ácido. Para isto, foi empregado um planejamento fatorial 24, cujos fatores escolhidos foram: temperatura da reação de intercalação, concentração de en+, tempo de agitação e lixiviação da vermiculita, no total foram obtidas 16 amostras de vermiculita preparadas em diversas condições experimentais. A resposta avaliada foi a percentagem de nitrogênio. As matrizes pura e modificadas foram caracterizadas através das técnicas de análise elementar de CHN; difração de raios X; espectroscopia na região do infravermelho e ressonância magnética nuclear de 29Si. Um estudo quimiométrico foi realizado utilizando os espectros na região do infravermelho das 16 amostras para investigar o efeito das condições experimentais na modificação de vermiculita. Os resultados mostraram que a temperatura de reação e o processo de lixiviação do sólido tem influência relevante em termos de propriedades estruturais da vermiculita. Os dados de análise elementar forneceram o valor de 0,54 mmol g-1 para a quantidade de grupos orgânicos, sugerindo a efetividade da reação de intercalação de etilenodiamina protonada (en+) no espaço interlamelar do material. O sólido otimizado foi aplicado em processo de adsorção do corante reativo azul de remazol RN em solução aquosa, utilizando o planejamento fatorial, na qual as variáveis foram: temperatura e tempo de agitação, as respostas foram dadas pela absorção no UV-VIS da banda característica do corante. Os resultados mostraram que a vermiculita modificada é um adsorvente eficiente para a remoção do corante reativo azul de remazol RN em solução aquosa e que a aplicação do planejamento experimental é importante para a determinação das melhores condições das variáveis experimentais.

  • ANA FERNANDA DE SOUZA GERMANO
  • Sílicas mesoporosas modificadas com grupos contendo nitrogênio e enxofre como adsorventes para íons metálicos em solução
  • Data: 01/06/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Híbridos mesoporosos orgânico-inorgânicos são candidatos promissores na área de adsorção. Neste trabalho, foram sintetizados novos adsorventes baseados em sílicas mesoporosas do tipo HMS e MCM-41 organofuncionalizadas com grupos contendo nitrogênio e enxofre empregando o método pós funcionalização. A sílica HMS foi obtida a partir do direcionador n-dodecilamina e modificada com os organossilanos contendo um, dois ou três átomos de nitrogênio, em seguida submetidas a reações de funcionalização com ácido tioglicólico ou etilenossulfeto. A sílica MCM-41, obtida a partir do direcionador CTAB, foi modificada apenas com o organossilano contendo um átomo de nitrogênio e funcionalizada com dissulfeto de carbono. O conjunto de sílicas HMS funcionalizadas foram aplicadas em processos de adsorção dos cátions divalentes Cd, Co, Cu, Ni e Pb em solução aquosa, sendo realizado o estudo cinético. As matrizes HMS e MCM-41 puras, modificadas e funcionalizadas foram caracterizadas através das técnicas de análise elementar, termogravimetria, determinação de área superficial, espectroscopia na região do infravermelho, ressonância magnética nuclear de 13C e 29Si e difratometria de raios-X. Os dados de análise elementar de C, H, N e S sugerem o sucesso da imobilização dos ligantes ácido tioglicólico e etilenossulfeto apontando para possível polimerização das moléculas de etilenossulfeto. A matriz MCM-41 apresentou pequeno grau de funcionalização, 0,09 mmol g-1 de enxofre ancorado à superfície. As matrizes HMS funcionalizadas demonstraram capacidade para adsorção dos cátions Cd2+, Co2+, Cu2+, Ni2+ e Pb2+, sendo os melhores resultados verificados para o cátion Cu2+. Todos os sistemas estudados obedecem à cinética de reação de pseudo-segunda ordem. As quantidades dos cátions Cu2+ fixos adsorvidos nas matrizes HMS contendo um, dois ou três átomos de nitrogênio e o ligante ácido tioglicólico foram: 0,86; 1,08 e 1,06 mmol g-1, respectivamente. Para as matrizes contendo um, dois ou três átomos de nitrogênio e o ligante etilenossulfeto os valores foram: 0,83; 1,38 e 1,01 mmol por grama, respectivamente.

  • LECIA MARIA DA SILVA FREIRE
  • Propriedades Térmica, Oxidativa e Fluidodinâmicas de Biodiesels Obtidos a Partir de Misturas Quaternárias de Óleos Vegetais
  • Data: 25/05/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • As propriedades de óleos e do biodiesel produzidos a partir dessas matérias-primas são fortemente infuênciadas pela composição individual de ácidos e ésteres graxos que os compõem.  Ésteres preparados com ácidos graxos saturados apresentam alto ponto de névoa, alta viscosidade o que propicia uma alta probabilidade de entupimento dos bicos injetores do motor. Já os ésteres de ácidos graxos que apresentam muitas insaturações são menos viscosos, no entanto, mais susceptíveis á oxidação. Em virtude disto, o presente trabalho teve como objetivo propor uma metodologia para aumentar a estabilidade térmica e oxidativa, bem como melhorar as propriedades de fluxo do biodiesel sem a adição  de antioxidantes e anticongelantes,  respectivamente.  As amostras de biodiesel foram preparadas a partir de misturas quaternárias de óleos vegetais (soja-OSJ, algodão-OAG, pinhão manso-OPM, e babaçú-OBB). A temperatura de estabilidade térmica foi medida através da análise termogravimétrica (TG). As amostras OBB (335,2 oC), M4O (329,6 oC) e BM2 (204,7 oC) foram as que apresentaram maiores temperaturas onset  para óleos, misturas e biodiesels, respectivamente. O período de indução oxidativa (PI) foi medido através do PDSC, Petro-OXY e Rancimat. Dentre os óleos o que apresentou maior PI foi o OBB e o menor o OAG, nos três métodos, enquanto entre as misturas a que apresentaram o melhor e o pior PI foram a M4O e M1O, respectivamente. Os resultados foram corroborados pelo índice de iodo e teor de insaturação. Em respeito ás propriedades de fluxo, todas as amostras apresentaram comportamento  Newtoniano, e as amostras OBB e M4O apresentaram menor viscosidade absoluta e cinemática e maior ponto de névoa e ponto de fluidez. A síntese dos biodiesels foi realizada utilizando uma razão óleo:metanol de 1:3,36 mols. Dentre as sínteses realizadas com as cinco misturas quaternárias de óleos propostas, quatro delas tiveram seus rendimentos superiores a 99% m/m e teores de ésteres em torno de 98%. Em geral, as amostras apresentaram melhores valores de PI que os descritos na literatura.

  • JOSE HUNDEMBERG PEREIRA BARBOSA
  • Nanocompósitos de fosfato de cálcio com óxido de titânio –Síntese e caracterizações.
  • Data: 18/05/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • As cerâmicas de fosfato de cálcio têm sido investigadas devido as suas propriedades tais como biocompatibilidade e ausência de toxicidade, possibilitando sua utilização na área médica sendo aplicadas como substituto do tecido ósseo em implantes. No entanto, outras características são importantes tais como bioafinidade, resistência mecânica e química. Devido à dificuldade de se obter tais propriedades nos fosfatos puros, nanocompósitos foram propostos por combinarem as propriedades mecânicas e físicas dos materiais bioinertes com as propriedades biológicas das biocerâmicas. Assim neste trabalho, nanocompósitos do fosfato de cálcio monetita (CaHPO4) com dióxido de titânio foram sintetizados pela hidrólise controlada de tetrabutóxido de titânio em composições variando de 1 a 10% em soluções aquosas de cloreto de cálcio e fosfato de amônio. Os sólidos foram caracterizados por difratometria de raios-X, espectroscopia na região do infravermelho, análise termogravimétrica e microscopia eletrônica de varredura. Os resultados mostraram que houve uma incorporação do dióxido de titânio na superfície da monetita sem perda da cristalinidade e alteração morfológica. A avaliação da estabilidade química dos materiais mostrou que os nanocompósitos apresentaram resistência à dissolução em pH abaixo de 6,0. Os ensaios de bioatividade indicaram que o nanocompósito M2 apresentou melhor desempenho que os demais.

  • JEFFERSON MAUL DE ANDRADE
  • Ferritas de cobre e zinco do tipo espinélio sintetizadas pelos métodos: hidrotermal assistido por micro-ondas, precursores poliméricos, reação no estado sólido e decomposição térmica
  • Data: 04/05/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • As ferritas são materiais bastante estudados devido às diversas aplicações como: detector de gases, dispositivos ópticos, eletrônicos e magnéticos, catalisadores e pigmentos. Na síntese de materiais, essas propriedades são influenciadas pelo método de síntese. Neste trabalho, quatro métodos foram empregados na síntese das ferritas do tipo espinélio com composição Zn1-xCuxFe2O4 (x = 0,0; 0,25; 0,50; 0,75; 1,0). Estes foram: o hidrotermal assistido por micro-ondas (HMO), o precursor polimérico (PP), reação no estado sólido (ES) e decomposição térmica (CA). As amostras foram caracterizadas por difração de raios-X (DRX), espectroscopia na região do infravermelho (IV), espectroscopia Raman, espectroscopia na região do ultravioleta e do visível (UV-Vis), análise de área superficial pelo método de BET e microscopia eletrônica de varredura com emissão de campo (MEV-EC). Nas sínteses realizadas pelas diferentes metodologias, resultados diferentes foram obtidos em todas as técnicas empregadas. A amostra de composição Zn0,75Cu0,25Fe2O4 foi utilizada como composição padrão como comparação entre os métodos. Amostras obtidas pelo método hidrotermal apresentaram elevada área superficial (128 m2.g-1) e utilizando o tamanho de partícula calculado pelo BET e o tamanho de cristalito calculado pela difração, pode ser estimado que praticamente há cerca de 1 cristalito por partícula. Todas as amostras apresentaram elevada desordem a curto e a longo alcance. A amostra sintetizada pelo método PP apresentou a maior cristalinidade, com elevada ordem a curto e longo alcance, gerando alta fotocondutividade, com área superficial intermediária, devido à sinterização entre partículas pequenas. O método CA, em geral, apresentou comportamento intermediário entre o método PP e ES. Os métodos PP, ES e CA, quando comparados ao método HMO, apresentaram pequena área superficial (não excedendo 2 m2.g-1) e cerca de 9 vezes mais cristalitos por partícula. De um modo geral, a formação do espinélio ZnFe2O4 foi alcançada por todos os métodos utilizados, enquanto a síntese do CuFe2O4 não foi possível em alguns meios reacionais ou em temperaturas mais baixas.

  • JOAO JARLLYS NOBREGA DE SOUZA
  • Catalisadores a base de SrSnO3:Ni2+ não suportados e suportados para reação de redução de NO com CO
  • Data: 23/04/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho envolveu a síntese de um óxido com a estrutura perovskita (ABO3), o estanato de estrôncio (SrSnO3), com estrutura ortorrômbica com grupo espacial Pbnm, usando o método dos precursores poliméricos. Este material apresenta aplicações como capacitores, sensores de gases como o CO, NOx, H2, umidade e atualmente vem sendo estudado como catalisador. No início deste trabalho, o SrSnO3 puro e dopado com 10 % em mol de níquel (Sr0,9SnNi0,1O3, SrSn0,9Ni0,1O3, Sr0,95Sn0,95Ni0,1O3) foi caracterizado, fazendo uso da análise térmica (TG/DTA), espectroscopia de infravermelho (IV), espectroscopia na região do Ultra-violeta - visível, espectroscopia RAMAN, Difração de Raios-X (DRX) e área superficial pelo método de BET. A atividade catalítica dos materiais não suportados foi avaliada na reação de redução do monóxido de nitrogênio (NO) com monóxido de carbono (CO) seguida de caracterização por DRX, IV e Raman. O material calcinado a 800°C, apresenta o SrCO3 como fase secundária, sendo que a substituição do Sr2+ pelo Ni2+ reduz a formação de carbonato. A dopagem não alterou significativamente a ordem a longo alcance mas aumentou a desordem a ordem curto alcance. O sistema com melhor desempenho catalítico (SrSn0,9Ni0,1O3) obteve conversões de aproximadamente 90% de CO a CO2 e 85% de NO a N2. Na segunda parte do trabalho os catalisadores foram suportados (10% em massa, fase ativa/suporte), na anatase, gama alumina, céria e zircônia, a partir da resina obtida pelo método dos precursores poliméricos, com caracterização pelas técnicas descritas anteriormente. Buscou-se, dessa forma, avaliar o efeito do suporte na atividade desta perovskita nas mesmas condições reacionais. Foi possível confirmar a deposição do catalisador sobre todos os suportes, sendo a análise dificultada por se tratar de um filme na superfície do pó, às vezes com sobreposição de picos/bandas.

  • JOAO JARLLYS NOBREGA DE SOUZA
  • Catalisadores a base de SrSnO3:Ni2+ não suportados e suportados para reação de redução de NO com CO
  • Data: 23/04/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho envolveu a síntese de um óxido com a estrutura perovskita (ABO3), o estanato de estrôncio (SrSnO3), com estrutura ortorrômbica com grupo espacial Pbnm, usando o método dos precursores poliméricos. Este material apresenta aplicações como capacitores, sensores de gases como o CO, NOx, H2, umidade e atualmente vem sendo estudado como catalisador. No início deste trabalho, o SrSnO3 puro e dopado com 10 % em mol de níquel (Sr0,9SnNi0,1O3, SrSn0,9Ni0,1O3, Sr0,95Sn0,95Ni0,1O3) foi caracterizado, fazendo uso da análise térmica (TG/DTA), espectroscopia de infravermelho (IV), espectroscopia na região do Ultra-violeta - visível, espectroscopia RAMAN, Difração de Raios-X (DRX) e área superficial pelo método de BET. A atividade catalítica dos materiais não suportados foi avaliada na reação de redução do monóxido de nitrogênio (NO) com monóxido de carbono (CO) seguida de caracterização por DRX, IV e Raman. O material calcinado a 800°C, apresenta o SrCO3 como fase secundária, sendo que a substituição do Sr2+ pelo Ni2+ reduz a formação de carbonato. A dopagem não alterou significativamente a ordem a longo alcance mas aumentou a desordem a ordem curto alcance. O sistema com melhor desempenho catalítico (SrSn0,9Ni0,1O3) obteve conversões de aproximadamente 90% de CO a CO2 e 85% de NO a N2. Na segunda parte do trabalho os catalisadores foram suportados (10% em massa, fase ativa/suporte), na anatase, gama alumina, céria e zircônia, a partir da resina obtida pelo método dos precursores poliméricos, com caracterização pelas técnicas descritas anteriormente. Buscou-se, dessa forma, avaliar o efeito do suporte na atividade desta perovskita nas mesmas condições reacionais. Foi possível confirmar a deposição do catalisador sobre todos os suportes, sendo a análise dificultada por se tratar de um filme na superfície do pó, às vezes com sobreposição de picos/bandas.

  • JOAO JARLLYS NOBREGA DE SOUZA
  • Catalisadores a base de SrSnO3:Ni2+ não suportados e suportados para reação de redução de NO com CO
  • Data: 23/04/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho envolveu a síntese de um óxido com a estrutura perovskita (ABO3), o estanato de estrôncio (SrSnO3), com estrutura ortorrômbica com grupo espacial Pbnm, usando o método dos precursores poliméricos. Este material apresenta aplicações como capacitores, sensores de gases como o CO, NOx, H2, umidade e atualmente vem sendo estudado como catalisador. No início deste trabalho, o SrSnO3 puro e dopado com 10 % em mol de níquel (Sr0,9SnNi0,1O3, SrSn0,9Ni0,1O3, Sr0,95Sn0,95Ni0,1O3) foi caracterizado, fazendo uso da análise térmica (TG/DTA), espectroscopia de infravermelho (IV), espectroscopia na região do Ultra-violeta - visível, espectroscopia RAMAN, Difração de Raios-X (DRX) e área superficial pelo método de BET. A atividade catalítica dos materiais não suportados foi avaliada na reação de redução do monóxido de nitrogênio (NO) com monóxido de carbono (CO) seguida de caracterização por DRX, IV e Raman. O material calcinado a 800°C, apresenta o SrCO3 como fase secundária, sendo que a substituição do Sr2+ pelo Ni2+ reduz a formação de carbonato. A dopagem não alterou significativamente a ordem a longo alcance mas aumentou a desordem a ordem curto alcance. O sistema com melhor desempenho catalítico (SrSn0,9Ni0,1O3) obteve conversões de aproximadamente 90% de CO a CO2 e 85% de NO a N2. Na segunda parte do trabalho os catalisadores foram suportados (10% em massa, fase ativa/suporte), na anatase, gama alumina, céria e zircônia, a partir da resina obtida pelo método dos precursores poliméricos, com caracterização pelas técnicas descritas anteriormente. Buscou-se, dessa forma, avaliar o efeito do suporte na atividade desta perovskita nas mesmas condições reacionais. Foi possível confirmar a deposição do catalisador sobre todos os suportes, sendo a análise dificultada por se tratar de um filme na superfície do pó, às vezes com sobreposição de picos/bandas.

  • NATALY ALBUQUERQUE DOS SANTOS
  • Influência de metais de transição no processo oxidativo do biodiesel de soja
  • Data: 30/03/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  •  

    A estabilidade do biodiesel pode ser afetada pela presença de metais de transição, introduzidos durante o processamento, transporte e armazenamento do biodiesel. A presença dos íons Fe3+, Cr3+, Mn2+, Cu2+ e Co2+ diminuiu a estabilidade do biodiesel etílico de soja, quando avaliada pelos métodos Rancimat, PetroOxy e P-DSC. As modelagens cinéticas obtidas por P-DSC, no modo isotérmico (ASTM E 2070 – 08), apresentaram melhores resultados quando avaliados pelo método baseado na determinação da energia de ativação, a partir do fluxo de calor máximo da curva de oxidação. Os antioxidantes sintéticos (TBHQ, BHA e BHT) apresentaram baixa resistência térmica a 110 °C quando comparado aos antioxidantes naturais (α-tocoferol, ácido caféico, ácido ferúlico e ácido gálico), volatilizando-se nas primeiras horas de análises. O ácido caféico apresentou eficiência superior ao BHT e TBHQ quando avaliado no biodiesel contendo metais, sendo necessário pequenas quantidades (500 mg.L-1) para elevar o período de indução acima de 6 h, conforme norma EN 14214. Essa alta eficiência do ácido caféico está associada a sua capacidade de estabilizar o radical fenol por ressonância e por quelação do metal.
    Palavras-chave: biodiesel, metais, antioxidantes.

    A estabilidade do biodiesel pode ser afetada pela presença de metais de transição, introduzidos durante o processamento, transporte e armazenamento do biodiesel. A presença dos íons Fe3+, Cr3+, Mn2+, Cu2+ e Co2+ diminuiu a estabilidade do biodiesel etílico de soja, quando avaliada pelos métodos Rancimat, PetroOxy e P-DSC. As modelagens cinéticas obtidas por P-DSC, no modo isotérmico (ASTM E 2070 – 08), apresentaram melhores resultados quando avaliados pelo método baseado na determinação da energia de ativação, a partir do fluxo de calor máximo da curva de oxidação. Os antioxidantes sintéticos (TBHQ, BHA e BHT) apresentaram baixa resistência térmica a 110 °C quando comparado aos antioxidantes naturais (α-tocoferol, ácido caféico, ácido ferúlico e ácido gálico), volatilizando-se nas primeiras horas de análises. O ácido caféico apresentou eficiência superior ao BHT e TBHQ quando avaliado no biodiesel contendo metais, sendo necessário pequenas quantidades (500 mg.L-1) para elevar o período de indução acima de 6 h, conforme norma EN 14214. Essa alta eficiência do ácido caféico está associada a sua capacidade de estabilizar o radical fenol por ressonância e por quelação do metal.

  • WILLIAME FARIAS RIBEIRO
  • DETERMINAÇÃO VOLTAMÉTRICA DE RICINA EM MAMONA USANDO CARBONO VÍTREO E DIAMANTE DOPADO COM BORO
  • Data: 23/03/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A Ricina (RCA 60) é uma proteína tóxica inibidora dos ribossomos, de classe II, extraída do endosperma da semente da mamona, constituída por duas cadeias peptídicas (RCA-A 30 e RCA-B 30) ligadas covalentemente por uma ponte dissulfeto, formada pela combinação dos resíduos de 17 aminoácidos essenciais. Sua toxicidade tem sido observada em animais, insetos e humanos, seja por inalação, ingestão ou injeção, tendo, por conseguinte, sido utilizada na produção de armas químicas, paradoxalmente, com aplicações medicinais. Os principais métodos analíticos para a detecção e determinação de RCA 60 empregam separações cromatográficas, biossensores e ensaios imunoquímicos. Por outro lado, não existem trabalhos na literatura que empregam voltametria para determinação de RCA 60. Assim, neste trabalho a oxidação eletroquímica da RCA 60 foi estudada usando um eletrodo de carbono vítreo (CV). Além disso, foi desenvolvido um método voltamétrico por voltametria de onda quadrada (VOQ) para a determinação da RCA-A 30 com pré-concentração, empregando um eletrodo de diamante dopado com boro (DDB). Dois principais picos de oxidação eletroquímica quase-reversíveis da RCA 60 foram verificados sobre CV por VOQ e voltametria cíclica. O estudo do pH por voltametria de pulso diferencial revelou ampla dependência (2,0 ≤ pH ≤ 10,0) com os potenciais de pico de modo que o mecanismo de reação envolve a transferência de 2H+/2e- e 1H+/1e-, para os P1 e P2, respectivamente, com surgimento de um produto de oxidação em pH  7,0, decorrente do pico P2. Ambos os picos apresentaram intensidade de corrente máxima em pH 7,0. Embora tenha sido observado comportamento eletroquímico similar para amostras de RCA 60 de cultivares diferentes nesse eletrodo, a forte evidência de envenenamento superficial do eletrodo foi determinante para a escolha do DDB para desenvolvimento do método voltamétrico. Testes com o padrão analítico da cadeia A da RCA 60 (RCA-A 30), confirmam os picos P1 e P2, sendo P2 mais sensível para fins analíticos. Um comportamento irreversível para P2 foi diagnosticado para RCA-A 30 em ácido sulfúrico (0,1 mol L-1, pH 1,0), facilitado pela pré-concentração por adsorção sobre DDB. A excelente resposta voltamétrica do material pré-concentrado, permitiu o desenvolvimento de um método sensível e confiável, com uma faixa de linearidade de 3,3 a 94 nmol L-1 com um limite de detecção e quantificação de 19 e 62 g L-1, respectivamente. Recuperação de 90,9% foi verificado para 3,3 x 10-8 mol L-1 de RCA-A 30 em um extrato deslipidado de RCA 60, extraído da cultivar de mamoneira BRS Paraguaçu, respectivamente, o que está dentro dos limites sugeridos pela AOAC. Novas aplicações do método para outras amostras de cultivares de mamoneira estão em curso.

  • HARYANE RIBEIRO MORAIS DA SILVA
  • Complexo Luminescente de Európio Trivalente Imobilizado em Vermiculitas Modificadas com 1-Metil-Imidazol

  • Orientador : MARIA GARDENNIA DA FONSECA
  • Data: 14/03/2012
  • Mostrar Resumo
  • presente trabalho relata a síntese, caracterização e estudos fotoluminescentes de
    tetraquis-complexos de európio imobilizados na superfície do argilomineral natural,
    vermiculita. Neste estudo, a vermiculita pura (V0) e as matrizes sólidas ativadas resultantes do
    tratamento com ácido nas concentrações 1, 2, 3 e 4 mol.L-1, respectivamente, foram tratadas
    com o organosilano 3-cloropropiltrimetoxissilano. As vermiculitas funcionalizadas sofreram
    reações subseqüentes com o grupo metil-imidazol (MID), resultando nos sólidos aniônicos
    denominados Vx-MID+Cl-. Todas as matrizes, foram caracterizadas por análise química, IV,
    DRX, RMN 29Si e 27Al, MEV e área superficial. A lixiviação da vermiculita originou sólidos
    porosos com elevadas áreas superficiais, SBET = 141, 558, 590 e 628 m2g-1 para V1 a V4,
    respectivamente e superfícies relativamente mais reativas. Os sólidos híbridos (Vx-MID+Cl-),
    atuaram como suportes para a imobilização dos complexos [Eu(β-dicetonatos)4]- , em que β-
    dicetonatos = TTA ou DBM. Os perfis dos espectros de emissão dos híbridos são semelhantes
    aos tetraquis-complexos isolados, embora com a presença de bandas mais alargadas o que se
    deve a pequena mudança estrutural dos ânions complexos causada pela sua interação com a
    superfície. As curvas de decaimento de luminescência dos materiais híbridos ajustaram-se
    melhor às curvas bi-exponenciais e os valores de aumentaram gradativamente com o grau
    de funcionalização das superfícies com o grupo imidazólio. Observou-se que as propriedades
    luminescentes das superfícies V0-MID[Eu(-dicetonato)4] são semelhantes àqueles dos
    respectivos complexos HNEt3[Eu(-dicetonato)4], porém próximos dos valores obtidos para
    os complexos [Eu(TTA)3(H2O)2] e [Eu(DBM)3(H2O)] encontrados na literatura. Este
    resultado evidenciou a presença de mais de uma espécie emissora nos sistemas estudados (tris
    e tetraquis-dicetonatos). Os valores altos dos parâmetros de intensidade 2 e 4 dos
    complexos nas superfícies, evidenciam o ambiente químico altamente polarizável ao redor do
    íon Eu3+. As diferenças observadas em relação aos valores dos complexos isolados podem ser
    associadas às mudanças estruturais resultantes das interações dos complexos com a superfície.
    As taxas Arad dos sistemas híbridos estudados possuem valores aproximadamente iguais a
    1000 s-1. Já os valores das taxas Anrad tendem a diminuir à medida que a quantidade de
    complexos tetraquis adsorvidos aumenta, contribuindo para o aumento nos valores de
    eficiência quântica de emissão (). Finalmente, os resultados obtidos evidenciam que as
    superfícies híbridas de argilominerais apresentam grande potencialidade de adsorção de
    espécies aniônicas preservando as características das espécies adsorvidas.

  • GESSENILDO PEREIRA RODRIGUES
  • Estudo Teórico de Alguns Canais Fotodissociativos do HCFC-133ª (C2H2F3Cl)

  • Data: 12/03/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A problemática das emissões de gases nocivos à atmosfera e o fenômeno do buraco na camada de ozônio são temas amplamente discutidos na atualidade. Os principais compostos relatados como contribuintes para este fato são os clorofluorcarbonos (CFC’s). Estes gases foram, de acordo com o Protocolo de Montreal, substituídos pelos hidroclorofluorcarbonos (HCFC’s). O entendimento da fotodissociação destes compostos é de grande relevância para a elucidação do seu comportamento na atmosfera superior. Assim, este trabalho consiste de um estudo teórico dos primeiros estados excitados oriundos de transições do tipo nσ* do C2H2F3Cl (HCFC-133a) utilizando cálculos de estrutura eletrônica multiconfiguracionais conforme implementados no programa COLUMBUS. Foram estudados dois diferentes espaços ativos CAS(6,4) (orbitais nCl, σC-Cl e σ*C-Cl) e CAS(12,8) (inclusão dos orbitais nF, σC-F e σ*C-F) referentes aos caminhos de dissociação que geram a saída de Cl radicalar ou FCl. Os resultados mostram que a curva de energia potencial ao longo da coordenada C-Cl é dissociativa com energias de excitação vertical ΔΕ(S0→S1)= 7,01 eV e ΔΕ(S0→S2)= 7,14 eV (CASSCF/cc-pvDZ). Os comprimentos de onda associados a estas transições são λteórico=136 nm e 133 nm, respectivamente, sendo o valor experimental igual a λexp=123,6 nm. Este resultado indica que a fotodissociação ocorre via estado S1, onde também foi observada a existência de uma intersecção cônica entre S0 e S1. Já para o mecanismo envolvendo a saída do FCl, foi observado um mínimo local na superfície de energia potencial para os parâmetros RC-F=1,85Å, RC-Cl=2,60Å e CF3-CCl= 0°. A partir deste mímino observam-se dois canais para fotodissociação: Um deles gera os radicais F e Cl e o outro leva à formação do fragmento FCl.

  • GESSENILDO PEREIRA RODRIGUES
  • Estudo Teórico de Alguns Canais Fotodissociativos do HCFC-133ª (C2H2F3Cl)
  • Data: 12/03/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A problemática das emissões de gases nocivos à atmosfera e o fenômeno do buraco na camada de ozônio são temas amplamente discutidos na atualidade. Os principais compostos relatados como contribuintes para este fato são os clorofluorcarbonos (CFC’s). Estes gases foram, de acordo com o Protocolo de Montreal, substituídos pelos hidroclorofluorcarbonos (HCFC’s). O entendimento da fotodissociação destes compostos é de grande relevância para a elucidação do seu comportamento na atmosfera superior. Assim, este trabalho consiste de um estudo teórico dos primeiros estados excitados oriundos de transições do tipo nσ* do C2H2F3Cl (HCFC-133a) utilizando cálculos de estrutura eletrônica multiconfiguracionais conforme implementados no programa COLUMBUS. Foram estudados dois diferentes espaços ativos CAS(6,4) (orbitais nCl, σC-Cl e σ*C-Cl) e CAS(12,8) (inclusão dos orbitais nF, σC-F e σ*C-F) referentes aos caminhos de dissociação que geram a saída de Cl radicalar ou FCl. Os resultados mostram que a curva de energia potencial ao longo da coordenada C-Cl é dissociativa com energias de excitação vertical ΔΕ(S0→S1)= 7,01 eV e ΔΕ(S0→S2)= 7,14 eV (CASSCF/cc-pvDZ). Os comprimentos de onda associados a estas transições são λteórico=136 nm e 133 nm, respectivamente, sendo o valor experimental igual a λexp=123,6 nm. Este resultado indica que a fotodissociação ocorre via estado S1, onde também foi observada a existência de uma intersecção cônica entre S0 e S1. Já para o mecanismo envolvendo a saída do FCl, foi observado um mínimo local na superfície de energia potencial para os parâmetros RC-F=1,85Å, RC-Cl=2,60Å e CF3-CCl= 0°. A partir deste mímino observam-se dois canais para fotodissociação: Um deles gera os radicais F e Cl e o outro leva à formação do fragmento FCl.

  • ISABELLE NOGUEIRA PEIXOTO
  • Otimização de N-Piridilporfirinas Precursoras de Moduladores Redox de Estresse Oxidativo e Estudos de Distorção Não-Planar
  • Data: 12/03/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • As N-piridilporfirinas e seus derivados pertencem a uma classe de meso-porfirinas de interesse químico e biológico que podem ser empregadas em diversos campos da ciência. Neste estudo, a
    síntese da 3-N-piridilporfirina foi otimizada empregando técnicas quimiométricas como planejamento fatorial fracionário e superfície de resposta. Sete fatores foram investigados simultaneamente e
    rendimentos de 24% foram alcançados. Investigou-se, por cálculos computacionais em nível DFT, a influência da escolha das cadeias laterais oxigenadas para o sucesso da síntese de Nmetoxialquilpiridilporfirinas como uma estratégia de modular a atividade SOD, lipofilicidade e toxicidade dos complexos de Mn(III) resultantes. A formação de compostos metilados em detrimento aos metoxialquilados desejados depende do tamanho da cadeia carbônica do grupo alquila. A reação de metilação é resultado de uma ciclização intramolecular do tosilato de metoxialquila de partida, cujo mecanismo de rearranjo foi investigado computacionalmente. Os resultados teóricos estão em consonância com os dados experimentais e auxiliaram no desenvolvimento de uma Mn-porfirina com propriedades químicas e biológicas excepcionais. Investigou-se também o efeito de substituintes periféricos na deformação do anel porfirínico em meso-arilporfirinas e na energia de rotação do grupo arila. Foi possível observar que para todas as porfirinas investigadas, a deformação fora do plano do tipo ‟ruffle″ (franzida, B1u) é a que mais contribui para a distorção não-planar dos estados de transição associados à rotação aril-porfirina. Adicionalmente, tanto o padrão de substituição quanto o caráter eletrônico do grupo arila influenciam sobremaneira essa barreira rotacional, impactando, possivelmente, as propriedades eletrônicas e na reatividade desses sistemas.

  • STEFANI IURY EVANGELISTA DE ANDRADE
  • Um Analisador Fluxo-Batelada Baseado em Imagem Digital para Determinação de Al(III) e Cr(VI) em Águas
  • Data: 09/03/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Esse estudo propõe um analisador fluxo-batelada baseado em imagem digital (DIB-FBA) para determinação de Al(III) e Cr(VI) em águas. O DIB-FBA utiliza uma webcam com sensor CCD para a aquisição das imagens geradas de acordo com o sistema de cor RGB (Red-Green-Blue). O método para a determinação de Al(III) baseia-se na reação com quercetina e o brometo de cetiltrimetilamônio, produzindo um complexo amarelo com máximo de absorção em 428 nm. A determinação de cromo é baseada na reação do íon Cr(VI) com 1,5-difenilcarbazida, cujo o produto é um complexo de coloração violeta com máximo de absorção em 548 nm. Todas as soluções de calibração foram preparadas in-line e todos os processos analíticos foram realizados simplesmente mudando os parâmetros operacionais do aplicativo de controle do DIB-FBA. A resposta linear para o Al(III) se estende de 10 a 600 μg L−1 e para o Cr(VI) de 10 a 300 μg L−1. Os modelos lineares das curvas analíticas foram validados por intermédio de ANOVA, teste F para falta de ajuste e da análise gráfica dos resíduos deixados pelos modelos. Os limites de detecção e as frequências analíticas foram estimadas como sendo, respectivamente, 3,97 μg L−1 e 137 h−1, para o Al(III) e 3,40 μg L−1 e 134 h−1, para o Cr(VI). Os resultados da aplicação do DIB-FBA foram comparados com os obtidos empregando os respectivos métodos de referência. Constatou-se que não existe nenhuma diferença estatisticamente significativa entre os resultados, aplicando o teste t-pareado ao nível de confiança de 95%.

  • ADRIANO DE ARAUJO GOMES
  • Algoritmo das Projeções Sucessivas Aplicado à Seleção de Variáveis em Regressão PLS
  • Data: 08/03/2012
  • Mostrar Resumo
  • A combinação de técnicas espectroscópicas com calibração multivariada tem permitido o desenvolvimento de métodos para determinação de analitos (ou outras propriedades) em matrizes complexas. Nesse contexto, destacam-se as determinações usando modelos baseados na regressão PLS (Partial Least Square), bem difundida e consolidada na literatura. Apesar da eficácia dos modelos PLS obtidos a partir de espectros completos, alguns trabalhos da literatura têm mostrado que a seleção de variáveis pode melhorar a capacidade preditiva dos modelos PLS. No presente trabalho, desenvolve-se um algoritmo, em MatLab@, que utiliza o Algoritmo das Projeções Sucessivas-APS, proposto originalmente para MLR (Multiple Linear Regression), a fim de melhorar a capacidade preditiva de modelos PLS obtidos por intervalos. O algoritmo proposto, denominado Algoritmo das projeções sucessivas em intervalos para regressão PLS (iSPA-PLS), foi avaliado em três estudos de caso, a saber: (i) determinação simultânea de três corantes alimentícios em amostras sintéticas usando espectrometria UV-Vis, (ii) quantificação do teor de proteínas em trigo por espectrometria NIR e (iii) determinação da qualidade de amostras de extrato de cervejas usando também espectrometria NIR. O desempenho do iSPA-PLS foi comparado ao dos seguintes algoritmos e modelos bem estabelecidos na literatura: GA-PLS, PLS-Jack-Knife, iPLS e siPLS. Os resultados das três aplicações atestam as vantagens do iSPA-PLS frente aos demais algoritmos. Entre elas, destacam-se os menores erros de predição e a capacidade de selecionar um número menor de fatores PLS.

  • ADRIANO DE ARAUJO GOMES
  • Algoritmo das Projeções Sucessivas Aplicado à Seleção de Variáveis em Regressão PLS

  • Data: 08/03/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A combinação de técnicas espectroscópicas com calibração multivariada tem permitido o desenvolvimento de métodos para determinação de analitos (ou outras propriedades) em matrizes complexas. Nesse contexto, destacam-se as determinações usando modelos baseados na regressão PLS (Partial Least Square), bem difundida e consolidada na literatura. Apesar da eficácia dos modelos PLS obtidos a partir de espectros completos, alguns trabalhos da literatura têm mostrado que a seleção de variáveis pode melhorar a capacidade preditiva dos modelos PLS. No presente trabalho, desenvolve-se um algoritmo, em MatLab@, que utiliza o Algoritmo das Projeções Sucessivas-APS, proposto originalmente para MLR (Multiple Linear Regression), a fim de melhorar a capacidade preditiva de modelos PLS obtidos por intervalos. O algoritmo proposto, denominado Algoritmo das projeções sucessivas em intervalos para regressão PLS (iSPA-PLS), foi avaliado em três estudos de caso, a saber: (i) determinação simultânea de três corantes alimentícios em amostras sintéticas usando espectrometria UV-Vis, (ii) quantificação do teor de proteínas em trigo por espectrometria NIR e (iii) determinação da qualidade de amostras de extrato de cervejas usando também espectrometria NIR. O desempenho do iSPA-PLS foi comparado ao dos seguintes algoritmos e modelos bem estabelecidos na literatura: GA-PLS, PLS-Jack-Knife, iPLS e siPLS. Os resultados das três aplicações atestam as vantagens do iSPA-PLS frente aos demais algoritmos. Entre elas, destacam-se os menores erros de predição e a capacidade de selecionar um número menor de fatores PLS.
    Palavras-chaves: Algoritmo das projeções Sucessivas, Mínimos Quadrados Parciais, seleção de variáveis, Intervalos.A combinação de técnicas espectroscópicas com calibração multivariada tem permitido o desenvolvimento de métodos para determinação de analitos (ou outras propriedades) em matrizes complexas. Nesse contexto, destacam-se as determinações usando modelos baseados na regressão PLS (Partial Least Square), bem difundida e consolidada na literatura. Apesar da eficácia dos modelos PLS obtidos a partir de espectros completos, alguns trabalhos da literatura têm mostrado que a seleção de variáveis pode melhorar a capacidade preditiva dos modelos PLS. No presente trabalho, desenvolve-se um algoritmo, em MatLab@, que utiliza o Algoritmo das Projeções Sucessivas-APS, proposto originalmente para MLR (Multiple Linear Regression), a fim de melhorar a capacidade preditiva de modelos PLS obtidos por intervalos. O algoritmo proposto, denominado Algoritmo das projeções sucessivas em intervalos para regressão PLS (iSPA-PLS), foi avaliado em três estudos de caso, a saber: (i) determinação simultânea de três corantes alimentícios em amostras sintéticas usando espectrometria UV-Vis, (ii) quantificação do teor de proteínas em trigo por espectrometria NIR e (iii) determinação da qualidade de amostras de extrato de cervejas usando também espectrometria NIR. O desempenho do iSPA-PLS foi comparado ao dos seguintes algoritmos e modelos bem estabelecidos na literatura: GA-PLS, PLS-Jack-Knife, iPLS e siPLS. Os resultados das três aplicações atestam as vantagens do iSPA-PLS frente aos demais algoritmos. Entre elas, destacam-se os menores erros de predição e a capacidade de selecionar um número menor de fatores PLS.
    Palavras-chaves: Algoritmo das projeções Sucessivas, Mínimos Quadrados Parciais, seleção de variáveis, Intervalos.sssfsfsfsfsfsfsfs

  • ADRIANO DE ARAUJO GOMES
  • Algoritmo das Projeções Sucessivas Aplicado à Seleção de Variáveis em Regressão PLS
  • Data: 08/03/2012
  • Mostrar Resumo
  • A combinação de técnicas espectroscópicas com calibração multivariada tem permitido o desenvolvimento de métodos para determinação de analitos (ou outras propriedades) em matrizes complexas. Nesse contexto, destacam-se as determinações usando modelos baseados na regressão PLS (Partial Least Square), bem difundida e consolidada na literatura. Apesar da eficácia dos modelos PLS obtidos a partir de espectros completos, alguns trabalhos da literatura têm mostrado que a seleção de variáveis pode melhorar a capacidade preditiva dos modelos PLS. No presente trabalho, desenvolve-se um algoritmo, em MatLab@, que utiliza o Algoritmo das Projeções Sucessivas-APS, proposto originalmente para MLR (Multiple Linear Regression), a fim de melhorar a capacidade preditiva de modelos PLS obtidos por intervalos. O algoritmo proposto, denominado Algoritmo das projeções sucessivas em intervalos para regressão PLS (iSPA-PLS), foi avaliado em três estudos de caso, a saber: (i) determinação simultânea de três corantes alimentícios em amostras sintéticas usando espectrometria UV-Vis, (ii) quantificação do teor de proteínas em trigo por espectrometria NIR e (iii) determinação da qualidade de amostras de extrato de cervejas usando também espectrometria NIR. O desempenho do iSPA-PLS foi comparado ao dos seguintes algoritmos e modelos bem estabelecidos na literatura: GA-PLS, PLS-Jack-Knife, iPLS e siPLS. Os resultados das três aplicações atestam as vantagens do iSPA-PLS frente aos demais algoritmos. Entre elas, destacam-se os menores erros de predição e a capacidade de selecionar um número menor de fatores PLS.

  • ANDERSON EDUARDO ALCÂNTARA DE LIMA
  • Avaliação e Comparação do Número de Cetano Obtido por Métodos Alternativos (Normatizados e não Normatizados) – Uma Análise Estatística
  • Data: 13/02/2012
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • No Brasil, a maior empregabilidade do óleo diesel é no sistema rodoviário de transporte de cargas, tornando necessário um rigoroso acompanhamento da qualidade de ignição deste combustível Dentre os parâmetros físicos e químicos, o Número de Cetano (NC) é um dos mais comuns indicadores da qualidade do óleo diesel. Além do método padrão (ASTM D-613) para determinação do NC, existem outros métodos alternativos, como, ASTM D-6890, ASTM D-4737, por técnicas de espectroscopia no infravermelho e pelo aparelho portátil IROX DIESEL. O presente estudo teve como objetivo avaliar e comparar métodos alternativos para determinação do NC, utilizando-se teste
    de estatísticas não paramétricas (Friedman, Wilcoxon). Foram selecionadas aleatoriamente 80 amostras que estivessem em conformidade com as especificações da ANP e posteriormente ensaiadas em triplicatas. De acordo com análise estatística, os resultados das determinações de NC pelo método ASTM D-6890 e por técnicas de espectroscopia no infravermelho, não possuem diferenças significativas ao nível de significância de 5%. Já os resultados de NC dos métodos ASTM D-4737 e IROX DIESEL, foram estatisticamente diferentes entre si e também quando comparados com os métodos anteriores mencionados ao nível de significância de 5%. A técnica de espectroscopia no infravermelho mostra ser uma alternativa para obtenção do NC se incluído nas especificações de óleo diesel, pois é uma técnica que requer menor custo de implementação e manutenção, determinação rápida e precisa não requerendo calibração externa e de fácil operação.

2011
Descrição
  • ANDREA MARIA BRANDAO MENDES DE OLIVEIRA
  • Paligorsquita como Adsorvente para Íons de Metais de Transição - Estudo Cinético e do Equilíbrio.
  • Data: 21/12/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os argilominerais são silicatos importantes do ponto de vista ambiental, tecnológico e acadêmico, existindo como materiais sintéticos ou naturais. Neste grupo, a paligrosquita é um argilomineral de hábito fibroso de estrutura 2:1 de ampla aplicação industrial como adsorvente. Este mineral pode apresentar substituições isomórficas parciais do magnésio pelo alumínio e/ou ferro e essas substituições resultam num excesso de cargas negativas. Estas cargas associadas a superfícies específicas tornam a paligorsquita um adsorvente para moléculas polares ou íons positivos. Assim neste trabalho, a paligorsquita da região do Piauí foi aplicada como adsorvente em solução aquosa para remoção dos íons cobre, cobalto e níquel individualmente e na forma de soluções binárias. A paligorsquita inicialmente foi caracterizada por análise química, DRX, espectroscopia na região do infravermelho e termogravimetria. Os ensaios de adsorção para a série de íons em solução aquosa foram realizados pelo método em batelada em que os efeitos do tempo de reação (2 a 72 h), temperatura (303, 313 e 323 K), concentração inicial do íon metálico (10-3 a 10-2 mol dm- em cada uma das temperaturas, pH (2,0; 4,0; 6,0 e 8,0) e força iônica (soluções de NaNO3 nas concentrações de 0,01; 0,005; 0,008 e 0,01 mol dm- foram sistematicamente variados. As misturas binárias dos cátions foram investigadas variando o tempo de reação e as concentrações iniciais dos íons em solução. O tempo de retenção máxima foi de 48 h para todos os cátions. Os dados das isotermas de tempo foram ajustados aos modelos cinéticos de pseudo-primeira ordem, pseudo-segunda ordem e de difusão intrapartícula, sendo melhores descritos pelo modelo de pseudo-segunda ordem. As isotermas de concentração foram testadas frente aos modelos de Langmuir e Freundlich. As capacidades máximas de adsorção para cobre (II), níquel (II) e cobalto (II) foram de 1,28; 1,21 e 1,1 mmol g-1; 1,60; 1,46 e 1,40 mmol g-1 e de 0,78; 0,68 e 0,61 mmol g-1 a 303, 313 e 323 K, respectivamente. As paligorsquitas saturadas com os íons metálicos foram caracterizadas por DRX, espectroscopia na região do infravermelho e termogravimetria mostrando pouca alteração na estrutura comparando com àquela do sólido precursor.

  • JOÃO BATISTA MOURA DE RESENDE FILHO
  • Síntese, Caracterização e Estudo das Propriedades Fotoluminescentes de Complexos de Európio com Ligantes 2-Acilindan-1,3-Dionatos e Heteroaromáticos.

  • Data: 21/12/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O presente trabalho retrata a síntese, caracterização e o estudo das propriedades fotoluminescentes de complexos de európio(III) com ligantes tris-(2-acilindan-1,3-dionatos) (ACIND = 2-acetilindan-1,3-diona; BIND = 2-benzoilindan-1,3-diona; e PROPIND = 2-propionoilindan-1,3-diona) e heteroaromáticos auxiliares N coordenantes (bipy = 2,2‟-bipiridina; e phen = 1,10-fenantrolina). Os ligantes foram obtidos via reação de condensação do éster dietilftalato com uma cetona, obtendo-se rendimentos em torno de 12%. Os ligantes β-dicetonatos apresentaram elevado grau de pureza, sendo caracterizados pelos seguintes métodos: determinação de ponto de fusão, espectrometria de massas e cromatografia gasosa (GC-MS), espectroscopia de absorção na região do infravermelho (IV) e ressonância magnética nuclear de 1H e 13C (RMN 1H e RMN 13C). Os dados de titulação complexométrica foram concordantes com as fórmulas gerais [Eu(B)3(H2O)2], [Eu(B)3(H2O)(EtOH)] e [Eu(B)3(L-L)], onde B é uma das 2-acilindan-1,3-dionas sintetizadas e L-L é um ligante heteroaromático bidentado nitrogenado. Os espectros de IV corroboraram que a coordenação dos ligantes β-dicetonatos e heteroaromáticos aos íons Eu3+ ocorre através dos átomos de oxigênio dos grupos carbonila e dos átomos de nitrogênio, respectivamente. Através da análise dos desdobramentos das transições 5D0→7FJ nos espectros de emissão dos complexos de európio, pode-se inferir que o íon Eu3+ encontra-se em um ambiente químico de baixa simetria. Os complexos tris-dicetonatos com os ligantes auxiliares heteroaromáticos apresentaram maiores valores da eficiência quântica (η) quando comparados com os seus respectivos complexos hidratados. Todavia, esses valores quando comparados com complexos análogos com outros ligantes auxiliares (fosfinóxidos) apresentam valores de η significativamente baixo, sugerindo, em conformidade com os demais parâmetros de intensidade de luminescência, que grande parte da energia é dissipada pelo mecanismo de retrotransferência de energia do estado emissor do íon Eu3+ para os estados singletos e tripletos de energias menores dos ligantes 2-acilindan-1,3-dionatos.

  • POLIANE KARENINE BATISTA
  • DESENVOLVIMENTO DE ?-DICETONAS E ESTUDO DAS PROPRIEDADES LUMINESCENTES DE COMPLEXOS COM ÍONS LANTANIDEOS
  • Orientador : JULIANA ALVES VALE
  • Data: 21/12/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os complexos de íons lantanídeos vêm sendo intensivamente aplicados em diversas áreas do conhecimento. A maioria dessas aplicações depende das propriedades catalíticas e espectroscópicas dos íons lantanídeos trivalentes. Neste contexto, o presente trabalho envolve a síntese de duas classes de ligantes bifuncionalizados com bases nitrogenadas e ?-dicetonas (classes A e B), visando futuras aplicações como catalisadores para reações orgânicas e/ ou sensores químicos. Da classe A, compostos mistos de ?-dicetonas e ligantes bidentados nitrogenados, como 2,2’-bipiridina e 1,10-fenantrolina foram projetados, entretanto não obteve-se sucesso na última etapa da síntese. Três ligantes mistos de ?-dicetonas e piridina,1-fenil-3-(4-piridil)-propano-1,3 diona (12) (classe A), 1,3-metil-2-(4-piridil)-propano-1,3-diona (16) e 1,3-difenil-2-(4-piridil)-propano-1,3-diona (17) (classe B), foram obtidos com rendimentos moderados. Todos os intermediários de síntese e ligantes sintetizados foram caracterizados por espectrometria de massa, RMN de 1H e 13C. Os complexos tris-?-dicetonatos de Eu3+ e Gd3+ foram sintetizados com o ligante 12. A capacidade do ligante 12 em doar energia para os íons lantanídeos foi avaliada através dos espectros de luminescência do complexo com íon Gd3+, onde observou-se que o ligante 12 atua como uma “antena” muito eficiente, sensibilizando a luminescência do centro metálico. A partir do complexo do ligante 12 com Eu3+ as propriedades espectroscópicas do complexo formado foram investigadas com base nos dados obtidos a partir dos espectros de emissão, excitação e curvas de decaimento de luminescência. A partir dos espectros de emissão foi possível obter uma série de parâmetros espectroscópicos para o complexo do íon Eu3+, onde percebeu-se a ausência das bandas referentes à fluorescência e/ou fosforescência do ligante, sugerindo que os processos de transferência de energia do ligante para os níveis excitados do centro metálico são muito eficientes.

  • VERA LUCIA DA SILVA AUGUSTO FILHA
  • Sílicas Mesoporosas SBA-15 modificadas com aminas cíclicas – Síntese, caracterização e adsorção de cátions.
  • Data: 21/12/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho foi realizada a síntese da sílica SBA-15 a temperatura ambiente pela hidrólise ácida do tetraetoxisilano (TEOS) na presença do copolímero plurônico P123 (EO20PO70EO20). Os novos agentes sililantes foram sintetizados pelas reações dos reagentes comerciais 3-glicidóxipropiltrimetóxisilano (GLIC) e 3-cloropropiltrimetoxisilano (Cl) com a molécula da 1-(2-aminoetil) piperazina (AMP). Os novos agentes sililantes foram ancorados na superfície da sílica mesoporosa pela rota homogênea (HOM). Os agentes sililantes comerciais e as moléculas das aminas 1-(2-aminoetil)piperazina (AMP) e piperazina (PIP) foram também imobilizadas em etapas consecutivas pela rota heterogênea (HET). A sílica SBA-15 foi caracterizada através das técnicas de espalhamento de raios-x em baixo ângulo e medidas de adsorção/dessorção de nitrogênio. Os novos agentes sililantes foram caracterizados pelas técnicas de ressonância magnética nuclear 13C e espectroscopia na região do infravermelho. As diferentes matrizes modificadas foram caracterizadas pelas técnicas de espectroscopia na região do infravermelho, medidas de adsorção/dessorção de nitrogênio, análise elementar (CNCl), termogravimetria, microscopia eletrônica de varredura e ressonância magnética nuclear de 29Si. A análise elementar indicou o ancoramento de 3,41; 3,01; 0,26; 0,32; 0,46 e 0,34 mmol de nitrogênio por grama de suporte SIL-GLIC-AMP-HOMO, SIL-Cl-AMP-HOMO, SIL-GLIC-AMP-HETE, SIL-Cl-AMP-HETE, SIL-GLIC-PIP e SIL-Cl-PIP, respectivamente. Estes dados demonstraram a eficiência da rota homogênea no ancoramento da molécula AMP comparada à rota heterogênea. Os processos de adsorção foram investigados para os nitratos de cobre, níquel e cobalto em pH 2,0; 4,0; 6,0 e 8,0 para as superfícies modificadas com a molécula AMP em tempos variados, cujos resultados indicaram uma cinética de pseudo-segunda ordem. Os sólidos modificados apresentaram as capacidades de retenção no equilíbrio em relação aos cátions de Co2+, Cu2+ e Ni2+ de 1,40; 2,80 e 4,22 mmol/g para SIL-Cl-AMP-HETE, 1,02; 1,87 e 6,87 mmol/g para SIL-Cl-AMP-HETE, 4,50; 9,02 e 2,62 para SIL-Cl-AMP-HOMO e 4,68; 5,55 e 5,28 mmol/g para SIL-GLIC-AMP-HOMO, respectivamente. As isotermas de adsorção foram melhor ajustadas aos modelos de equilíbrio de Temkin, Henry e Freundlich evidenciando a heterogeneidade dos sítios adsorventes nas sílicas mesoporosas SBA-15.
  • JULIANA GOMES DE ALBUQUERQUE CORREIA
  • ESTUDO PRELIMINAR DE NO2 NA ATMOSFERA DA CIDADE DE JOÃO PESSOA, PB, BRASIL
  • Data: 21/12/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  •  

    O NO2 é um gás encontrado em quantidades traço na atmosfera. Sua principal fonte
    de emissão natural é a rápida oxidação do NO pelo O3 na alta troposfera. O NO é
    produzido através de fenômenos naturais ou antrópicos que demandam alta energia.
    Tais fenômenos consistem nos raios, relâmpagos, processos de combustão como as
    queimadas, as combustões industriais e as veiculares. O NO2 é precursor de outros
    oxidantes fortes como o ozônio troposférico, o ácido nítrico e o nitrato de
    peroxiacetila (PAN), e por isto pode ser indicador de uma mistura de poluentes. Este
    trabalho tem o objetivo de avaliar a concentração de NO2 na cidade de João Pessoa,
    obter o perfil horário de suas concentrações e identificar picos de poluição. O
    método utilizado foi o de Griess-Saltzman modificado, com amostragem ativa e préconcentração
    da amostra em cartucho SPE, de sílica C-18. As amostras foram
    coletadas em dois locais, no centro da cidade, durante janeiro e fevereiro de 2011 e
    nas dependências da UFPB, entre abril e maio de 2011. Os resultados mostram o
    comportamento esperado para o NO2, com máximas no período da manhã, decaindo
    por das 12h e aumentando no final do dia. Devido ao tráfego intenso de veículos
    automotores, as amostras coletadas no centro da cidade apresentaram as maiores
    concentrações de NO2, com pico de 15 μg/m³ no horário da noite (após as 17 horas),
    e mínima de 8 μg/m³, no período das 12 às 14 horas. Já nas amostras coletadas na
    UFPB, a maior concentração de NO2 foi de 7 μg/m³ no horário da noite, e a menor
    de 0,9 μg/m³, no período das 12 às 14 horas. Após o tratamento dos dados, a PCA
    mostrou que das variáveis climáticas, a umidade influencia a concentração no turno
    da manhã e as outras variáveis climáticas (radiação, temperatura) influenciam no
    turno da tarde.
    Palavras-chave: Dióxido de nitrogênio, qualidade do ar, química atmosférica

     

    O NO2 é um gás encontrado em quantidades traço na atmosfera. Sua principal fontede emissão natural é a rápida oxidação do NO pelo O3 na alta troposfera. O NO éproduzido através de fenômenos naturais ou antrópicos que demandam alta energia.Tais fenômenos consistem nos raios, relâmpagos, processos de combustão como asqueimadas, as combustões industriais e as veiculares. O NO2 é precursor de outrosoxidantes fortes como o ozônio troposférico, o ácido nítrico e o nitrato deperoxiacetila (PAN), e por isto pode ser indicador de uma mistura de poluentes. Estetrabalho tem o objetivo de avaliar a concentração de NO2 na cidade de João Pessoa,obter o perfil horário de suas concentrações e identificar picos de poluição. Ométodo utilizado foi o de Griess-Saltzman modificado, com amostragem ativa e préconcentraçãoda amostra em cartucho SPE, de sílica C-18. As amostras foramcoletadas em dois locais, no centro da cidade, durante janeiro e fevereiro de 2011 enas dependências da UFPB, entre abril e maio de 2011. Os resultados mostram ocomportamento esperado para o NO2, com máximas no período da manhã, decaindopor das 12h e aumentando no final do dia. Devido ao tráfego intenso de veículosautomotores, as amostras coletadas no centro da cidade apresentaram as maioresconcentrações de NO2, com pico de 15 μg/m³ no horário da noite (após as 17 horas),e mínima de 8 μg/m³, no período das 12 às 14 horas. Já nas amostras coletadas naUFPB, a maior concentração de NO2 foi de 7 μg/m³ no horário da noite, e a menorde 0,9 μg/m³, no período das 12 às 14 horas. Após o tratamento dos dados, a PCAmostrou que das variáveis climáticas, a umidade influencia a concentração no turnoda manhã e as outras variáveis climáticas (radiação, temperatura) influenciam noturno da tarde.

  • LUZENIR MONTEIRO PINTO
  • Avaliação da Estabilidade Oxidativa do Biodiesel Obtido do Óleo de Amendoim (Harachis hypogaea) durante armazenamento.
  • Data: 16/12/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O Biodiesel, mistura de alquil ésteres de ácidos graxos de cadeia longa, sofre durante armazenamento oxidação, devido à degradação dos ésteres insaturados, quando em contato com com oxigênio atmosférico ou mudanças de temperaturas e umidade. No biodiesel de amendoim, o oleato e o linoleato representam mais de 80% do total de éteres, sendo os principais determinantes da sua qualidade.  Neste trabalho, biodieseis metílico e etílico foram armazenados durante 12 meses em estufa a 43 oC, e a sua estabilidade oxidativa foi avaliada por meio de ensaios físico-quimicos, , estabelecidos pela norma da ANP: Índice de acidez, viscosidade cinemática a 40 oC, massa específica, estabilidade a oxidação a 110 oC.  Foi observado que nos cincos primeiros meses de estocagem as amostras mantiveram seus valores de índices de acidez, viscosidade, densidade e umidade concordante ao estabelecidos pela norma.  Após cinco meses de armazenamento os biodieseis apresentaram comportamentos diferenciados.  O biodiesel metílico aumentou seus valores de índice de acidez, viscosidade, umidade em relação ao etílico, mostrando que o seu processo de degradação foi mais pronunciado.  Também foram verificados ensaios preliminares sobre a estabilidade oxidativa do biodiesel de amendoim aditivado com os antioxidantes: alfa-tocoferol, terc-butilhidroquinona (TBHQ) e extrato etanólico de chá verde (EECV) usando as técnicas rancimat e PDSC.  A adição dos antioxidantes melhorou a estabilidade oxidativa do biodiesel de amendoim.  A ordem de eficiência dos antioxidantes foram TBHQ > EECV > alfa-tocoferol.

  • SARAH SOARES DAMASCENO
  • Avaliação da Atividade Antioxidante dos Ácidos Caféico e Ferúlico no Controle da Estabilidade Oxidativa do Biodiesel de Soja
  • Data: 15/12/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A oxidação lipídica é um fator crítico na perda da qualidade do biodiesel, em particular do biodiesel de soja, pois a sua composição em ésteres favorece o desenvolvimento da degradação oxidativa, devido à quantidade em ésteres de ácidos graxos insaturados tais como, oleato, linoleato e linolenato de etila. Neste trabalho, técnicas aceleradas (rancimat, petroOXY e análise térmica) e a cromatografia líquida de alta eficiência (HPLC) foram realizadas a fim de determinar a estabilidade oxidativa do biodiesel etílico de soja (BSJ) e do biodiesel aditivado com os antioxidantes, ácido caféico (BSC), ácido ferúlico (BSF) e terc-butilhidroquinona (BST) durante o período de armazenamento. Na determinação do período de indução (PI) pelo método rancimat os três antioxidantes foram eficientes em retardar o processo oxidativo no tempo inicial do armazenamento. Diferentemente das amostras BSF e BST, a amostra BSC manteve o valor de PI durante o período de estocagem acima do valor requerido pela EN 14214. A estabilidade oxidativa analisada pelo método petroOXY mostrou a mesma convergência nos resultados, ou seja, o ácido caféico foi o antioxidante mais eficiente durante todo o período de armazenamento. Em comparação com o método rancimat e petroOXY, a técnica de calorimetria diferencial de varredura pressurizada (P-DSC) mostrou a mesma susceptibilidade à oxidação para as amostras avaliadas. Esta técnica mostrou ser útil para aplicar na avaliação da estabilidade oxidativa do biodiesel contendo antioxidantes, requerendo menor quantidade de amostra e menor tempo de análise. Na avaliação à resistência térmica dos antioxidantes por termogravimetria foi observado uma menor temperatura de decomposição para o terc-butilhidroquinona em relação aos demais antioxidantes, esse fato corroborou com os valores de tempo de indução oxidativa e período de indução obtidos pelas técnicas aceleradas. O monitoramento da concentração dos ésteres insaturados por HPLC durante o armazenamento mostrou maior redução na concentração do oleato e linolenato de etila para a amostra BSJ. A ação dos antioxidantes foi evidenciada pela menor redução na concentração de ésteres para as amostras de BSC, BST e BSF. A estabilidade oxidativa das amostras de biodiesel avaliadas por rancimat, petroOXY, P-DSC mostrou a seguinte tendência: BSC > BSF > BST. Já por HPLC a ordem de maior resistência à oxidação foi: BSC > BST > BSF. De acordo com os resultados obtidos, concluiu-se que a atividade antioxidante está correlacionada a sua estrutura molecular e a estabilidade térmica.

  • DANNIELY MELO RIBEIRO
  • SrSn)3:Cu Obtido pelo Método dos precurssores Poliméricos, para a Redução Catalítica.
  • Data: 09/12/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O estanato de estrôncio (SrSnO3) é uma perovskita com estrutura ortorrômbica (Pbnm), que tem sido bastante estudado devido a aplicações tecnológicas potenciais, tais como: capacitores termicamente estáveis, sensores de vários gases, incluindo CO, NOx, Cl2, H2 e umidade. Atualmente vem sendo estudado como material promissor na área de catálise. Neste trabalho, materiais Sr1-xSnCuxO3, SrSn1-yCuyO3, Sr1-xSn1-yCux+yO3 (x, y ou x+y = 0; 1; 5 e 10 % em mol de cobre) foram sintetizados pelo método dos precursores poliméricos e caracterizados por análise termogravimétrica (TG/DTA), difração de raios-X (DRX), espectroscopia na região do infravermelho (IR), na região do Ultravioleta-visível, espectroscopia Raman, área superficial especifica (BET) e em seguida os materiais foram avaliados no processo catalítico para a redução de NO com CO. Os materiais obtidos (SrSnO3:Cu) apresentaram estrutura perovskita ortorrômbica a 700 ºC, com SrCO3 e SnO2 como fases secundárias. A introdução do cobre na estrutura tornou os materiais mais desorganizados a curto alcance, conforme espectróscopias de infravermelho e Raman. Nos espectros de infravermelho foi observado o desdobramento da banda n3 (500 – 700 cm-1), podendo ser associado à presença de dois tipos de simetria em torno do estanho. Nos espectros de UV-Vis podem ser observadas andas referentes às transições d-d dos íons Cu2+ e com o aumento da temperatura de calcinação e da quantidade do cobre foram observadas bandas referentes a transições proibidas dos íons Cu+. A atividade catalítica do SrSnO3 foi melhorada com a inserção do cobre na estrutura, sendo as amostras com 5% de cobre as que apresentaram as melhores conversões, chegando até 100% de NO a N2 e 100% de CO a CO2 a 550 ºC. Este resultado foi tão bom quanto, ou melhor, que os catalisadores à base de lantânio. determinante para a redução do NO e oxidação do CO. Outros fatores foram mais importantes para o bom desempenho catalítico, como os defeitos, que proporcionam mais sítios ativos para a adsorção de NO e CO, como também a existência de íons Cu+ e a reação redox (Cu+/ Cu2+) que beneficiam a adsorção e a redução de NO com CO.  A área superficial não foi o único parâmetro. determinante para a redução do NO e oxidação do CO. Outros fatores foram mais importantes para o bom desempenho catalítico, como os defeitos, que proporcionam mais sítios ativos para a adsorção de NO e CO, como também a existência de íons Cu+ e a reação redox (Cu+/ Cu2+) que beneficiam a adsorção e a redução de NO com CO.

  • JOSIAS ALVES ROCHA DOS SANTOS
  • AVALIAÇÃO DAS PROPRIEDADES FÍSICO-QUÍMICAS, FLUIDODINÂMICAS E OXIDATIVAS DO BIODIESEL DE LICURI (SYAGRUS CORONATA) E DAS BLENDAS (LICURI/SOJA)

  • Orientador : PETRONIO FILGUEIRAS DE ATHAYDE FILHO
  • Data: 09/12/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho relata as propriedades físico-químicas, fluidodinâmicas e oxidativas do biodiesel de licuri (Syagrus coronata), visando tornar esta oleaginosa uma fonte alternativa de biocombustível no semi-árido nordestino. Objetiva também as análises das blendas de biodiesel metílico de soja e licuri (BSLX) quanto à correção das propriedades de estabilidade oxidativa. A transesterificação metílica dos óleos de licuri e soja ocorreu por catálise básica, na razão molar 1:4,5 e 1:5,5 respectivamente,
    temperatura 40 °C (após a adição do metóxido o banho foi desligado) e concentração 1,5% de catalisador KOH. A taxa percentual de conversão em ésteres metílicos de acordo com a estequiometria da reação de transesterificação foi de 96,65 para o biodiesel metílico de licuri e de 94,91 para o biodiesel metílico de soja. As amostras dos biodieseis foram posteriormente caracterizadas por espectroscopia no infravermelho e por cromatografia gasosa acoplada ao espectrômetro de massa. Os resultados de CG-EM confirmaram a presença de 51,43% do linoleato de metila e 37,40% do laurato de metila para o biodiesel metílico de soja e licuri, como
    componentes majoritários, respectivamente. O aumento do teor de BML na blenda levou a uma diminuição na viscosidade cinemática, no ponto de fluidez e aumento na estabilidade oxidativa.Todas as blendas se enquadraram dentro dos limites da ANP, em relação às propriedades físico-químicas e fluidodinâmicas. O consumo (L/h) de combustível no motor apresentou a seguinte ordem: BML < BSL50 < BMS, o mesmo comportamento foi observado nas misturas com diesel.

  • MARIA LUCIA BRAGA DE CARVALHO
  • AVALIAÇÃO DA ESTABILIDADE TERMO-OXIDATIVA DO ÓLEO DAS SEMENTES DE QUIABO (Abelmoschus esculentus (L.) Moench)
  • Data: 25/11/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A crescente demanda por óleos vegetais criou a necessidade de se avaliar fontes oleaginosas alternativas para suprir esta procura. Como a oxidação é um fator crítico inerente aos óleos vegetais, este trabalho visou contribuir com dados de estabilidade térmica e oxidativa do óleo de quiabo, ainda não explorado comercialmente. Esta pesquisa investigou a estabilidade termooxidativa
    de amostras do óleo das sementes de quiabo, aditivadas ou não com o antioxidante terc-butil-hidroquinona (TBHQ), submetidas ao teste de Schaal a 60 oC por 10 dias. O processo oxidativo foi avaliado pelos parâmetros químicos índice de acidez (IA), índice de iodo (II), índice de peróxido (IP), absortividade específica (E), período de indução (PI), tempo de indução oxidativa (OIT) e
    temperatura de oxidação (OT). Os resultados mostraram que o valor de IA e II para amostras de óleo com e sem TBHQ, codificadas respectivamente OQT e OQ, não sofreu alteração após envelhecimento em estufa. No entanto, as amostras OQT apresentaram menor valor de IP e maior valor de PI e OIT do que as amostras OQ, mostrando maior estabilidade oxidativa. O valor de PI e
    OIT das amostras OQT se manteve constante em função do tempo sob aquecimento em estufa, diferentemente das amostras OQ, que apresentaram valor de PI e OIT decrescente e IP crescente. Com relação ao valor de E, este se manteve constante para as amostras OQT e aumentou em torno de 35 % para as amostras OQ. O aumento do valor de E foi um indicativo que houve a formação de dienos conjugados nas amostras sem antioxidante. Outro parâmetro utilizado na avaliação da estabilidade oxidativa do óleo de quiabo foi o monitoramento de bandas de absorção na região do infravermelho (IV), características de produtos da oxidação. Nos espectros de IV das amostras OQ
    e OQT não foram observadas mudanças na intensidade ou deslocamento nas bandas que podem sofrer modificações com a decomposição dos hidroperóxidos formados durante o teste de estufa. A temperatura onset de decomposição (Tonset) do óleo das sementes de quiabo, determinada por
    análise termogravimétrica, foi maior que para os óleos de girassol, soja e milho. Este parâmetro demonstrou maior estabilidade para o óleo de quiabo, fato atribuído à composição de ácidos graxos deste óleo. A composição em ácidos graxos, determinada por cromatografia gasosa acoplada ao espectrômetro de massa, indicou predominância do ácido linoléico (33,5 %), seguido do ácido
    palmítico (25,2 %) e ácido oléico (19,3%). O teor de ácido linoléico, um dos ácidos mais susceptíveis à oxidação, foi menor quando comparado com os óleos de soja, girassol e milho e o teor de ácidos graxos saturados (33,4 %) foi maior que para estes óleos comestíveis. O conjunto de resultados obtidos mostrou que o óleo das sementes de quiabo apresentou boa estabilidade térmica e oxidativa, sendo um indicativo de seu uso como óleo comestível e possível fonte de matéria-prima para biodiesel.

  • JANDILSON SOARES FERNANDES
  • Data: 16/11/2011

  • RENATO ALLAN NAVARRO ANDRADE
  • Um Luminômetro Fluxo-Batelada para Determinação de Vitamina B12 em Medicamentos.
  • Data: 11/11/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Neste trabalho foi desenvolvido um luminômetro para análise por quimiluminescência, acoplado a um sistema automático de análise em fluxo-batelada. O desempenho do instrumento desenvolvido foi avaliado por meio da determinação de vitamina B12 em medicamentos. O princípio químico do sistema baseia-se no efeito catalítico do íon cobalto (II) sobre a oxidação do luminol pelo peróxido de hidrogênio em meio alcalino cujo produto da reação emite radiação eletromagnética na região visível (mais precisamente em 425 nm). O sistema de detecção do instrumento desenvolvido consiste de um fotodiodo de silício e de um módulo para amplificação dos sinais analíticos. O modelo de calibração univariado foi validado por meio da Análise de Variância (ANOVA) e usado
    posteriormente na quantificação de vitamina B12 em amostras reais. Os limites de detecção e quantificação obtidos foram 0,11 e 0,36 μg L-1 de vitamina B12. A frequência analítica foi estimada em 90 amostras h-1. A exatidão do instrumento proposto foi atestada por meio de testes de
    recuperação cujas taxas obtidas foram entre 98 e 102%. O instrumento proposto forneceu resultados com precisão satisfatória, como revelado pelo baixo valor de desvio padrão conjunto. Tais resultados obtidos demonstram que é possível quantificar vitamina B12 utilizando um método simples, econômico, robusto e que produz baixa quantidade de resíduos
    para o meio ambiente.

  • MÁRCIA MARIA FERNANDES SILVA
  • Híbridos da montmorillonita-KSF contendo grupos alquilamina - Síntese, caracterização e aplicações adsortivas

  • Data: 04/11/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A montmorillonita-KSF sódica (KSF-Na+) foi organicamente modificada por reações de intercalação, silanização e troca iônica utilizando aminas e silanos aminados. Os diversos sólidos foram caracterizados pelas técnicas de difratometria de raio-X, espectroscopia na região do infravermelho, análise elementar (CHN), termogravimetria, microscopia eletrônica de varredura e ressonância magnética nuclear de 29Si e 13C. O sólido clorado indicou a imobilização de 0,97 mmolg-1 de cloro na matriz KSF-Na+. A reação do sólido precursor e clorado com as diaminas em meio aquoso e sem solvente foi mais eficiente com a molécula do etilenodiamino. Os suportes silanizados com aminosilanos contendo um e dois nitrogênios indicaram 1,47 e 1,13 mmolg-1 de grupos imobilizados na matriz KSF-Na+, respectivamente. Para as reações com diaminas de cadeia crescente (H2N ((CH)nNH2) onde n= 8, 9, 10 e 12)  percebeu-se que nonildiamina apresentou melhor incorporação na matriz KSF-Na+. A síntese do sólido com dodecilamina houve a entrada de 2,12 mmolg-1 de grupos orgânicos, sendo a matriz aplicada na retenção de íons de cobre (II) cujos valores foram de 115,0; 80,06; 71,16 e 62,26 mg g-1 a 303, 308, 313 e 318 K, respectivamente. Para as diaminas (H2N ((CH)nNH2) onde n= 8, 9, 10 e 12)  protonadas observou-se pelo conjunto de caracterizações a efetividade das reações. O sólido contendo dodecilamina protonada (KSF-C12N+) foi aplicado na adsorção do corante azul de remazol RN a 303, 313 e 323 K, ou seja, o processo adsortivo seguiu o modelo de pseudo segunda ordem. As capacidades máximas de retenção foram de 27,28; 28,84 e 31,87 mg/g nas temperaturas de 303, 313 e 323 K, respectivamente e o processo se ajustou ao modelo de Langmuir.

  • KIANY SIRLEY RIBEIRO BRANDAO
  • PRODUÇÃO DE ÉTERES DE GLICERINA COM AQUECIMENTO POR MICROONDAS
  • Data: 27/10/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Atualmente existe um grande interesse por derivados de glicerina, em virtude da elevada produção de glicerina bruta nas indústrias brasileiras de biodiesel. Diversas metodologias para obtenção de
    aditivos combustíveis a partir da glicerina têm sido propostas, entretanto demandam um tempo de reação muito prolongado. Neste contexto, foram preparados catalisadores de niobia e testados em
    reações de transesterificação do óleo de babaçu e eterificação da glicerina. Fez-se a investigação da influência das microondas na reação de terc-butilação da glicerina produzindo éteres de glicerina, aditivos potenciais para o diesel de petróleo. As reações de terc-butilação foram avaliadas por catálise ácida homogênea e heterogênea, e desprovidas de catalisador. Aplicou-se técnicas quimiométricas na otimização da terc-butilação de glicerina, catalisada com ácido sulfúrico e
    aquecimento por microondas, em função do percentual da conversão da glicerina quantificada por um método cromatográfico. E por fim, analisou-se o óleo diesel (B5) aditivado com os éteres de glicerina
    (GTBE) segundo alguns parâmetros físico-químicos e emissões de gases. O aquecimento por microondas aplicado nas reações de tercbutilação da glicerina conduziu à formação de éteres de glicerina em menor tempo de reação comparado com a reação utilizando aquecimento por condução térmica, sendo as variáveis que mais influenciaram no processo: catalisador e tempo de reação. Os
    catalisadores de niobia não apresentaram boa atividade catalítica na terc-butilação da glicerina com aquecimento por microondas, devido à ausência da agitação no sistema reacional, mas a aplicação da niobia ancorada na alumina proporcionou transesterificação do óleo de babaçu aliado ao aquecimento por condução térmica com rendimento com mais de 90%. O método cromatográfico desenvolvido apresentou excelente separação e resolução dos compostos em estudo, além de uma boa linearidade, precisão e exatidão. A mistura B5/GTBE apresentou valores aceitáveis de parâmetros físico-químicos e emissões de gases, confirmando seu potencial como aditivo.

  • MARIA CLAUDIA RODRIGUES BRANDAO
  • DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO DA BIOMASSA: SÍNTESE E AVALIAÇÃO DE BIOCOMBUSTÍVEIS DE SEGUNDA GERAÇÃO E ADITIVOS MELHORADORES DE CETANO

  • Data: 20/10/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • O óleo diesel é o derivado do petróleo mais importante para o Brasil e corresponde a maior parte do mercado mundial de combustíveis. A qualidade do óleo diesel está relacionada com a composição das emissões da combustão e deve atender aos parâmetros impostos pelo setor. Combustíveis alternativos, de fontes renováveis e menos poluentes estão sendo desenvolvidos para minimizar os danos causados, assim como aditivos para melhorar a qualidade do próprio óleo diesel. Nesta linha de pesquisa, este projeto tem por objetivo desenvolver tecnologia através do aproveitamento da biomassa para a formulação de biocombustíveis de segunda geração e aditivos melhoradores de cetano. Foram utilizados os álcoois majoritários do óleo fúsel, a glicerina bruta e álcoois provenientes
    da celulose e hemicelulose para a síntese de éteres, nitratos e biodiesel. Para obtenção dos éteres foram sintetizados como precursores os alcóxidos dos álcoois requeridos e uma halohidrina derivada da glicerina. A hidroxila secundária da glicerina foi preservada para ser alvo da reação de nitração. Foram obtidos quatro diéteres com este processo, como potenciais biocombustíveis de segunda geração e dois deles foram testados em motor diesel, apresentando excelente comportamento de
    queima e ignição. Foram preparados sete nitratos, que foram testados como melhoradores de cetano e todos foram eficientes. Foram realizadas também tentativas de conversão do óleo de soja em biodiesel utilizando álcool isoamílico com diferentes catalisadores. Constatou-se maior
    eficiência da catálise ácida para o processo de transesterificação e rendimento de 87,2% quando da obtenção do biodiesel por esterificação ácida do ácido oléico. Os compostos obtidos foram caracterizados por RMN 1H e 13C e IV e testados para verificar a conformidade das formulações dos
    combustíveis com os parâmetros estabelecidos pela Resolução Nº 42 da ANP.

  • JULIANA ANDREZA FIGUEIROA
  • SÍNTESE E CARACTERIZAÇÃO DE NOVOS COMPOSTOS MESOIÔNICOS E DERIVADOS DOS SISTEMAS 1,3-TIAZÓLIO-5-TIOLATO E 1,3-DIAZÓLIO-5-TIOLATO.
  • Data: 20/10/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os compostos mesoiônicos são heterocíclicos notáveis por apresentar as mais diversas propriedades biológicas, físicas e químicas. São definidos como betaínas heterocíclicas planas e não aromáticas
    estabilizadas por deslocalização de elétrons. Através de uma reação in situ de cicloadição/cicloreversão 1,3-dipolar obtiveram-se dois mesoiônicos, MI-1.1 e MI-1.2, através da interconversão do sistema 1,3-oxazólio-5-olato (Munchnonas) para 1,3-tiazólio-5-tiolato. Uma reação de substituição nucleofílica com excesso de iodeto de metila, CH3I, promoveu a primeira modificação no sistema mesoiônico sendo transformados de base livre para sais iodatos S-metilados formando os derivados mesoiônicos, MI-2.1 e MI-2.2. Estes sofreram uma reação de ciclodesidratação na presença de anidrido acético obtendo-se dois mesoiônicos do sistema 1,3-diazólio-5-tiolato, MI-3.1 e MI-3.2, que por sua vez foram alquilados novamente e originaram dois derivados em forma de sais iodatos S-metilados, MI-4.1 e MI-4.2. Sendo os mesoiônicos e seus derivados: MI-2.1, MI-2.2, MI-3.1, MI-3.2, MI-4.1 e MI-4.2 inéditos na literatura. Suas estruturas foram elucidadas por meio de técnicas espectroscópicas de RMN 1H e 13C e infravermelho através de uma análise comparativa com estruturas já existentes.

  • GABRIEL AIRES URQUIZA DE CARVALHO
  • Avaliação do Uso de Técnicas de MMGBSA na Triagem Virtual de Bibliotecas de Ligantes para o Desenvolvimento de Fármacos contra Leishmania amazonensis e Leishmania chagasi.

  • Orientador : GERD BRUNO DA ROCHA
  • Data: 14/10/2011
  • Mostrar Resumo
  • As leishmanioses são um conjunto de doenças provocadas por protozoários do gênero
    Leishmania sp. cujo vetor é o mosquito-palha. Elas se caracterizam por lesões na pele e nas
    mucosas que podem deformar severamente os portadores, sem matá-los. Contudo, as leishmanioses
    podem evoluir para formas mais graves que atingem os órgãos internos, particularmente o baço e o
    fígado. Em seus últimos estágios, as leishmanioses são fatais.
    O tratamento das leishmanioses é feito sobretudo com antimoniais pentavalentes
    (notavelmente o estibogluconato de sódio e o antimoniato de meglumina) como fármacos de
    primeira escolha assistidos por outros antibióticos (anfotericina B, paromomicina e pentamidina)
    como agentes terapêuticos de segunda escolha. Estas opções de terapêutica, entretanto, sofrem com
    diversos problemas de efeitos colaterais severos, alto custo, resistência do parasita ou uma
    combinação qualquer destes fatores.
    Diante deste fato, nós avaliamos métodos de estimativa da variação de energia livre de
    interação entre ligantes e enzimas de interesse medicinal (Tripanotiona Redutase, Farnesil
    Pirofosfato Sintase e Diidroorotato Desidrogenase) para as quais não existem trabalhos teóricos
    desenvolvidos neste sentido, e sugerimos aqueles que possam vir a se tornarem ligantes
    promissores.
    Avaliamos ainda a possibilidade de substituir o docking molecular convencional, em estudos
    de triagem virtual, pelo cálculo de estimativa da energia livre feita pela metodologia MMGBSA
    (Molecular Dynamics, Generalized Born, Solvent Accessibility) aplicada a uma única estrutura
    minimizada do complexo enzima-ligante solvatado. O papel da tecnologia de cálculos em placas
    gráficas, considerações sobre economia de tempo, exatidão dos valores de afinidade e da
    capacidade geral dos métodos de apontar bons ligantes foram analisadas e discutidas.
    17

  • VANESSA CRISTINA DE MEDEIROS SILVA
  • Estudo da dissociação das moléculas da série CF3-nHnCl (n=0-3) nos estados fundamental e excitados n-􀁖*.
  • Orientador : ELIZETE VENTURA DO MONTE
  • Data: 07/10/2011
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho consiste no estudo dos estados eletrônicos de valência de
    mais baixa energia de moléculas da série CF3-nHnCl (n=0-3) envolvendo a
    transições eletrônicas do tipo n-􀁖*. Visando obter uma melhor compreensão
    acerca da natureza dos processos fotoquímicos que ocorrem na atmosfera, o
    presente trabalho apresenta cálculos químico-quânticos mediante o emprego
    de metodologias adequadas de estrutura eletrônica. Para tal propósito, foram
    realizados cálculos de otimização completa de geometria utilizando os métodos
    CCSD, MCSCF, MR-CISD e MR-AQCC, com bases de Dunning (cc-pVxZ, aug-ccpVxZ
    e aug-cc-pV(x+d)Z, X=D,T). O espaço ativo utilizado foi o CAS(6,4) para
    calcular as energias de excitação vertical e as energias de dissociação
    referente a liberação do cloro atômico radicalar. Todos os resultados foram
    comparados com os experimentais disponiveis. Os resultados mostraram que
    os estados excitados de menor energia S1 e S2 são dissociativos em todas as
    moléculas analisadas e que as energias de dissociação e de excitação vertical
    diminuem ao longo da série CF3-nHnCl (n=0-3). Outro resultado importante é
    que os dados experimentais disponíveis para as energias de excitação vertical
    destas moléculas são bem diferentes e carecem de revisão.

  • YEN GALDINO DE PAIVA
  • Data: 28/09/2011

  • ANE JOSANA DANTAS FERNANDES
  • FOSFATOS DE CÁLCIO MESOPOROSOS E COMO NANOCOMPÓSITOS COM SÍLICA: SÍNTESE, CARACTERIZAÇÃO E ENSAIOS DE LIBERAÇÃO CONTROLADA DE FÁRMACO

  • Orientador : MARIA GARDENNIA DA FONSECA
  • Data: 19/09/2011
  • Mostrar Resumo
  • A principal aplicação dos fosfatos de cálcio é como biomateriais, para serem usados como enxerto ou implante ósseo. A obtenção de biocerâmicas mesoporosas permitiu o uso destes materiais como carreadores de fármacos, que são incorporados à estrutura porosa para serem subsequentemente liberados de forma controlada do enxerto ou implante ósseo para o tecido adjacente e com uma cinética bem estabelecida. Outra característica desejável aos biomateriais é possuir uma boa estabilidade química para não serem dissolvidos em meios ácidos, particularmente em pH<4,00. Os objetivos deste trabalho incluíram a síntese, caracterização e aplicação de biomateriais de fosfatos de cálcio, como hidroxiapatitas mesoporosas e nanocompósitos de monetita/sílica. A hidroxiapatita mesoporosa foi avaliada em ensaios de liberação de fármaco. A estabilidade dos nanocompósitos, preparados pelo método sol-gel, variando a concentração do TEOS nas sínteses, foi investigada com respeito à estabilidade química em sistemas ácidos, incluindo um estudo detalhado da
    cinética de decomposição térmica da segunda etapa de perda de massa da monetita e do nanocompósito CaPSil2. Das vinte e uma hidroxiapatitas porosas preparadas usando dois surfactantes catiônicos, o brometo de hexadeciltrimetilamônio e o brometo de miristiltrimetilamônio e o surfactante aniônico dodecilsulfato de sódio, variando-se as concentrações, as razões de aquecimento e as temperaturas de calcinação, somente a
    amostra HA-MTAB-60-673/5 foi mesoporosa, enquanto as demais foram nanoporosas, como indicaram as isotermas de adsorção de N2. A matriz HA-MTAB-60-673/5 foi aplicada em ensaios de liberação controlada de fármaco. Este material foi sintetizado usando o surfactante brometo de miristiltrimetilamônio na concentração de 60 mmol.dm-3; a mesoestrutura híbrida intermediária foi calcinada a uma razão de aquecimento de 5 K.min-1, na temperatura de 673 K por 6 h em condições isotérmicas e em O2, resultando na HAMTAB-
    60-673/5 com área superficial de 89 m2.g-1, volume de poro de 0.56 cm3.g-1 e diâmetro médio de poro de 23.96 nm. As hidroxiapatitas nanoporosas apresentaram uma redução na cristalinidade. A matriz mesoporosa foi aplicada na liberação controlada do antibiótico benzil penicilina-G, tendo uma retenção (Nf) de 2012 mg.g-1 (fármaco/suporte) em 10 min, que foi aproximadamente nove vezes maior que a hidroxiapatita precursora. O perfil de liberação seguiu o modelo de Higuchi, com uma liberação de 52% do fármaco em um tempo de 41 h. A incorporação covalente da sílica na superfície da monetita resultou em quatro nanocompósitos de monetita/sílica com volume de célula unitária reduzido e menos cristalinos à medida que aumenta a quantidade sílica nas estruturas dos sólidos. O aumento da imobilização reduziu as espécies Q3, conforme RMN de 29Si, que contribuíram substancialmente para a perda de massa observada pela TG. Pelos ensaios de estabilidade
    química, os nanocompósitos de fosfato de cálcio e sílica tornaram-se mais estáveis quimicamente em relação ao fosfato precursor, particularmente em pH<4.00. A cinética de decomposição térmica da segunda etapa de perda de massa da monetita e CaPSil2 foi estudada por métodos não-isotérmicos. O FWO forneceu uma energia de ativação (Ea) de 200,87 e 228,14 kJ.mol-1 e o método de Coats-Redfern resultou em Ea de 178,43 e 165,84 kJ.mol-1 e fator pré-exponencial (A) de 9,53.1013 e 1,16.1013 s-1, para monetita e CaPSil2,
    respectivamente. Uma boa descrição dos dados experimentais foi obtida ao empregar o modelo de nucleação (A2) de Avrami-Erofeev.

  • ANA FLAVIA FELIX FARIAS
  • AVALIAÇÃO DA ESTABILIDADE DO BIODIESEL DE SOJA OBTIDO DA MISTURA DE ÓLEOS E GORDURAS EM DIFERENTES FORMULAÇÕES
  • Data: 02/09/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Atualmente a oleaginosa mais utilizada na produção do biodiesel é a soja, devido sua elevada produção. Porém o biodiesel obtido a partir desta matéria prima apresenta baixa estabilidade oxidativa. Neste sentido, objetivou-se avaliar a estabilidade do biodiesel etílico de soja obtido da mistura de óleo de soja com mamona, babaçu e sebo bovino em diferentes formulações. O biodiesel foi obtido pela reação de transesterificação da mistura binária de óleo de soja com óleo de babaçu, óleo de mamona e óleo de sebo bovino em diferentes proporções (2 e 4%), além da mistura ternária de óleo de soja com óleo de babaçu e óleo de mamona. A caracterização foi realizada pelas técnicas de Espectroscopia de Absorção na Região do Infravermelho, Cromatografia em fase Gasosa, Termogravimetria, Rancimat e PetroOxy. O teor de ésteres, determinado por cromatografia em fase gasosa, atendeu às normas estabelecidas pela ANP, com exceção do biodiesel de soja com 2% de sebo que apresentou conversão de apenas 87,20%. Nas propriedades fluidodinâmicas à medida que aumentou o teor de sebo no óleo de soja na síntese do biodiesel, ocorreu um aumento dos pontos de névoa, fluidez e viscosidade, indicando que o biodiesel de soja com 4% de sebo não atendeu as normas da ANP. Em relação a estabilidade térmica do biodiesel a mistura ternária 4% foi mais estável. Quanto a estabilidade oxidativa do biodiesel, pelo Rancimat, os mais estáveis foram biodiesel de soja com 2 e 4% de sebo e mistura ternária 4%. Pelo PetroOxy foram mais estáveis biodiesel de soja com 2% de sebo e mistura ternária 4%. Levando em consideração as propriedades térmicas, oxidativas e fluidodinâmicas sugere-se que a mistura ternária de soja com babaçu e mamona 4% seja a formulação mais adequada para o biodiesel de soja.

  • ITALO CURVELO DOS ANJOS
  • ESTUDO DA ESTRUTURA ELETRÔNICA DE COMPOSTOS MESOIÔNICOS
  • Orientador : GERD BRUNO DA ROCHA
  • Data: 02/09/2011
  • Mostrar Resumo
  • Os compostos mesoiônicos constituem uma classe de moléculas que tem atraído o interesse da comunidade científica desde o final do século XIX. A descrição e definição adequada desses compostos tem se mostrado um desafio para os pesquisadores que os estudam. Mesoiônicos são anéis heterocíclicos de cinco membros que possuem uma estrutura  delocalizada e separada em duas regiões: uma com carga positiva e outra com carga negativa.
    Neste trabalho, as estruturas eletrônicas de três diferentes anéis mesoiônicos (dos tipo NOO, NSS e NNCS) foram investigadas. Várias estruturas foram construídas para cada tipo de anel usando diferentes combinações de substituintes.
    Geometrias de mínimo foram obtidas para 54 estruturas através da otimização com cálculos DFT usando o funcional M06-2X e o conjunto de funções de base cc-pVTZ. Cálculos NBO também foram feitos para obtenção de dados adicionais relativos à estrutura eletrônica. Além disso, quatro índices de aromaticidade foram calculados para cada molécula e uma análise multivariada foi realizada usando as variáveis calculadas.
    Resultados mostraram que os anéis mesoiônicos do tipo NOO que continham o átomo de flúor como substituinte atrator de elétrons sofreram uma quebra de ligação durante o processo de otimização de geometria, dando origem a estruturas acíclicas. Adicionalmente, os orbitais de Kohn-Sham de fronteira calculados delocalizaram-se pelas estruturas; apresentando uma forma diferente da esperada pela definição mais recente de mesoiônicos. Além disso, a análise de componentes principais agrupou compostos com propriedades similares, em alguns casos juntando algumas moléculas de diferentes anéis mesoiônicos e separando outras de anéis similares.
    As análises indicaram que os substituintes afetam de modo significativo a estrutura eletrônica desses compostos, tendo um papel tão importante quanto à própria estrutura do anel. Além disso, resultados indicam que a definição mais recente de mesoiônicos não é suficientemente geral, podendo ainda ser melhorada.

  • ANA FLAVIA FELIX FARIAS
  • Data: 02/09/2011

  • HIGO DE LIMA BEZERRA CAVALCANTI
  • UM ESTUDO DE ESTRUTURA ELETRÔNICA DE ALGUMAS Mn(II/III)-N-ALQUILPIRIDILPORFIRINAS DE ALTO SPIN: AVALIAÇÃO DO EFEITO DE CRESCENTE CARGA POSITIVA AO REDOR DO CENTRO METÁLICO
  • Orientador : GERD BRUNO DA ROCHA
  • Data: 29/08/2011
  • Mostrar Resumo
  • Porfirinas sintéticas de manganês compreendem os mais potentes mímicos da Superóxido Dismutase e moduladores redox in vivo. O Superóxido (O2•–) e suas espécies derivadas estão associados a numerosas patologias humanas, como derrame, doenças cardiovasculares, entre outras. A grande efetividade dos derivados da orto Mn N-tetrapiridilporfirina como mímicos de SOD tem sido atingida através da escolha apropriada do substituinte nas vizinhanças piridil de modo a controlar a lipofilicidade, distribuição de carga e facilitação eletrostática para a aproximação do O2•–.
    Doravante avaliamos o método semi-empírico PM6 para o tratamento de porfirinas de manganês baseados numa comparação acerca de características estruturais obtidas teoricamente e experimentalmente. Nossa avaliação do método PM6 mostrou que este não seria uma escolha apropriada para o tratamento dos complexos de nosso interesse, então decidimos realizar uma abordagem em nível DFT das MnXM-2-PyP (X = B, Tr, T), onde cada “X” indica a seqüente metilação dos grupos piridil gerando um acréscimo das cargas positivas. Investigamos o efeito deste aumento de cargas em algumas propriedades geométricas e eletrônicas dos complexos aquosos de alto spin.
    Otimizações de geometria foram realizadas com o pacote NWchem6.0, aplicando o método UDFT/B3LYP (para estados quinteto ou sexteto) com um conjunto de base 6-311G(d,p) para todos os átomos exceto Mn, onde o ECP LANL2DZ foi usado. Desempenhamos uma análise vibracional seguida de análise das cargas NBO no pacote Gaussian09.
    Para os sistemas Mn(II)P(H2O) estudados, a carga NBO no átomo de Mn cresce com a metilação. A presença de uma única molécula de água como ligante axial leva o Mn para fora do plano da porfirina. O aumento na carga positiva é acompanhado por um aumento na distância Mn-N, enquanto a distância Mn-O é encurtada. Apontamos o fato de que o orbital HOMO destes complexos são primariamente constituídos de funções de base dos orbitais “d” do centro metálico, e a adição de cargas positivas contribui para estabilizar este orbital.
    Para os sistemas Mn(III)P(H2O)2, a água de coordenação extra torna o Mn aproximadamente planar com relação ao plano da porfirina. O orbital HOMO é agora relacionado a um orbital duplamente ocupado, enquanto o LUMO é dado por cerca de 55% de orbitais “d” e assemelha-se ao HOMO das espécies Mn(II). Estes resultados podem trazer esclarecimentos sobre características relacionadas à atividade catalítica destes compostos.

  • HILTON COSTA LOUZEIRO
  • Microemulsões combustíveis a partir do óleo de babaçu para substituir o diesel em motores estacionários.
  • Data: 10/08/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Os óleos vegetais constituem uma alternativa renovável para substituir o diesel por causarem um menor impacto ambiental. Entretanto, devidos suas propriedades fluidodinâmicas o uso in natura em motores é limitado. Entretanto, os mesmos podem ser utilizados como componentes de microemulsões combustíveis. O objetivo deste trabalho foi obter e avaliar como combustíveis, três diferentes sistemas microemulsionados de óleo de babaçu. Inicialmente, foi construindo um diagrama de fases pseudoternário para cada sistema. Na região homogênea de cada diagrama foram selecionadas proporções, em massa, de cada componente. O Sistema 1 = 54:3:43 % (m/m) (óleo de babaçu refinado: aguardente: álcool isobutílico). O Sistema 2 = 51:1:48 % (m/m) (óleo de babaçu refinado: aguardente: álcool isoamílico). O Sistema 3 = 49:5:46 % (m/m) (óleo de babaçu refinado: etanol hidratado: óleo fúsel). Os três sistemas foram submetidos à análise por espalhamento de luz, onde se observou que os mesmos apresentam tamanho de gotículas característico de microemulsões, ou seja, 3,80; 1,55 e 26,0 nm para os Sistemas 1, 2 e 3, respectivamente. Logo após, foram preparadas misturas desses sistemas com o diesel, na proporção de [5, 10, 20 e 30 % (m/m)]. Em seguida, cada microemulsão pura ou misturada ao diesel foi submetida a ensaios físico-químicos (viscosidade cinemática a 40 °C, massa específica a 20 °C, ponto de fulgor, turbidez e índice de acidez), onde foram obtidos resultados com valores próximos ao diesel puro, com exceção do ponto de fulgor, cujos valores foram mais baixos que o diesel na maioria dos casos. Os testes no motor apresentaram como resultados para os três sistemas uma elevação no consumo, uma diminuição das emissões de CO e uma elevação das emissões de NOx. Os Em termos gerais, as propriedades físico-químicas da microemulsão, não diferem de forma significativa do óleo diesel. Portanto, sendo viável a sua aplicação como combustíveis.

  • HILTON COSTA LOUZEIRO
  • Data: 10/08/2011

  • DJAVANIA AZEVEDO DA LUZ
  • Estudo da degradação da vitamina E (alfa-tocoferol) durante as etapas de refino do óleo de babaçu (Orbignya pharlerata, Mart.): validação de um método
  • Orientador : ANTONIO GOUVEIA DE SOUZA
  • Data: 09/08/2011
  • Mostrar Resumo
  • O Maranhão apresenta um grande potencial agrícola para produção de óleos vegetais já que várias espécies oleaginosas são adaptadas ao seu clima e geografia. Dentre estas se encontra a palmeira de babaçu (Orbignya pharlerata, Mart.), de onde é extraído um óleo rico em triglicerídeos (95%) e tocoferois. Em óleos vegetais, os tocoferóis atuam como agentes antioxidantes, inibindo a oxidação dos ácidos graxos insaturados. Neste sentido, diversas metodologias para quantificação deste antioxidante têm sido propostas, entretanto, tais procedimentos geralmente demandam elevados tempos de análises e pré-tratamento da amostra. Neste contexto, o presente trabalho propõe um método alternativo para quantificação de -tocoferol em amostras de óleo de babaçu. Também foi avaliado o grau de degradação desta espécie durante o processo de refino do óleo de babaçu, em escalas (industrial e laboratorial) por cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE) e espectroscopia de infravermelho com transformada de Fourier (FTIR). Para tanto, as amostras não foram submetidas a qualquer tratamento prévio, sendo apenas diluídas em 2-propanol (CLAE) e clorofórmio (FTIR). Os dados espectroscópicos indicaram uma baixa resolução do método uma vez que não foi possível distinguir entre os vários tipos de tocoferois e/ou tocotrienois (β, γ e δ) existentes nas amostras. Por outro lado, o método cromatográfico desenvolvido apresentou uma excelente separação e resolução do composto em estudo, além de uma boa linearidade, precisão e exatidão, sendo este validado. Palavras

  • MARIA APARECIDA SEREJO VALE
  • Estudo da Estabilidade Oxidativa do Biodiesel de Soja sob Condições de Armazenamento.
  • Data: 09/08/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Um aspecto relevante que afeta a qualidade do biodiesel diz respeito à sua suscetibilidade à oxidação. Esta característica deve-se à presença de cadeias carbônicas, como as dos ésteres de ácidos graxos insaturados que compõem o biodiesel. À medida que se formam compostos de degradação diminui a estabilidade oxidativa dos ésteres. Esse controle se faz necessário para que se possam avaliar as condições de armazenamento e evitar processos indesejáveis de degradações. Portanto, o presente trabalho buscou avaliar a estabilidade oxidativa do biodiesel de soja, obtido através das rotas metílica e etílica, via catálise, básica durante um período de 12 meses de armazenamento a 43 °C. O acompanhamento do processo oxidativo deu-se através de métodos não acelerados (índice de acidez, viscosidade cinemática e densidade relativa) e acelerados (Rancimat, PDSC e PetroOxy). A caracterização físico-química indicou que os parâmetros analisados se encontraram dentro dos limites estabelecidos pelo regulamento técnico da ANP, com exceção do índice de estabilidade oxidativa cujos valores foram 3,58 e 3,88 h para o BMS e BES, nesta ordem. As análises da composição química relataram predominância do éster linoléico em ambas as amostras (43,8 % para o BMS e 45,7 para o BES) e confirmaram a transformação dos ácidos graxos em ésteres. Os índices de acidez, em ambas as amostras apresentaram-se dentro do limite máximo exigido pela resolução vigente, aumentando consideravelmente nos meses seguintes. Tanto a viscosidade quanto a densidade aumentaram em função do tempo, porém não excederam o limite estabelecido pela ANP. Evidenciou-se excelente correlação direta entre o índice de acidez, viscosidade e densidade, e destes com Rancimat. Na avaliação do processo oxidativo, por meio dos métodos acelerados, o BES apresentou-se mais estável à oxidação do que o BMS. Apresentando, no final do armazenamento, 0,83 h pelo método Rancimat, 18,7 e 17,6 min por PDSC e PetroOXY, respectivamente.

  • CLEDIANA DANTAS CALIXTO
  • Óleo de quiabo como fonte alternativa para produção de biodiesel e avaliação de antioxidantes naturais em biodiesel etílico de soja
  • Orientador : ANTONIA LUCIA DE SOUZA
  • Data: 15/07/2011
  • Mostrar Resumo
  • O biodiesel foi implantado em escala comercial no Brasil em 2005 e atualmente vem sendo utilizado como aditivo no diesel, na proporção de 5%, se consolidando firmemente na matriz energética brasileira. No entanto, sua utilização ainda enfrenta sérios problemas inerentes a serem superados. Um aspecto envolve a questão da matéria-prima utilizada para a produção deste biocombustível, pois apesar do país ser um celeiro no cultivo de oleaginosas, a soja constitui-se ainda como a principal fonte produtora. Outro obstáculo é a alta susceptibilidade à oxidação de determinados tipos de biodiesel, que torna necessário o uso de aditivos antioxidantes para aumentar o tempo de vida útil dos mesmos. Neste trabalho foram avaliadas as qualidades técnicas combustíveis do biodiesel produzido a partir do óleo de quiabo, oleaginosa não convencional, e de blendas de biodiesel de quiabo e de soja nas proporções de 25 e 50% (v/v). Os resultados apontaram um perfil de ésteres de ácidos graxos do biodiesel de quiabo, com uma composição elevada de ésteres insaturados
    (65,42%) principalmente linoleato de etila, mas com uma quantidade expressiva de palmitato (30,44%). As propriedades de fluxo do biodiesel mostraram valores concordantes com o estabelecido pelas normas da ANP para comercialização. A estabilidade oxidativa realizada de acordo com a
    norma EN 14112 indicou um período de indução de 7,54 h, atendendo a especificação (6h). Em relação às blendas verificou-se que a adição de 50% de quiabo acresceu o período de indução da soja de 3,11 h para 5,80 h. Em contrapartida a blenda de 25% de biodiesel de quiabo apresentou efeito próoxidante ao biodiesel de soja. No presente estudo, investigou-se também a eficácia antioxidante de extratos naturais das cascas do limão siciliano e da romã e dos talos e folhas da erva camellia sinensis (chá-verde) na correção daestabilidade oxidativa do biodiesel de soja. Onde, verificou-se que todos os extratos apresentaram efeito antioxidante, elevando os períodos de indução do biodiesel etílico de soja nos três ensaios de oxidação acelerada realizados, PetroOxy, Rancimat e PDSC. O extrato etanólico de chá verde na concentração de 2000 mg kg-1 apresentou-se como o mais efetivo entre os demais, conseguindo adequar o período de indução do biodiesel de soja ao valor mínimo especificado (6 h), apontando a utilização destes extratos como aditivos antioxidantes promissores para correção da estabilidade oxidativa do biodiesel de soja.

  • GERLANIA SARMENTO DA SILVA
  • Avaliação dos Parâmetros Químicos e Potencial Antioxidante do Mel de Jandaíra (Melipona subnitida D.)
  • Data: 08/07/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • A abelha jandaíra (Meilipona subnitida D.) é um meliponíneo típico do sertão e é considerada endêmica das Caatingas nordestinas. O mel é apreciado pelas populações nativas, tem alto valor comercial e é de ótima qualidade (sabor, cheiro, cor, valor nutricional, terapêutico, etc.), mas é pouco conhecido em termos de composição química. Este trabalho teve como objetivo determinar as características físico-químicas (pH, acidez livre, cinzas, proteínas, hidroxifurfural, atividade de água e açúcares redutores), análise térmica (Calorimetria exploratória diferencial com temperatura modulada e termogravimetria) e atividade antioxidante (DPPH, ABTS, beta caroteno-ácido linoléico e ensaio com a 2-deoxiribose) de nove amostras do mel puro da jandaíra coletadas na região semi-árida do Estado da Paraíba. A análise do teor de fenólicos totais, ultravioleta, infravermelho e análise melissopalinológica também foram realizadas. Com os dados obtidos nos espectros de ultravioleta foi realizada a análise dos componentes principais. A análise melissopalinológica mostrou a presença de 19 tipos polínicos pertencentes a nove famílias vegetais e Mimosa caesalpinifolia foi o tipo predominante em oito amostras. Foi observado que todas as amostras apresentaram um comportamento térmico similar. A análise dos espectros de infravermelho do mel in natura mostrou absorções características de açucares e compostos fenólicos, já os espectros de ultravioleta indicaram a presença de substancias conjugadas que podem ser derivados fenólicos. Apenas a amostra 09 apresentou um perfil diferente. Na analise dos componentes principais (PCA) foi verificado uma correlação entre os dados de UV e a origem botânica das amostras. O teor de fenólicos totais ficou em torno de 1% para o mel puro. Para os testes antioxidantes, a CE50 para os ensaios antiradicalares variaram de 10,6 a 12,9 mg mL e 6,1 a 9,7 mg mL para o radical DPPH e ABTS, respectivamente. Para o ensaio com o beta caroteno-ácido linoléico, tempo=60 min (10 mg mL), as amostras de 1-8 apresentaram inibição entre 48,8 e 58,4 % e a amostra 09 inibiu 74,6%. Para a inibição dos radicais hidroxila (2-deoxiribose), novamente os valores de CE50 foram parecidos e variaram de 2,1 a 2,3 mg mL. Diante dos dados obtidos é possível assegurar um padrão de qualidade para o mel de jandaíra associado ao uso como alimento funcional, com propriedades benéficas ao organismo. O que pode conduzir uma valorização do produto junto ao consumidor em virtude do seu uso tradicional como adoçante poder constituir uma alternativa mais saudável.

  • GERLANIA SARMENTO DA SILVA
  • Data: 08/07/2011

  • FAGNER TICIANO GOMES VIEIRA
  • Perovskitas a Base de SrSnO3:Fe Aplicada à Redução de NOx
  • Data: 01/07/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Estudos sobre como diminuir a quantidade de NO lançado na atmosfera indicam que se faz necessário o uso de catalisadores para a redução do NO na presença de agentes redutores, como CO. Atualmente os catalisadores têm como sítios ativos metais nobres ou terras raras, o que eleva muito o seu custo. Neste trabalho, foram obtidos os pós de SrSnO3: Fe com diferentes percentagens em mol de dopante, utilizando o método dos precursores poliméricos com calcinação em atmosfera oxidante a 300 °C/ 7 h e entre 400-800 °C/4 h e 1100 °C/4 h. Para caracterização utilizou-se as técnicas de análise térmica (TG e DTA), espectroscopia de UV/Visível, espectroscopia de absorção na região do infravermelho, espectroscopia Raman e espectroscopia de fotoluminescência, difração de raios-X (DRX), fisissorção de nitrogênio e em seguida os materiais foram avaliados frente aos ensaios catalíticos (redução de NO na presença de CO). A quantidade de carbonatos diminui com aumento da temperatura de calcinação fato evidenciado pela análise térmica, pelos espectros de infravermelho e pela difração de raios-X, e aumenta após os ensaios catalíticos. Os espectros de infravermelho, Raman, e os de fotoluminescência (FL) e a difração de raios-X evidenciam a formação da perovskita ortorrômbica. A partir dos espectros de infravermelho pode ser observada a formação de duas regiões de simetria no sítio BO6 para os sistemas dopados com Fe3+. De acordo com espectro Raman foi possível confirmar a entrada de Fe3+ no sítio do Sn4+. A redução nos valores de gap indica que a entrada de Fe3+ proporciona uma maior desordem a curto alcance no sistema SrSnO3.  A fase perovskita com estrutura ortorrômbica se organiza a longo alcance após calcinação a 600 °C de acordo com os DRX iniciando a cristalização, sendo que a amostra Sr0,80SnFe0,20O3 se organiza a longo alcance após calcinação a 700 °C. Esse resultado está em conformidade com as análises de infravermelho e de UV-vis, indicando que uma maior organização a curto alcance é necessária antes que a organização a longo alcance ocorra. Através dos ensaios catalíticos observa-se que a maior atividade catalítica ocorre no sistema com 20 % de Fe3+ sendo este o sistema com alta desordem a curto alcance, e deficiência de estrôncio na estrutura, fator importante no aumento da atividade catalítica. Após o teste catalítico ocorrem mudanças na simetria no sítio BO6 da estrutura da perovskita, que provavelmente está relacionado ao processo de adsorção.

  • FRANCISCO ANDRADE DA SILVA JUNIOR
  • Síntese e propriedades fotoluminescentes de complexos bis-dicetonatos de íons lantanídeos trivalentes com ligantes fosfinóxidos.
  • Data: 03/06/2011
  • Visualizar Dissertação/Tese   Mostrar Resumo
  • Este trabalho relata a síntese, caracterização e a investigação das propriedades fotoluminescentes de complexos β-dicetonatos (TTA=2-tenoiltrifluoroacetonato e DBM= dibenzoilmetanato) de íons lantanídeos trivalentes (Ln3+= Gd3+, Eu3+ e Tb3+) com diferentes ligantes fosfinóxidos (TPPO= trifenilfosfinóxido e HMPA= hexametilfosforamida). Os dados de microanálises de CHN e titulação complexométrica foram concordantes com as fórmulas gerais [Ln(TTA)2(NO3)L2], [Ln(DBM)2(NO3)L2], [Ln(DBM)(NO3)2(HMPA)2], [Ln(TTA)3L2] e [Ln(DBM)3L], onde L é um ligante fosfinóxido. Os espectros de absorção na região do infravermelho evidenciaram que a coordenação dos ligantes β-dicetonatos e fosfinóxidos aos íons Ln3+ ocorre por meio dos átomos de oxigênio dos grupos carbonila e P=O, respectivamente. As medidas de condutividades molares mostraram que os compostos comportam-se como não-eletrólitos em solução para os solventes metanol e acetona. O complexo Tb(TTA)2(NO3)(TPPO)2 foi obtido na forma de monocristais e sua estrutura foi resolvida pelo método de difração de raios-X. Os desdobramentos das transições 5D0→7FJ nos espectros dos complexos de Eu3+, de um modo geral, estão concordantes com um ambiente químico de baixa simetria em torno do íon Eu3+. Os espectros de fosforescência dos complexos de Gd3+ apresentam as bandas do estado tripleto (T) dos ligantes TTA e DBM, onde foi observado um aumento de energia do estado tripleto nos complexos bis– e mono-dicetonatos em comparação com os análogos tris-dicetonatos. Os complexos tris-dicetonatos de TTA e DBM apresentaram um maior valor do parâmetro de intensidade experimental (Ω2) quando comparados com os seus respectivos bis- e mono-dicetonatos, refletindo um ambiente químico mais polarizável em torno do íon Eu3+ para estes complexos.

  • ROMER PESSOA FERNANDES
  • CARACTERIZAÇÃO QUÍMICA, AVALIAÇÃO DA TOXICIDADE E ATIVIDADE MOLUSCICIDA DOS ÓLEOS ESSENCIAIS DA FOLHA DE PIMENTA DIOICA LINDL, CASCA