PROGRAMA ASSOCIADO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FONOAUDIOLOGIA (PPGFON)

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

Telefone/Ramal
32167831

Notícias


Banca de DEFESA: BIANCA OLIVEIRA ISMAEL DA COSTA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: BIANCA OLIVEIRA ISMAEL DA COSTA
DATA: 15/08/2019
HORA: 14:00
LOCAL: LABORATÓRIO (LIEV)
TÍTULO: AVALIAÇÃO ULTRASSONOGRÁFICA DE MEDIDAS TEMPORAIS DO DESLOCAMENTO DO OSSO HIOIDE DURANTE A DEGLUTIÇÃO APÓS TIREOIDECTOMIA.
PALAVRAS-CHAVES: Palavras-chave: Deglutição; Transtornos de Deglutição; Glândula Tireoide; Ultrassonografia; Osso Hioide.
PÁGINAS: 2
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Fonoaudiologia
RESUMO: RESUMO Introducao: A tireoidectomia pode afetar o tempo de deslocamento do osso hioide (OH) durante a degluticao, o que pode ser investigado por avaliacao ultrassonografica quantitativa. Objetivo: 1) Verificar a aplicabilidade da Ultrassonografia Laringea Transcutanea (USGLT) na avaliacao laringea apos tireoidectomia; 2) Comparar as medidas ultrassonograficas de tempo do deslocamento do OH durante a degluticao entre individuos submetidos e nao submetidos a tireoidectomia, bem como relacionar essas medidas com idade, caracteristicas clinicas e queixa de degluticao e voz. Metodo: O primeiro artigo e uma revisao integrativa da literatura que seguiu os procedimentos metodologicos pertinentes a este tipo de estudo. O segundo artigo e do tipo transversal com grupo comparativo, cuja amostra foi constituida por 20 mulheres submetidas a tireoidectomia (GE) e 20 voluntarias sem doenca tireoidiana (GC). Todas realizaram USGLT durante a degluticao de 10 mililitros de agua e de consistencia pastosa. Os exames foram registrados em video (30 quadros/segundo) e seis medidas temporais foram extraidas e analisadas conforme protocolo padronizado. Utilizou-se o teste nao parametrico de Mann-Whitney e o teste de correlacao de Spearman, ambos com intervalo de confianca de 95%. Resultados: Artigo 1) a USGLT e aplicada na triagem da mobilidade de pregas vocais apos tireoidectomia e ainda e pouco utilizada em estudos sobre degluticao; Artigo 2) os tempos de elevacao e de deslocamento maximo do OH foram significativamente menores no GE em comparacao ao GC na degluticao da consistencia pastosa. Nenhuma outra variavel teve relacao ou correlacao com as medidas ultrassonograficas. Conclusao: 1) a USGLT auxilia a investigar alteracoes da mobilidade de pregas vocais apos tireoidectomia, mas ainda e pouco utilizada em estudos sobre degluticao; 2) mulheres submetidas a tireoidectomia apresentam menor tempo de elevacao e de deslocamento maximo do OH durante a degluticao em comparacao aquelas que nao realizaram cirurgia.
MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1668545 - ANNA ALICE FIGUEIREDO DE ALMEIDA QUEIROZ
Externo à Instituição - ELMA HEITMANN MARES AZEVEDO
Externo à Instituição - HILTON JUSTINO DA SILVA
Presidente - 1803504 - LEANDRO DE ARAUJO PERNAMBUCO
Interno - 2634755 - LEONARDO WANDERLEY LOPES