PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ARQUITETURA E URBANISMO (PPGAU)

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

Telefone:
Não informado

Notícias


Banca de DEFESA: MYLLENA MILIANN SILVA MELO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MYLLENA MILIANN SILVA MELO
DATA: 30/08/2019
HORA: 14:30
LOCAL: Sala Mulmidia DAU
TÍTULO: Notas sobre urbanidade: Um paralelo temporal entre o Centro e o Altiplano
PALAVRAS-CHAVES: Urbanidade; Espaço Livre Público; Centro; Altiplano;
PÁGINAS: 135
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Arquitetura e Urbanismo
SUBÁREA: Fundamentos de Arquitetura e Urbanismo
RESUMO: Esta pesquisa se interessa pelos Espacos Livres Publicos (Elp) dos bairros Centro e Altiplano, na cidade de Joao Pessoa, e busca investigar suas configuracoes espaciais e dinamicas sociais atuais, a luz do conceito de urbanidade. Os ELP constituem-se como palcos que promovem as relacoes da esfera social na esfera espacial, “[congregando] uma infinidade de Dispositivos Tecnicos e Espaciais do Urbano” (TRIGUEIRO, 2012, P.84). Dispostos no meio urbano, os elementos que compoem os ELPs servem aos publicos urbanos, sendo orquestrados pelo conjunto de fabricantes e organizacoes responsaveis por constituir a vida na cidade. Neste sentido, os ELPs sao centrais na discussao sobre urbanidade e sao considerados “instrumentos de urbanidade” (ibidem). Esta tematica tangencia questoes relativas ao ambiente construido da cidade, o qual, impulsionado pela iniciativa privada e por sua logica mercadologica, tem resultado em ambiencias urbanas insuficientemente vivas e pouco apreendidas pelos publicos da cidade. Trata-se de uma producao mercantilista de ELPs essencialmente pautada em empreendimentos que aprofundam a racionalizacao do espaco urbano, tambem parcialmente responsavel pela diluicao do espaco publico. Tais constatacoes impulsionam um campo de investigacoes interessado por medidas e modalidades de acao, capazes de atenuar os efeitos da atual fabricacao urbana. A questao da inseguranca, do sentir-se inseguro, ou ainda as repercussoes destes sentimentos nos padroes de utilizacao dos ELPs tornam-se ainda objeto desta investigacao, uma vez que promovem a desertificacao dos espacos, colaborando para sua segregacao e/ou subutilizacao.
MEMBROS DA BANCA:
Interno - 337195 - DORALICE SATYRO MAIA
Presidente - 1768957 - MARCELE TRIGUEIRO DE ARAUJO MORAIS
Externo ao Programa - 1579686 - MARIANA FIALHO BONATES
Externo à Instituição - MAURO NORMANDO MACEDO BARROS FILHO