PROGRAMA ASSOCIADO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FONOAUDIOLOGIA (PPGFON)

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

Telefone/Ramal
32167831

Notícias


Banca de DEFESA: LILIAN MARIA BESSA DE ALBUQUERQUE TITARA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: LILIAN MARIA BESSA DE ALBUQUERQUE TITARA
DATA: 31/08/2021
HORA: 10:00
LOCAL: GOOGLE MEET - LINK : google.meet.com/kgv-yzne-ojd
TÍTULO: Tradução e adaptacão do Pediatric visually induced questionnaire para o português brasileiro
PALAVRAS-CHAVES: Tontura, instabilidade, disfunção vestibular, sistema vestibular, tradução, adaptação.
PÁGINAS: 1
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Fonoaudiologia
RESUMO: A tontura é a sensação de orientação espacial perturbada ou prejudicada, sem ilusão de movimento corporal. O termo tontura induzida visualmente refere-se à tontura ou instabilidade desencadeada por estímulo visual complexo, distorcido e amplo, incluindo o movimento relativo do entorno visual associado ao movimento corporal. Nesse sentido, o presente projeto se propõe realizar a tradução transcultural e adaptação do questionário “Pediatric Visually Induced Dizziness Questionnaire”(PVID) aplicado em crianças de 6 a 17 anos que quantifica a presença e a gravidade da tontura induzida visualmente (VID). Nesse processo a metodologia foi constituída das seguintes etapa, baseadas em Beaton et al., (2007): inicialmente, buscamos na literatura questionários validados voltados à investigação de tontura induzida visualmente na criança em utilização no Brasil e foi constatado que não havia; a seguir, dois tradutores habilitados, nativos no idioma alvo e fluentes no idioma e cultura fonte, traduziram o teste de forma independente, considerando a equivalência conceitual e evitando a tradução literal. Na sequência, foi realizada a síntese das traduções. Essa foi feita de forma consensual, pelo mesmo comitê selecionado no procedimento supracitado. Tal comitê construiu uma versão única a partir da comparação das traduções e da avaliação das discrepâncias semânticas, idiomáticas, conceituais, linguísticas e contextuais. A etapa seguinte foi a retradução realizada por três colaboradores nascidos na língua do idioma do instrumento original. A partir das três traduções realizadas foi feita a síntese das retrotraduções e construída a versão pré final do instrumento para a versão da língua original realizada por três retrotradutores fluentes na língua portuguesa brasileira. A partir daí foi realizada a síntese final das retraduções e elaborada a versão final da tradução, a qual foi submetida à avaliação por parte de um comitê de juízes especialistas. Finalmente, o instrumento foi aplicado a 30 crianças de diferentes estratos sociais e realizada análise das respostas. O comitê de juízes foi composto por quinze colaboradores, sendo a maioria especialistas na área da saúde incluindo médicos otorrinolaringologistas, uma otorrino-pediatra, fonoaudiólogos com especialização na área de audiologia com expertise na área de tontura e duas pedagogas que opinaram acerca de adequações semânticas para melhor entendimento das perguntas e respostas. Dessa forma, obtivemos o questionário traduzido e adaptado para o português brasileiro.
MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1855621 - HANNALICE GOTTSCHALCK CAVALCANTI
Externo ao Programa - 1857293 - LUCIANA PIMENTEL FERNANDES DE MELO
Interno - 1162102 - VANESSA VEIS RIBEIRO