PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ARQUITETURA E URBANISMO (PPGAU)

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

Telefone/Ramal
Não informado

Notícias


Banca de DEFESA: MARJORIE MARIA ABREU GOMES DE FARIAS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MARJORIE MARIA ABREU GOMES DE FARIAS
DATA: 23/09/2015
HORA: 09:00
LOCAL: Sala de Multimídia
TÍTULO: A qualidade das calçadas e agentes: um estudo de caso da Av. Pres. Epitácio Pessoa-PB.
PALAVRAS-CHAVES: Palavras-chave: calçadas, qualidade urbana, agentes modeladores.
PÁGINAS: 153
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Arquitetura e Urbanismo
SUBÁREA: Tecnologia de Arquitetura e Urbanismo
RESUMO: A calçada, componente viário de circulação dos pedestres, acolhe as principais atividades do espaço livre público como circular, conversar, trocar informações; é o espaço no qual, geralmente, ocorre o exercicio de convivência coletiva. Ela é um produto da ação de diversos agentes envolvidos na sua produção e reprodução. É um retrato claro de que existem um questionamento sobre sua condição (pública ou privada). Destarte, apesar da legislação vigente, existem alguns problemas que prejudicam a qualidade das calçadas, como a fiscalização que, por vezes, é falha, além do resultado dessa divisão de deveres gerar uma grande variedade de tratamento inclusive apropriações privadas, seja com a complacência ou não do Municipio, desse espaço que é de uso público. Por isso, estudar a qualidade das calçadas contribui para o entendimento e reflexão acerca dos problemas urbanos relacionados diretamente ao movimento de pedestres. Conhecer quem são os agentes que produzem esse espaço, assim como seus papéis na cidade e entender como essa atuação reflete na qualidade das calçadas poderá contribuir para um melhor planejamento, construção e manutenção da cidade por parte dos poderes administrativos. Então, percebendo a relevãncia de um espaço público, dispor de qualidade, esta dissertação trabalha as calçadas da Av. Preso Epitácio Pessoa, João Pessoa - PB. importante corredor viário para a cidade e tem como objetivo principal investigar sua produção da calçadas, considerando as medidas de desempenho de qualidade urbana e os papéis dos principais agentes modeladores. A metodologia aplicada seguiu as seguintes etapas: revisão da literatura, técnica de observação, mapeamento do uso do solo, seleção de trechos representativos, avaliação das medidas de desempenho, entrevistas e questionários com os agentes. Os principais resultados foram o entendimento que a produção das calçadas da Av. Preso Epitácio Pessoa é regida por legislações que não estão totalmente claras e nem coerentes, e consequentemente isso dá margem para o seu não cumprimento o que confunde os cidadãos quanto aos papéis de cada agente, além disso, os conflitos que cercam as calçadas são muito mais do que organizacional, são também de ordem política, social, econômica e simbólica.
MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1644352 - ANGELINA DIAS LEAO COSTA
Interno - 338146 - JOSE AUGUSTO RIBEIRO DA SILVEIRA
Externo à Instituição - LÍVIA IZABEL BEZERRA DE MIRANDA
Interno - 1768957 - MARCELE TRIGUEIRO DE ARAUJO MORAIS